Técnico em Segurança do Trabalho - Senac São Paulo

2,536,405 views
2,826,227 views

Published on

O objetivo do curso é formar profissionais responsáveis pela prevenção de acidentes do trabalho, em cumprimento à legislação pertinente à saúde e segurança dos trabalhadores, integrantes dos Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho – SESMT, atuando em empresas públicas e privadas, órgãos públicos, que possuam empregados regidos pela Consolidação das Leis Trabalhistas - CLT e também como prestador de serviços nas empresas em geral.

(Carga horária mínima: 1.200)

Para mais informações, acesse http://j.mp/rt2nBH

0 Comments
12 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,536,405
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2,387,629
Actions
Shares
0
Downloads
369
Comments
0
Likes
12
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Técnico em Segurança do Trabalho - Senac São Paulo

  1. 1. Técnico em Cursos Técnicos - Senac São Paulo Segurança do Trabalho
  2. 2. Técnico em Segurança do Trabalho O Técnico em Segurança do Trabalho participa de projetos de educação do trabalhador, incluindo, especialmente, os programas de prevenção de risco à segurança e saúde, controle de perdas humanas e perdas por danos à patrimônio e ao meio ambiente. Para atender às necessidades inerentes à sua função, o Técnico em Segurança do Trabalho deve mobilizar e articular com pertinência os saberes necessários à ação eficiente e eficaz, integrando suporte científico, tecnológico e valorativo.
  3. 3. O Técnico em Segurança do Trabalho é o profissional responsável pela prevenção de acidentes do trabalho das empresas, integrante do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho – SESMT, atuando em empresas públicas e privadas ou em órgãos oficiais e também como prestador de serviços nas empresas em geral. Por ser uma profissão regulamentada, só poderá exercê-la quem possuir o diploma de Técnico em Segurança do Trabalho, que dá direito ao registro profissional junto ao Ministério do Trabalho e Emprego – MTE. Mercado de Trabalho
  4. 4. O curso é destinado para pessoas que desejam atuar na área de Segurança e Saúde do Trabalhador. Para matrícula no curso, o candidato deve, no mínimo, estar cursando a 2ª série do ensino médio. Público alvo e pré-requisitos
  5. 5. O curso privilegia a prática de estudo de casos, problemas, pesquisas em diferentes fontes, contato com empresas e especialistas da área, apresentação de seminários, visitas técnicas, relatórios técnicos, trabalho de campo e simulações de contextos. As situações de aprendizagem previstas para cada Unidade Curricular têm como eixo condutor um projeto a ser desenvolvido no decorrer do curso, considerando contextos similares aos encontrados nas condições reais de trabalho e que estimulam a participação ativa dos alunos na busca de soluções para os desafios que dele emergem. Metodologia
  6. 6. A organização curricular deste curso está estruturada em doze unidades curriculares, conforme segue: UC1: Auxiliar a elaboração, implantação e implementação da Política de Saúde e Segurança do trabalho. Carga horária: 84 horas UC2: Realizar avaliação e medidas de controle de riscos físicos, químicos e biológicos. Carga horária:108 horas UC3: Realizar avaliação e medidas de controle de riscos ergonômicos e de acidentes. Carga horária:108 horas UC4: Monitorar riscos ocupacionais. Carga horária: 96 horas UC5: Executar ações de investigação, registro e controle de incidentes, acidentes de trabalho e doenças ocupacionais. Carga horária: 108 horas UC6: Auxiliar e executar ações de elaboração dos programas de saúde e segurança do trabalho. Carga horária: 108 horas UC7: Auxiliar na implantação e implementação dos programas de saúde e segurança do trabalho. Carga horária: 96 horas Organização Curricular
  7. 7. A organização curricular deste curso está estruturada em doze unidades curriculares, conforme segue: UC8: Prestar assistência de primeiros socorros. Carga horária: 36 horas UC9: Auxiliar a elaboração, implantação e implementação de planos de emergência/urgência. Carga horária: 96 horas UC10: Planejar ações educativas em saúde e segurança do trabalho. Carga horária: 84 horas UC11: Executar ações educativas em saúde e segurança do trabalho. Carga horária: 108 horas UC12: Auxiliar a Gestão Integrada da Organização. Carga horária: 108 horas UC13: Projeto Integrador Técnico em Segurança do Trabalho. Carga horária: 60 horas TOTAL: 1200 horas Organização Curricular
  8. 8. Àquele que concluir com aprovação todas as unidades curriculares que compõem a organização curricular desta habilitação técnica de nível médio, e comprovar a conclusão do Ensino Médio, será conferido o diploma de Técnico em Segurança do Trabalho com validade nacional. Certificação
  9. 9. Informações e inscrições Unidades ofertantes no 0800 883 2000 http://www.sp.senac.br/cursostecnicoshttp://www.sp.senac.br/cursostecnicos Senac São Paulo
  10. 10. Informações e inscrições Unidades ofertantes no 0800 883 2000 http://www.sp.senac.br/cursostecnicoshttp://www.sp.senac.br/cursostecnicos Senac São Paulo

×