Rta aula 6 - 2010

2,667 views
2,554 views

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,667
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
43
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Rta aula 6 - 2010

  1. 1. REDAÇÃO DE TEXTOS ACADÊMICOS Produção Acadêmica da Pós-Graduação Lato Sensu
  2. 2. A CORREÇÃO DO TEXTO UNIDADE 6
  3. 3. NORMATIZAÇÃO GRAMATICAL <ul><li>Nos textos acadêmicos é exigido o uso culto da língua portuguesa, o qual corresponde à aplicação das regras gramaticais em todos os níveis: ortográfico, morfossintático e lexical. </li></ul>
  4. 4. CRASE <ul><li>É o fenômeno da fusão da preposição “a” com: </li></ul><ul><li>O artigo definido “a”; </li></ul><ul><li>O pronome demonstrativo “a”; </li></ul><ul><li>O “a” inicial dos pronomes demonstrativos “aquele, aquela, aquilo”. </li></ul>REGRA GERAL: Só existe crase antes da palavra feminina, explícita ou implícita.
  5. 5. USOS OBRIGATÓRIOS: 1. Com a palavra “hora”, indicando o momento em que acontece alguma coisa. Ex.: Ele chegou às três horas. 2. Com locuções : ADVERBIAIS : às escondidas, às claras, às escuras, às pressas, à força , à vontade, às vezes, etc. PREPOSITIVAS : à frente de, à espera de, à procura de, à beira de, à custa de , à cata de, etc. CONJUNTIVAS : à medida que, à proporção que.
  6. 6. 3. Com o “a” inicial dos pronomes demonstrativos Ex.: Dirigi-me àquele aluno. 4. Com o pronome demonstrativo “a” Ex.: Eu me refiro à que você trouxe. 5. Com o pronome relativo “a qual” Ex.: A pessoa à qual ofereci o livro é educada.
  7. 7. CASOS FACULTATIVOS: Antes de nome de mulher. Antes de pronome adjetivo possessivo no singular. Depois da preposição “até”.
  8. 8. NÃO OCORRE CRASE: 1. Antes da palavra “casa”, sem determinação alguma. 2. Antes da palavra “distância”, sem especificação. 3. Antes da palavra “terra” em oposição a “bordo”. 4. Em expressões com palavras repetidas. 5. Com “a” singular antes de palavras no plural. 6. Antes de: pronomes pessoais retos, pronomes de tratamento, pronomes indefinidos, verbos, palavras masculinas. 7. Antes de nomes de personagens históricas. EXCEÇÕES: Ocorre crase diante dos seguintes pronomes de tratamento: SENHORA, SENHORITA, MADAME e DONA (quando este último vem precedido de adjetivo).
  9. 9. Reforçando.... 1. Qual das alternativas completa corretamente os espaços vazios? a) E entre o sono e o medo, ouviu como se fosse de verdade o apito de um trem igual _______que ouvira em Minas. b) Habituara-se ________boa vida, tendo de tudo. c) Os adultos são gente crescida que vive sempre dizendo pra gente fazer isso e não fazer __________. a) àquele, aquela, aquilo b) àquele, àquela, àquilo c) àquele, àquela, aquilo d) aquele, àquela, aquilo 2. Nos trechos que seguem há palavras destacadas. Marque: A) para artigo B) para preposição C) para a crase de preposição e artigo 1)O artista teve a paciência de esperar uns instantes. 2) Comecei a mexer com o dedo o gelo dentro do copo. 3) A casa estava num galho alto. 4) João ainda não se aclimatara à ociosidade.
  10. 10. 3.Complete o espaço com a ou à: a) Um deles tinha ido ____ Pérsia e visto o rei desse pais. b) (...) ainda está voando para Brasília, de onde regressará ______ Belo Horizonte. c) Eu, depois de ter chegado _____ Holanda, perdi-me nas ruas de Amsterdã. 4. Relacione as expressões destacadas ao seguinte código: A) crase em locução adverbial feminina B) crase em locução prepositiva C) crase em locução conjuntiva 1. José, nascido à beira do riacho, era muito ágil. 2. A paisagem era triste à tarde. 3. À medida que se vê só, na noite, sente as forças renovarem-se. 5. Justifique a ausência do acento grave indicativo de crase nas orações abaixo: A) A ninguém é lícito ignorar a lei. B) Temos de proceder a uma averiguação. C) Os professores começaram a corrigir.
