Your SlideShare is downloading. ×
Repreensões gerais e particulares
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Repreensões gerais e particulares

7,821
views

Published on


1 Comment
5 Likes
Statistics
Notes
  • muito bem elaborado.
    Parabéns
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
No Downloads
Views
Total Views
7,821
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
159
Comments
1
Likes
5
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. | Português – 11º ano | O Sermão de Santo António aos Peixes, do Padre António Vieira Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra Sistematização dos Capítulos IV e V do Sermão de Santo António aos peixes (P. e António Vieira) REPREENSÕES gerais REPREENSÕES particulares www.sebentadigital.com | Profª Dina Baptista
  • 2. | Português – 11º ano | O Sermão de Santo António aos Peixes, do Padre António Vieira Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra Capítulo IV Repreensão dos VÍCIOS / DEFEITOS GERAIS dos Peixes “ Antes porém, que vos vades, assim como ouvistes os vossos louvores, ouvi também agora as vossa repreensões. Servir-vos-ão de confusão, já que não seja de emenda.” O pregador inicia as repreensões aos peixes/homens, seguindo o método usado para os louvores dos peixes/homens: do geral para o particular . www.sebentadigital.com | Profª Dina Baptista
  • 3. | Português – 11º ano | O Sermão de Santo António aos Peixes, do Padre António Vieira Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra
    • Capítulo IV
    • Primeira Repreensão
    • OS PEIXES COMEM-SE UNS AOS OUTROS –
    • OS HOMENS COMEM-SE UNS AOS OUTROS
    • a. Apelo à Observação:
    www.sebentadigital.com | Profª Dina Baptista Vedes TUDO AQUILO É Andarem buscando os homens como hão-de comer e como se hão-de comer Todo aquele bulir Todo aquele andar Aquele concorrer e cruzar Aquele subir e descer Aquele entrar e sair
  • 4. | Português – 11º ano | O Sermão de Santo António aos Peixes, do Padre António Vieira Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra Capítulo IV b. Exemplificação www.sebentadigital.com | Profª Dina Baptista Alguém que morreu Algum réu em julgamento Comem-no os herdeiros Comem-no os testamenteiros Comem-no os legatários Comem-no os credores Comem-nos os oficiais dos defuntos e dos ausentes Come-o o advogado Come-o o sangrador Come-o a mulher Come-o o coveiro Come-o o tocador de sinos Comem-no os padres Come-o o meirinho Come-o o carcereiro Come-o o escrivão Come-o o solicitador Come-o o inquiridor Come-o o médico Come-o a testemunha Come-o o julgador CONCLUSÃO – valor denotativo do verbo COMER Ainda o não comeu a terra e já o tem comido toda a terra Ainda não está executado nem sentenciado e já está comido
  • 5. | Português – 11º ano | O Sermão de Santo António aos Peixes, do Padre António Vieira Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra Capítulo IV c. Amplificação . Os peixes / homens comem os mais pequenos . Os homens comem não só o povo, mas a sua plebe . Os homens não só se comem, mas engolem-nos e devoram-nos . Os homens devoram e comem como se se tratasse de pão www.sebentadigital.com | Profª Dina Baptista
  • 6. | Português – 11º ano | O Sermão de Santo António aos Peixes, do Padre António Vieira Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra
    • Capítulo IV
    • O estilo de Vieira na 1ª parte do discurso
    • Lógica da argumentação: Observação / Exemplificação / Ampliação
    • Lógica das conclusões: Conclusões implacáveis
    • Ritmo das frases: ritmo variado: lento e repousado (frases longas, com exemplos de paralelismo ) / rápido e muito rápido (frases curtas, com sucessivas anáforas e interrogações retóricas , vivo (exemplo do defunto e do réu), capaz de prender facilmente os ouvintes
    • Discurso:
    • Ondular das águas do mar: revoltas e vivas,
    • para depois se espraiarem pela areia
    • ( gradações crescentes )
