• Save
Pesquisa e Conceituação de Sistemas - Metodologia
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Pesquisa e Conceituação de Sistemas - Metodologia

on

  • 505 views

Módulo: EThICS 039.CE06.05_PDI_PCS_Pesq Conc Sist_Metod ...

Módulo: EThICS 039.CE06.05_PDI_PCS_Pesq Conc Sist_Metod
Tópico: PESQUISA, DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO
Assunto: Pesquisa e Conceituação de Sistemas - Metodologia
Escopo:

PROPÓSITOS DO MÓDULO

INTRODUÇÃO
Acrônimos de PCS
Conceitos Principais sobre PCS
Destaques do Método de PCS
Táticas de PCS
Propósitos de PCS
Escopo de PCS
Benefícios de PCS
Motivações de PCS
Fatores de Influência para PCS

ORGANIZAÇÃO DE PCS
Elementos do Método PCS
Fases Principais de PDI de Sistemas e Produtos
Etapas Iniciais de PDI de Sistemas e Produtos
Acrônimos de PDI
Sequência de Etapas de Eng de Novos Projetos
Tecnologias de PDI
Etapas e Tarefas de PCS
Etapas e Tarefas de PCS: ANR e ECS
Etapas e Tarefas de PCS: DCS e ARGS
Etapas de PCS: Finalidades e Questões Básicas

ANR - ANÁLISE DE NEC E REQ
Propósitos ,Questões Principais e Escopo de ANR
ANR1: Visão do Problema
ANR2: Análise das Necessidades
ANR3: Análise Operacional
ANR4: Análise Funcional
ANR5: Definições de Exequibilidade
ANR6: Validação das Necessidades
ANR7: Definição dos Requisitos Operacionais

ECS - EXP CONCEITUAL DE SISTEMAS
Propósitos ,Questões Principais e Escopo de ECS
ECS1: Formulação dos Requisitos de Desempenho
ECS2: Arquitetura Básica do Novo Sistema
ECS3: Exploração dos Conceitos Alternativos
ECS4: Avaliação dos Conceitos Alternativos
ECS5: Validação dos Conceitos Alternativos

DCS - DEF CONCEITUAL DO SISTEMA
Propósitos ,Questões Principais e Escopo de DCS
Etapas e Tarefas de DCS
DCS1: Seleção do Conceito do Novo Sistema
DCS2: Definição do Conceito do Novo Sistema
DCS3: Planej para o Desenv do Novo Sistema

ARGS - ANÁLISE RISC E GAR DE SIST
Propósitos ,Questões Principais e Escopo de ARGS
ARGS1: ARGS durante ANR
ARGS2: ARGS durante ECS
ARGS3: ARGS durante DCS

APÊNDICES
Referências

Statistics

Views

Total Views
505
Views on SlideShare
505
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Pesquisa e Conceituação de Sistemas - Metodologia Pesquisa e Conceituação de Sistemas - Metodologia Presentation Transcript

