Your SlideShare is downloading. ×
0
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Expandindo o conceito_de_letramento_(2)
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Expandindo o conceito_de_letramento_(2)

208

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
208
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
3
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. EXPANDINDO O CONCEITO DE LETRAMENTO Elisabeth DaleyTrab. Ling. Aplic., Campinas, 49(2): 481-491, Jul./Dez. 2010 Apresentação Ana Rosa, Clenilda e Sonia
  • 2. Este artigo apresenta e discute quatro argumentos para expandir a definição de letramento
  • 3. Argumento 1:A LINGUAGEM MULTIMIDIÁTICADA TELA SE TRANSFORMOU NO VERNÁCULO CORRENTE
  • 4. A gramática das novas tecnologias invadiu o pensamento coletivo commetáforas presentes na vida cotidiana
  • 5. dar um close [close-up] = ver de perto
  • 6. flashback = olhar voltado para o passado.
  • 7. fazer um frame = enquadrar
  • 8. corta [cut] = interrompe; para
  • 9. deletar = apagar alguém ou alguma coisa damemória
  • 10. As tecnologias como TV, computador, celular, Ipad, radio, cinema, se tornaram, para os cidadãos médios, os modos maiscomuns de receber informação, de se comunicar uns com os outros
  • 11. Passamos muitas horas em nossos computadoresTVs, Ipads olhando e compartilhando telas.
  • 12. Adolescentes e jovens passam horas ouvindo músicas,assistindo clipes, jogando no computador ou emcomunidades online.
  • 13. As experiências compartilhadas com os outros sereshumanos são, na maioria das vezes hoje, derivadas dasimagens e sons contidos nas telas.
  • 14. Argumento 2: A LINGUAGEMMULTIMIDIÁTICA DA TELA É CAPAZ DE CONSTRUIR SIGNIFICADOS COMPLEXOSINDEPENDENTEMENTE DO TEXTO
  • 15. O visual pode carregar significados e conteúdo intelectual tal qual o texto escrito ?
  • 16. Imagens e sons podem ser tão importantes para criarconhecimento e comunicar ideias quanto passar informações por meio de textos escritos
  • 17. A multimídia pode nos permitirdesenvolver conceitos eabstrações, comparações emetáforas, envolvendo aomesmo tempo nossassensibilidades emocionais eestéticas.
  • 18. A multimídia e o cinema, apesarde muitas vezes enriquecidos pelalinguagem verbal, abraçammuitos outros elementos de igualpoder – não somente imagens,mas também som, duração, cor edesign
  • 19. Como seriatentar compartilhar plenamente tudo isso sem ter acesso à linguagem e ao poder da tela?
  • 20. Argumento 3 A LINGUAGEM MULTIMIDIÁTICA DA TELA PERMITE MODOS DE PENSAMENTO, FORMAS DE COMUNICAR E PRODUZIR PESQUISA, EMÉTODOS DE PUBLICAÇÃO E DE ENSINO QUE SÃO ESSENCIALMENTEDIFERENTES DAQUELES RELACIONADOS AO TEXTO
  • 21. A linguagem multimidiática émuito mais relacionada ao afetivoe à linguagem subjetiva da arte do que à linguagem linear e racional da ciência
  • 22. A linguagem do cinema oferece um extenso corpo teórico que podefornecer um ponto de partida para se pensar sobre a multimídia
  • 23. MONTAGEM OU JUSTAPOSIÇÃO DE ELEMENTOS Com o computador podemos construir imagens e sons e manipular o espaço e o tempo para criar significados
  • 24. INTERATIVIDADE Oportunidade doespectador/leitor/usuárioparticipar diretamente naconstrução do significado
  • 25. Da arte de contar histórias- sempre interativa...
  • 26. Passando por outras performances que criam apossibilidade de interação...
  • 27. VOCABULÁRIO• O vocabulário da multimídia encoraja abordagens distintas daquelas utilizadas para escrever textos• O processo é ativo, interativo e social, permitindo muitos pontos de vista
  • 28. “CRIA-SE” E “CONSTROÍ-SE” MÍDIA AO INVÉS DE “ESCREVÊ-LA”
  • 29. “NAVEGA-SE” E “EXPLORA-SE” MÍDIA AO INVÉS DE “LÊ-LA”
  • 30. TÉCNICAS DE PRODUÇÃO FÍSICADIFERENTES DOS MODELOS PARA PRODUZIR TEXTOS A produção é, na maioria dasvezes, um ato de colaboração.Um filme raramente é feito por uma pessoa só.
  • 31. O produto final é mais bem sucedidoquando emerge durante o processo de criação. Requer um ambiente aberto para a experimentação e uma disposição para explorar e errar. Permite interações rápidas e mudanças de orientação
  • 32. PRÁTICAS DE DISTRIBUIÇÃO• Formas midiáticas são geralmente voltadas para apresentação e distribuição pública• São feitas para serem vistas em contextos que vão além daqueles em que são produzidas
  • 33. A MULTIMÍDIA PODE MUITO BEM TER O POTENCIAL PARA OFERECER UM NOVO ESPAÇO MUITONECESSÁRIO, NO QUAL A CONVERSAÇÃO TRANSDISCIPLINARPOSSA OCORRER ENTRE AS HUMANIDADES E AS CIÊNCIAS
  • 34. Argumento 4 POR ÚLTIMO, SEGUINDO OS TRÊSARGUMENTOS ANTERIORES, SERÃOREALMENTE LETRADOS NO SÉCULO 21 AQUELES QUE APRENDEREM A LER E ESCREVER A LINGUAGEM MULTIMIDIÁTICA DA TELA
  • 35. Cursos de letramento midiático e visual (Universidades,Faculdades e Ensino Médio)I- Têm tido duas limitações:
  • 36. A multimídia é a linguagem do cotidiano dos alunos
  • 37. Para ler ou escrever a linguagem da mídia e entender como ela cria significados precisamos conhecer: • “Todos juntos fazem mais que comunicação visual esteticamente agradável... São estratégias para construção de significado.” (REMIX).

×