• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Manual do candidato supletivo 2012.2 ensino médio
 

Manual do candidato supletivo 2012.2 ensino médio

on

  • 3,788 views

 

Statistics

Views

Total Views
3,788
Views on SlideShare
3,615
Embed Views
173

Actions

Likes
0
Downloads
3
Comments
0

3 Embeds 173

http://segundacoordenadoriaal.blogspot.com.br 164
http://segundacoordenadoriaal.blogspot.com 6
http://www.segundacoordenadoriaal.blogspot.com.br 3

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Manual do candidato supletivo 2012.2 ensino médio Manual do candidato supletivo 2012.2 ensino médio Document Transcript

    • ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO E DO ESPORTE SUPERINTENDENCIA DE GESTÃO DO SISTEMA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO DIRETORIA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO GERÊNCIA DE ORIENTAÇÃO, NORMATIZAÇÃO E INSPEÇÃO ESCOLAR EXAMES SUPLETIVOS – 2012.2 MANUAL DO CANDIDATO(A) PALAVRA DO SECRETÁRIO A política pública de educação de jovens e adultos do estado de Alagoas se materializa em diversasações, dentre as quais destaco a realização dos Exames Supletivos. Esta ação acontece sobre acoordenação da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte com base na Lei de Diretrizes e Bases daEducação Nacional de nº 9394/96 (art. 38) e da Resolução Estadual de Educação de Jovens e Adultos de nº18/2002 do Conselho Estadual de Educação de Alagoas (art. 16 a 21). Os Exames Supletivos possibilitam a você, cidadão (a), a oportunidade de concluir seus estudosreferentes à Educação Básica – para uns o ensino fundamental, outros o ensino médio, que ao mesmo tempopossibilitará a conquista do certificado de conclusão desta etapa escolar com validade em todo territórionacional. Esta avaliação visa qualificar os saberes dos (as) trabalhadores (as), de autodidatas e de todo homeme mulher que individual e socialmente se integram, conhecimentos escolares e do mundo do trabalho, sendomais um instrumento de aferição de competências e habilidades. Para você, candidato (a), sucesso nestacaminhada! Adriano Soares da Costa Secretário de Estado da Educação e do Esporte de Alagoas Maceió, 2012.
    • ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO E DO ESPORTE Edital nº 011 / 2012 Publicado no Diário Oficial do Estado de Alagoas, nº 170, sexta-feira - 21/09/2012, pág. 40 - 45. EXAMES SUPLETIVOS – 2012.2O Estado de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte, torna público que estãoabertas as inscrições para os Exames Supletivos – 2012.2, conforme art. 38 da Lei Federal nº 9.394/96 (Lei deDiretrizes e Bases da Educação Nacional - LDBEN) e arts. 16 a 21 da Resolução Estadual nº 18/2002 do ConselhoEstadual de Educação/AL, destinados àqueles(as) que não tiveram a oportunidade de concluir os estudosreferentes as Etapas da EDUCAÇÃO BÁSICA: Ensino Fundamental e Ensino Médio. CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Seção I Da IntroduçãoArt. 1º - Fica estabelecido, na forma deste Edital, a sistemática para a realização dos Exames Supletivos do EnsinoFundamental e Ensino Médio, no exercício de 2012.2, como procedimento de avaliação do desempenho escolar eacadêmico dos participantes, para aferir o desenvolvimento das competências e habilidades fundamentais aoexercício da cidadania. Seção II Dos ObjetivosArt. 2º - Constituem objetivos dos Exames Supletivos:I - oferecer uma referência para que cada cidadão(ã) possa proceder à sua auto-avaliação com vistas às suasescolhas futuras, tanto em relação ao mundo do trabalho quanto em relação à continuidade de estudos;II - estruturar uma avaliação, ao final de cada etapa da educação básica, que sirva como modalidade alternativa oucomplementar aos processos de seleção nos diferentes setores do mundo do trabalho;III - estruturar uma avaliação, ao final de cada etapa da educação básica, que sirva como modalidade alternativaou complementar aos exames de acesso aos cursos profissionalizantes, pós-médios e à Educação Superior;IV - possibilitar a participação e criar condições de acesso aos programas governamentais;V - promover a certificação de jovens e adultos para a conclusão do Ensino Fundamental e Ensino Médio nostermos do artigo 38, §§ 1º e 2º da Lei Federal nº 9.394/96 - Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional(LDBEN);VI - promover avaliação do desempenho acadêmico dos(as) estudantes ingressantes nas Instituições de EducaçãoSuperior. Seção III Da ParticipaçãoArt. 3º - A participação nos Exames Supletivos é de caráter voluntária e gratuita, a ele podendo submeter-se,mediante inscrição, candidatos para o Ensino Fundamental e os egressos desta etapa de ensino em qualquer desuas modalidades para o Ensino Médio e todos(as) cidadãos(ãs) que, no período de inscrição, tenha no mínimo 15(quinze) anos completos para o Ensino Fundamental e 18 (dezoito) anos completos para o Ensino Médio.§ 1º - A participação nos Exames Supletivos poderá suprir a certificação de conclusão das etapas de EnsinoFundamental e Ensino Médio.§ 2º - Todos(as) os(as) candidatos(as) devem estar cientes de que as informações prestadas são exatas efidedignas, sob pena de responder por crime contra a fé pública e de ser eliminado dos Exames Supletivos 2012.2.§ 3º - A emancipação legal não confere suprimento de idade para inscrição do(a) CANDIDATO/A nesta edição dosExames Supletivos 2012.2. CAPÍTULO II DAS INSCRIÇÕES Seção I Das Normas GeraisArt. 4º - As inscrições acontecerão, impreterivelmente, em Polos de Inscrição, de cada Coordenadoria Regional deEducação – CRE, conforme relação contida no art. 14 deste Edital e o período de realização das mesmas será: DE24 DE SETEMBRO A 11 DE OUTUBRO 2012, no horário de 08 h às 14h. Não haverá prorrogação deste prazo.Art. 5º - Poderão inscrever-se aos Exames Supletivos de Educação Básica:
    • § 1º - Jovens e adultos que não concluíram a Educação Básica e desejam prosseguir os estudos ou necessitamcomprovar a conclusão do Ensino Fundamental ou Ensino Médio, desde que apresentem a idade mínima exigida:I - para o Ensino Fundamental, 15 (quinze) anos completos até o período de inscrição dos exames; eII - para o Ensino Médio, 18 (dezoito) anos completos até o período de inscrição dos exames.§ 2º - Jovens e adultos que não tiveram acesso à escola ou nela não puderam permanecer até a conclusão doEnsino Fundamental e/ou Ensino Médio, com interrupção da continuidade da sua escolarização regular no tempoadequado (Resolução Estadual nº 18/2002 do CEE/AL, art. 2º).§ 3º - Poderão ser aceitas inscrições aos Exames Supletivos, em disciplinas isoladas, de estudantes concluintes da8º série/9º ano do Ensino Fundamental e do 3º ano do Ensino Médio, quando estes tenham sido reprovados emcomponentes curriculares que correspondam até no máximo de 35% (trinta e cinco por cento) da carga horáriacursada na última série/ano do Ensino Fundamental ou do Ensino Médio, realizada de forma regular e presencialsegundo o caso, conforme sua organização curricular. Nesses casos, a declaração dos resultados dos Examesserá emitida pela Secretaria de Estado da Educação e do Esporte e será anexada à documentação escolar do(a)estudante em sua unidade de ensino de origem, para compor sua avaliação de rendimento escolar, cabendo àescola emitir o certificado final de conclusão do Ensino Fundamental ou do Ensino Médio, conforme a suaorganização curricular (Resolução Estadual nº 18/2002 do CEE/AL, art. 17, § 3º).