  • Engenharia EThICS Tecnologia, InteligênciaENGINEERING Consultoria & SistemasEThICS 039.CE06.05 PESQUISA, DESENVOLVIMENTO E INOVAÇÃO PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - Metodologia -PROPÓSITOS DO MÓDULO ANR - ANÁLISE DE NEC E REQ DCS - DEF CONCEITUAL DO SISTEMA Propósitos ,Questões Principais e Escopo de ANR Propósitos ,Questões Principais e Escopo de DCSINTRODUÇÃO ANR1: Visão do Problema Etapas e Tarefas de DCSAcrônimos de PCS ANR2: Análise das Necessidades DCS1: Seleção do Conceito do Novo SistemaConceitos Principais sobre PCS ANR3: Análise Operacional DCS2: Definição do Conceito do Novo SistemaDestaques do Método de PCS ANR4: Análise Funcional DCS3: Planej para o Desenv do Novo SistemaTáticas de PCS ANR5: Definições de ExequibilidadePropósitos de PCS ANR6: Validação das Necessidades ARGS - ANÁLISE RISC E GAR DE SISTEscopo de PCS ANR7: Definição dos Requisitos Operacionais Propósitos ,Questões Principais e Escopo de ARGSBenefícios de PCS ARGS1: ARGS durante ANRMotivações de PCS ECS - EXP CONCEITUAL DE SISTEMAS ARGS2: ARGS durante ECSFatores de Influência para PCS Propósitos ,Questões Principais e Escopo de ECS ARGS3: ARGS durante DCS ECS1: Formulação dos Requisitos de DesempenhoORGANIZAÇÃO DE PCS ECS2: Arquitetura Básica do Novo Sistema APÊNDICESElementos do Método PCS ECS3: Exploração dos Conceitos Alternativos ReferênciasFases Principais de PDI de Sistemas e Produtos ECS4: Avaliação dos Conceitos AlternativosEtapas Iniciais de PDI de Sistemas e Produtos ECS5: Validação dos Conceitos AlternativosAcrônimos de PDISequência de Etapas de Eng de Novos ProjetosTecnologias de PDIEtapas e Tarefas de PCSEtapas e Tarefas de PCS: ANR e ECSEtapas e Tarefas de PCS: DCS e ARGSEtapas de PCS: Finalidades e Questões Básicas Antonio Sallum Librelato - Diretor – EThICS Engineering - Dezembro - 2011 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 1
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 Ref.: [LIBR_01] Propósitos do Módulo Introduzir a metodologia de PCS - Pesquisa e Conceituação de Sistemas, como parte da metodologia de PDI. Descrever as etapas e as tarefas principais de PCS: ANR Análise de Necessidades e Requisitos. ECS Exploração Conceitual de Sistemas. DCS Definição Conceitual do Sistema. ARGS Análise de Riscos e de Garantias de Sistemas. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 2
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 INTRODUÇÃO 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 3
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 INTRODUÇÃO Acrônimos de PCS SIGLA SIGNIFICADO ANR Análise de Necessidades e Requisitos ARGS Análise de Riscos e de Garantias de Sistemas CONOPS Concept of Operations COTS Commercial Off-The-Shelf DCS Definição Conceitual do Sistema ECS Exploração Conceitual de Sistemas GSP Garantia de Sistemas e Produtos PCS Pesquisa e Conceituação de Sistemas PDI Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação SOS System-Of-Systems TCO Total Cost of Ownership 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 4
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 INTRODUÇÃO Ref.: [LIBR_01] Conceitos Principais sobre PCS A PCS é um complexo organizado de atividades de gestão e de engenharia, iniciando com as necessidades e os requisitos, para obter a solução conceitual de sistema mais adequada para atender tais necessidades e requisitos, considerada toda a extensão do ciclo de vida. O método PCS é estruturado em etapas e tarefas interativas. Ele requer a integração das atividades de gerenciamento e de engenharia, durante a pesquisa, o desenvolvimento e a garantia de produtos, abrangendo conhecimentos e habilidades especializadas em sistemas, requisitos, riscos, garantia de produtos, custos e planejamento de projetos e desenvolvimento de produtos. Dependendo das condições específicas de aquisição e fornecimento de sistemas, o compartilhamento de trabalho entre cliente e fabricante (ou fornecedores) pode variar. Entretanto, a composição completa das tarefas é praticamente a mesma. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 5
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 INTRODUÇÃO Ref.: [LIBR_01] Destaques do Método de PCS A fase, as etapas e as tarefas de Pesquisa e Conceituação de Sistemas (PCS) devem: Ocorrer antes da fase de Desenvolvimento de Sistemas e Produtos (DSP). Permitir o entendimento do problema a ser resolvido e consolidar e validar as necessidades e os requisitos. Integrar e executar, simultaneamente, as tarefas especializadas de gestão e de engenharia de: Sistemas Requisitos e Garantia de Sistemas e Produtos Explorar múltiplas soluções alternativas ao problema, viáveis, válidas e garantidas. Selecionar o conceito de sistema mais apropriado para atender as necessidades, os requisitos e as restrições. Questionar se cada solução possível é válida e garantida. Antecipar, controlar e mitigar os riscos de perigos e incertezas, e o custo- efetividade. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 6
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 INTRODUÇÃO Ref.: [LIBR_01] Táticas de PCS Pela ação antecipada ao Desenvolvimento de Sistemas e Produtos, a PCS cria oportunidades para: Consolidação dos requisitos, desde o início dos estudos do projeto. Participação ativa dos principais interessados (stakeholders) no projeto. Redução dos futuros custos do ciclo de vida do sistema. Redução dos riscos de perigo e de incertezas. Melhoria das efetividades das soluções. Análise e avaliação dos conhecimentos e das tecnologias disponíveis para a execução do projeto. Seleção consciente e comparativa da solução mais adequada, dentre diferentes alternativas. Redução dos esforços de gestão e engenharia para desenvolver o sistema. Direcionamento e recomendações de ações para mitigar e controlar os riscos, custos, e para assegurar a garantia de sistemas. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 7
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 INTRODUÇÃO Ref.: [LIBR_01] Propósitos de PCS Criar uma definição clara sobre qual conceito de sistema deverá ser desenvolvido e segundo quais planos e condições, de forma a bem atender necessidades, requisitos e custo-efetividade estabelecidos para o projeto e o sistema. Assegurar que há uma necessidade real e válida, com pelo menos uma solução exequível para atendê-la. Definir o conjunto válido de requisitos operacionais, funcionais e de desempenho a serem atendidos pelo conceito. Explorar as tecnologias e os sistemas possíveis de atendimento das necessidades e dos requisitos. Escolher o conceito de sistema que melhor atende as necessidades, os requisitos, as restrições, as garantias e o equilíbrio de custo- efetividade estabelecidos. Planejar as fases de desenvolvimento, produção, suporte, uso e descarte do conceito escolhido. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 8
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 INTRODUÇÃO Ref.: [LIBR_01] Escopo de PCS O método de PCS abrange os seguintes assuntos: Necessidades. Requisitos operacionais, funcionais e de desempenho. Sistemas e produtos. Tecnologias. Riscos. Custos. Efetividade. Garantias de sistemas e produtos. Especialidades de gestão e de engenharia de sistemas, requisitos, riscos, garantias e projetos. Novos projetos de sistemas e produtos, em especial àqueles de tecnologia de ponta, sem precedentes, complexos ou críticos. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 9
