Fascículo 4 - Série: Desempenho - PADI - Ações de Desenvolvimento
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Fascículo 4 - Série: Desempenho - PADI - Ações de Desenvolvimento

on

  • 323 views

Quarto fascículo da Série Desempenho, PADI - Ações de Desenvolvimento

Quarto fascículo da Série Desempenho, PADI - Ações de Desenvolvimento

Statistics

Views

Total Views
323
Views on SlideShare
323
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
28
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Fascículo 4 - Série: Desempenho - PADI - Ações de Desenvolvimento Fascículo 4 - Série: Desempenho - PADI - Ações de Desenvolvimento Document Transcript

  • Agosto 2012 - Ano I - Edição 4Série: Desempenho | Capítulo: PADI – Açõesde DesenvolvimentoPADI –Ações deDesenvolvimentoConheça como as ações dedesenvolvimento pontuarão noPlacar Individual de CarreiraO Sebrae estimula o autodesenvolvimentocontínuo e disponibiliza ferramenta modernade gestão – o PADI.
  • © 2012 – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – SebraeTodos os direitos reservados.A reprodução não autorizada desta publicação, no todo ou em parte, constitui violaçãodos direitos autorais (Lei nº 9.610).Informações e contatosServiço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – SebraeSGAS Quadra 605 – Conjunto A – Brasília – DF – 70200-904Fone: (61) 3348-7100 – Fax: (61) 3347-4120www.sebrae.com.brPresidente do Conselho Deliberativo NacionalRoberto SimõesDiretoria Executiva do SebraeDiretor-PresidenteLuiz Eduardo Pereira Barretto FilhoDiretor-TécnicoCarlos Alberto dos SantosDiretor de Administração e FinançasJosé Claudio dos SantosGerente da Unidade de Gestão de PessoasPedro Paulo CarboneGerente da Universidade Corporativa SebraeAlzira de Fátima VieiraEquipe Técnica UGP:Carla Regina Nedel RechLeonora Felix de Sousa Oliveira MinuttiLilian Aparecida Sabino CardosoTaís Gomide Lima TessariEquipe Técnica UCSebrae:Alzira de Fátima VieiraElias Alexandre Oliveira dos SantosGabriela Penna RiosPaulo Roberto de Melo Volker
  • Nos fascículos anteriores foram apresentadas as alterações queestão ocorrendo no Sistema de Gestão de Pessoas (SGP), queimpactarão diretamente na sua carreira.No primeiro fascículo, você teve uma visão geral do novo SGP, dasprincipais mudanças que impactarão na sua carreira profissional,que demonstra a preocupação do Sebrae com o desenvolvimentocontínuo dos seus colaboradores.O segundo fascículo abordou os critérios de ascensão profissional,representados nos indicadores e respectivos pesos que compõemo Placar Individual de Carreira. Com bases nesses critérios, oscolaboradores são classificados no ranking que subsidiará aspromoções salariais.O terceiro fascículo tratou a avaliação de desempenho, destacandoos indicadores que orientam o seu desenvolvimento profissional.A compreensão do significado desses indicadores ajudará você noalcance das metas individuais, de equipe e organizacionais, em cadaciclo de avaliação.Neste quarto fascículo trataremos do Desenvolvimento Profissional,tendo o Plano de Acompanhamento do Desempenho Individual(PADI) como principal ferramenta que o auxiliará no planejamento dasações de aprendizagem relacionado com o alcance das suas metas ecom suas necessidades de aprimoramento de competências.APRESENTAÇÃO
  • DESENVOLVIMENTO PROFISSIONALPLACAR INDIVIDUAL DE CARREIRA E A PONTUAÇÃODAS AÇÕES DE DESENVOLVIMENTOPADI – PLANO DE ACOMPANHAMENTODO DESEMPENHO INDIVIDUAL6711SUMÁRIO
  • EM SÍNTESEO PROCESSO DEMONITORAMENTO DO PADI 1819
  • 6DESENVOLVIMENTO PROFISSIONALDESENVOLVIMENTO PROFISSIONALO desenvolvimentoprofissional que queremosproporcionar a você estáassociado ao conceito detrilhas de aprendizagem, assimentendido como caminhosalternativos e flexíveis parapromover o desenvolvimentodas pessoas.Isso significa que quando édefinido um curso de ação aser seguido para o crescimentoprofissional, na prática, estásendo construída uma trilha.Dessa forma, para que cadacolaborador possa construirsua trilha de aprendizagem,a Universidade Corporativadisponibiliza um mapa deoportunidades (opções deaprendizagem) que serãoadaptadas a diferentessituações e valorizadas comopromotoras de aprendizagem.Nessas opções, além detradicionais modalidades deaprendizagem, como cursospresenciais, a distância eseminários, estarão incluídaspossibilidades de visitas técnicas,leituras direcionadas, aprendizagemem serviço e alternativas queexpressam a multiplicidade deformas de aprender.De posse do mapa deoportunidades disponíveis,o colaborador estabeleceum caminho para o seudesenvolvimento profissional,tendo em vista as lacunas decompetências identificadas naavaliação e as metas individuaisde desempenho definidas noPlano de Acompanhamento doDesempenho Individual (PADI),indicando dentre os recursoseducacionais disponíveis aquelesmais adequados aos seus objetivose preferências.
