• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Bibiografia de sophia de melo anderson 2
 

Bibiografia de sophia de melo anderson 2

on

  • 572 views

 

Statistics

Views

Total Views
572
Views on SlideShare
572
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
1
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Bibiografia de sophia de melo anderson 2 Bibiografia de sophia de melo anderson 2 Document Transcript

    • Sophia de Mello Breyner Andresen“Autor do mês”Biblioteca da Escola Secundária de SerpaMaria do Rosário Gomes Mortágua Silva
    • Biobibliografia de Sofia de Mello Breyner AndresenSophia de Mello Breyner Andresen nasceu no Porto, no dia 6 deNovembro de 1919; no seio de uma família fidalga, de origemdinamarquesa por parte do pai.A sua educação decorreu num ambiente católico e cultural influenciando asua personagem.A sua infância e adolescência decorreram entre Porto, onde viveu até aos10 anos, e Lisboa, onde acabou por se fixar após o seu casamento.Frequentou o curso de Filologia Clássica na Faculdade de letras daUniversidade de Lisboa, mas não chegou a concluir o curso.Sophia de Mello Breyner foi casada com o advogado e jornalista FranciscoSousa Tavares com quem teve cinco filhos, que foram a sua fonte demotivação para escrever contos infantis.A escritora Portuguesa foi sócia fundadora da “Comissão Nacional deSocorro aos Presos Políticos”, tendo sempre uma intervenção politicaconstante opondo-se ao regime salazarista; mesmo após revolução deAbril de 1974, foi representante na Assembleia constituinte pelo partidosocialista.Presidiu ao Centro Nacional de Cultura e à Assembleia-geral da AssociaçãoPortuguesa de escritores.Sophia de Mello Breyner é uma das melhores poetisas contemporâneas.Também foi tradutora. As suas obras literárias encontram-se traduzidasem França, Itália, e Estados Unidas da América.A luz, a seriedade e a magia estão sempre presentes nas obras de Sophia.O ambiente da sua infância reflete-se em imagens e ambientes presentesna sua obra, sobretudo nos livros para crianças. Os verões passados napraia da Granja e os jardins da casa da família ressurgem em evocações domar ou de espaços de paz e amplitude. A civilização grega é igualmenteuma presença recorrente nos versos de Sophia, através da sua crençaMaria do Rosário Gomes Mortágua Silva
    • profunda na união entre os deuses e a natureza, tal como outra dimensãoda religiosidade, provinda da tradição bíblica e cristã. A literatura infantilem Portugal ficou marcada sobretudo nas gerações mais jovens, em obrascomo “O Rapaz de Bronze”, “A Fada Oriana” ou “A Menina do Mar”.Autora de catorze livros de poesia, publicados entre 1944 e 1997,Sophia colaborou nas revistas Cadernos de Poesia (1940) e Árvore (1951)tendo convivido com nomes da literatura muito conhecidos como MiguelTorga, Ruy Cinatti e Jorge de Sena. Sophia de Mello Breyner faleceu a 2 deJulho de 2004 .Recebeu vários prémios: 1962 – Grande Prémio de Poesia da Sociedade Portuguesa deescritores; 1977 – Prémio Teixeira, de Pascoaes; 1994 – Prémio Vida Literária, da Associação Portuguesa de escritores; 1995 – Prémio Petrarca, da Associação de Editores Italianos 1999 – Prémio Camões; 2001 – Prémio Max Jacob de Poesia.Algumas das suas Obras:Na Lírica: Poesia (1944) Dia do Mar (1947) Coral (1950)Maria do Rosário Gomes Mortágua Silva
    • No Tempo Dividido (1954) Mar Novo (1958) O Cristo Cigano (1961) Livro Sexto (1962) Geografia (1967) Dual (1972) O Nome das Coisas (1977) Navegações (1977/82) Ilhas (1989) Musa (1994) O Búzio de Cós (1997)Em Prosa: O Rapaz de Bronze (1956) Contos Exemplares (1962) Histórias da Terra e do Mar (1984) A Fada Oriana (1958) A Menina do Mar (1958) Noite de Natal (1959) Cavaleiro da Dinamarca (1964) A Floresta (1968)Maria do Rosário Gomes Mortágua Silva
    • Retirado de:http://pitos.blogs.sapo.pt/932.html em 30 de Março de 2012http://www.ecolenet.nl/tellme/poesia/sophia.htm em 30 de Março de 2012http://www.astormentas.com/andresen.htm em 30 de Março de 2012Motor de Busca GoogleEste trabalho foi realizado no âmbito da disciplina:Tecnologias da Informação e Comunicação. Apoio aos utilizadores" - CastroVerdeMaria do Rosário Gomes Mortágua Silva