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 INTRODUÇÃO Ref.: [BLAN_01][KOSS_01][RAHE_01][WASS_01] Benefícios de PCS Há um consenso que, pelo uso do método PCS, é possível obter grandes benefícios em tempo e custo-efetividade. [BLAN_01] [KOSS_01][RAHE_01][WASS_01] Poderão ser obtidos benefícios das seguintes naturezas: A melhor solução operacional, funcional e de desempenho para as necessidades. Alto grau de validação de atendimento dos requisitos. Aumento dos benefícios de garantia de sistemas. Redução de tempos, em especial no tempo para o mercado. Redução do custo do ciclo de vida. Redução dos riscos de perigos e de incertezas. Melhor satisfação dos clientes, usuários, mantenedores e fabricantes. Balanço adequado do custo-efetividade. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 10
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 INTRODUÇÃO Ref.: [BLAN_01] Motivações de PCS As motivações para PCS são associadas a condições do ambiente global atual, que exercem influências para as atividades de PDI, em especial quando aplicadas para sistemas e produtos complexos e críticos. [BLAN_01] Os fatores de influência são tendências que representarão os desafios para a concepção e o desenvolvimento de novos sistemas. Estão representados no diagrama da Fig. 1. Esses fatores estão inter-relacionados e devem ser considerados na sua totalidade, como um conjunto integrado, o qual pode determinar os requisitos para o projeto e para o sistema. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 11
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 INTRODUÇÃO Ref.: [BLAN_01] Fig. 1: Fatores de Influência para PCS Requisitos constantemente mutáveisMaior ênfase em sistemas (ao Globalização crescente invés de componentes) Maior competitividade Crescente complexidade dos internacional sistemas (Mudanças evolutivas das Crescente terceirização tecnologias) THE CURRENT (múltiplas associações entre ENVIRONMENT Aumento dos ciclos de vida fabricantes e fornecedores) dos sistemas (menores ciclos de vida das tecnologias) Redução da base industrial 08/12/11 (recursos concentrados) Maior utilização de produtos COTS Maiores custos totais de ciclos de vida 9/12/2011 Intellectual Property of EThICS Engineering 12
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ORGANIZAÇÃO DE PCS 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 13
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ORGANIZAÇÃO DE PCS Elementos do Método PCS No contexto das atividades de PDI, a fase e o método de PCS é integrado com as fases de PTS - Pesquisa Tecnológica e de Sistemas, GPP - Gestão de Programas de PDI e DSP - Desenvolvimento de Sistemas e Produtos, desde as necessidades e requisitos até os sistemas e produtos resultantes, como na Fig. 2 e na Fig. 3. A PCS aqui descrita abrange as seguintes etapas: ANR Análise de Necessidades e Requisitos. [BLAN_01][JONE_01] [KOSS_01][WASS_01] ECS Exploração Conceitual de Sistemas. [BLAN_01][JONE_01] [KOSS_01][WASS_01] DCS Definição Conceitual do Sistema. [BLAN_01][JONE_01][KOSS_01] [WASS_01] ARGS Análise de Riscos e de Garantias de Sistemas. [RAHE_01] A integração e o fluxo de etapas e tarefas de PCS são apresentados nas Fig. 4, 5, 6, 7, 8 e 9. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 14
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ORGANIZAÇÃO DE PCS Fig. 2: Fases Principais de PDI de Sistemas e Produtos FONTES DE INFO E CONHECIMENTO PTS GPP PESQUISA GESTÃO DE TECNOLÓGICA E PROGRAMAS DE SISTEMAS DE PDI PCS DSP Nec PESQUISA E DESENVIMENTO SIST & & CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS PROD Req DE SISTEMAS E PRODUTOS 27/11/11 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 15
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ORGANIZAÇÃO DE PCS Ref: [EE_039.BE01.08] Fig. 3: Etapas Iniciais de PDI de Sistemas e Produtos FONTES DE INFO & ETAPAS PRINCIPAIS DE PDI CONHECIMENTO ITC AET TAT PTS PESQ TECNOL E DE SIST GPP GESTÃO PROGR DE PDI DNS ETE ATP GEP GTP GOP Nec PCS PESQ E CONC DE SIST DSP DESENV DE SIST E PROD SIST & ANR ECS DCS PPSP PDSP CISP & Req PROD02/11/11 ARGS ARGP 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 16
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ORGANIZAÇÃO DE PCS Ref: [EE_039.BE01.08] Acrônimos de PDI GPP Gestão de Programas de PDI GEP Gestão Estratégica de PDI GTP Gestão Tática de PDI GOP Gestão Operacional de PDI PTS Pesquisa Tecnológica e de Sistemas ITC Inteligência Tecnológica e Competitiva AET Análise Estratégica de Tecnologias ETE Estudos Técnicos Especiais DNS Desenvolvimento de Novos Sistemas ATP Apresentação Técnica de Projeto TAT Transferência e Absorção de Tecnologias PCS Pesquisa e Conceituação de Sistemas ANR Análise de Necessidades e Requisitos ECS Exploração Conceitual de Sistemas DCS Definição Conceitual do Sistema ARGS Análise de Riscos e de Garantias de Sistemas DSP Desenvolvimento de Sistemas e Produtos PPSP Projeto Preliminar de Sistemas e Produtos PDSP Projeto Definitivo de Sistemas e Produtos CIPS Construção e Integração de Sistemas e Produtos PISP Projeto de Instalação de Sistemas e Produtos ARGP Análise de Riscos e de Garantias de Produtos 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 17
  • EThICS ENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIA EThICS 039.CE06.05 ORGANIZAÇÃO DE PCS Ref: [EE_039.BE01.08] Fig. 4: Sequência de Etapas de Engenharia de Novos Projetos02/11/11 PDI PESQUISA , DESENV OLVIMENTO & INOVAÇÃO PCS - PESQ E CONCEITUAÇÃO DE SIST DSP - DESENV DE SIST E PROD ANR ECS DCS PPSP PDSP CISP PROJETO PROJETO CONSTRUÇÃO E ANÁLISE DE EXPLORAÇÃO DEFINIÇÃO PRELIMINAR DE DEFINITIVO DE INTEGRAÇÃO DENECESSIDADES E CONCEITUAL DE CONCEITUAL DO SISTEMAS E SISTEMAS E SISTEMAS EDE REQUISITOS SISTEMAS SISTEMA PRODUTOS PRODUTOS PRODUTOS ARGS ARGP ANÁLISE DE RISCOS E DE GARANTIAS DE SISTEMAS ANÁLISE DE RISCOS E DE GARANTIAS DE PRODUTOSS 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 18
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIA EThICS 039.CE06.05 ORGANIZAÇÃO DE PCS Ref: [EE_039.BE01.08] Fig. 5: Tecnologias de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação 06/06/11 PESQUISA , DESENVOLVIMENTO & INOVAÇÃO ENGENHARIA DE ENGENHARIA DE ENGENHARIA DE REQUISITOS SISTEMAS PRODUTOS• Pesquisa, Consolidação, • Visão do Problema • Projeto Preliminar e Validação e Gestão de • Análise de Necessidades Definitivo de Equipamentos, Requisitos • Exploração Conceitual de Unidades, Módulos e Partes• Análise do Problema Sistemas • Construção, Integração e • Definição Conceitual de Teste Sistemas • Documentação de Produtos • Projeto de Sistemas e e Sistemas Subsistemas • Gestão Técnica de Projetos GESTÃO DE RISCOS E ENGENHARIA DE GARANTIA DE SISTEMAS E PRODUTOS• Garantia da Qualidade • Sustentabilidade • Gestão de Configuração• Garantia de Confiabilidade • Verificação e Validação • Gestão de Direitos e• Segurança • Outros Fatores Penalidades de Garantias• Proteção • Gestão de Riscos • Gestão de Garantia de• Fatores Humanos • Gestão de Custo-Efetividade Sistemas e Produtos• Mantenabilidade • Gestão da Garantia de• Suportabilidade e Logística Software 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 19