  • 7PADI – PLANO DE ACOMPANHAMENTODO DESEMPENHO INDIVIDUALO PADI é um instrumento quecontempla as “Metas Individuaisde Desempenho” e as “Metasde Desenvolvimento”, auxiliando ocolaborador na sistematização dasAs Metas Individuais de Desempenho são entendidas comoentregas que os colaboradores devem realizar durante o ano.Elas são estabelecidas e acordadas entre o colaborador e seusuperior imediato e devem demonstrar estreita relação com asmetas de equipe e organizacionais, que por sua vez se vinculam aocumprimento da missão do Sebrae.As Metas de Desenvolvimento são aquelas voltadas para a aquisiçãode conhecimentos e habilidades necessárias ao bom desempenhodo colaborador no trabalho. Precisam ter uma relação com as metasindividuais de desempenho a ser atingidas ao longo do ano ou com aslacunas de competências identificadas no ciclo de avaliação anterior.As metas de desenvolvimento, assim como as de desempenho,integram o Placar Individual de Carreira e são resultado do acordoentre o avaliado e seu avaliador para cada ciclo de avaliação.ações de aprendizagem que visamao seu crescimento profissional.Ele se aplica a todos osempregados do Sistema Sebrae,com exceção dos Diretores.
  • 8PADI – PLANO DE ACOMPANHAMENTO DO DESEMPENHO INDIVIDUALPADI – Plano de Acompanhamento do Desempenho IndividualEntendida a vinculação das metas individuais, de equipes eorganizacionais com o desempenho, com o desenvolvimento e,sobretudo, com a importância dessa estreita correlação com acontribuição do seu trabalho para as MPE, o colaborador deveidentificar as lacunas de desenvolvimento que necessitampreencher a fim de concretizar os planos de trabalho em cada período.MetasindividuaisMetas deequipeMetasorganizacionaisDedesempenhoDedesenvolvimentoProjetosProgramasAçõesConhecimentoHabilidadesProjetosProgramasAçõesMissão doSebraeQuais os pontos de partida para você refletir sobresuas necessidades de desenvolvimento?pp O primeiro ponto departida é o resultado da suaavaliação de competências. Ofeedback que você recebeu doseu superior, provavelmente,indica pontos de melhoria.É importante que você saibaque o Sebrae poderá auxiliá-loa desenvolver as competênciasque apresentam níveis deproficiência N/A (Não Aplica),DE (Desenvolvimento) ou
  • 9AP (Aplicação). O nível deproficiência SU (Superação)indica que não há necessidadede desenvolvimento.pp O segundo ponto departida são as metas individuaisque foram pactuadas com oSebrae e que terão impacto naremuneração variável. Lembre-se que ao pactuar essasmetas, o avaliador e o avaliadopossivelmente levaram emconsideração necessidades dedesenvolvimento para alcançá-las.pp O terceiro ponto departida são outros desafiosrelacionados aos objetivosestratégicos da Unidade a que ocolaborador está vinculado.A partir da identificação das necessidades, cada colaborador poderáestabelecer até cinco metas de desenvolvimento.
