Tabela comentada
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Tabela comentada

on

  • 392 views

 

Statistics

Views

Total Views
392
Views on SlideShare
392
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
1
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft Word

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Tabela comentada Tabela comentada Presentation Transcript

  • Tabela matriz a utilizar para a realização da 1ª parte da tarefa, conforme indicações do Guia da Sessão Conhecimento na área Biblioteca escolar Aspectos críticos que a Literatura Desafios. Acções Domínio Pontos fortes Fraquezas Oportunidades Ameaças identifica a implementar Contribuir para a melhoria das aprendizagens, levando à aquisição e construção de conhecimentos; O desafio é ser Proporcionar o capaz de Aquisição de desenvolvimento responder às Criação da figura formação na área das literacias; exigências da nova do professor Pouca formação do das novas Pouca oferta de BE. bibliotecário PB tendo em vista tecnologias; formação não Competências do Articular com os qualificado. as exigências Disponibilização paga. professor bibliotecário professores Estar atento e ter apontadas na dos conhecimentos estratégias e uma postura de literatura. adquiridos à instrumentos que investigação e de comunidade contribuam para a aprendizagem escolar. melhoria das contínua. aprendizagens; Ajudar os alunos a definir e a atingir os objectivos curriculares.
  • Conhecimento na área Biblioteca escolar São desafios os Condições de dois pressupostos Existência de um acesso e de da literatura de professor trabalho individual Todd: bibliotecário e de ou em grupo; Definir o sucesso uma equipa Escassez de pela qualidade de preferencialmente Falta de equipa; Ambiente calmo e funcionários, por trabalho realizado; pluridisciplinar ; Situação de fusão Organização e Gestão da tranquilo, bom vezes, causa Ser capaz de de escolas BE mobiliário, número problemas ao mudar a Disponibilização de culturalmente razoável de PCs; funcionamento mentalidade recursos (em muito diferentes. integral da BE própria e dos formato papel, Funcionária a outros de colector digitais) tempo inteiro para conector adequados Continuar o Falta de enriquecimento da Actualização dos A colecção colaboração dos É muito escassa colecção em Prosseguir na recursos existente é boa, diferentes Gestão da Colecção ainda a oferta de suporte papel; elaboração e documentais e adequada ao nível departamentos na uma colecção Diversificar, enriquecimento da digitais; etário e sempre sugestão de novos digital. aumentar e página da BE. renovada, materiais a incluir actualizar a na colecção. colecção digital. A BE como espaço de Desenvolvimento Trabalho Dificuldade de Acompanhamento Algum Criar mais conhecimento e de estratégias de colaborativo com articulação de curricular e das desinteresse e estratégias de aprendizagem. Trabalho integração da departamentos e saberes, de aprendizagens dos desconhecimento divulgação da BE e colaborativo e articulado biblioteca no professores na disponibilidades alunos. em relação à das possibilidades com Departamentos e desenvolvimento planificação de horárias para Disponibilização de importância que a colaborativas; docentes. curricular; actividades ; trabalho recursos de BE deve ter na Cativar mais a Trabalho colaborativo. informação, Escola. participação de
  • Conhecimento na área Biblioteca escolar Trabalho com contribuindo para professores e colaborativo com alunos individuais o seu uso e alunos para a vida os professores de ou em pequenos integração nas da BE. forma a adequar a grupos. práticas lectivas. BE às necessidades curriculares; Desenvolvimento de actividades que Formação para as levam a melhores A informação literacias; competências desactualiza-se Colaboração com de leitura; rapidamente; Formação para a leitura e colegas Realização de A Biblioteca Escassez de Dar resposta a para as literacias professores na sessões de digital não tem A elaboração dos tempo e de todas as novidades elaboração de informação sobre limites de espaço. horários não é capacidades e solicitações. guiões as novas literacias “amiga” das (in)formativos. da informação sessões de para alunos e informação. professores BE e os novos ambientes Adequação ao novo Quer para o PB Falta de Solidificação da Dificuldade até Adquirir mais digitais. paradigma digital; quer para os conhecimentos página WEB; agora sentida em formação Aquisição de utilizadores da BE, informáticos Investimento na colocar o catálogo tecnológica; novas habilitações a construção/ adequados à implementação do on line; Pô-la ao serviço da tecnológicas utilização da inovação diária que Blogue BE. Conseguir comunidade. Biblioteca digital se vai verificando Divulgação dos efectivamente pode fazer-se em mesmos à passar informação qualquer hora ou comunidade. sobre os serviços local, desde, que da BE haja rede, sem
  • Conhecimento na área Biblioteca escolar constrangimentos. Desenvolvimento Elaborar da gestão baseado Possibilidade de elementos de na recolha de Avaliação não pôr a comunidade recolha de Dificuldade em evidências; punitiva mas escolar a reflectir evidências; interpretar Gestão de evidências/ Avaliação da perspectivada para Tornar punitiva a sobre a função e a Encontrar eficazmente os avaliação. eficácia dos a melhoria avaliação importância da BE respostas resultados da estratégias e /eliminação dos na construção do colaborativas da avaliação serviços aspectos negativos conhecimento. restante prestados; comunidade escolar.
  • Conhecimento na área Biblioteca escolar Gestão da mudança SÍNTESE Factores de sucesso Obstáculos a vencer Acções prioritárias A Biblioteca Escolar do Formação contínua do Professor A mudança, apesar do que diz o Motivar a comunidade educativa século XXI vira-se mais Bibliotecário e, de preferência, da poeta, é difícil de aceitar para a importância da BE, para a construção do equipa na área das BEs; (geralmente, apegamo-nos com convidando-a a uma participação conhecimento do que afinco às rotinas); pró-activa; para a acumulação de Existência de equipa saberes. Nesse sentido, multidisciplinar; A dependência crónica do orçamento Criar mais instrumentos de deve providenciar aos da Escola, sem que haja verbas divulgação das boas práticas na utilizadores mecanismos Formação para professores e alunos específicas para a BE; utilização das TIC; de pesquisa e de recolha na área das literacias da de dados, que ajudem à informação; Complicações criadas pela situação Conciliar a existência de duas BEs e construção individual e de fusão. perspectivar como vai ser a fusão. ao desenvolvimento das Diversidade da colecção competências disponibilizada, em vários formatos, necessárias à evolução e adequada divulgação e informação de cada indivíduo. sobre a boa utilização.
  • Conhecimento na área Biblioteca escolar Uma boa colecção, em suporte papel e digital, e coerentes estratégias de divulgação podem promover esse percurso.