  • EThICS ENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIA EThICS 039.CE06.05 ORGANIZAÇÃO DE PCS Ref: [EE_039.BE01.08] Fig. 6: Etapas e Tarefas de PCS27/11/11 PCS - PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS ANR Análise de Necessidades e ECS Exploração Conceitual de DCS Definição Conceitual do Requisitos Sistemas Sistema• Visão do Problema. • Formulação dos Requisitos de • Seleção da Conceituação do Sistema.• Análise das Necessidades. Desempenho. • Definição da Conceituação do Sistema.• Análise Operacional. • Arquitetura Básica de Sistemas. • Planejamento do Desenvolvimento do• Análise Funcional. • Exploração de Alternativas de Sistema.• Definições de Exequibilidade. Conceitos.• Validação de Necessidades. • Avaliação de Alternativas de Conceitos.• Definição dos Requisitos Operacionais. • Validação de Alternativas de Conceitos.• Gestão de Riscos. • Gestão de Riscos. • Gestão de Riscos.• Requisitos de Garantia de Sistemas. • Requisitos de Garantia de Sistemas. • Requisitos de Garantia de Sistemas.• TCO - Total Cost of Ownership • TCO - Total Cost of Ownership • TCO - Total Cost of Ownership• Decisão sobre Prosseguimento. • Decisão sobre Prosseguimento. • Decisão Final sobre Prosseguimento. ARGS Análise de Riscos e de Garantias de Sistemas 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 20
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ORGANIZAÇÃO DE PCS Ref: [EE_039.BE01.08] Fig. 7: Etapas e Tarefas de PCS: ANR e ECS ANR - ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS 27/11/11 VISÃO DO PROBLEMA VISION ANÁLISE DAS DEFINIÇÕES DE NECESSIDADES EXEQUIBILIDADE DEFINIÇÃO DOS REQUISITOS ANÁLISE VALIDAÇÃO DAS OPERACIONAIS OPERACIONAL NECESSIDADES ANÁLISE FUNCIONAL ECS - EXPLORAÇÃO CONCEITUAL DE SISTEMAS 27/11/11 FORMULAÇÃO EXPLORAÇÃO DE DOS REQUISITOS ALTERNATIVAS DE DE DESEMPENHO CONCEITOS VALIDAÇÃO DE ALTERNATIVAS DE ARQUITETURA AVALIAÇÃO DE CONCEITOS BÁSICA DE ALTERNATIVAS DE SISTEMAS CONCEITOS 9/12/2011 Intellectual Property of EThICS Engineering 21
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ORGANIZAÇÃO DE PCS Ref: [EE_039.BE01.08] Fig. 8: Etapas e Tarefas de PCS: DCS e ARGS DCS - DEFINIÇÃO CONCEITUAL DO SISTEMA 27/11/11 SELEÇÃO DA DEFINIÇÃO DA PLANEJAMENTO CONCEITUAÇÃO CONCEITUAÇÃO DO DESENVOLVIM DO SISTEMA DO SISTEMA DO SISTEMA ARGS - ANÁLISE DE RISCOS E DE GARANT DE SISTEMAS ARGS DURANTE ARGS DURANTE ARGS DURANTE ANR ECS DCS 08/06/11 9/12/2011 Intellectual Property of EThICS Engineering 22
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ORGANIZAÇÃO DE PCS Ref: [EE_039.BE01.08] Fig. 9: Etapas de PCS: Finalidades e Questões Básicas ANR ECS DCS Análise de Necessidades Exploração Conceitual Definição Conceitual do e Requisitos de Sistemas Sistema Estabelecer qual é a Explorar quais são as Selecionar a conceituação de necessidade válida para um conceituações potenciais de sistema mais atraente novo sistema, e que ele seja sistemas que atendem as (predileta). técnica e economicamente necessidades. Definir suas características 06/06/11 exequível. Formular e validar um funcionais. conjunto de requisitos de Desenvolver um plano desempenho de sistema. detalhado para as etapas subsequentes de engenharia, produção e implementação. • Qual é a necessidade • Qual é o desempenho • Quais são as válida de um novo requerido para o novo características-chaves da sistema? sistema no atendimento conceituação de sistema • Há uma abordagem das necessidades? que trarão o balanço mais prática para satisfazer • Há pelo menos uma benéfico entre essa necessidade? abordagem para obter capacidade, vida útil esse desempenho a um operacional e custos? custo suportável? 9/12/2011 Intellectual Property of EThICS Engineering 23
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 24
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01] Propósitos de ANR Compreender qual o problema a ser resolvido pelo futuro sistema. Estabelecer que uma necessidade de um novo sistema realmente existe e é válida. Estabelecer que o sistema desejado é tecnicamente e economicamente exequível. Elicitar e analisar os requisitos aplicáveis ao projeto e ao sistema. Definir um conjunto válido de requisitos operacionais, funcionais e de desempenho a serem atendidos pelo conceito de sistema. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 25
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01] Questões Principais de ANR Há necessidades reais por um novo sistema? Quais são essas reais necessidades? O que deve ser conseguido para mitigar as deficiências? Em que grau as necessidades atuais podem ser satisfeitas por modificações físicas ou funcionais dos meios correntemente usados? Há deficiências operacionais a serem superadas pelo novo sistema? As tecnologias ora disponíveis são capazes de atender a demanda crescente por mais capacidades? Há uma oportunidade tecnológica para criar um novo sistema? Há uma abordagem prática para satisfazer essa necessidade? A solução de sistema oferece uma melhoria de capacidade que justifica os esforços para criá-la? 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 26
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01] Escopo de ANR Visão do Problema Análise de Necessidades Análise Operacional Análise Funcional Análise de Exequibilidade Validação das Necessidades Definição dos Requisitos Operacionais 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 27
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01][BOGU_01] ANR1: Visão do Problema Questões Concernentes ao Problema: Qual é a natureza e a magnitude do problema? Quais riscos serão derivados se o problema não for resolvido? Elementos da Visão do Problema: Descrição das motivações, natureza, magnitude, e contexto do principal problema a ser resolvido. O problema do SOS: Deve-se entender o problema do SOS que se pretende resolver pelo uso do novo sistema. Motivação e contexto das operações: Quais são os objetivos e as metas operacionais a serem considerados? Quem são os atores e os responsáveis pela operação do novo sistema? O contexto de operação poderá ser mais complexo que o novo sistema, isoladamente. O problema do sistema: Quais são as expectativas acerca do novo sistema a ser usado no SOS? 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 28
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01] ANR2: Análise das Necessidades Questões Concernentes às Necessidades: Há reais necessidades para um novo sistema? Quais são essas necessidades? O que deve ser realizado para mitigar as deficiências? Em que grau as necessidades atuais podem ser satisfeitas por modificações físicas ou operacionais dos meios atuais? Há deficiências operacionais a serem superadas pelo novo sistema? São as novas tecnologias capazes de atender a crescente demanda por mais capacidades? Há uma oportunidade tecnológica para criar um novo sistema? Há uma abordagem prática para satisfazer essas necessidades? A solução do novo sistema oferece uma melhoria de capacidades que justifica os esforços para criá-la? 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 29
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01] ANR2: Análise das Necessidades Elementos da Análise das Necessidades: Evidências da Necessidades: Quais são as evidências das necessidades? Devem ser feitas investigações p-ara definir por que e como um novo sistema satisfará as necessidades. Objetivos e metas operacionais: Quais são os objetivos e as metas operacionais? Restrições e suposições: Devem ser conhecidas, desde o começo do projeto, as restrições e as suposições a serem impostas ao novo sistema, suas características, operações e projeto. Custos e prazos: As estimativas de custos (LCC, custos unitários de vendas, TCO) e os prazos são usualmente levantados nesse momento. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 30