  11. 11. Envolve uma questão de estilo, e também depende muito dos efeitos de sentido que o autor quer causar no leitor / ouvinte. Existem, no entanto, algumas regras que devem ser obedecidas na linguagem culta. PONTUAÇÃO
  12. 12. EMPREGA-SE A VÍRGULA: 1. Para separar termos da mesma função sintática . Ex.: A sala era enorme, vazia, escura. 2. Para isolar o aposto . Ex.: Júlia, a nova funcionária, chegou tarde novamente. 3. Para isolar o vocativo . Ex.: André, você não vem? 4. Para separar a localidade da data , nos documentos, e o logradouro do número , nos endereços. Exs.: Rio de Janeiro, 18 de março de 2008. Rua Marechal Floriano, 195. 5. Para marcar a supressão do verbo . Ex.: Eu fui de carro e ela, de avião. 6. Para marcar que houve alteração na ordem padrão da frase. Ex.: Os textos e exercícios em power point, certamente, hoje eu vou terminar de elaborar e revisar.
  13. 13. EMPREGA-SE PONTO E VÍRGULA: 1. Para separar internamente períodos longos ou separar partes de um período que já se encontram interiormente separadas por vírgulas. Ex.: A vida para uns é bela, é alegre, só traz felicidade; para outros, um fardo pesado a carregar. 2. Para separar orações coordenadas assindéticas de sentido contrário. Ex.: Cláudio é ótimo chefe; Paulo, ao contrário, é odiado pelos funcionários. 3. Para separar os diversos itens de uma lei, de exposição-de-motivos,etc. Ex.: “Art. 187 – O processo será iniciado: I – por auto de infração; II – por petição do contribuinte; por notificação ou representação verbal ou escrita.”
  14. 14. 1.Antes de uma citação . Ex. Ele disse: “ Não volto mais.” 2. Antes de uma enumeração . Ex.: Pretendo duas coisas: um bom emprego e uma grande família. 3. Antes de uma explicação : Ex.: Quando eu o vi fiquei contente: sabia que me traria boas notícias. 4. Antes de uma complementação : Ex. “O fígado só tem uma ideologia: cuidado com as imitações” 5. Antes de uma conclusão : Ex.: O trabalho não tinha conteúdo: estava muito ruim. 6. Depois dos vocativos dos documentos: Ex.: Senhor Diretor: EMPREGAM-SE DOIS PONTOS:
  15. 15. ORTOGRAFIA USA-SE “S” EM: 1. Nomes relacionados a verbos cujos radicais terminem em -d-,-nd-, -rg-, -rt-, -pel-, -corr-, -sent-. 2. Nos sufixos ês, esa, esia, isa, quando o radical é substantivo, ou em gentílicos e títulos nobiliárquicos. 3. Nos sufixos gregos. 4. Nas formas verbais de PÔR e QUERER. 5. Em diminutivos cujo radical termine com “s”. 6. Em verbos derivados de nomes que contenham “s” no final do radical.
  16. 16. USA-SE “C” OU “Ç”: 1. Em vocábulos de origem árabe. 2. Em vocábulos de origem tupi, africana ou exótica. 3. Nos sufixos: aça, aço, ação, çar, ecer iça, iço, nça, uça, uço. USA-SE “G”: 1. Em palavras de origem latina, grega, ou árabe. 2. Em estrangeirismos aportuguesados que já tem essa letra na língua original. 3. Nos verbos em ger e gir.
  17. 17. USA-SE “J”: 1. Em palavras de origem latina que, na língua originária, eram escritas com i. 2. Em palavras de origem árabe, tupi, africana, ou exótica. 3. Na terminação aje. USA-SE “X”: 1. Em palavras de origem inglesa (sh) e espanhola (j). 2. Depois de ditongo. 3. Depois de “en”.
