Sujeito. Predicado
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Sujeito. Predicado

on

  • 37,024 views

 

Statistics

Views

Total Views
37,024
Views on SlideShare
36,781
Embed Views
243

Actions

Likes
5
Downloads
460
Comments
2

7 Embeds 243

http://www.slideshare.net 160
http://bloglinguas.blogspot.com.br 68
http://escolamovel.dgidc.min-edu.pt 6
http://bloglinguas.blogspot.com 5
http://www.bloglinguas.blogspot.com.br 2
http://bloglinguas.blogspot.ru 1
http://www.slideee.com 1
More...

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

CC Attribution-NonCommercial LicenseCC Attribution-NonCommercial License

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel

12 of 2

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
  • ae gostei mutio deste site ^^
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
  • Ainda bem que o slide foi útil, guest805e0d. De facto, pode-se aprender bastante, quando lemos textos / matéria escritos em português sem erros.

    Pode-se, querendo, evitar os erros.

    Bom estudo.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Sujeito. Predicado Sujeito. Predicado Presentation Transcript

      •  SUJEITO e PREDICADO
      • Síntese do estudo
      • rsn
      • 2007/08
    • SUJEITO
      • O sujeito é o ser ou o objecto sobre o qual se diz algo.
      • O sujeito é uma das funções essenciais de uma oração. A outra é o predicado.
      • Para identificarmos facilmente o sujeito, podemos perguntar ao verbo: “Quem?”
      • Há 5 tipos de sujeito: simples , composto , subentendido , indeterminado , e inexistente .
    • TIPOS DE SUJEITO
      •  Sujeito simples – um só elemento (nome ou pronome): Eles foram ao jogo.
      •  Sujeito composto – dois ou mais elementos: A minha mãe e eu fomos às compras.
      •  Sujeito subentendido – não expresso: (Eu) Estudei imenso ontem.
      •  Sujeito indeterminado – não é possível identificá-lo: Alugam-se casas .
      •  Sujeito inexistente – a oração não tem sujeito – Há pessoas existentes .
    • CONCORDÂNCIA DO SUJEITO COM O VERBO
      •  Com sujeito simples
      • O verbo concorda com o sujeito em número e pessoa.
      • Os alunos estudam .
      • Nós lemos .
      •  Com sujeito indeterminado
      • O verbo vai para a terceira pessoa do plural, mas se a indeterminação do sujeito é dada pela partícula –se , o verbo fica no singular.
      • Dizem que se lê pouco.
      • Fala- se muito de futebol.
      •  Com sujeito composto
      • O verbo vai geralmente para o plural.
      • O Pedro, a Maria e o Carlos visitaram os avós.
    • OBSERVAÇÕES
      • 1.
      • Quando o sujeito composto é concluído pelos pronomes ou locuções pronominais ninguém , nada , tudo , cada um ou cada qual , o verbo fica no singular: Professores e alunos, ninguém tinha visto o filme.
      • 2.
      • Se um dos sujeitos é pronome , o verbo vai para a pessoa em que se encontra esse pronome: Eu e a Carla saímos . / Tu e a Paula ides ( vão ) de comboio.
      • 3.
      • Se o sujeito é o pronome relativo que, o verbo concorda com o antecedente do pronome: Sou eu que jogo primeiro.
      • 4.
      • Quando o sujeito é o pronome relativo quem, o verbo fica, geralmente, na 3ª pessoa: És tu quem joga primeiro.
    • PREDICADO
      •  O predicado é aquilo que se declara sobre o sujeito.
      •  O núcleo do predicado corresponde sempre a um verbo conjugado .
      •  Há 2 tipos de predicado: predicado verbal e predicado nominal .
    • TIPOS DE PREDICADO
      •  PREDICADO VERBAL – o verbo deste tipo de predicado é um verbo significativo , isto é, transmite uma ideia completa (acção, processo, evento) relativamente ao sujeito. Ex.: estragar , secar …
      •  PREDICADO NOMINAL – o verbo é copulativo (de ligação), isto é, não transmite uma ideia nova ao sujeito. Serve para estabelecer uma ligação entre o sujeito e um elemento da frase. Ex.: ficar , permanecer …