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01] ANR2: Análise das Necessidades Elementos da Análise das Necessidades: Interessados (stakeholders) no projeto e no sistema: Em relação à propriedade do SOS e do futuro novo sistema, é necessário definir que são os proprietários, operadores, usuários, e outras pessoas e organizações interessadas, para bem definir as responsabilidades e as autoridades por requisitos, restrições, e suposições, bem como para outras definições e eventuais modificações. Aceitação, qualificação e certificação do novo sistema: Devem ser definidas as instituições que irão aprovar, qualificar ou certificar o novo sistema. Devem ser obtidos as normas, os regulamentos e as práticas a serem usadas para aceitar, qualificar e certificar o novo sistema. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 31
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOSRef.: [KOSS_01][BLAN_01] [NASA_01] ANR3: Análise Operacional Questões Concernentes à Análise Operacional: Para iniciar e dirigir o método PCS, é de grande ajuda obter o escopo do sistema. A Fig. 10, baseada em [NASA_01], apresenta as dimensões do escopo e a influência do conceito operacional e dos demais elementos do escopo no futuro sistema. Os elementos operacionais do escopo do sistema e do projeto são: Missão ConOps - Conceito de Operações Ambientes Operacionais Conceituação Arquitetônica do Sistema e dos Sub-Sistemas Interfaces e Interoperações Conceituação Funcional Resultados Requeridos 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 32
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [NASA_01] Fig. 10: Dimensões do Escopo do Sistema e do Projeto Metas Necessidades Resultados amplos, Objetivos Explicam por que o fundamentais, que Iniciativas que implementam projeto deverá se espera conseguir as metas. desenvolver o sistema, para atender a Qual é o mínimo que os sob o ponto de vista dos necessidade. interessados esperam do interessados. sistema para considerá-lo um sucesso? Suposições Missão Exemplos: ESCOPO Definindo e restringindo Nível de tecnologia É a definição do que é a missão ajudará na Parcerias determinante para seu identificação de Extensões para outras projeto! requisitos. missões Autoridade e 27/11/11 Restrições Responsabilidade Itens externos que não podem Quem tem autoridade sobre os ser controlados e que devem aspectos de desenvolvimento ser alcançados, identificados Conceitos Operacionais do sistema? durante a definição do escopo. Imagine as operações do futuro sistema e documente as etapas de Orçamentos como o sistema será usado em Prazos toda a sua extensão. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 33
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [NASA_01] Dimensões do Escopo do Sistema e do Projeto Necessidade: Dirige todo o resto... Relacionada com o plano estratégico ou plano de negócios. NÃO é uma definição do sistema ou da solução. Explica por que o projeto deverá desenvolver o sistema, sob o ponto de vista dos interessados (stakeholders). Não muda muito durante o vida do projeto. Metas: Uma meta é um resultado amplo e fundamental que se espera conseguir para atender a necessidade. Objetivos: Se estende no como as metas serão alcançadas. São as iniciativas que implementam as metas. Especificam também os critérios de sucesso – qual é o mínimo que os interessados esperam do sistema para considerá-lo um sucesso. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 34
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [NASA_01] Dimensões do Escopo do Sistema e do Projeto Missão: É o caso de negócio que trata por que o sistema é necessário. Definindo e restringindo a missão ajudará na identificação de requisitos. Restrições: Itens externos que não podem ser controlados e que devem ser alcançados ou atendidos, identificados durante a definição do escopo. Frequentemente estabelecidos por meio de orçamentos e prazos. Autoridades e Responsabilidades: Quem tem autoridade sobre os aspectos de desenvolvimento do sistema? Por ex.: órgão governamental, contratante, cliente. Suposições: Como identificadas pelos interessados, como parte dos elementos do escopo listados acima. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 35
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [NASA_01] Dimensões do Escopo do Sistema e do Projeto Conceitos Operacionais: São uma descrição, etapa por etapa, de como o sistema proposto deverá operar e interagir com os seus usuários e suas interfaces externas (por exemplo, outros sistemas). Não esquecer de incluir as perspectivas dos interessados! Imagine as operações do futuro sistema e documente as etapas de como o sistema, em toda a sua extensão, será usado. Descreva, em níveis superiores, os cenários nominais e outros. Efetividade Operacional: É o amplo grau de cumprimento de uma missão por um sistema quando usado em seu ambiente operacional. Análise de Efetividade: É um enfoque analítico usado para determinar quão bem um sistema desempenha em seu pretendido ambiente de uso. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 36
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [NASA_01] Dimensões do Escopo do Sistema e do Projeto Ambiente Operacional: São as condições ambientais naturais ou induzidas, as interfaces previstas entre sistema e ambiente, e as interações dos usuários por meios das quais o sistema é previsto ser operado. Requisitos Operacionais: São as afirmações que identificam as capacidades essenciais, os requisitos associados, as medidas de desempenho, e o processo ou série de ações a serem tomadas para a efetivação dos resultados que são desejados, para a solução das deficiências de missão, as aplicações ou ameaças adicionais, as tecnologias emergentes, ou as melhorias de custos do sistema. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 37
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01][BOGU_01] ANR3: Análise Operacional Elementos da Análise Operacional: Missão, perfis e cenários: Obter uma declaração descritiva e quantitativa da missão do novo sistema: Fronteiras e limites operacionais. Propósitos e aplicações do novo sistema. Requisitos das funções primárias do novo sistema. Funções adicionais do novo sistema. Multifunções e dedicação eventual a mais que um tipo de missão. Perfis e cenários distintos para cada tipo de missão, associados aos modos de operação. Funções adicionais relacionadas, tais como auto-teste, treinamento, e outras tarefas especiais. Requisitos de alto nível dos estados do novo sistema, abrangendo transporte, armazenagem, desmontagem, remontagem, e outros estados. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 38
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01][BOGU_01] ANR3: Análise Operacional Elementos da Análise Operacional: Condições para disposição e o uso: Determine as condições para a disposição e o uso operacional do novo sistema: Instalação fixa permanente. Instalação fixa temporária, sendo transportada (por ferrovia, rodovia, hidrovia ou aerovia) de um sítio para outro. Instalação móvel (em veículos terrestres, aéreos, aquáticos ou espaciais). Determine o tipo e a aplicação do sistema. Conceito operacional: Indique os tipos e etapas das futuras operações do novo sistema, em toda a sua extensão e detalhes. Defina a repartição e o relacionamento dos parâmetros e estados operacionais do novo sistema em relação aos elementos do SOS. Ambientes operacionais: Descreva e quantifique as condições ambientais, em espaço e em tempo, preponderantes durante a fabricação, o transporte, a operação, a manutenção do novo sistema, considerando as fontes naturais e as antropogênicas. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 39