§ 4º - Para a inscrição nos Exames Supletivos, deverão ser apresentados os seguintes documentos pessoais:I - documento original e cópia, para fins de autenticação do Cadastro de Pessoa Física (CPF);II - documento de identificação original com fotografia e cópia, para fins de autenticação (cédulas de identidadeexpedidas pelas Secretarias de Segurança Pública, Forças Armadas, Polícia Militar e Polícia Federal; cédulas deidentidade para estrangeiros, expedidas pelo Ministério das Relações Exteriores; cédulas de identidade fornecidaspor ordens ou conselhos de classes que, por Lei, valham como documento de identidade; Carteira de Trabalho ePrevidência Social, bem como a Carteira Nacional de Habilitação com fotografia, na forma da Lei nº 9.503, de1997);III - comprovação de conclusão do Ensino Fundamental ou declaração parcial de exames supletivos para os/ascandidato /as aos Exames Supletivos de Ensino Médio original e cópia, para fins de autenticação; eIV - comprovante de residência original e cópia, para fins de autenticação.§ 5º - Não serão aceitos como documentos de identificação: protocolos, Certidão de Nascimento, Certidão deCasamento, Título Eleitoral, Carteira Nacional de Habilitação em modelo anterior à Lei nº 9.503/97, Carteira deEstudante, crachás e identidade funcional de natureza pública ou privada, documentos ilegíveis, não-identificáveise/ou danificados, bem como, cópia autenticada ou não, de qualquer dos documentos arrolados neste parágrafo.§ 6º - Para inscrever-se aos Exames Supletivos de Ensino Fundamental pela primeira vez, o(a) candidato(a)deverá apresentar somente os documentos pessoais e comprovante de residência.§ 7º - Para a inscrição aos Exames Supletivos de Ensino Médio ter validade, o(a) candidato(a), inscrito(a) pelaprimeira vez, deverá comprovar a conclusão do Ensino Fundamental na modalidade convencional ou namodalidade de Educação de Jovens e Adultos ou via Exames Supletivos, apresentando documento comprobatóriono ato da inscrição, bem como os documentos pessoais e comprovante de residência.§ 8º - Para a inscrição aos Exames Supletivos de Ensino Fundamental ou Ensino Médio, em disciplinas isoladas,ter validade o(a) candidato(a) deverá apresentar documento comprobatório (Declaração Parcial de ExamesSupletivos) no ato da inscrição ou estar ciente das disciplinas que faltam para a conclusão da etapa de ensino noqual se inscreveu, bem como os documentos pessoais e comprovante de residência.§ 9º - O(A) candidato(a) não responderá disciplina diferente da declarada no ato da inscrição.§ 10 - A inscrição será indeferida se o(a) candidato(a) apresentar documento falso, adulterado, ilegível ou quandoda ausência de comprovação de conclusão do Ensino Fundamental para os candidatos aos Exames Supletivos deEnsino Médio.§ 11 - As inscrições dar-se-ão em formulário próprio, conforme modelo do Anexo I e II, inclusive para candidatosem regime carcerário ou socioeducativo, no respectivo Presídio ou em Unidade Socioeducativa, no mesmoperíodo, sob a responsabilidade de funcionários designados para este fim.§ 12 - Informações complementares, o Edital e o Manual dos Candidatos, contendo as normas que regerão oExame Supletivo – 2012.2 estarão disponíveis no seguinte endereço eletrônico: www.educacao.al.gov.br, bemcomo nos Polos de Inscrição das Coordenadorias Regionais de Educação – CREs, sendo de fundamentalimportância sua leitura pelo candidato.Art. 6º - Ao(A) candidato(a) que não concluiu a disciplina de língua portuguesa no Ensino Médio, até a primeiraetapa de 2004, e no Ensino Fundamental, até a segunda etapa de 2004, será obrigatório inscrever-se em línguaportuguesa e submeter-se à prova de redação, de acordo com o Parecer nº 177/2004 do Conselho Estadual deEducação de Alagoas.Art. 7º - O/A candidato(a) não poderá, em hipótese alguma, participar da realização das provas de etapas deensino diferentes de sua opção, feita no ato da inscrição dos Exames Supletivos – 2012.2.Art. 8º - É vetada a participação, nos Exames Supletivos – 2012.2, de pessoas com grau escolar concluído ousuperior ao que se possa declarar e não será permitida a mudança do município de opção do candidato informadono ato da inscrição.Parágrafo Único. Em nenhuma hipótese será permitida a inscrição condicional ou fora do prazo estabelecido nesteEdital.Art. 9º - Em cada local de inscrição terá um responsável por esta ação, o qual será o servidor que terá acesso aoSistema Eletrônico de Inscrição através de senha pessoal e intransferível.
    • Seção II Dos(as) Candidatos(as) com Necessidades EspeciaisArt. 10 - As inscrições para as pessoas com necessidades especiais serão realizadas nos Polos de Inscriçãoconforme relação contida no art. 14 deste Edital.§ 1º - Aos(As) candidatos(as) com deficiência visual ou mental será oferecido auxílio de um ledor/transcritor ouprova ampliada, conforme a deficiência.§ 2º - Aos(As) candidatos(as) com deficiência física ou com dificuldade de locomoção serão oferecidas salas defácil acesso.§ 3º - Aos(As) candidatos(as) com deficiência auditiva será oferecido auxílio de um interprete da língua brasileirade sinais (LIBRAS).Art. 11 – O(A) candidato(a) com necessidades especiais deverá informar no ato de sua inscrição, o atendimentodiferenciado ou específico de que necessitará nos dias das provas de acordo com as opções apresentadas.Art. 12 - A solicitação de atendimento não declarada no ato de inscrição, será analisada e atendida segundo oscritérios de viabilidade e de razoabilidade pela Coordenação Local dos Exames Supletivos 2012.2. Seção III Do atendimento as pessoas privadas de liberdade e jovens sob medida socioeducativaArt. 13 – Só poderão inscrever-se os(as) detentos(as) e/ou interno(as), em presídios e/ou penitenciárias e nasunidades socioeducativas localizados nas cidades de Maceió e Arapiraca e que possuem salas de aulasfuncionais. Será oferecida inscrição nos locais prisionais ou socioeducativo em que se encontram por funcionáriosdesignados pela 5ª e 14ª Coordenadoria Regional de Educação a qual pertence e/ou pela Unidade Prisional ouSocioeducativo.§ 1º - É obrigatório informar o Número de Registro no Sistema Penitenciário de Alagoas no campo próprio da fichade inscrição.§ 2º - Os/As responsáveis pelas inscrições nas Unidades Prisionais ou Socioeducativas indicarão o local onde osparticipantes privados de liberdade irão realizar as provas.§ 3º - A SEE se reserva no direito de não aplicação dessa edição dos Exames Supletivos 2012.2 nas UnidadesPrisionais ou Socioeducativas, onde não houver condições logísticas e de segurança para aplicação das provas. Seção IV Locais de InscriçãoArt. 14 – Os Polos para a realização das inscrições serão nos seguintes endereços: Município Endereço Telefone MACEIÓ Rua Melo Moraes, 426 – Centro – Sede da 1ª CRE 3315-1204 / 1450 MACEIÓ Rua Epaminondas Gracindo, 238 – Pajuçara – Sede da 13ª CRE 3315-2795 / 3926 / 3928 MACEIÓ Rua Oldemburgo da Silva Paranhos, 341 – Farol (antiga Rua 3315-4776 / 4787 Goias) – Sede da 14ª CRE MACEIÓ Av. Fernandes Lima, s/n – Farol 3315-1416 / 1417 / 1420 Administração Geral do CEPA - Sede da 15ª CRE SÃO MIGUEL DOS Escola Estadual ANA LINS 3271-1291 / 1351 / 1534 CAMPOS Rua Senador Máximo, 130 – Centro (CRE) PALMEIRA DOS Escola Estadual GRACILIANO RAMOS 3421-6579 / 2501 (CRE) ÍNDIOS Rua 15 de novembro, s/n - São Cristovão VIÇOSA Rua Clodoaldo da Fonseca, s/n – Centro – Sede da 4ª CRE 3283-1641 ARAPIRACA Rua João Ribeiro Lima, s/n – Centro - Sede da 5ª CRE 3522-1729 (CRE) SANTANA DO Av. Dr. Arsênio Moreira, 480 – Monumento – Sede da 6ª CRE 3621-1348 / 3927 IPANEMA UNIÃO DOS Av. Monsenhor Clóvis Duarte de Barros, 489 – Centro 3281-2562 / 1225 PALMARES Sede da 7ª CRE PÃO DE AÇÚCAR Avenida Bráulio Cavalcante, 362 - Centro - Sede da 8ª CRE 3624-1863 (CRE) PENEDO Praça Clementino Dumont, 379 – Centro – Sede da 9ª CRE 3551-2545 / 2322 PORTO CALVO Escola Estadual GUEDES DE MIRANDA 3292-1882 / 1449 / 1862 / Rua Dr. Miguel Omena, s/n – Centro 1629 (CRE) DELMIRO Escola Estadual LUIZ AUGUSTO AZEVEDO DE MENEZES 3641-5159 / 3686-1936 GOUVEIA Rua Nascimento Bandeira, 215 - Centro (CRE) RIO LARGO Av. Getulio Vargas, 140 – Centro – Sede da 12ª CRE 3261-5435 Seção V Inscrição por Procuração
