Eficácia Clínica da Gonadotrofina Coriônica Humana Recombinante  (hCG-rec) para a Restauração da Espermatogênese e Produção de Andrógenos nos Homens com Hipoganadismo Hipogonadotrófico (AO-68)
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Eficácia Clínica da Gonadotrofina Coriônica Humana Recombinante (hCG-rec) para a Restauração da Espermatogênese e Produção de Andrógenos nos Homens com Hipoganadismo Hipogonadotrófico (AO-68)

on

  • 2,818 views

Participação da ANDROFERT no XXXIII Congresso Brasileiro de Urologia – Florianópolis – SC

Participação da ANDROFERT no XXXIII Congresso Brasileiro de Urologia – Florianópolis – SC
22 a 26 de novembro de 211 – www.sbu2011.com.br

Statistics

Views

Total Views
2,818
Views on SlideShare
2,818
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
9
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Eficácia Clínica da Gonadotrofina Coriônica Humana Recombinante  (hCG-rec) para a Restauração da Espermatogênese e Produção de Andrógenos nos Homens com Hipoganadismo Hipogonadotrófico (AO-68) Eficácia Clínica da Gonadotrofina Coriônica Humana Recombinante (hCG-rec) para a Restauração da Espermatogênese e Produção de Andrógenos nos Homens com Hipoganadismo Hipogonadotrófico (AO-68) Presentation Transcript

  • AO-068: Eficácia Clínica da Gonadotrofina Coriônica Humana Recombinante (hCG-rec) para a Restauração da Espermatogênese e Produção de Andrógenos nos Homenscom Hipoganadismo Hipogonadotrófico Sidney Verza Jr, Sandro C. Esteves ANDROFERT Centro de Referência para Reprodução Masculina, Campinas, São Paulo
  • AO-068: Uso do hCG-rec no Hipogonadismo Hipogonadotrófico Verza Jr S & Esteves SCEste estudo discutirá medicamentocujo uso não está indicado na bula.
  • Hipogonadismo Hipogonadotrófico • Congênito (sínd. Kallmann, Prader-Willi): anosmia • Adquirido (RT, adenoma hipófise, uso esteróides) •  Níveis séricos FSH, LH e testosterona • Gônadas pequenas/azoospermia • Caracteres sexuais 2ários. pouco desenvolvidos hCG e hMG são indicadas no tratamento de homens azoospérmicos com hipogonadismo hipogonadotrófico (hipo-hipo) para restaurar a produção espermática. Indução da espermatogênese: hCG 1.000-2.000 UI SC ou IM 2-3X/semana; 12 semanas. Manutenção: hCG + hMG ou FSH 75-150UI SC/IM 3X/semana; 6-18 meses 3
  • Meio cultura Bioreactor Harvest Adesão e proliferação Concentração do celular sobrenadante Produção e secreção Etapas de purificação rec-hCG utilizando cromatografia Coleta meio de cultura contendo rec-hCG Filtração por ultra- esterilização Controle de Qualidade Caracterização e CQ do rec-hCG produzidoEsteves, 5
  • AO-068: Uso do hCG-rec no Hipogonadismo Hipogonadotrófico Verza Jr S & Esteves SCObjetivos: Avaliar: Eficácia clínica Segurança; Praticidade hCG- recombinante na recuperação da espermatogênese e produção de andrógenos num grupo de homens com hipogonadismo hipogonadotrófico.
  • Uso do hCG-rec em hipogonadismo hipogonadotrófico Verza Jr S & Esteves SCMaterial e Método: Série de casos: 11 homens com diagnóstico de hipogonadismo hipogonadotrrófico e azoospermia; Valores hormonais basais (média): FSH: 0,46 0,28 mUI/mL (nl: 2-10) LH: 0,39 0,32 mUI/mL (nl: 2-12) TT: 41,3 26,9 ng/dL (nl: 280-880) Biópsia testículo pré-Tx: parada de maturação germinativa. Causa: Tumor hipófise: n=7 Pós-uso prolongado esteróides: n=3 Trauma: n=1
  • Uso do hCG-rec em hipogonadismo hipogonadotrófico Verza Jr S & Esteves SCMateriais e Métodos: Protocolo Injeção subcutânea semanal de hCG-rec, 250 mcg (Ovidrel®; choriogonadotropin alfa; MerckSerono, Brasil). Período mínino de 12 semanas; Auto-aplicação utilizando seringas prontas para uso.
  • Uso do hCG-rec em hipogonadismo hipogonadotrófico Verza Jr S & Esteves SCResultados: Presença de espermatozóides na ejaculação pós-Tx: 10/11 homens tratados: Concentração total média de espermatozóides: 39 x 106 (variação: 0,0-156,9 x 106) Testosterona total pós-Tx (média): 647,5 2 9,0 ng/dL; Apenas um homem não apresentou recuperação da espermatogênese e apresentou efeitos adversos (cefaléioa, ginecomastia, elevação níveis estradiol); Todos pacientes fizeram auto-aplicação, com mínimo/nenhum efeito local e/ou desconforto nas injeções.
  • Uso do hCG-rec em hipogonadismo hipogonadotrófico Verza Jr S & Esteves SCResultados:Volume testicular médio combinado aumentou de 24cm3 para 33 cm3 após o tratamento com rec-hCG. Pré-tratamento Pós-tratamento
  • Uso do hCG-rec em hipogonadismo hipogonadotrófico Verza Jr S & Esteves SCConclusões:Injeção única semanal (auto-aplicação) de hCG-rec foieficiente para induzir espermatogênese completa eestimular produção de andrógenos no grupo de homensazospérmicos com hipogonadismo hipogonadotrófico;Terapia alternativa à utilização do hMG derivado defonte urinária, que requer injeção intramuscular e causamaior desconforto ao paciente;