  • 10A figura abaixo ilustra as fases de identificação de necessidades edefinição de metas de desenvolvimento:Uma vez definidas as metas de desenvolvimento, o colaboradorterá de definir as formas de aquisição desses conhecimentos, assimcomo as soluções educacionais relacionadas.Avaliação decompetências(realizada no ciclo anterior)Definição das metasindividuais(para o ciclo posterior)Objetivosestratégicos daUnidadeIdentificação denecessidades dedesenvolvimentoDefinição de metasde desenvolvimentoFase 1 Fase 2A cada ano, será fornecido pelaUniversidade Corporativa umconjunto de opções de soluçõesde aprendizagem e suasrespectivas pontuações.As metas de desenvolvimentodevem ser validadas pelo superiorimediato do avaliado, a saber:pp As metas de desenvolvi-mento dos empregados sãovalidadas pelos Gerentes decada Unidade.pp As metas dos Gerentes,Chefes de Gabinete e Asses-sores são validadas por seusrespectivos Diretores.PADI – PLANO DE ACOMPANHAMENTO DO DESEMPENHO INDIVIDUAL
  • 11PLACAR INDIVIDUAL DE CARREIRAE A PONTUAÇÃO DAS AÇÕES DEDESENVOLVIMENTOA ascensão na carreira profissionalno Sebrae se dá em função daclassificação do colaboradorno ranking, que é o resultadoAs ações de desenvolvimentosão compostas pelas múltiplassoluções educacionais definidasno PADI, com pontuaçãomáxima de 7 pontos, e pelasCertificações, com pontuaçãomáxima de 3 pontos.As Múltiplas SoluçõesEducacionais são as diversasformas disponíveis paraIndicadores do Placar Pontuação PesoPontuaçãoPonderadaTempo de Sebrae 10 pontos 1 10Escolaridade Adicional 10 pontos 1 10Competências 10 pontos 2 20Ações de Desenvolvimento(PADI e Certificações)10 pontos 2 20Desempenho(PADI – Metas Individuais)10 pontos 4 40Pontuação máxima possível: 100da pontuação obtida nosindicadores que compõem oPlacar Individual de Carreira.Vejaabaixo a composição do PlacarIndividual de Carreira:promover o autodesenvolvimentodo colaborador do Sebrae.A Certificação de Conhecimentoé o reconhecimento formal dosconhecimentos possuídos peloscolaboradores, independenteda forma de aquisição, e queviabilizam os objetivos estratégicosda organização. A cada ano serãodefinidas em edital específico asregras para a certificação.
  • 12PLACAR INDIVIDUAL DE CARREIRA E A PONTUAÇÃO DAS AÇÕES DE DESENVOLVIMENTOPontuação do Indicador “Ações de Desenvolvimento”Tipo Descritivo CHDetalhamento de cargahoráriaPontuaçãoCertificaçõesFundamentais - - 2 pontosComplementares - - 1 pontoMúltiplasSoluçõesEducacionaisFundamentais 12090 horas de soluçõesorientadas3 pontos30 horas de soluçõesautoinstrucionais2 pontosComplementares 6060 horas de soluçõesorientadas ouautoinstrucionais2 pontosTotal de Pontos 10 pontosDetalhamento da Pontuação das “Ações deDesenvolvimento”Para alcançar os 7 pontosreferentes às MúltiplasSoluções Educacionais, ocolaborador deverá realizar180 horas* de ações dedesenvolvimento no ano.pp A distribuição de horas e pontos do quadro acima é a adotada pelo Sebrae Nacional.pp Os Sebrae/UF poderão atribuir número de horas de capacitação inferior a 180h,até o mínimo de 60h, conforme decisão da Diretoria Executiva. Nesses casos, aproporção na distribuição de horas para soluções fundamentais, complementares,autoinstrucionais e orientadas será observada.*Carga horária definida para o Sebrae Nacional.
  • 13A carga horária máxima de 180 horas serádistribuída conforme segue:pp A solução orientada é aquelaacompanhada pedagogicamentepor um professor, tutor ouum mentor e possui umaverificação da aprendizagem.São exemplos as disciplinaspresenciais, ou mistas.pp A solução autoinstrucional éaquela em que o processo deaprendizagem é desenvolvidoindividualmente, semacompanhamento pedagógico.Podemos citar as palestras,120 horas/ano de conteúdosfundamentais, ou seja, aquelesdiretamente vinculados ao trabalhodo colaborador no Sebrae, sendo:60 horas/ano de conteúdoscomplementares, ou seja,aqueles que contribuemindiretamente para o trabalhodo colaborador no Sebrae, asaber:30 horas/anode soluçõesautoinstrucionais.90 horas/anode soluçõesorientadas;o colaborador poderá optarpor soluções orientadas ouautoinstrucionais, de acordo comsua preferência e disponibilidade.congressos, vídeos ou mesmoa produção de um texto, sema presença de um professororientador.Perceba que é importantedistribuir sua dedicação entreos conteúdos fundamentaise complementarespara obter a pontuaçãomáxima. Essa distribuiçãoé de responsabilidade docolaborador em conjunto como superior imediato.Entende-se por solução orientada eautoinstrucional:
  • 14ocupacional e suas respectivasatribuições. O mesmo se aplicaao tipo de solução, orientadaou autoinstrucional. Consulteas lâminas anexas e conheçaas especificidades aplicadas àsua localidade.A pontuação de cada soluçãovariará de acordo com avinculação dela ao trabalho docolaborador. Isto é, o conteúdoserá definido se é fundamentalou complementar de acordocom a função de cada espaçoAtenção!É reservado ao Sebrae do seuestado o direito de fixar o limiteda carga horária e a pontuaçãopara algumas formas deaquisição, que serão oferecidasa cada ano.Por exemplo: ao escolher umcurso online, a carga horáriaserá definida de acordo com ascaracterísticas desse curso, istoé, ela é variável. Já para a leituradirecionada, será fixada a cargahorária limite, ou seja, a cargahorária é fixa.A carga horária total das múltiplas soluções educacionais édeterminada anualmente pela Diretoria Executiva. Portanto, as horasque excederem a carga horária limite não serão pontuadas.PLACAR INDIVIDUAL DE CARREIRA E A PONTUAÇÃO DAS AÇÕES DE DESENVOLVIMENTO
  • 15Agora vamos ilustrar tudo quevocê leu com um exemploUtilizaremos as pontuações definidas pelo Sebrae Nacional (180 horase 7 pontos) para o ano de 2012, conforme quadro abaixo.CATEGORIA Carga horária totalPontuação/horaPontuaçãototalmáximaFundamental90 horas de soluçõesorientadas0,033 3,0030 horas de soluçõesautoinstrucionais0,066 2,00Complementar 60 horas 0,033 2,00Total 180 horas 7,00Osvaldo, em sua última avalia-ção de competências, identifi-cou uma lacuna, pois obteve onível de proficiência “Desenvolvi-mento” na competência “Orien-tação para o cliente”. Uma pos-sível meta de desenvolvimentopara Osvaldo é: “Desenvolver acompetência Orientação para oCliente até outubro de 2012”.O investimento do Osvaldo emtrês formas de aquisição deconhecimento resultou em 68horas, o que representa 2,51pontos do indicador.
  • 16Ao avançar um pouco maisna reflexão, Osvaldo verificouque, para o alcance das metasindividuais de desempenho,necessitaria aprofundar seusconhecimentos sobre DireitoTrabalhista. Sendo assim, incluiuno seu PADI mais uma meta deForma de aquisição Tipo de soluçãoCargahoráriaPontuaçãoTipo decomprovaçãoCurso online:Foco no clienteOrientadaFundamental40h 1,32Certificado deconclusão comaprovaçãoLeitura do livro:Como construirvalor para o clienteAutoinstrucionalFundamental8h 0,53ResenhapublicadaTrilha: Obtençãode resultados comfoco no clienteOrientadaFundamental20h 0,66Certificado deconclusãoSubtotal: 68h 2,51desenvolvimento – “Atualizarconhecimentos a respeito dajurisprudência, dos tribunaiscorrelatos, relacionada a DireitoTrabalhista, até maio de 2012”–,para a qual ele sugeriu maisduas opções de aprendizagem:Forma de aquisição Tipo de soluçãoCargahoráriaPontuaçãoTipo decomprovaçãoEvento de mercado:Congresso Nacionalde Direito TrabalhistaAutoinstrucionalFundamental8h 0,53Certificado departicipaçãoVisita técnicaAutoinstrucionalFundamental8h 0,53ResenhapublicadaSubtotal: 16h 1,06Total geral: 84h 3,57PLACAR INDIVIDUAL DE CARREIRA E A PONTUAÇÃO DAS AÇÕES DE DESENVOLVIMENTO
  • 17O investimento do Osvaldoem mais duas opções deaprendizagem resultou em mais16 horas, o que representamais 1,06 pontos do indicador.No total, essas duas metasde desenvolvimento, com5 opções de aprendizagem,contabilizaram 84 horas desoluções fundamentais e 3,57pontos.pp Veja que Osvaldo sóselecionou conteúdosfundamentais e alcançou 3,57dos 5 pontos referentes aessa categoria. Para alcançara pontuação máxima, bastariater selecionado outrassoluções que computassemmais 22 horas de soluçõesautoinstrucionais.pp Os 2 outros pontosrelativos aos conteúdoscomplementares tambémajudariam Osvaldo a atingir suapontuação total de 7 pontos.Curso online Trilha de aprendizagemLeitura de livro
  • 18Até que ponto foicumprido o que foicombinado para odesenvolvimentoprofissional?Qual a contribuição dedesenvolvimento parao alcance das metasindividuais e das metasda Unidade?Como foramfeitas asescolhas?A minha empregabi-lidade aumentou emdecorrência daaprendizagem?Em que medidaforam aproveitadasas oportunidadesoferecidas?As ações deaprendizagemagregaram valorao trabalho? Emque medida issoocorreu?O PROCESSO DEMONITORAMENTO DO PADICada colaborador deve estaratento a todas as mudançasque podem afetar o seudesempenho e desenvolvimentoprofissional.Para isso, serão estabelecidosprazos para que as metas,tanto de desempenho quantode desenvolvimento, sejamrepactuadas diante da análisedos resultados que vêm sendoobtidos. Fique atento aocronograma divulgado durante ociclo avaliativo.O colaborador deve ter umapostura reflexiva sobre asações de desenvolvimentoque estão sendo realizadase identificar formas de comopoderá colocar em prática osnovos conhecimentos, de modoque possam contribuir para arealização de seus propósitose o alcance das metasorganizacionais.O PROCESSO DE MONITORAMENTO DO PADI