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01][BOGU_01] ANR3: Análise Operacional Elementos da Análise Operacional: Arquitetura do novo sistema: Apresente a composição e a arquitetura de alto nível do SOS, bem como a composição e a arquitetura do novo sistema como parte do SOS. Descreva a identificação básica dos elementos do novo sistema e dos subsistemas e a especificação dos requisitos de desempenho e suas relações com as funções do novo sistema. Apresente a caracterização dos requisitos físicos principais do novo sistema. Interfaces e inter-operação: Especifique os requisitos das interfaces internas e externas e as condições de interoperabilidade para os elementos do sistema e dos subsistemas. Examine e descreva as interfaces especiais dos elementos do novo sistema com as condições ambientais operacionais. Cobertura operacional: Defina as dimensões de cobertura de espaço e tempo para as operações do novo sistema. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 40
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01][BOGU_01] ANR3: Análise Operacional Elementos da Análise Operacional: Ameaças: Classifique e caracterize o ambiente esperado de ameaças, “jammers” e outros tipos de interferências antropogênicas para a operação do novo sistema, de acordo com suas naturezas e origens. Recursos de processamento: Descreva as características dos tipos e os requisitos dos recursos de processamento de sinais e de dados do novo sistema. Elementos do ciclo de vida e de custos: Os elementos do ciclo de vida do sistema devem ser estabelecidos: Data desejada para o início do uso do sistema. Duração esperada para a vida útil. Ciclos de operação, manutenção, revisão e melhoria do sistema. As estimativas dos elementos de custo principais devem ser estabelecidos: Custo total de propriedade (custo total de aquisição mais custo total de operação). Número de sistemas a serem implementados. Organização e infraestrutura de suporte logístico. Organização e infraestrutura para a operação. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 41
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS Ref.: [RAHE_01] ANR3: Análise Operacional Elementos da Análise Operacional: Requisitos de garantia de sistema: Considere, quantifique e aloque aos elementos do sistema, cada um dos requisitos de garantia de sistemas e produtos, considerando todo o ciclo de vida do novo sistema: Riscos e Custo-Efetividade. Gestão de Configuração. Direitos e Penalidades de Garantias. Garantias de Software. Garantia da Qualidade, Garantia de Confiabilidade. Mantenabilidade. Segurança, Proteção. Fatores Humanos. Suportabilidade e Logística. Sustentabilidade. Outros, similares. Verificação e Validação. As condições e os procedimentos para a aceitação, qualificação e certificação do novo sistema devem também ser incluídas. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 42
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS ANR4: Análise Funcional Elementos da Análise Funcional: Conceito funcional do novo sistema: Defina os modos funcionais e os parâmetros, sua repartição e relacionamento dentre os elementos do SOS. Estabeleça o papel funcional do novo sistema no contexto do SOS. Requisitos de desempenho funcional: Descreva as funções do novo sistema e dos subsistemas. Estabeleça os critérios para a medição da qualidade de desempenho do novo sistema, em ambientes adversos. Aloque os requisitos de desempenho funcional ao novo sistema e subsistemas. Simulação funcional: Crie um modelo funcional do novo sistema e subsistemas. Crie um modelo realista de erro de medidas. Analise os funcionamentos através do modelo. Introduza as características de desempenho no modelo e analise as suas efetividades. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 43
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS ANR5: Definições de Exequibilidade Elementos das Definições de Exequibilidade: Avaliação das soluções de sistemas disponíveis atualmente: Colete dados sobre os sistemas atuais, similares ao novo sistema sob análise. Avalie os detalhes sobre as tecnologias utilizadas. Obtenha dados sobre suas limitações operacionais, funcionais e de custo- efetividade. Comparação das soluções de sistemas existentes e os requisitos do novo sistema: Analise e compare as especificações e os dados das soluções existentes com os requisitos do novo sistema. Avaliação de exequibilidade dos conceitos funcionais do sistema: Avalie se as tecnologias dos sistemas das soluções atuais permitirão obter as funções e os desempenhos requeridos. Descreva e justifique as necessidades de outras tecnologias para realizar os conceitos funcionais. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 44
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS ANR6: Validação das Necessidades Elementos da Validação das Necessidades: Verificação das evidências das necessidades: Obtenha evidências sólidas sobre a existência e a caracterização das necessidades declaradas. Análise da viabilidade do atendimento das necessidades: Verifique, para cada característica das necessidades, se e como será viável serem atendidas. Validação das necessidades e da relação dos conceitos de sistemas: Descreva os possíveis conceitos de sistemas que validarão as características das necessidades. Valide as características das necessidades a serem usadas. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 45
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ANR ANÁLISE DE NECESSIDADES E REQUISITOS ANR7: Definição dos Requisitos Operacionais Elementos da Definição dos Requisitos Operacionais: Elicitação dos requisitos operacionais: Elicite e organize os requisitos operacionais e as restrições do novo sistema. Análise dos requisitos operacionais: Analise criticamente e revise os objetivos operacionais do novo sistema. Revise e analise detalhadamente e os conceitos e os requisitos operacionais do novo sistema: Com diagramas e modelos. Consolidando-os em uma lista completa e não-ambígua e consistente, usando, se possível, ferramentas apropriadas. Síntese dos requisitos operacionais: Analise a exequibilidade dos requisitos operacionais do novo sistema: Verifique como cada um dos requisitos operacionais do novo sistema poderão ser executados, considerando os modos, restrições e funções. Se alguma inconsistência ocorrer, volte à etapa inicial do ANR para melhor entendimento dos conceitos e requisitos e para remover a inconsistência. Valide e sintetize todos os requisitos e restrições operacionais do novo sistema. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 46
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ECS EXPLORAÇÃO CONCEITUAL DE SISTEMAS 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 47
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ECS EXPLORAÇÃO CONCEITUAL DE SISTEMAS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01] Propósitos de ECS Apresentar uma variedade de alternativas de soluções de conceitos de sistemas, que atendam os requisitos e restrições estabelecidos. Explorar quais são os conceitos potenciais de sistema que podem atender as necessidades. Formular e validar um conjunto de requisitos de desempenho de sistemas para cada um dos conceitos de sistema. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 48
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ECS EXPLORAÇÃO CONCEITUAL DE SISTEMAS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01] Questões Principais de ECS Qual é o desempenho requerido ao novo sistema para que atenda as necessidades? Há pelo menos uma abordagem para obter esse desempenho, a um custo suportável? 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 49