    • Art. 15 - SERÁ PERMITIDO INSCRIÇÃO, RECEBIMENTO OU CORREÇÃO DE CARTÃO DE INSCRIÇÃO PORMEIO DE PROCURAÇÃO PÚBLICA ou PARTICULAR, com firma reconhecida, devendo o instrumento procuratóriooutorgar poderes específicos para a realização dos atos referidos neste item.§ 1º - O(A) candidato(a) menor poderá efetuar sua inscrição por intermédio do seu legítimo representante ouresponsável legal, quando sua inscrição for para o Ensino Fundamental.§ 2º - Os pais (pai ou mãe), avós, filhos(as), irmãos(ãs) e cônjuge poderão fazer a inscrição de candidatosmediante apresentação de comprovante de parentesco e documento de identidade próprio, original, devendoassinar no espaço próprio do comprovante de inscrição. CAPÍTULO III DA DISPONIBILIZAÇÃO DOS CARTÕESArt. 16 - Os cartões de inscrição estarão disponíveis para correção no período DE 22 DE OUTUBRO A 05 DENOVEMBRO DE 2012, nos Polos de Inscrições, no horário de 8h às 14h, ou no seguinte endereço eletrônico:www.educacao.al.gov.br, com o Manual do(a) Candidato(a). Não haverá prorrogação deste prazo.Art. 17 - O cartão de inscrição é um documento indispensável para que o(a) candidato(a) se submeta às provas.Nele constará o dia, a hora e o local onde o(a) candidato(a) deverá prestar os exames.§ 1º - O(A) candidato(a) que não retirar o seu cartão de inscrição no prazo estipulado para este fim, não teráacesso às provas.§ 2º - Para a retirada do cartão, nos Polos de Inscrições o(a) candidato(a) deverá apresentar o comprovante dainscrição aos exames supletivos e documento de identificação com foto com o qual se inscreveu.§ 3º - O(A) candidato(a) é responsável pela conferência de seus dados pessoais, em especial seu nome completo,o número do seu documento de identificação, do seu CPF, disciplinas e etapas de escolaridade.§ 4º - Havendo dados para correção, o(a) candidato(a) deverá dirigir-se ao Polo de Inscrição respectivo com asobservações necessárias para correção.§ 5º - Os(As) candidatos(as) solicitarão nos Polos de Inscrição a correção dos cartões até o dia 05 de novembro,no horário de 08h às 14h.§ 6º - OS CARTÕES COM AS CORREÇÕES SOLICITADAS PELO(A) CANDIDATO(A) estarão disponíveis noperíodo DE 22 DE OUTUBRO A 24 DE NOVEMBRO DE 2012, no local das inscrições, no horário de 8h às 14h ouno seguinte endereço eletrônico: www.educacao.al.gov.br, podendo ser impresso até o dia das provas por todosos inscritos. CAPÍTULO IV DO MANUAL DO(A) CANDIDATO(A)Art. 18 - Todos os inscritos, cujas inscrições tenham sido confirmadas, poderão acessar o Manual do(a)Candidato(a), no seguinte endereço eletrônico: www.educacao.al.gov.br, que contém as informações gerais sobreos Exames Supletivos – 2012.2, as competências a serem avaliadas e os critérios de avaliação de desempenhodos participantes. CAPÍTULO V DA ORGANIZAÇÃO DAS PROVAS / DISCIPLINAS / DIA / HORÁRIO.Art. 19 - As provas serão organizadas em CADERNOS por Etapa de Escolaridade:§ 1º - Para a comunidade:I - ENSINO FUNDAMENTAL: CADERNOS PROVAS DIA HORÁRIO 01 Língua Portuguesa e Redação 24/11/12 18h às 20h 02 Matemática / Artes / História 25/11/12 8h às 11h 03 Inglês / Ciências / Geografia 25/11/12 14h às 17hII - ENSINO MÉDIO: CADERNOS PROVAS DIA HORÁRIO 01 Língua Portuguesa e Redação 24/11/12 18h às 20h 02 Matemática / Artes / História / Física / Fundamentos Sociofilosóficos 25/11/12 8h às 11h 03 Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol) / Química / Biologia / Geografia 25/11/12 14h às 17h§ 2º - Para os candidatos com necessidade de ledor:I - ENSINO FUNDAMENTAL: CADERNOS PROVAS DIA HORÁRIO 01 Língua Portuguesa e Redação 24/11/12 18h às 21h 02 Matemática / Artes / História 25/11/12 8h às 12h 03 Inglês / Ciências / Geografia 25/11/12 14h às 18hII - ENSINO MÉDIO
    • CADERNOS PROVAS DIA HORÁRIO 01 Língua Portuguesa e Redação 24/11/12 18h às 21h 02 Matemática / Artes / História / Física / Fundamentos Sociofilosóficos 25/11/12 8h às 12h 03 Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol) / Química / Biologia / Geografia 25/11/12 14h às 18h§ 3º - Para as pessoas privadas de liberdade e jovens sob medida socioeducativa:I - ENSINO FUNDAMENTAL: CADERNOS PROVAS DIA HORÁRIO 01 Língua Portuguesa e Redação 26/11/12 13h às 15h 02 Matemática / Artes / História 27/11/12 13h às 16h 03 Inglês / Ciências / Geografia 28/11/12 13h às 16hII - ENSINO MÉDIO CADERNOS PROVAS DIA HORÁRIO 01 Língua Portuguesa e Redação 26/11/12 13h às 15h 02 Matemática / Artes / História / Física / Fundamentos Sociofilosóficos 27/11/12 13h às 16h 03 Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol) / Química / Biologia / Geografia 28/11/12 13h às 16h§ 4º - Todos(as) os(as) candidatos(as) inscritos(as) na prova de Língua Portuguesa, Ensino Fundamental e EnsinoMédio, OBRIGATORIAMENTE, deverão submeter-se à parte de redação, que será realizada no mesmo dia ehorário da prova objetiva.§ 5º - As provas dos Exames Supletivos de Educação Básica – 2012.2 serão realizadas, simultaneamente, em todoo Estado, nos dias 24 e 25 DE NOVEMBRO DE 2012, exceto nos Presídios, Penitenciárias e/ou nas UnidadesSocioeducativas, localizados nas cidades de Maceió e Arapiraca, sob a coordenação e a responsabilidade daSecretaria de Estado da Educação e do Esporte e das Coordenadorias Regionais de Educação.§ 6º - As provas dos(as) candidatos(as) privadas de liberdade e jovens sob medida socioeducativa nas UnidadesPrisional ou Socioeducativo localizadas nas cidades de Maceió e Arapiraca, sob a coordenação e aresponsabilidade da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte e das Coordenadorias Regionais deEducação, serão realizadas nos dias 26 a 28 DE NOVEMBRO 2012, em local apropriado para a sua aplicação nointerior dos respectivos Presídios e/ou Penitenciárias e nas Unidades Socioeducativas, cabendo à autoridaderesponsável pelo estabelecimento garantir as condições de segurança para os aplicadores.§ 7º - Nos dias de realização das provas, o/a fiscal de sala deverá expor a hora de início e término, bem comofaltando 30 minutos para a conclusão da hora final e anunciar o tempo que resta.§ 8º - O(A) candidato(a) deverá comparecer ao local designado para a prova Escrita / Objetiva, com antecedênciade 60 (sessenta) minutos do horário fixado no Cartão de Inscrição e aferido segundo a hora oficial no Estado deAlagoas, munido de caneta esferográfica de material transparente e de tinta preta ou azul, cartão de inscrição edocumento original com foto (cédulas de identidade expedidas pelas Secretarias de Segurança Pública, ForçasArmadas, Polícia Militar e Polícia Federal; cédulas de identidade para estrangeiros, expedidas pelo Ministério dasRelações Exteriores; cédulas de identidade fornecidas por ordens ou conselhos de classes que, por Lei, valhamcomo documento de identidade; Carteira de Trabalho e Previdência Social, bem como a Carteira Nacional deHabilitação com fotografia, na forma da Lei nº 9.503, de 1997). OS(AS) CANDIDATOS(AS) NÃO TERÃO ACESSOAOS LOCAIS DE PROVAS SEM OS DOCUMENTOS ACIMA MENCIONADOS.