  • 19EM SÍNTESEO que está contemplado no PADI?O PADI – Plano de Acompanhamento do Desempenho Individual– contempla metas individuais de desempenho e metas dedesenvolvimento.O que são as metas individuais de desempenho?As metas individuais de desempenho são entregas que oscolaboradores devem realizar durante o ano relacionadas aosobjetivos estratégicos da sua Unidade.O que são as metas de desenvolvimento?Metas de desenvolvimento são aquelas voltadas para a aquisição deconhecimentos e habilidades necessárias ao bom desempenho docolaborador no trabalho.O que o Sebrae entende como ações de desenvolvimento?As ações de desenvolvimento são condições essenciais para odesenvolvimento profissional. Essas ações abrangem, além dastradicionais modalidades de cursos presenciais e/ou a distância,atividades como a leitura direcionada de livros e textos, bem como areflexão sobre vídeos e situações de trabalho, dentre outras.Qual o limite máximo de metas de desenvolvimento que eudevo estabelecer e qual o limite mínimo e máximo de opções deaprendizagem?Cada colaborador estabelece, em conjunto com seu superior imediato,até cinco metas de desenvolvimento. Para cada meta, o colaborador19
  • 20EM SÍNTESEpoderá escolher quantas opções de aprendizagem ele for capaz derealizar no período estabelecido, ou seja, cada meta de desenvolvimentopode ter uma ou mais formas de aquisição de aprendizagem.O que está compreendido no indicador “Ações de Desenvolvimento”?O indicador “Ações de Desenvolvimento” compreende “MúltiplasSoluções de Aprendizagem” e “Certificações do Conhecimento”,que pontuam respectivamente 7 e 3 pontos no Placar Individual deCarreira. Sobre as Certificações do Conhecimento trataremos emfascículo específico.As horas excedentes à pontuação máxima estabelecida pelo Sebraeserão pontuadas?O Sebrae pontuará até 180 horas por ano, o que corresponde a 7pontos do indicador “Ações de Desenvolvimento” e 3 pontos doindicador “Certificações”. Horas excedentes não serão pontuadas noPlacar Individual de Carreira.Como deve ser feita a distribuição das horas totais estabelecidas?Do total de horas estabelecidas, 120 horas ou o valorproporcionalmente correspondente devem estar relacionados aconteúdos fundamentais, e 60 horas ou o valor proporcionalmentecorrespondente, a conteúdos complementares.
  • 21Trilha de aprendizagem: caminhosalternativos e flexíveis para promover odesenvolvimento das pessoas.PADI: instrumento que contempla as“Metas Individuais de Desempenho” e as“Metas de Desenvolvimento”, auxiliandoo colaborador na sistematização dasações de aprendizagem que visam ao seucrescimento profissional.Metas Individuais de Desempenho:são entendidas como entregas que oscolaboradores devem realizar durante o ano.Essas metas são estabelecidas e acordadasentre o colaborador e seu superior imediato edevem demonstrar estreita relação com as metasde equipe e organizacionais, que por sua vez sevinculam ao cumprimento da missão do Sebrae. Elasintegram o Placar Individual de Carreira.Metas de Desenvolvimento: são aquelas voltadas paraa aquisição de conhecimentos e habilidades necessárias aobom desempenho do colaborador no trabalho. Precisam teruma relação com as metas individuais de desempenho a seratingidas ao longo do ano ou com as lacunas de competênciasidentificadas no ciclo de avaliação anterior. Elas integram o PlacarIndividual de Carreira.PALAVRAS-CHAVE21
  • PALAVRAS-CHAVE22Placar Individual de Carreira: painel numéricoque contém dados que expressam determinadoresultado, em dado momento. O Sebrae adota o PlacarIndividual de Carreira para acompanhar, de formasistematizada, o encarreiramento de cada um dosseus colaboradores. Compõem o Placar Individual deCarreira: tempo de Sebrae, escolaridade adicional,ações de desenvolvimento, avaliação de competências,desempenho e tempo de função.Múltiplas Soluções Educacionais: são as diversasformas disponíveis para promover o autodesenvolvimentodo colaborador do Sebrae .Certificação de Conhecimento: é o reconhecimentoformal dos conhecimentos possuídos pelos colaboradores,independente da forma de aquisição e que viabilizam osobjetivos estratégicos da organização. A cada ano serãodefinidas em edital específico as regras para a certificação.Conteúdos fundamentais: aqueles diretamente vinculados aotrabalho do colaborador no Sebrae.Conteúdos complementares: aqueles que contribuemindiretamente para o trabalho do colaborador no Sebrae.Solução orientada: aquela acompanhada pedagogicamente porum professor, tutor ou mentor e que possui uma verificação daaprendizagem.Solução autoinstrucional: aquela em que o processode aprendizagem é desenvolvido individualmente, semacompanhamento pedagógico.