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ECS EXPLORAÇÃO CONCEITUAL DE SISTEMAS Ref.: [KOSS_01][BLAN_01] Escopo de ECS Formulação dos Requisitos de Desempenho. Arquitetura Básica do Novo Sistema. Exploração dos Conceitos Alternativos. Avaliação dos Conceitos Alternativos. Validação dos Conceitos Alternativos. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 50
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ECS EXPLORAÇÃO CONCEITUAL DE SISTEMAS ECS1: Formulação dos Requisitos de Desempenho Elementos da Formulação dos Requisitos de Desempenho: Derivação dos requisitos de desempenho: Descreva os requisitos de desempenho consistentemente com cada função e modo de operação do novo sistema. Formule as características de desempenho do novo sistema e subsistemas: Desenvolva modelos funcionais e de desempenho do novo sistema para a avaliação teórica e prática da viabilidade de consecução do desempenho funcional, por meio de: Uso de equações e outras relações entre as características já estabelecidas. Exploração de diferentes parâmetros e feições do novo sistema. Derive e formule as características de desempenho do novo sistema e subsistema. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 51
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ECS EXPLORAÇÃO CONCEITUAL DE SISTEMAS ECS2: Arquitetura Básica do Novo Sistema Elementos da Arquitetura Básica do Novo Sistema: Arquitetura geral do novo sistema: Antes de explorar as soluções completas do novo sistema, é recomendável explorar os elementos arquitetônicos que exercerão grande influência na definição dos outros elementos do sistema. Avalie o estado-da-arte das tecnologias mais adequadas ao novo sistema. Crie diagramas arquitetônicos completos com os elementos. Análise técnica dos principais elementos arquitetônicos: Avalie os parâmetros técnicos e crie modelos matemáticos para a analisar as funções e o desempenho do novo sistema e subsistemas. Avalie as possibilidades e extensões do funcionamento dos elementos. Avalie e analise as possibilidades de tecnologias e sistemas: Antes de descrever sistemas específicos completos, as tecnologias de hardware e software disponíveis usuais para tais tipos de sistemas devem ser levantadas e avaliadas. Isso trará uma visão atualizada das possibilidades, poderá inspirar inovações e reforçará o conhecimento de arquiteturas dos sistemas. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 52
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ECS EXPLORAÇÃO CONCEITUAL DE SISTEMAS ECS3: Exploração dos Conceitos Alternativos Elementos da Exploração dos Conceitos Alternativos: Formulação de alternativas: Considerando as tecnologias e as análises funcionais e de desempenho, crie alternativas de conceitos de sistemas possíveis de serem implementados. Provas de conceito e testes: Quando necessário, construa modelos ou elementos físicos a serem submetidos a experimentos e avaliações de testes e provas de conceito. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 53
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ECS EXPLORAÇÃO CONCEITUAL DE SISTEMAS ECS4: Avaliação dos Conceitos Alternativos Elementos da Avaliação dos Conceitos Alternativos: Avaliação de exequibilidade: Avalie as condições de execução de cada alternativa de novo sistema. Avaliação de desempenho: Avalie as características de desempenho de cada alternativa de novo sistema. Avaliação de custo-efetividade: Avalie as características de custo-efetividade de cada alternativa de novo sistema. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 54
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ECS EXPLORAÇÃO CONCEITUAL DE SISTEMAS ECS5: Validação dos Conceitos Alternativos Elementos da Validação dos Conceitos Alternativos: Refinamento dos requisitos de desempenho e funcionais: Revise os detalhes dos requisitos de desempenho e funcionais para cada elemento das arquiteturas de cada alternativa do novo sistema. Simulação funcional das alternativas: Usando simulação, verifique a capacidade de cada alternativa do novo sistema para executar os requisitos funcionais. Modelamento e demonstrações das alternativas: Crie modelos para cada alternativa do novo sistema e subsistemas. Verifique e demonstre as funcionalidades de cada alternativa. Us protótipos sempre que necessário. Síntese dos requisitos de desempenho das alternativas do novo sistema: Verifique e demonstre os desempenhos de cada alternativa. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 55
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ECS EXPLORAÇÃO CONCEITUAL DE SISTEMAS ECS5: Validação dos Conceitos Alternativos Elementos da Validação dos Conceitos Alternativos: Classificação e validação das alternativas: Classifique e valide as alternativas. Descarte as alternativas inválidas e menos adequadas. Proposição de alternativas: Documente e apresente as alternativas mais adequadas. Proponha uma ordenação para a seleção da solução preferida. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 56
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 DCS DEFINIÇÃO CONCEITUAL DO SISTEMA 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 57
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 DCS DEFINIÇÃO CONCEITUAL DO SISTEMA Ref.: [KOSS_01][BLAN_01] Propósitos de DCS Selecionar a melhor solução de conceito de sistema para atender os requisitos e restrições estabelecidos. Selecionar um conceito de sistema preferencial (mais atrativo). Definir as características de sua arquitetura básica e funcional. Desenvolver um plano detalhado para as fases subsequentes de desenvolvimento, fabricação, implementação e uso de sistema e produto. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 58
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 DCS DEFINIÇÃO CONCEITUAL DO SISTEMA Ref.: [KOSS_01][BLAN_01] Questão Principal de DCS Quais são as características chaves do conceito de sistema selecionado que trarão o balanço mais benéfico entre capacidades, vida útil e custos? 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 59
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 DCS DEFINIÇÃO CONCEITUAL DO SISTEMA Ref.: [KOSS_01][BLAN_01] Escopo de DCS Seleção do Conceito do Novo Sistema. Definição do Conceito do Novo Sistema. Planejamento para o Desenvolvimento do Novo Sistema. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 60
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 DCS DEFINIÇÃO CONCEITUAL DO SISTEMA DCS1: Seleção do Conceito do Novo Sistema Elementos da Seleção do Conceito do Novo Sistema: Seleção do conceito preferido para o novo sistema: Analise e confirme as alternativas propostas. Crie critérios para a seleção da solução preferida. Selecione a solução mais adequada para o conceito do sistema. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 61
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 DCS DEFINIÇÃO CONCEITUAL DO SISTEMA DCS2: Definição do Conceito do Novo Sistema Elementos da Definição do Conceito do Novo Sistema: Modelamento do conceito do sistema selecionado: Crie um modelo para do conceito do sistema selecionado e de seu ambiente. Demonstre as capacidades funcionais e de desempenho do conceito do sistema selecionado. Especificações funcionais e arquitetônicas: Documente as especificações operacionais, funcionais, de desempenho e arquitetônicas do conceito do sistema selecionado. Validação do conceito do sistema selecionado: Valide o conceito do sistema selecionado comparado com os requisitos operacionais, funcionais e de desempenho. Relatório e documentação: Crie um relatório com os resultados obtidos durante as atividades de PCS. Documente o conceito do sistema selecionado. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 62