§ 9º - Aos(As) candidatos(as) com deficiência auditiva será oferecido auxílio de um intérprete da Língua Brasileirade Sinais (LIBRAS).§ 10 - Aos(As) candidatos(as) com deficiência física ou com dificuldade de locomoção serão oferecidas salas defácil acesso.§ 11 - Aos(As) candidatos(as) com deficiência visual ou mental será oferecido auxílio de um ledor/transcritor e serápermitido ao/a candidato/a o uso do seu reglet para as assinaturas necessárias.§ 12 - Aos(As) candidatos(as) incapazes de efetuar a marcação do cartão-resposta, será oferecido auxílio paratranscrição da prova objetiva e da prova de redação.§ 13 - Aos(As) candidatos(as) com necessidades educacionais especiais, que necessite de ledor, será garantidotempo dilatório de uma hora.§ 14 - Aos(As) candidatos(as) com baixa visão será oferecido provas com fonte ampliada em tamanho 48.Art. 20 - São de responsabilidade única de todos(as) os(as) candidatos(as) a leitura e conferência de seus dadosregistrados nos cartões-resposta, na folha de redação, na lista de presença e nos demais documentos dos ExamesSupletivos 2012.2. CAPÍTULO VI DA AVALIAÇÃOArt. 21 - As provas de Língua Portuguesa do Ensino Fundamental e do Ensino Médio serão constituídas de:I - 20 (vinte) questões objetivas sobre o uso da língua, literatura brasileira e interpretação de textos, valendo 5(cinco) pontos cada questão, eII - uma redação, valendo 100 (cem) pontos.
    • § 1º - A Prova de Redação só será corrigida se o(a) candidato(a) obtiver, no mínimo, 50% (cinquenta por cento) deacertos nas questões objetivas de Língua Portuguesa, equivalendo a nota mínima de 50 (cinquenta pontos),obtidos por meio do acerto de 10 (dez) questões.§ 2º - Será aprovado(a) na prova de língua portuguesa o(a) candidato(a) que obtiver no mínimo 50% (cinquenta porcento) de pontos das questões objetivas e 50% (cinquenta por cento) de pontos na prova de redação.§ 3º - A nota final da prova de língua portuguesa será a média aritmética das questões objetivas e de redação.§ 4º - A nota final da prova de língua portuguesa para o candidato(a) que se enquadra no § 1º será apenas a obtidana prova objetiva, sendo neste caso considerado como reprovado em Língua Portuguesa.§ 5º – Na prova de redação, o candidato(a) deverá discorrer sobre um tema da atualidade, contido no Caderno deQuestões de Língua Portuguesa, que o(a) permitirá demonstrar conhecimentos gerais, interpretação, compreensãoe escrita, em, no mínimo, oito linhas e o texto poderá ser dissertativo ou narrativo ou descritivo.§ 6º – A redação receberá nota 0(zero) se apresentar uma das características a seguir:6. fuga total ao tema;7. texto com até 7 (sete) linhas;8. textos em que haja a intenção clara do autor de anular a redação (palavrões, desrespeito aos direitos humanos, riscos ou desenhos não acompanhados de textos, etc.);9. folha oficial de redação em branco, mesmo que tenha sido escrita no rascunho;10. texto totalmente ilegível, ou escrito a lápis, ou texto em outra língua que não seja a portuguesa.§ 7º - O(A) candidato (a) que obtiver menos de 50% (cinquenta por cento) de acertos, tanto na prova objetiva comona prova de redação, será automaticamente considerado(a) reprovado(a) na disciplina de Língua Portuguesa.Art. 22 - Em cada prova das demais disciplinas do Ensino Fundamental e do Ensino Médio constará 20 (vinte)questões onde cada questão valerá 5 (cinco) pontos.Art. 23 - Será aprovado(a) o(a) candidato(a) que obtiver pontuação igual ou superior a 50 (cinquenta) pontos emcada disciplina.Art. 24 - O resultado final das provas será divulgado no Diário Oficial do Estado, nas Coordenadorias Regionais deEducação, nos Presídios e Unidades Socioeducativo e no seguinte endereço eletrônico: www.educacao.al.gov.br.Art. 25 - O gabarito das Provas será divulgado nos murais das Coordenadorias Regionais de Educação e noseguinte endereço eletrônico: www.educacao.al.gov.br, até 72 (setenta e duas) horas após a realização das provasnos Presídios e/ou Penitenciárias e Unidades Socioeducativo.Art. 26 - O(A) candidato(a) que desejar interpor recursos contra os gabaritos oficiais das provas dos ExamesSupletivos 2012.2 disporá de até três dias úteis, a partir da data de sua divulgação, no horário das 8h às 14hdevendo dar entrada no Setor de Protocolo, situado na Administração Central da Secretaria de Estado daEducação e do Esporte de Alagoas, e deverá utilizar os modelos denominados: “Capa de Recursos” e “Justificativade Recursos”, conforme Anexo III.Art. 27 - O Resultado dos Recursos com o Gabarito Final será divulgado no dia 07 de DEZEMBRO DE 2012 nosmurais das Coordenadorias Regionais de Educação e no endereço eletrônico: www.educacao.al.gov.br.Art. 28 - O Resultado Final com a listagem dos participantes e suas respectivas notas por disciplina será publicadano endereço eletrônico: www.educacao.al.gov.br até o dia 20 DE DEZEMBRO DE 2012.Art. 29 - O(A) candidato(a) que for reprovado(a) poderá inscrever-se novamente nas disciplinas em que não obtiverpontos suficientes para aprovação até a conclusão do Ensino Fundamental ou do Ensino Médio. CAPÍTULO VII DA CERTIFICAÇÃOArt. 30 - Ao(a) candidato(a) que for sendo aprovado(a) em disciplinas isoladas será fornecida Declaração deAprovação Parcial, expedida pelo Núcleo Regional de Gestão da Rede Estadual de Ensino das CoordenadoriasRegionais de Educação que o(a) candidato(a) inscreveu-se e realizou as provas.Art. 31 - O Certificado de Conclusão do Ensino Fundamental e/ou do Ensino Médio será expedido pelo NúcleoRegional de Gestão da Rede Estadual de Ensino das Coordenadorias Regionais de Educação que o(a)candidato(a) fez a inscrição e realizou as provas quando obtiver aprovação em todas as disciplinas.Art. 32 - Para a expedição do Certificado de Conclusão do Ensino Médio, é obrigatória a apresentação dodocumento de conclusão do Ensino Fundamental, caso isto não ocorra, o candidato mesmo aprovado nas provasdos exames supletivos do ensino médio não receberá o certificado desta etapa de ensino.Art. 33 - O Núcleo Regional de Gestão da Rede Estadual de Ensino das Coordenadorias Regionais de Educaçãoresponsável pela Certificação dos Exames Supletivos da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte, terá umprazo máximo de 30 (trinta) dias para emissão dos certificados requeridos.Art. 34 - Os certificados de conclusão do Ensino Fundamental e Ensino Médio dos Exames Supletivos, deverão serautenticados pelo Núcleo Regional de Gestão do Sistema Estadual de Educação/Unidade Regional de Apoio aoDesenvolvimento da Educação/Inspeção Escolar de cada Coordenadoria Regional de Educação.Art. 35 - Não haverá correspondências entre os Exames Supletivos e o ENEM, e as notas obtidas no ENEM serãodestinadas exclusivamente para a certificação do Ensino Médio na sua totalidade, não substituindo parcialmentenotas referentes às disciplinas, que o candidato tenha pendente quando da realização dos Exames Supletivos daSecretaria de Estado da Educação e do Esporte de Alagoas.