  • Em 2012, os colaboradores do Sebrae Nacional definirão até 5 metasde desenvolvimento. Para alcançá-las poderão escolher o númerodesejado de soluções educacionais, não há mínimo nem máximo.A definição das metas de desenvolvimento acontecerá em paralelocom a repactuação das metas individuais de desempenho. Nessemomento, além de inserir, no sistema informatizado, as soluções quejá realizou no primeiro semestre do ano vigente, o colaborador deveráprever as soluções que pretende realizar até dezembro.Ao final do ano, haverá mais um período para inclusão de soluçõeseducacionais que não haviam sido previstas inicialmente, mas queforam realizadas. Na ocasião, também poderão ser feitos ajustes nassoluções previstas e já inseridas no sistema informatizado.Após a conclusão, o colaborador deverá enviar o comprovante derealização pelo SGM para validação1. As soluções só computampontuação após terem sua realização validada pela UCSebrae.Vamos lembrar como é o fluxo:1O processo de validação averiguará se a ação, a carga horária e a validade conferemcom as informações registradas no sistema informatizado.
  • Definir as metas(com superiorimediato)indicar assoluções (comsuperior imediato)realizar assoluçõesincluir comprovantede realizaçãono sistemainformatizadovalidação pelaUCSebraeinserir soluçõesnão previstas eajustar soluçõesjá realizadasincluir comprovantede realizaçãono sistemainformatizadovalidação pelaUCSebraecontabilizaçãoautomática dospontos paraPlacar Individualde CarreiraO quadro a seguir apresentará:pp as formas de aquisição que pontuarão no ciclo de 2012;pp a tipologia que definirá a estrutura de pontuação;pp a forma de comprovação de realização.Cada “forma de aquisição” pode ter várias soluções educacionais.Por exemplo, dentro da forma “cursos online” existem os cursos deGestão de Pessoas, Negociação, Atendimento ao Cliente, entre outros.
  • Categoria Forma de aquisiçãoTipo de soluçãoBase dehorasValidaçãoOrientadaAutoins-trucionalTipo HorasPortfólioUCCursos in company     UC xx Certificado de conclusãoProgramas acadêmicos     UC xx Certificado de conclusãoCursos online UC     UC xx Certificado de conclusãoEventos nacionais     fixa 8 Certificado de participaçãoTrilhas de aprendizagem     fixa 20 Certificado de conclusãoEducadorcorporativoProdutor de conteúdo decurso/trilha    fixa 20 Declaração UCValidador de conteúdocurso/trilha    fixa 20 Declaração UCTutoria de trainee     fixa 20 Declaração UCOrientador ABT(Aprendizado no trabalho)    fixa 20 Declaração UCParticipação em BancaAvaliadora    fixa 12 Declaração instituiçãoInstrutor/palestrante     fixa 8 Declaração UC ou instituiçãoAutoindicativaEventos de mercado     variável xx Certificado de participaçãoVisita técnica     fixa 8 Relatório publicadoLeitura orientada     fixa 8 Resenha publicadaIdioma     fixa 20 Declaração escolaABT (Aprendizado notrabalho)    fixa 20 Relatório validado e publicadoEventosliderança(restritoagerentes)Fórum de integração     fixa 3 Certificado de participaçãoOficinas de disseminaçãodo conhecimento    fixa 0,5 Certificado de participaçãoCoaching     fixa 10 Declaração UCEvento de mercado +apresentação    fixa 10 Certificado de participação
  • O Sebrae Nacional atribuiu as seguintes pontuações por hora, paracada categoria, conforme segue detalhado no quadro abaixo:CATEGORIA Carga horária totalPontuação/horaPontuação totalmáximaFundamental90 horas de soluçõesorientadas0,033 3,0030 horas de soluçõesautoinstrucionais0,066 2,00Complementar 60 horas 0,033 2,00Cada forma de aquisição de aprendizagem tem sua forma particularde comprovação de realização, ou seja, de validação. Além disso, a“base de horas” poderá ser contabilizada de três formas: fixa, UC evariável.pp Fixas: soluções que contarão sempre com um número fixo dehoras;pp UC: soluções cuja carga horária é variável e determinada pelaUCSebrae. Essas soluções fazem parte do portfólio criado pelaUCSebrae;pp Variável: soluções cuja carga horária é variável de acordo com oevento. O colaborador indicará a carga horária e a UCSebrae validaráde acordo com o certificado apresentado.O detalhamento a seguir o auxiliará a compreender os conceitos ea escolher as soluções de aprendizagem que contribuirão para vocêalcançar suas metas de desenvolvimento para o ano vigente.