  18. 18. OBSERVAÇÕES IMPORTANTES: A ortografia é estabelecida pela gramática, em função da história ou do uso da palavra. Apesar das muitas regras, há um grande número de exceções . Por isso, um bom dicionário é sempre a solução na hora da dúvida. O aprendizado da ortografia é extremamente favorecido pela leitura , porque assim é fixada em nossa memória visual a grafia correta de cada palavra.
  19. 19. <ul><li>Trata-se de alterações do verbo para se acomodar ao seu sujeito. </li></ul><ul><li>Regra geral: </li></ul><ul><li>O verbo concorda com o sujeito em pessoa e número. </li></ul><ul><li>Os professores ensinaram a matéria. </li></ul><ul><li>Sujeito composto anteposto: </li></ul><ul><li>A mão de obra e o material subiram de preço. </li></ul><ul><li>Observação: Há três casos em que, mesmo com o sujeito composto anteposto o verbo pode ficar no singular. </li></ul><ul><li>Medo e temor nos acompanha sempre. (termos sinônimos) </li></ul><ul><li>Uma brisa, um vento, o maior furacão não os inquietava. (gradação) </li></ul><ul><li>O horário, o clima, o local, nada nos favorecia. (pronome indefinido – aposto resumitivo). </li></ul><ul><li>Nesse caso, o verbo não ocorre no plural. </li></ul>CONCORDÂNCIA VERBAL
  20. 20. Sujeito composto posposto: O verbo vai para o plural ou concorda com o núcleo mais próximo. Passarão o céu e a terra. Passará o céu e a terra. (concordância atrativa) Sujeito composto de pessoas diferentes: O verbo vai para o plural na pessoa gramatical de número mais baixo. Assim, quando ocorrer: 1ª e 2ª - o verbo vai para a 1ª (nós) 2ª e 3ª - o verbo vai para a 2ª (vós) 1ª e 3ª - o verbo vai para a 1ª (nós) Eu, tu e ele sairemos agora.
  21. 21. Na indicação de horas (normalmente o número de horas é o sujeito ) Deu uma hora . Deram duas horas . O relógio deu duas horas. Sujeito formado por nomes próprios que só têm plural: Vassouras fica no Estado do Rio. Os Andes percorrem a América do Sul. Os Sertões glorificou nossa literatura. (Livro) Os Sertões glorificaram nossa literatura. (Título) Sujeito constituído pelo pronome relativo que: Fui eu que prometi. Foste tu que prometeste. Foram eles que prometeram. Verbos dar, bater e soar:
  22. 22. Sujeito constituído pelo pronome relativo quem: Fui eu quem falou. Fui eu quem falei. Núcleos ligados por ou: Pedro ou Paulo será eleito papa. Matemática ou Física exigem um raciocínio bem formado. Verbos impessoais: Haverá duas provas este semestre. Fará invernos rigorosos. Costuma haver casos mais significativos. Deverá fazer umas cinco horas de seu casamento.
  23. 23. Reforçando... 1.Nas frases que seguem, o sujeito vem destacado. Preencha o espaço em branco com uma das formas verbais sugeridas, observando as normas de concordância. a) A família de minha tia _________se na casa vizinha. (alojou-alojaram) b)__________se há alguns anos aqueles dois confidentes . (casou-casaram) c)________de imensa angústia esses meus primeiros dias no Rio de Janeiro. (foi-foram) d) Na casa da rua Sete _________ algumas visitas . (aparecia-apareciam) e) Leite, metrô e telefone _________ mais em abril. (custa-custam) 2. Justifique tais concordâncias: Um ano, uma década, um século de escravidão não bastou para enfraquecer a resistência daquele povo. Os desastres ecológicos, a escassez de alimentos, as pressões sociais, nada parece autorizar um prognóstico otimista para o ano 2000. Joaquim ou Antônio casará com Maria. O fanatismo ou a impiedade rompem às vezes as normas do bom senso.