    • Art. 36 - Não haverá correspondências entre os Exames Supletivos e o ENCCEJA, e as notas obtidas noENCCEJA não substituirão parcial ou total as notas referentes às disciplinas que o(a) candidato(a) tenha pendentequando da realização dos Exames Supletivos da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte de Alagoas. CAPÍTULO VIII DAS DISPOSIÇÕES GERAISArt. 37 - Os portões das escolas serão abertos 01(uma) hora antes do início das provas e fechados,impreterivelmente, no horário estabelecido para o início das mesmas.Art. 38 - Não será permitido o uso de lápis grafite para preenchimento do Cartão-Resposta da prova objetiva ou daredação, devendo ser utilizada caneta esferográfica de material transparente e de tinta azul ou preta.Art. 39 - O(A) candidato(a) só poderá ausentar-se do local de realização das provas uma hora e vinte minutos apósseu início.Art. 40 - Não será permitido aos (as) candidatos (as) o uso de bonés, chapéus ou qualquer vestuário similar,celular, máquina de calcular, walkman, mp3 ou outros aparelhos eletrônicos.Art. 41 - O(A) candidato(a) não poderá realizar qualquer espécie de consulta ou comunicação com os(as)outros(as) candidatos(as) durante o período das provas.Art. 42 - O(A) candidato(a) não poderá portar armas de qualquer espécie, mesmo com documento de posse.Art. 43 - É proibido ao(a) candidato(a) o recebimento de quaisquer informações referentes ao conteúdo das provasde qualquer membro da equipe de aplicação dos Exames.Art. 44 - Não será permito ao(à) candidato(a), durante a realização dos Exames, fazer anotações relativas às suasrespostas em quaisquer meios não permitidos.Art. 45 - Somente será permitido o ingresso no local de realização das provas dos(as) candidatos(as) aos examessupletivos e das pessoas envolvidas na aplicação das provas.Art. 46 - O(A) candidato(a) não poderá sair do local da prova portando o caderno de questões, em hipótesealguma, em qualquer horário de realização das provas.Art. 47 - O(A) candidato(a) não poderá permanecer nas dependências da Escola após o término de sua prova.Art. 48 - O(a) candidato(a) que deixar de cumprir qualquer uma das exigências legais, contidas neste EDITAL, seráeliminado dos Exames.Art. 49 - A ausência do(a) candidato(a) no local, data e horário de realização das provas acarretará em suaeliminação dos Exames Supletivos – 2012.2.Art. 50 - Caso o(a) candidato(a) esteja impossibilitado(a) de apresentar, no dia da realização das provas,documento de identificação original ou cópia devidamente autenticada, por motivo de extravio, perda, furto ouroubo, poderá fazer a prova, desde que apresente Boletim de Ocorrência expedido em órgão policial, com prazomáximo de trinta dias do ocorrido.Art. 51 - O(A) candidato(a) com documento de identidade e CPF e sem cartão de inscrição, por motivo de perda ouroubo, poderá fazer as provas desde que o(a) Coordenador(a) Local dos Exames Supletivos confirme por meio deassinatura o recebimento do referido cartão.Art. 52 - RECOMENDAMOS AOS(AS) CANDIDATOS(AS) QUE, APÓS CADA ETAPA DOS EXAMES, SOLICITEUMA DECLARAÇÃO PARCIAL DE SUAS NOTAS na Coordenadoria Regional de Educação que o (a) candidato(a) inscreveu-se e realizou as provas.Art. 53 - Os casos omissos serão resolvidos pela Coordenação dos Exames Supletivos da Secretaria de Estado daEducação e do Esporte.SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO E DO ESPORTE, em Maceió(AL), 20 de setembro de 2012. ADRIANO SOARES DA COSTA Secretario de Estado da Educação e do Esporte
    • ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO E DO ESPORTE PROGRAMAS DAS PROVAS DOS EXAMES SUPLETIVOS DE EDUCAÇÃO BÁSICA 2012.2 ENSINO MÉDIO MATEMÁTICA HABILIDADES CONTEÚDOS 1. Reconhecer e classificar os conjuntos numéricos. Conjuntos numéricosa) Efetuar operações fundamentais com números naturais, inteiros, racionais, irracionais e reais. 2. Identificar e definir funções de 1° e 2° graus e função exponencial: Funções: a) Ler, analisar e interpretar os gráficos dessas questões. a) 1° grau b) Resolver problemas envolvendo equações e inequações de 1° e 2° graus e b) 2° grau exponencial. c) exponencial d) logarítmica 3. Identificar e conceituar progressões aritméticas e geométricas. Progressão aritmética e progressãoa) Expressar e calcular o termo geral e determinar a soma dos termos de uma PA geométrica. e de uma PG;b) Resolver problemas que envolvam PA e PG. 4. Representar e interpretar uma tabela de números como uma matriz, Matrizes e determinantes identificando seus elementos. a) Identificar e definir os tipos de matrizes. b) Realizar operações de adição, subtração e multiplicação envolvendo matrizes. c) Calcular o determinante de uma matriz de ordem 2 e de ordem 3. 5. Resolver sistemas de equações lineares de ordem 2 e de ordem 3. Sistemas de equações lineares. a) Classificar sistema lineares quanto ao número de soluções. b) Resolver situações problemas através de sistemas de equações lineares. 6. Identificar e classificar polígonos. Calcular área e perímetro de polígonos. 1. Geometria plana: a) Definir círculos e circunferência. a) Polígonos b) Determinar a área do circulo e o comprimento da circunferência. b) Círculos c) Resolver problemas envolvendo polígonos, círculos e circunferência. c) Circunferência. 7. Utilizar as relações trigonométricas na relação de problemas. 1. Trigonometria a) Expressar a medida de um ângulo em graus e medianos. a) Relações b) Converter de grau para mediano e de radiano para grau a medida de um b) Razões trigonométricas no triangulo ângulo. retângulo. c) Resolver problemas. 8. Calcular porcentagens em situações – problema: 1. Porcentagem a) Calcular aumentar de salários, preços, dentre outros, aplicando as noções 2. Juros Simples de porcentagem na solução de situações- problema. Analisar o aumento ou desconto que um produto sofra dentre de um determinado período: a) Aplicar juros simples e um capital ao termino de determinada período. FÍSICA HABILIDADES CONTEÚDOS 1. Reconhecer, classificar e resolver situações problemas com Medidas de uma grandeza. medidas. Sistema Internacional de Unidade (SI). Unidades de comprimento, massa, tempo e comprimento. 2. Conceituar e resolver situações, problemas da cinemática. Conceitos básicos: Movimento. Repousa Referencial Espaço Deslocamento Trajetória Intervalo de tempo Velocidade Aceleração Movimento Uniforme (UM) Movimento Uniforme Variado (MUV) 3. Identificar e resolver situações, problemas que envolvem a Leis de Newton e suas aplicações; dinâmica com as leis de Newton. Força, peso, força de atrito;