  • CATEGORIA: PORTFÓLIO UCSebraeCursos in company: Cursos presenciais oferecidos pela UCSebraede acordo com as necessidades de desenvolvimento identificadas.Ex.: cursos nos sistemas operacionais, curso em ferramentascorporativas etc.pp Soluções orientadas e autoinstrucionais, a depender do curso;pp Carga horária indicada pela UCSebrae de acordo com duração decada curso;pp A comprovação de realização deverá ser feita no Sistema deGestão de Metas (SGM) por meio do envio de certificados2deconclusão para validação da UCSebrae.Programas acadêmicos: programas de especialização e pós-graduação, por meio de atividades educacionais de curta, média elonga duração, oferecidos para públicos específicos, de acordo comsua área de atuação.pp Solução orientada;pp Carga horária indicada pela UCSebrae de acordo com duração decada Programa;pp Comprovação de realização: envio de certificado de conclusãopara validação da UCSebrae no SGM.Cursos online UC: cursos a distância oferecidos pela UCSebrae.Confira as opções de curso e o calendário de ofertas no portal daUCSebrae.Eventos nacionais: encontros, seminários e fóruns, de abrangêncianacional para o Sistema Sebrae e parceiros, com abordagemde temas transversais do negócio do Sebrae. São exemplos:2Todos os certificados deverão conter o nome do participante, o nome da solução deaprendizagem e o número de horas cumpridas.
  • Fórum Sebrae de Conhecimento, Encontro Nacional de InclusãoProdutivo etc.pp Solução autoinstrucional;pp Carga horária fixa: 8 (oito) horas para qualquer evento;pp Comprovação de realização: envio de certificado de conclusãopara validação da UCSebrae no SGM.Trilhas de aprendizagem: conjuntos integrados e sistemáticosde ações de desenvolvimento que recorrem a múltiplas formasde aprendizagem, visando à aquisição e ao desenvolvimento decompetências requeridas para o desempenho profissional doscolaboradores do Sistema SEBRAE.pp Solução orientada;pp Carga horária fixa: 20 horas para qualquer trilha concluída;pp Comprovação de realização: envio de certificado de conclusãopara validação da UCSebrae no SGM.CATEGORIA: EDUCADOR CORPORATIVOProdução de conteúdo de curso/trilha: colaborador que seresponsabiliza pela produção do conteúdo de solução educacionalacompanhado pedagogicamente pela equipe da UCSebrae.pp Solução orientada;pp Carga horária fixa: 20 horas para qualquer conteúdo produzido;pp Comprovação de realização: envio de certificado/declaração paravalidação da UCSebrae no SGM.
  • Validação de conteúdo curso/trilha: acompanhamento de produçãode conteúdo de solução educacional, por especialista externo, aconvite da UCSebrae.pp Solução orientada;pp Carga horária fixa: 20 horas para qualquer conteúdo produzido;pp Comprovação de realização: envio de certificado/declaração paravalidação da UCSebrae no SGM.Tutoria de trainee: atuação como tutor de trainees, passando pelasoficinas preparatórias.pp Solução orientada;pp Carga horária fixa: 20 horas;pp Comprovação de realização: envio de certificado/declaração paravalidação da UCSebrae no SGM.Tutoria de Aprendizagem Baseada noTrabalho (ABT): atuaçãocomo tutor no processo de Aprendizagem Baseada no Trabalho (ABT).A ABT é uma metodologia que permite o aprendizado em serviço pormeio da colaboração entre pares, de modo a ampliar as competênciase habilidades profissionais específicas dos colaboradores. Apactuação será mediada pela UCSebrae e oficializada por meio deum Plano de Desenvolvimento (contrato de aprendizagem, plano deestudo e cronograma) estabelecido entre o tutor e o aprendiz.pp Solução orientada;pp Carga horária fixa: 20 horas;pp Comprovação de realização: Envio de declaração UCSebrae.Instrutor/palestrante: atuação como instrutor ou palestranteem evento da UCSebrae ou de outras instituições representandoo Sebrae.