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 DCS DEFINIÇÃO CONCEITUAL DO SISTEMA DCS3: Planejamento para o Desenvolvimento do Novo Sistema Elementos do Planejamento para o Desenvolvimento do Novo Sistema: Planejamento para o ciclo de vida: Planejamento para o desenvolvimento. Planejamento para a produção. Planejamento para o suporte e a logística. Planejamento para o uso. Planejamento para o descarte e a substituição. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 63
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ARGS ANÁLISE DE RISCOS E DE GARANTIAS DE SISTEMAS 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 64
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ARGS ANÁLISE DE RISCOS E DE GARANTIAS DE SISTEMAS Ref.: [RAHE_01] Propósitos de ARGS Assegurar e validar que os requisitos e restrições de garantia de sistemas e de custo-efetividade poderão ser atendidos pelo conceito de sistema selecionado. Avaliação de riscos e custo-efetividade. Validação dos requisitos de garantia de sistemas. Recomendações para a mitigação e controle de riscos, custos e garantia de sistemas, para cada alternativa de conceitos de sistemas. Executar esta etapa em paralelo e simultaneamente com as outras três etapas de PCS. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 65
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ARGS ANÁLISE DE RISCOS E DE GARANTIAS DE SISTEMAS Ref.: [RAHE_01] Questão Principais de ARGS Os níveis dos riscos de perigo e de incerteza estão sob controle? Os requisitos de garantia de sistemas e produtos estão estabelecidos total e claramente? O equilíbrio de custo-efetividade será atendido pelo conceito de sistema selecionado? 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 66
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ARGS ANÁLISE DE RISCOS E DE GARANTIAS DE SISTEMAS Ref.: [RAHE_01] Escopo de ARGS Tecnologias e disciplinas de gestão: GSP, Riscos de GSP, Custo-Efetividade, Configuração, Garantia de Software, Direitos e Penalidades de Garantias Tecnologias e disciplinas de engenharia: Garantia da Qualidade, Garantia de Confiabilidade, Mantenabilidade de Sistemas e Produtos, Segurança de Sistemas, Proteção de Sistemas, Fatores Humanos, Suportabilidade e Logística, Sustentabilidade de Sistemas e Produtos, Verificação e Validação, Outras análogas. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 67
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ARGS ANÁLISE DE RISCOS E DE GARANTIAS DE SISTEMAS Ref.: [RAHE_01] ARGS1: ARGS durante ANR Elementos para ARGS durante ANR: Gestão de risco: Defina os critérios para análise. Classifique os riscos de perigos e de incertezas. Avalie os riscos potenciais do projeto, do sistema, e das operações. Avalie os riscos derivados se o problema não for resolvido. Requisitos de garantia de sistemas: Avalie e caracterize os limites dos principais requisitos de garantia de sistemas, abrangendo: Gestão de: garantia de produtos, riscos, custo-efetividade, configuração, garantia de software, e direitos e penalidades de garantias. Engenharia de: qualidade, confiabilidade, mantenabilidade, segurança, proteção, fatores humanos, suportabilidade e logística, sustentabilidade, verificação e validação, e outras análogas. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 68
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ARGS ANÁLISE DE RISCOS E DE GARANTIAS DE SISTEMAS Ref.: [RAHE_01] ARGS1: ARGS durante ANR Elementos para ARGS durante ANR: Custo Total de Propriedade: Avalie e analise o TCO preliminar, conforme percebido pelo mercado. Decisão de Prosseguir-Ou-Parar: Considere a adequação e a conveniência para continuar o projeto. Justifique a decisão. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 69
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ARGS ANÁLISE DE RISCOS E DE GARANTIAS DE SISTEMAS Ref.: [RAHE_01] ARGS2: ARGS durante ECS Elementos para ARGS durante ECS: Gestão de risco: Caracterize, avalie e compare os riscos e os parâmetros de garantia de sistemas de cada alternativa de conceitos de sistema. Avalie a disponibilidade e a liberação de partes e tecnologias de fornecedores estrangeiros. Analise e avalie cada solução de compromisso. Recomende a mitigação e o controle dos riscos. Requisitos de garantia de sistemas: Analise a viabilidade de consecução dos requisitos de garantias e de custo- efetividade. Recomende providências para a garantia de sistemas e de custo-efetividade. Custo Total de Propriedade: Revise e analise o TCO preliminar, para cada alternativa. Decisão de Prosseguir-Ou-Parar: Considere a adequação e a conveniência para continuar o projeto. Justifique a decisão. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 70
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 ARGS ANÁLISE DE RISCOS E DE GARANTIAS DE SISTEMAS Ref.: [RAHE_01] ARGS3: ARGS durante DCS Elementos para ARGS durante DCS: Gestão de risco: Emita recomendações detalhadas para a mitigação e o controle dos riscos para o desenvolvimento do conceito do sistema selecionado. Requisitos de garantia de sistemas: Analise e revise os detalhes dos termos de garantia e custo-efetividade. Emita recomendações detalhadas para a consecução dos elementos de garantia de sistemas e de custo-efetividade para o desenvolvimento do conceito do sistema selecionado. Custo Total de Propriedade: Revise e analise o TCO para a conceito do sistema selecionado. Decisão Final de Prosseguir-Ou-Parar: Considere a adequação e a conveniência para continuar o projeto. Justifique a decisão. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 71
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 APÊNDICES 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 72
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 APÊNDICES Referências[BLAN_01] BLANCHARD, B. S. System engineering management. 4th ed. Hoboken NJ:John Wiley, 2008. 539 p.[BOGU_01] BOGUSH Jr., Alfred J. Radar and the atmosphere. Norwood, MA: ArtechHouse, 1989. 452 p.[EE_039.BE01.08] LIBRELATO, A. S. EThICS 039.BE01.08: Pesquisa, Desenvolvimento eInovação - Visão Geral. Dezembro, 2011. 42 p.[JONE_01] JONES, J. V. Supportability engineering handbook: implementation,measurement and management. USA: McGraw-Hill, 2007.[KOSS_01] KOSSIAKOFF, A.; SWEET, W. N. Systems engineering: principles andpractices. Hoboken, NJ: John Wiley, 2003. 463 p.[LIBR_01] LIBRELATO, A. S.; SAOTOME, O. A methodology proposal to design radars -systems approach. XIII Simpósio de Aplicações Operacionais em Áreas de Defesa - ISSN1983-7402. São José dos Campos, SP: 2011. 4 p.[NASA_01] NASA. “Scoping & concept of operations (ConOps) module”. Space SystemsEngineering Version 1.0. 2010. Available athttp://spacese.spacegrant.org/index.php?page=scope-conops. Accessed in 22/11/2011. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 73
  • EThICSENGINEERING PCS – PESQUISA E CONCEITUAÇÃO DE SISTEMAS - METODOLOGIAEThICS 039.CE06.05 APÊNDICES Referências[RAHE_01] RAHEJA, D. G.; ALLOCO, M. Assurance technologies principles and practices- a product, process, and system safety perspective. 2nd ed. Hoboken, NJ: John Wiley,2006. 472 p.[WASS_01] WASSON, C. S. System analysis, design and development: concepts,principles and practices.. Hoboken, NJ: John Wiley, 2006. 818 p. 9/12/2011 Propriedade Intelectual de EThICS Engineering 74