    • Trabalho, energia e potência; Conservação da energia.4. Classificar termologia. Temperatura, calor e equilíbrio; a) Identificar os tipos de dilatações; Termômetros e escalas termométricas b) Interpretar gráficos e tabelas relativas a termologia. Dilatação térmica dos sólidos e líquidos; Quantidade de calor, calor específico e capacidade térmica.5. Conceituar e identificar a óptica geométrica. Principais fundamentos; a) Resolver situações, problemas com refração e difração. Reflexão. Refração.6. Caracterizar a eletrostática. Carga elétrica e lei de Coulomb; a) Conceituar a lei de Coulomb. Condutores e isolantes; Campo elétrico.7. Conceituar eletrodinâmica. Corrente elétrica a) Reconhecer a lei de OHM Resistência Lei de OHM8. Interpretar e caracterizar o eletromagnetismo, mediante os Característica do imã materiais. Pólos de um imã.QUÍMICA HABILIDADES CONTEÚDOS1. Conceituar, classificar substâncias e misturas e seus respectivos Substâncias químicas e misturas. processos de obtenção e purificação.2. Identificar os estados físicos da matéria. Propriedades da matéria. a) Diferenciar substâncias e mistura; Estados físicos da matéria: gases, líquidos e b) Interpretar gráficos e tabelas relativas às propriedades físicas da sólidos; Propriedades físicas: densidade, ponto de matéria; fusão, ponto de ebulição e sensibilidade. c) Identificar os processos de separação de substâncias baseando-se nas propriedades físicas da matéria.3. Caracterizar os modelos de Dalton, Thompson, Rutherford e Rutherford- Estrutura da matéria. Bohr e estabelecer relações entre eles. Modelos atômicos a) Distribuir os elétrons em camadas e em sub-níveis de energia. Distribuição eletrônica de átomos eletricamente nêutrons e íons.4. Identificar as partículas fundamentais do átomo. Partículas fundamentais do átomo: I) Calcular: Prótons; a) Número de prótons, elétrons e nêutrons; Elétrons; b) Número atômico e massa atômica. Nêutrons. II) Conceituar átomos isótopos, isóbaros e isótonos.5. Conceituar elemento químico e representar segundo a IUPAC cada átomo Nomenclatura e representação dos elementos e seu respectivo número atômico e massa atômica. químicos.6. Classificar os elementos químicos em grupos e períodos com base na Classificação periódica dos elementos químicos e distribuição eletrônica. as propriedades periódicas. Reconhecer que os elementos químicos estão agrupados do modo que se possa prever a variação de suas propriedades nos grupos e períodos (raio atômico, potencial de ionização, eletronegatividade, eletropositividade).7. Reconhecer que as ligações químicas se estabelecem pela união dos 1. Ligações Químicas. átomos por meio da interação dos elétrons da camada de valência e I) Tipos de ligações: representá-las através dos modelos de Lewis, fórmula estrutural e a) Iônica molecular. b) Covalente Prever o tipo de ligação formada a partir da distribuição eletrônica dos c) Covalente dativa átomos ligantes e de suas posições na tabela. d) Ligação metálica Compreender as ligações iônicas e covalentes pela teoria do octeto. 2. Polaridade das ligações Associar as interações de hidrogênio (pontes de hidrogênio), a interação 3. Número de oxidação dipolo – dipolo e as forças de Van der Waals aos estados físicos e propriedades das substâncias.8. Diferenciar fenômenos físicos e químicos. 1. Reações químicas. a) Reconhecer que toda reação química ocorre com a conservação de a) Transformações químicas e físicas; massa, obedecendo a uma proporção definida entre as quantidades de b) Leis ponderais (Lavosier e Proust); reagentes e/ou produtos. c) Representação de reações químicas e b) Representar reações químicas por meio de equações químicas. balanceamento de equações químicas; c) Balancear equações químicas. Identificar os tipos de reações químicas d) Classificação das reações químicas; a partir da analise e equações químicas (síntese, decomposição, e) Cálculos estequiométricos. simples troca e dupla troca). d) Estabelecer relações quantitativas entre as grandezas massa e molécula.9. Nomear e escrever as fórmulas químicas dos principais ácidos, bases, sais 1. Função inorgânica. e óxidos. a) Ácidos bases, sais e óxidos: a) Representar por meio de equações químicas as reações de b) Definição segundo Arrhenius, neutralização de ácidos e bases. nomenclatura, formulação e classificação. b) Identificar e relacionar o estudo das funções inorgânicas em alguns c) Reações de ácidos e bases. processos ambientais e biológicos (chuva ácida, respiração, digestão, etc.).10. Identificar soluto e solvente. Soluções e unidades de concentração. I) Conceituar solução, concentração e unidades de concentração. II) Efetuar cálculos sobre unidade de concentração de:
    • a) Solução b) Diluição de soluções c) Mistura de solução: em grama por litro, mol por litro, título em massa, título em volume.11. Classificar os processos físicos e químicos quanto à energia absolvida ou Termoquímica liberada. a) Calcular a variação de eutalpia de uma reação, a partir das eutapias padrão de formação, energias de ligação e lei de Hess.12. Reconhecer as funções orgânicas. 1. Funções orgânicas. a) Nomear as substâncias orgânicas de acordo com a IUPAC. a) Hidrocarboneto; b) Identificar e classificar os tipos de reações orgânicas. b) Haletos; c) Álcool; d) Éter; e) Fenol; f) Aldeído; g) Cetona; h) Ácido carboxílico; i) Aminas e amidas.BIOLOGIA HABILIDADES CONTEÚDOS1. Identificar e classificar os seres vivos. 1. Nomenclatura e classificação. a) Moneras; b) Protista; c) Fungos; d) Vegetais; e) Animais; f) Vírus; g) Bactérias; h) Metazoários.2. Compreender a teoria celular e os 1. Teoria celular. processos celulares e suas 2. Células procariontes e eucariontes. tecnologias. 3. Composição química. 4. Reprodução celular (mitose e meiose).3. Conceituar e classificar o processo de 1. Reprodução assexuada. reprodução e o seu desenvolvimento. a) Reprodução sexuada (fecundação externa, interna / reprodução dos vegetais superiores / reprodução humana) b) Aparelho reprodutor masculino e aparelho reprodutor feminino.4. Identificar a importância da Principais fases embrionárias. embriogênese para todos os grupos dos seres vivos.5. Identificar e compreender os sistemas 1. Funções e Sistemas: e suas funções. a) Digestório: nutrição e digestão; b) Circulatório: circulação e transporte; c) Respiratório: respiração e fotossíntese; d) Urinário; e) Endócrino: coordenação hormonal; f) Nervoso: coordenação nervosa.6. Identificar e compreender anomalias 1. Síndrome de Down;numéricas dos cromossomos sexuais. 2. Síndrome de tuner; 3. Síndrome de Klinefelter.7. Compreender e interpretar e resolver 1. Conceitos básicos; situações problema através da 2. Monoibridismo simples; genética. 3. 1ª lei de Mendhel; 4. Polialelia - grupos sanguíneos; 5. Ausência de dominância; 6. Gens letais.8. Utilizar elementos e conhecimentos 1. Ecologia; científicos e tecnológicos para 2. Cadeia e teia alimentar; diagnosticar e equacionar questões 3. Ecossistema; sociais e ambientais. Programa de saúde: vitaminas, doenças nutricionais, doenças epidêmicas, saúde física, mental e social.GEOGRAFIA HABILIDADES CONTEÚDOS 1. Identificar os principais problemas ambientais. 1. Erosão a) Desmatamento 2. Aquecimento global. 2. Interpretar e analisar a organização do espaço 1. Formação do território e a divisão política administrativa: brasileiro. 2. As atividades econômicas; 3. Mineração; 4. Fonte de energia; 5. A dinâmica populacional; 6. A urbanização;