  • pp Solução orientada;pp Carga horária fixa: 8 horas;pp Comprovação de realização: envio de certificado/declaração paravalidação da UCSebrae no SGM.Participação em Banca Avaliadora: participação como avaliadorem banca de seleções ou premiações relacionadas à sua atuaçãono Sebrae.pp Solução autoinstrucional;pp Carga horária fixa: 12 horas;pp Comprovação de realização: envio de declaração da instituiçãorealizadora para validação da UCSebrae no SGM.CATEGORIA: AUTOINDICATIVAEventos de mercado: cursos, seminários, fóruns, simpósios,congressos e outros eventos abertos ao público em geral, oferecidospelo mercado, quem têm o objetivo de desenvolver, capacitar e/ouatualizar os participantes.pp Solução autoinstrucional;pp Carga horária indicada pelo colaborador de acordo com a duraçãodo evento;pp Comprovação de realização: envio de certificado para validaçãoda UCSebrae no SGM.Visita técnica: solução educacional que visa a aprimorar práticaspor meio de visitas a projetos de outras instituições, consideradasreferência na sua área de interesse. Espera-se que a partir dessas
  • visitas o colaborador expresse e compartilhe seus aprendizados,reflexões e conclusões sobre o observado e a relação com otrabalho desenvolvido.pp Solução autoinstrucional;pp Carga horária fixa: 8 horas;pp Comprovação de realização: envio de link de publicação derelatório para validação da UCSebrae no SGM. Haverá um modelode relatório disponível no portal SABER.Leitura direcionada: leitura de livros e artigos relacionados aostemas de atuação. Espera-se que, a partir da leitura, o colaboradorexpresse e compartilhe seus aprendizados, reflexões e conclusõessobre o observado e a relação com o trabalho desenvolvido.pp Solução autoinstrucional;pp Carga horária fixa: 8 horas;pp Comprovação de realização: envio de link de publicação derelatório para validação da UCSebrae no SGM. Haverá um modelode relatório disponível no portal SABER.Aprendizagem Baseada noTrabalho (ABT): atuação como aprendizno processo de Aprendizagem Baseada no Trabalho – ABT. A ABT éuma metodologia que permite o aprendizado em serviço, por meioda colaboração entre pares, de modo a ampliar as competências ehabilidades profissionais específicas dos colaboradores. A pactuaçãoserá mediada pela UCSebrae e oficializada por meio de um Planode Desenvolvimento (contrato de aprendizagem, plano de estudo ecronograma), estabelecido entre o tutor e o aprendiz.pp Solução orientada;pp Carga horária fixa: 20 (vinte) horas;pp Comprovação de realização: relatório final publicado no SABER.
  • CATEGORIA: EVENTOS DE LIDERANÇA(restrito a gerentes, adjuntos, chefes de gabinete e assessores)Fóruns de integração: reuniões gerenciais, que contam com aparticipação de todos os gerentes, gerentes adjuntos, chefes de gabinetee assessores e pelo menos um diretor. Seguem pauta previamenteestabelecida e comunicada com antecedência aos participantes.pp Solução orientada;pp Carga horária fixa: 3 horas;pp Comprovação de realização: envio de certificado de participaçãopara validação da UCSebrae no SGM.Oficinas de disseminação do conhecimento: participação em oficinade disseminação a ser realizada pelo gerente, gerente adjunto ou chefede gabinete, multiplicando o conhecimento recebido na participação doevento de mercado.pp Solução orientada;pp Carga horária fixa: 0,5 hora por oficina;pp Comprovação de realização: envio de certificado de participaçãopara validação da UCSebrae no SGM.Coaching: metodologia de atendimento individual, com ajuda deprofissional devidamente habilitado, para promover o desenvolvimento decompetências específicas dos gerentes, gerentes adjuntos, assessoreschefes de gabinete. Serão emitidos certificados a partir da 10ª reunião.pp Solução orientada;pp Carga horária fixa: 10 horas;pp Comprovação de realização: envio de declaração para validaçãoda UCSebrae no SGM.
  • Evento de mercado: participação em cursos, seminários, fóruns,simpósios, congressos e outros eventos abertos ao público emgeral, oferecidos pelo mercado, com alto padrão de excelência emtemas e conteúdos estreitamente relacionados às responsabilidadese competências gerenciais, bem como às exigências impostas pelaestratégia do Sebrae. O evento de mercado é seguido de oficinade disseminação em que o gerente, gerente adjunto ou chefe degabinete multiplica o conhecimento recebido na participação doevento de mercado.pp Solução autoinstrucional;pp Carga horária indicada pelo colaborador de acordo com a duraçãodo evento;pp Comprovação de realização: envio de certificado de participaçãoe disseminação do conteúdo para validação da UCSebrae no SGM.