2014 06-11-roberto-mayer-resultados-censo-ti-2013

331 views
260 views

Published on

Published in: Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
331
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
111
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

2014 06-11-roberto-mayer-resultados-censo-ti-2013

  1. 1. Resultados doResultados do Censo do Setor de TI 2013Censo do Setor de TI 2013 11 de junho de 2014 Vitória (ES)
  2. 2. Agenda • Pra quê esse Censo? • Participação 2013 • Resultados sobre Principais Temas • Conclusões
  3. 3. PaParara quêquê esseesse Censo?Censo?
  4. 4. Histórico do Censo • Processo iniciado em 2010 – Planejamento Estratégico Assespro • Com plano de internacionalização • 2011: estruturação inicial • 2012: primeiro Censo: Brasil • 2013: segundo Censo: 17 países
  5. 5. Benefícios do Censo • Dados detalhados sobre o Setor de TI – Não se gere o que não se mede • Avaliação e Acompanhamento de Políticas Públicas • Negócios para Associados – Novo Processo para Oportunidades de Negócios – Base para criação de portal de geração de demanda • Parcerias com outros interessados no tema – Governos, organismos internacionais, universidades, etc. • Fim do “achismo” – Eliminar espaço para que supostos “experts” injetem opiniões (nem sempre desinteressadas) como verdades para o mercado Nosso Foco HOJE
  6. 6. Aspectos não tratados hoje • Processo de desenvolvimento do Censo • Processo de coleta dos dados junto às empresas • Trabalhos desenvolvidos para uma internacionalização ainda maior do Censo – A meta é sua globalização
  7. 7. Análises Comparativas Internacional Resultados ALETI 2013 Brasil Resultados Assespro 2013 Detalhados para: Região Sul Região Sudeste Demais Regiões UFs: PR e SP Quando Relevantes
  8. 8. Temas do Censo • Participação em Entidades • Vendas • Exportações • Recursos Humanos • Capitais Financeiros • Inovação • Plataformas Tecnológicas • ... Vários outros que não trataremos hoje
  9. 9. Agradecimento • Empresas Patrocinadoras do Censo MBI www.mbi.com.br SurveyMonkey www.surveymonkey.com
  10. 10. ParticipaParticipaçção 2013ão 2013
  11. 11. Área Geográfica Portugal España Península Ibérica 7,2% Brasil 63,4% Cono Sur 11,0% Paises Andinos 12,4% México y América Central 5,9%
  12. 12. Quantidade de Empresas 850 empresas participantes Análise com base em 555 participantes Brasil 63,4% Paises Andinos 11,0% Cono Sur 12,4% Península Ibérica 7,2%México & América Central 5,9% Estados Paraná e São Paulo: amostras significativas para análise comparativa
  13. 13. ParticipaParticipaççãoão em Entidadesem Entidades
  14. 14. Entidades Empresariais – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Ninguna Una Dos Tres o cuatro Cinco a ocho Nueve o más
  15. 15. Entidades Empresariais – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Demais Regiões Região Sudeste Região Sul UF PR UF SP Uma Duas Três ou quatro Cinco a oito Nove ou mais Nenhuma
  16. 16. VendasVendas
  17. 17. Vendas – Internacional 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Hasta 180 mil dólares De 180 mil a 600 mil dólares De 600 mil a 1,8 millones de dólares De 1,8 a 5 millones de dólares De 5 a 10 millones de dólares De 10 a 20 millones de dólares De 20 a 50 millones de dólares De 50 a 100 millones de dólares De 100 a 500 millones de dólares Más de 500 millones de dólares
  18. 18. Vendas – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Demais Regiões Região Sudeste Região Sul UF PR UF SP Até 360 mil reais De 360 mil a 1,2 milhão de reais De 1,2 a 3,6 milhões de reais De 3,6 a 10 milhões de reais De 10 a 20 milhões de reais De 20 a 40 milhões de reais De 40 a 100 milhões de reais De 100 a 200 milhões de reais De 200 milhões a um bilhão de reais Mais de um bilhão de reais
  19. 19. Evolução 2012-2013 – Internacional 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Disminución del 50 al 100% Disminución de 25 a 50% Disminución de 10 a 25% Disminución de 5 a 10% Estable (varió menos que 5%) Crecimiento entre 5 e 10% Crecimiento del 10 al 25% Crecimiento entre 25 e 50% Crecimiento entre 50 e 100% Crecimiento superior al 100%
  20. 20. Evolução 2012-2013 – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Demais Regiões Região Sudeste Região Sul UF PR UF SP Redução de 25 a 50% Redução de 10 a 25% Redução de 5 a 10% Estável (variou menos que 5%) Crescimento de 5 a 10% Crescimento de 10 a 25% Crescimento de 25 a 50% Crescimento de 50 e 100% Crescimento superior a 100%