    • 3. Classificar e conceituar as paisagens naturais. 1. Clima, vegetação, hidrografia, relevo, geografia do Brasil. 4. Reconhecer a organização do espaço mundial. Nova ordem mundial e as redefinições no mapa-múndi. 5. Identificar e compreender as regiões geo- 1. Formação dos blocos econômicos. econômicas mundiais. 2. A indústria e a globalização 3. Energia e numeração. 4. As regiões geoeconômicas mundiais. 6. Identificar a população mundial. 1. A dinâmica do crescimento demográfico. 2. Setores de atividades econômicas. 3. Movimentos populacionais 4. A urbanização. 7. Analisar e classificar os setores de atividades 1. As atividades econômicas econômicas. 2. Indústria 3. A grande concentração industrial. 4. A distribuição da atividade industrial nas regiões brasileiras. 5. Mineração 6. Fontes de energia 7. Agropecuária 8. A dinâmica populacional 9. Urbanização. 10. Comércio interno 11. Comércio externo. 8. Analisar as causas dos problemas ambiental no 1. Questões Ambientais: planeta Terra. a) Poluição ambiental, b) Inversão Térmica, c) Efeito Estufa, d) Chuvas ácidas e) Poluição dos solos, f) Poluição das águas, g) DesmatamentoLÍNGUA PORTUGUESA HABILIDADES CONTEÚDOS 1. Compreender textos que utilizam as diversas 1. Discurso direto e indireto; linguagem verbal e não-verbal; níveis de formas e níveis de linguagens. linguagem: formal e informal; funções da linguagem. 2. Reconhecer o tema de que trata o texto. 1. Gêneros discursivos: a) Textos literários (poesia e prosa), letras de músicas, anúncios publicitários; b) Textos científicos e didáticos; c) Textos jornalísticos (editorial, noticias, artigo de opinião, carta de leitor, quadrinhos, charges, e textos de autores alagoanos). 3. Associar o texto aos acontecimentos da vida 1. Interpretação de textos; Significado de palavras e expressões; cotidiana e posicionar-se diante das ideias defendidas pelo autor. 4. Perceber o posicionamento do autor ao 1. Figuras de linguagem; Significado de palavras e expressões; selecionar os recursos da língua para a construção do texto. 5. Identificar, na leitura, elementos que estruturam 1. Elementos estruturais do texto argumentativo (temas objetivos do autor, o texto. objetivo do autor, argumento, contra-argumento, conclusão). 2. Elementos estruturais do texto narrativo (narrador, conflito, personagens, tempo e espaço). 6. Identificar e classificar a estrutura e formação 1. Elementos que articulava as ideias no texto: das palavras no texto. Substantivo; a) Artigo; b) Adjetivo; c) Pronome; d) Verbo; e) Advérbio; f) Preposição; g) Conjunção. 7. Compreender os efeitos e aspectos fonológicos 1. Classificação dos fonemas: e gráficos na organização do sentido de um a) Encontros vocálicos; texto. b) Encontros consonantais; c) Dígrafo; 2. *Regras de acentuação: a) Crase; b) Pontuação; c) O uso do: por que / porque / porquê / por quê d) mau , mal , há, a , onde , aonde. 8. Reconhecer e identificar as manifestações 1. Barroco. literárias no Brasil. a) Autor: Gregório de Matos Guerra; 2. Arcadismo. a) Características; b) O grupo mineiro; 3. Romantismo no Brasil. a) Características;
    • b) Autores românticos brasileiros: Gonçalves Dias, Álvares Azevedo, Castro Alves, José de Alencar, Olavo Bilac e Raimundo Correia. 4. Realismo: a) Naturalismo b) Parnasianismo; 5. Simbolismo: a) Características: b) Principais escritores: Machado de Assis, Aluísio de Azevedo, Raul Pompéia, Cruze Souza e Alphosus Guimarães. 6. Pré-modernismo e modernismo a) Características b) Principais escritores da 1ª e 2ª geração do modernismo: Mario de Andrade, Oswald de Andrade, Manoel Bandeira e Graciliano Ramos. c) Poetas, Cronistas e Romancistas contemporâneos, tendo como principais representantes os seguintes escritores: Cecília Meireles, Jorge Eduardo, Rachel de Queiroz, Ferreira Goulart, Fernando Sabino, Miltôr Fernandes, João Cabral de Melo Neto, José Lins do Rego, Ariano Suassuna. 7. O teatro contemporâneo e a TV brasileira. 8. O folclore moderno / folclore alagoano 9. Literatura alagoana: Graciliano Ramos, Jorge de Lima, Arriete Vilela. 9. Redigir texto dissertativo, Expressando 1. Textos dissertativos: liberdade de opinião e defendendo sua posição. a) Redação - dissertaçãoHISTÓRIA HABILIDADES CONTEÚDOS1. Identificar a origem das civilizações Civilizações orientais: características políticas, sociais, econômicos e culturais.2. Identificar as características do mundo medieval e O feudalismo: sistema econômico, social e político; moderno. Formação dos estados modernos; O renascimento As reformas religiosas O desenvolvimento comercial e colonização da América. A revolução comercial e colonização da América.3. Estabelecer as relações comerciais das grandes As grandes navegações Espanha e Portugal navegações4. Compreender a colonização do Brasil O Brasil pré-colonial A colonização do Brasil O sistema comercial mercantilista5. Associar a sociedade e a política do Brasil colônia Senhores de engenho, índios e africanos: a formação do povo brasileiro; Guerras e revoluções do Brasil colonial; A guerra contra os holandeses; O quilombo dos palmares; A guerra dos mascates A guerra dos emboabas.6. Identificar a Europa moderna e a consolidação do As monarquias absolutas; capitalismo. O iluminismo e as idéias liberais; A revolução francesa A revolução industrial.7. Estabelecer as relações da crise do sistema colonial- Tiradentes e a conjuração mineira; mercantilista e a independência política do Brasil. A conjuração baiana A vinda da família real ao país; A revolução de 1817 A emancipação política.8. Caracterizar os reinados do período regencial A constituição de 1824; A confederação do equador; As revoltas do período regencial: cabanagem; Farroupilha e Praieira. As origens da industrialização no Brasil; Os imigrantes e o trabalho livre; Políticas liberais X conservadores; A influência da Inglaterra na economia brasileira.9. Identificar e compreender a importância dos O movimento operário do séc. XIX. movimentos revolucionários. As doutrinas do socialismo utópico; O anarquismo; Karl Marx e o socialismo.10. Caracterizar os anos 60 no mundo. A guerra do Vietnã Os hippies A revolução dos estudantes11. Reconhecer as características do Brasil na A república populista democratização – a ditadura militar. Os governos de Dutra, Vargas, Café filho, J.K e Jânio Quadros; João Goulart e as reformas de base; O golpe de 1964 O regime militar.12. Identificar acontecimento da redemocratização do Brasil A abertura política e a anistia dos exilados;
