Formulário rio tibiri

  • 400 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
400
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
5
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. FORMULÁRIO Bacia HidrográficaPesquisador: Roosevelt F. AbrantesOrientador: Ulisses Denache BACIA HIDROGRAFICA DO RIO TIBIRI 1. Nome da Bacia? Bacia do Rio Tibiri 2. Como é conhecida popularmente? Rio Tibiri 3. Qual a área em km²? A sua área é de 114 km2 4. Qual a localização? A bacia do rio Tibiri localiza-se no município de São Luís, sudeste da ilha doMaranhão, entre as coordenadas de 02º35’ e 02º45’ S e 44º10’ e 44º20’ W. Limita-se a leste com a bacia do Rio Tijupá e o Rio Jeniparana, a oeste com o Distrito Industrial, ao norte com o Aeroporto Mal. Cunha Machado e o parque de Exposições, ao sul com a baia de São José, tem uma área de 140,04 km e um perímetro de 52,88 Km. 5. Caracterize geograficamente a Bacia: (Relevo, vegetação, margens, mata ciliar do curso principal)? Há concentração de manguezais distribuídos em furos e igarapés constituídos por substrato de vasas, onde a granulometria predominante é silte, argila e vasas. Há no curso superior dos afluentes, o ambiente fluvial, com afloramento de lençóis freáticos nas encostas colinosas, baixões e matas ciliares. 6. Quais os bairros que abrange? Os bairros do Tibirizinho, Vila Cruzado, Rio do Meio, Quebra Pote e Santa Barbara. 7. Está inserida ou possui áreas de unidades de Conservação em seu território? Não esta inserida e nem possuir unidades de conservação! Mais possui cinco (05) áreas de proteção ambiental importante como: 1) Delta do Parnaíba - PI, CE e MA (1996); 2) Serra de Tabatinga - MA, TO e BA (1990); 3) APA do Itapiracó - São Luís – MA; 4) APA do Maracanã - São Luís – MA; 5) APA dos Morros Garapanses - Afonso Cunha, Buriti, Coelho Neto, Duque Bacelar - MA (2008)
  • 2. 8. Quantos e quais são os bairros que estão inseridos nela? São seis bairros, entre eles estão o bairro do Tibiri, Tibirizinho, Vila Cruzado, Rio do Meio, Quebra Pote e Santa Barbara. Além de estarem próximos a este rio, parte do Distrito Industrial de São Luís e o Aterro Sanitário da Ribeira.9. Possui comitê de Bacia? Não possui! O Estado do Maranhão possui apenas dois comitês de bacias hidrográficas, criados recentemente, que são: os comitês das bacias dos rios Mearim e Munim.10. Possui algum formulário técnico sobre sua situação na SEMA ou na SEMAN? Não possuir!11. Esses estudos estão em formatos impressos e digitais? Sim! Em formatos digitais, elaborados pela turma de jornalismo da Faculdade São Luis no Maranhão; com diversos trabalhos publicados em seu blog com temas muito interessante, tais como: historias dos bairros, que abordam a historia dos rios que cortam essas comunidades.12. Possui algum documentário em vídeo ou áudio? Não possuir!13. Você encontrou alguma notícia em jornal sobre essa Bacia? Sim! No seguinte link; http://www.portaldomaranhao.com/Noticias/2632/Semana-de-preservacao-da-agua-discute-estado-de-rios. também no blog: Turma de jornalismo da faculdade São Luis - http://jornalismofsl20121.blogspot.com.br/2012/08/historiasdos-bairros.html.14. Outros.... (Acrescente informações que o formulário não pede, mas que você pensa ser importante). a) História do Rio Tibiri: O bairro recebeu seu nome do Rio Tibiri, um dos principais cursos dágua da cidade de São Luís, que flui no seu entorno. No passado, habitava a região a tribo de índios tupi-guaranis, cujo chefe se chamava Tibiriçá. Em homenagem a esse líder (cacique), a tribo denominou o rio Tibiri. b) Significado do Nome do Rio: O topônimo Tibiri é uma palavra do tupi tibir-y, que em português significa "rio do sepultado ou do finado". c) Ocupação industrial: Há no curso superior dos afluentes, o ambiente fluvial, com afloramento de lençóis freáticos nas encostas colinosas, baixões e matas ciliares. Sem um planejamento urbano adequado, observa-se uma desordenada expansão urbana e impactos ambientais negativos. Como fator agravante, tem-se nesta área, parte do Distrito Industrial de São Luís, com constantes agressões ao meio-ambiente. Considera- se ainda a possibilidade de instalação de uma Zona de Processamento de Exportação no Distrito Industrial, que tem 31 indústrias. d) Ocupação Sanitária: O aterro sanitário da ribeira localizado nesta bacia, possui 60 hectares disponíveis de um total de quase 1.600 hectares e vida útil estimada em 25 anos, contribuindo também para a degradação ambiental. Levando-se em conta a fragilidade da área, a variedade de usos e os impactos ambientais que esta vem sofrendo, este trabalho objetiva analisar as condições geoambientais da área visando a elaboração de uma proposta de zoneamento ambiental.