    • Visualismo: a repetição da forma verbal “vedes”, certamente a acompanhar o gesto expressivo, cria na mente dos ouvintes um forte visualismo do espectáculo descrito, assim como os deíticos e as Nominalizações / Substantivação do infinitivo verbal (deixa de ser uma acção limitada para ser uma situação alargada)
    • e. Efeitos dos deíticos demonstrativos: localizar os atos referidos.
    www.sebentadigital.com | Profª Dina Baptista
  • 7. | Português – 11º ano | O Sermão de Santo António aos Peixes, do Padre António Vieira Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra Capítulo IV www.sebentadigital.com | Profª Dina Baptista 2. Primeira Repreensão A IGNORÂNCIA E CEGUEIRA DOS PEIXES A IGNORÂNCIA E CEGUEIRA DOS HOMENS PEIXES HOMENS . Caem tão facilmente no engodo da isca . Enganam facilmente os indígenas (peixes que facilmente se deixam enganar) CONCLUSÃO Os peixes / homens são muito cegos e ignorantes No entanto, Santo António nunca se deixou enganar pela vaidade do mundo, fazendo-se pobre e simples, e assim pescou muitos para salvação.
  • 8. | Português – 11º ano | O Sermão de Santo António aos Peixes, do Padre António Vieira Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra Capítulo IV www.sebentadigital.com | Profª Dina Baptista 2. Primeira Repreensão A IGNORÂNCIA E CEGUEIRA DOS PEIXES A IGNORÂNCIA E CEGUEIRA DOS HOMENS PEIXES HOMENS . Caem tão facilmente no engodo da isca . Enganam facilmente os indígenas (peixes que facilmente se deixam enganar) CONCLUSÃO Os peixes / homens são muito cegos e ignorantes No entanto, Santo António nunca se deixou enganar pela vaidade do mundo, fazendo-se pobre e simples, e assim pescou muitos para salvação.
  • 9. | Português – 11º ano | O Sermão de Santo António aos Peixes, do Padre António Vieira Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra Capítulo V www.sebentadigital.com | Profª Dina Baptista Repreensão dos VÍCIOS / DEFEITOS PARTICULARES dos Peixes “ Descendo ao particular, direi agora, peixes, o que tenho contra algum de vós.” O pregador particulariza algumas espécies de peixes e enuncia os seus vícios /defeitos.
  • 10. | Português – 11º ano | O Sermão de Santo António aos Peixes, do Padre António Vieira Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra Capítulo V www.sebentadigital.com | Profª Dina Baptista Peixes Defeitos Argumentos Exemplos de homens Comparação com S. António Os Roncadores soberba orgulho pequenos mas muita língua; facilmente pescados os peixes grandes têm pouca língua muita arrogância, pouca firmeza Pedro Golias Caifás Pilatos .Não se orgulhou do seu poder e saber, mas antes se calou. a .A sua voz ficou para sempre Os Pegadores Parasitismo Adulação vivem na dependência dos grandes, morrem com eles os grandes morrem porque comeram, os pequenos morrem sem terem comido Toda a família da corte de Herodes Adão e Eva . Pegou-se a Cristo a Deus e tornou-se imortal. Os Voadores presunção ambição foram criados peixes e não aves são pescados como peixes e caçados como aves morrem queimados Simão mago . Tinha duas asas: a sabedoria natural e a sabedoria sobrenatural. . Não as usou por ambição; .Consideraram-no um leigo, mas tornou-se sábio para sempre. O Polvo traição ataca sempre de emboscada porque se disfarça Judas .Grande exemplo de candura, sinceridade e verdade.
  • 11. | Português – 11º ano | O Sermão de Santo António aos Peixes, do Padre António Vieira Dina Baptista | www.sebentadigital.com EB 2,3/S de Vale de Cambra Os bons vi sempre passar No mundo graves tormentos; E para mais me espantar, Os maus vi sempre nadar Em mar de contentamentos. Cuidando alcançar assim O bem tão mal ordenado, Fui mau, mas fui castigado. Assim que, só para mim, Anda o mundo concertado. Fontes: www.sebentadigital.com | Profª Dina Baptista . Guerra, João Augusto; Vieira, José Augusto ( 1998) Aula Viva - Português B – 11ºano , Porto Editora. (pp. 59-60) . CARDOSO, A. M. et alii (2004) Das Palavras aos Actos – Português B – 11º ano , Edições Asa. (pp. 91-92) . http://lithis.net/p.php?id=19