    • e a república nova. A campanha dos direitos; O governo de Sarney; Collor: a abertura da economia ao capital internacional; Itamar e o plano real; FHC e as privatizações de estatais;13. Atualizar-se no contexto atual do mundo. As guerras do Irã, do Iraque e do Líbano O fim do bloco socialista A queda do muro de Berlim O fim do aparthaid África do Sul. A globalização da economia e o neo-libarlismo;14. Conhecer a história de Alagoas Historia de Alagoas Os grupos indígenas do Estado de Alagoas: Xucurus – Cariri - CaetésARTES HABILIDADES CONTEÚDOS 1. Compreender as relações entre a leitura da .Definição de Arte realidade, por meio da reflexão e investigação do .Linguagens artísticas: Artes Visuais, Música, Dança, Teatro processo artístico; .Definição de Cultura .Grupos produtores de cultura. .Dança: Elementos formais: movimento corporal tempo, espaço; .Danças populares e folclóricas; .Música: .Elementos da música: ritmo, melodia e harmonia. .Gêneros musicais: Erudito e Popular/Folclórico; .MPB (música popular brasileira) .Instrumentos Musicais: materiais, técnicas e usos; .Compositores e interpretes da música alagoana. .Influências Indígenas, Africanas e Europeias. 2. Reconhecer os materiais e procedimentos usados Teatro: no contexto da cultura e na produção da arte; .Origem. .Elementos Essenciais: luz, cenário, figurino, adereço, sonoplastia; .Tipos de teatro da cultura alagoana; .Elementos da Linguagem Visual: ponto, linha, superfície, volume, luz, cor, textura e suas interrelações; . Formas regulares e irregulares; formas geométricas; 3. Respeitar e preservar as diversas manifestações de Patrimônio Cultural Material e Imaterial; Bens Culturais móveis e arte – em suas múltiplas funções – utilizadas por imóveis. diferentes grupos sociais e étnicos, interagindo com o Manifestações artísticas populares e teatrais por meio das tradições: patrimônio nacional e internacional. Folguedos populares; Influências da Arte portuguesa, africana e indígena na arte brasileira. Manifestações artísticas contemporâneas.LÍNGUA ESTRANGEIRA MODERNA HABILIDADES - INGLÊS CONTEÚDOS Localizar e extrair informações específicas do texto, Leitura e interpretação de textos. conforme os objetivos de leitura. Empregar as regras que instruem a formação do verbo TO Verbo to be: presente e passado simples – Afirmativa, negativa, BE no presente e no passado, nas formas afirmativa, interrogativa negativa e interrogativa. Reconhecer as particularidades de uso do verbo there to Verbo there to be (there was, there were) – Afirmativa, negativa, be, empregando-o na forma passada. interrogativa Empregar corretamente os números cardinais de 1 a 100, Números cardinais (1 – 100) expressando quantidade. Empregar os pronomes possessivos, usando-os Pronomes Possessivos (adjetivos e pronomes) corretamente antes dos substantives ou no lugar deles. Aplicar adequadamente as estruturas do Presente Simples Presente Simples – Afirmativa, negativa, interrogativa e advérbios e as variações na formação dos verbos na 3ª pessoa, bem de frequência como seus advérbios de frequência. Utilizar adequadamente a formação e uso dos verbos Simple past: (verbos regulares e irregulares) – Afirmativa, negativa, regulares e irregulares no Passado Simples, nas formas interrogativa afirmativa, negativa e interrogativa. Passado contínuo (verbo to be no passado + verbo principal + ing): Afirmativa, negativa, interrogativa e formas contraídas Empregar corretamente a formação do futuro simples em Futuro simples (Will + verbo principal) – Afirmativa, negativa, diferentes contextos comunicativos. interrogativa e forma contraída Demonstrar conhecimento sobre o emprego e uso de Going to – Futuro (verbo to be + going to + verbo principal) – verbos no futuro com a expressão be + going to. Afirmativa, negativa, interrogativa Empregar adequadamente a formação, sentido e uso do Presente Perfeito – Afirmativa, negativa, interrogativa Present Perfec tense, comparando o uso desse tempo em contraste com o Passado Simples. Empregar corretamente a formação dos graus de Comparações de adjetivos (ver adjetivos sugeridos no vocabulário): comparação dos adjetivos: grau comparativo e superlativo comparativo e superlativo de superioridade, nas formas sintéticas e analítica. Aplicar corretamente os diferentes usos dos verbos Verbos can /could para expressar capacidade ( I can...; I could. ..):
    • modais CAN/COULD. Afirmativa, negativa, interrogativa Usar corretamente as expressões HOW MUCH e WHOSE Palavras interrogativas: how much (how much is it?); whose em frases interrogativas para indicar preço, fazendo uso (whose umbrella is this?) dos números cardinais, e indicar posse, respectivamente. Mostrar conhecimento sobre o emprego e a função Vocabulário: verbos no passado e particípio passado (relacionar o comunicativa dos verbos no Simple Past e Past Participle, verbo ao seu significado); objetos (umbrella, glasses, jacket, bem como mostrar compreensão de vocabulário referente handbag, ball, tennis racket, camera, cell phone, cap, purse, tie, a objetos e adjetivos. socks, tennis shoes, shoes, watch, hat); adjetivos (big, small, fat, thin, tall, short, hot, cold, easy, difficult, old, new) HABILIDADES: ESPANHOL CONTEÚDOS 1. Identificar os substantivos nos textos. 1. Substantivos: a) Comuns; b) Próprios. 2. Utilizar às horas, dias da semana e os 1. Os días de la semana; meses do ano nas orações. 2. los meses del año; 3. Horas. 3. Identificar o grau de parentesco 1. Grau de parentesco: conforme o enunciado. a) Tia, tio; b) Pai, mãe; 1. Irmão, irmã; 2. Avó, avo. 4. Identificar às silabas tônicas das 1. Tonicidade: palavras. a) Palavras agudas e oxítonas; a) Palavras graves – IIanas o paroxítonas; b) Palabras esdrújulas o proparoxítonas. 5. Identificar e escrever as formas de 1. Formas de cortesia. cortesia. a) Para agradecer; b) Para pedir permisión; c) Para pedir desculpas; d) Para pedir un favor o algo. 7. Identificar os pronomes. 1. Pronomes; a) Pronomes personales; b) Pronomes posesivos; c) Pronomes demonstrativos. 8. Identificar os verbos conforme o 1. Verbos auxiliares enunciado. a) Haber; b) Ser; c) Estar. 2. Verbos regulares a) 1ª Conjugación; b) 2ª Conjugación; c) 3ª Conjugación. 9. Utilizar os pronomes conforme o 1. Pronomes; enunciado. a) Relativos; a) Interrogativos (exclamativos); b) Indefinidos.FUNDAMENTOS SOCIO-FILOSÓFICOS HABILIDADES CONTEUDOS 1. Compreender o surgir de filosofia. O que é filosofia Mito Origem da filosofia Mito contemporâneo2. Identificar e analisar o pensamento filosófico Senso comum Senso científico3. Conceituar e Identificar o sujeito moral Dimensões da liberdade Liberdade e determinismo Individualismo contemporâneo.Identificar nos textos a massificação dos comportamentos na sociedade Textos informativos, literários e contemporâneos.contemporânea. Democracia grega Democracia contemporânea. Cidadania (direitos e deveres) Ética e saúde (bioética): aborto; eutanásia; clonagem; homossexualismo, violência urbana. Ecologia.5. Compreender, avaliar, identificar e conceituar as diferentes 1. Manifestações culturais:manifestações culturais de etnias e segmentos sociais agindo de modo a) Cultura erudita e popular.a preservar o direito. O direito a diversidade que supera conflitos e b) Ideologia.tensões do mundo atual.
    • ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO E DO ESPORTE Governador do Estado de Alagoas Teotônio Brandão Vilela Filho Vice-Governador do Estado de Alagoas José Thomaz da Silva Nonô Netto Secretário de Estado da Educação e do Esporte Adriano Soares da Costa Secretária de Estado Adjunta da Educação Josicleide Maria Pereira de Moura Secretária de Estado Adjunta do Esporte Vânia Quintela Lopes Fernandes Superintendente de Políticas Educacionais Maria Valéria de Barros LimaSuperintendente de Gestão do Sistema Estadual de Educação Maria do Carmo Custódio de Melo Silveira Superintendente de Gestão da Rede Estadual de Ensino Isabel Cristina de Sena Diretoria de Apoio ao Desenvolvimento da Educação Nilze Régia Moreira Cavalcante Equipe Técnica José Rubens Silva Lima Maria de Fátima da Silva Nezilda do Nascimento Silva Pauferro Wagma Régia Moraes Cavalcante