  24. 24. 3. Preencha os espaços vazios com uma das formas verbais sugeridas, observando as normas de concordância. a) ___________ melhores ocasiões para nos encontrarmos.(haverá, haverão) b) ___________dias límpidos nesse inverno. (fez, fizeram) c) Os prognósticos indicam que ________eleições em novembro. (poderá haver, poderão haver) d) Já _________mais de três anos que não a vejo. (deve fazer, devem fazer) e) Não __________noites tão frias desde 1998. (tinha feito, tinham feito)
  25. 25. O adjetivo e as palavras adjetivas (artigo, numeral, pronome adjetivo) concordam em gênero e número com o nome a que se referem. Esta observação curta desfaz o equívoco . Um só adjetivo qualificando mais de um substantivo a) Quando vem posposto aos substantivos: Tratava-se de vaidade e orgulho excessivos. Tratava-se de vaidade e orgulho excessivo. A vaidade e o orgulho são companheiros. (predicativo do sujeito) b) Quando vem anteposto aos substantivos, concorda, por norma, com o elemento mais próximo: Era dotado de extraordinária coragem e talento. Estava deserta a vila, a casa e o templo. (predicativo do sujeito) Estavam desertos a vila, a casa e o templo . (predicativo do sujeito) CONCORDÂNCIA NOMINAL Regra geral
  26. 26. Um só substantivo e mais de um adjetivo a) o substantivo fica no singular e repete-se o artigo antes de cada adjetivo: O produto conquistou o mercado europeu e o americano. b) o substantivo vai para o plural e não se repete o artigo antes de cada adjetivo: O produto conquistou os mercados europeu e americano. É proibido entrada (verbo ser mais um adjetivo) É necessário organização. É necessária a organização.
  27. 27. Bastante / bastantes Falaram bastante do assunto. (verbo) (adjetivo) Suas opiniões são bastante discutíveis. (substantivo) Há bastantes razões para confiarmos em você. (substantivo) Venceram as melhores propostas. Estão, nesse caso, palavras como pouco, muito, barato, caro, meio.
  28. 28. Seguem anexas as listas de preços. Seguem anexos os planos de aula. Em anexo (invariável) Em anexo, seguem as listas de preços. Muito obrigado, disse ele. Muito obrigada, disse ela. São também adjetivas as seguintes palavras: Anexo-anexa / obrigado-obrigada Leso - Crime de lesa-pátria. Próprio - Elas próprias fizeram o trabalho. Mesmo - Elas mesmas falaram. Quite - Estamos quites. Incluso - Estão inclusas as despesas com o funcionário.
  29. 29. São sempre invariáveis: Alerta Menos Pseudo Só-sós / a sós Só eles não concordaram. (= somente) Eles saíram sós. (= sozinhos) Gostaria de ficar a sós por uns momentos.
  30. 30. Reforçando... 1. Justifique a concordância dos termos destacados nas frases que seguem: a) Pareciam informados a mãe, o pai e os outros filhos. b) É proibido conversas no recinto. 2. Nas frases que seguem, preencha o espaço em branco com a palavra que ocorre entre parênteses, fazendo a concordância exigida pela estrutura: a) João abriu os olhos _______ fechados e foi direto para o casamento. (meio) b) A carteira era _______ velha ela não ligou muito.(meio) c) Não temos razões _______para impugnar sua candidatura. (bastante) d) Estavam _______ preocupados com a situação. (bastante) e) A melancolia da paisagem está em nós _________. (mesmo) f) A conversa era longa, mas cada um prestava atenção às ________ palavras. (próprio)
  31. 31. 3. Preencha as lacunas em branco com a palavra que ocorre entre parênteses, fazendo a concordância exigida pela estrutura: a) Muito _______ (obrigado), disse ela. Vocês procederam _______ (certo), considerando meu ponto de vista e minha argumentação ________ (sensato). b) Vai _______(incluso) à carta minha fotografia. Essas pessoas cometeram crime de _______ patriotismo (leso). Elas _________(mesmo) não quiseram colaborar.

×