  21. 21. Menor região que representa maioria das vendas totais – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región El barrio La ciudad La región metropolitana La provincia/estado/departamento El país Una parte del continente Todo el continente Todo el planeta
  22. 22. Menor região que representa maioria das vendas totais – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Demais Regiões Região Sudeste Região Sul UF PR UF SP O Bairro A cidade A região metropolitana O estado/região geográfica O país Uma parte do continente O planeta todo
  23. 23. Receitas Recorrentes – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Hasta 10% De 10 a 30% De 30 a 50% De 50 a 70% De 70 a 90% Más del 90%
  24. 24. Receitas Recorrentes – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Demais Regiões Região Sudeste Região Sul UF PR UF SP Até 10% De 10 a 30% De 30 a 50% De 50 a 70% De 70 a 90% Mais de 90%
  25. 25. Interesse em Oportunidades de Negócios – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Mi empresa no tiene interés en oportunidades de negocios Sólamente en mi país En los 19 países miembros de ALETI En cualquier país
  26. 26. ExportaExportaççõesões
  27. 27. Valor das Exportações – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Paises Andinos México & América Central Cono Sur Península Ibérica Toda la región No exporta Menos del 0,25% Del 0,25 a 1% Del 1 a 4% Del 4 a 15% Del 15 a 30% Del 30 a 60% Del 60 a 80% Más del 80%
  28. 28. Valor das Exportações – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Demais Regiões Região Sudeste Região Sul UF PR UF SP Não exporta Menos de 0,25% De 0,25 a 1% De 1 a 4% De 4 a 15% De 15 a 30% De 30 a 60% Mais de 80%
  29. 29. Evolução das Exportações – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Disminución de 50 a 100% Disminución de 25 a 50% Disminución de 10 a 25% Estable (varió menos que 5%) Crecimiento entre 5 e 10% Crecimiento del 10 al 25% Crecimiento entre 25 e 50% Crecimiento entre 50 e 100% Crecimiento superior al 100%
  30. 30. Evolução das Exportações – Brasil 0% 5% 10% 15% 20% 25% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões Redução de 50 a 100% Redução de 10 a 25% Estável (variou menos que 5%) Crescimento de 5 a 10% Crescimento de 10 a 25% Crescimento de 25 a 50% Crescimento de 50 e 100% Crescimento superior a 100%
  31. 31. Recursos HumanosRecursos Humanos
  32. 32. Viagens ao Exterior – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región 1 ó 2 3 o 4 5 a 9 10 a 19 20 a 49 50 o más
  33. 33. Viagens ao Exterior – Brasil 0% 2% 4% 6% 8% 10% 12% 14% 16% 18% Demais Regiões Região Sudeste Região Sul UF PR UF SP 1 ou 2 3 ou 4 5 a 9 10 a 19 20 a 49
  34. 34. Profissionais de Desenvolvimento – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Ninguno 1 ó 2 3 o 4 5 a 8 9 a 25 26 a 99 100 a 499 500 a 3999 4000 o más
  35. 35. Profissionais de Desenvolvimento – Brasil0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões Nenhum 1 ou 2 3 ou 4 5 a 8 9 a 25 26 a 99 100 a 499 500 a 3999 4000 ou mais
  36. 36. Outros Profissionais Técnicos – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Ninguno 1 ó 2 3 o 4 5 a 8 9 a 25 26 a 99 100 a 499 500 a 3999 4000 o más
  37. 37. Outros Profissionais Técnicos – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões Nenhum 1 ou 2 3 ou 4 5 a 8 9 a 25 26 a 99 100 a 499 500 a 3999 4000 ou mais
  38. 38. Profissionais Pós-graduados – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Ninguno 1 ó 2 3 o 4 5 a 8 9 a 25 26 a 99 100 a 499 500 a 3999
  39. 39. Profissionais Pós-graduados – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões Nenhum 1 ou 2 3 ou 4 5 a 8 9 a 25 26 a 99 100 a 499 500 a 3999
  40. 40. Profissionais Certificados – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Ninguno 1 ó 2 3 o 4 5 a 8 9 a 25 26 a 99 100 a 499 500 a 3999 4000 o más
  41. 41. Profissionais Certificados – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões Nenhum 1 ou 2 3 ou 4 5 a 8 9 a 25 26 a 99 100 a 499 500 a 3999 4000 ou mais
  42. 42. Variação do nível de emprego – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Crecimiento superior al 100% Crecimiento entre 50 e 100% Crecimiento entre 25 e 50% Crecimiento del 10 al 25% Crecimiento entre 5 e 10% Estable (varió menos que 5%) Disminución de 5 a 10% Disminución de 10 a 25% Disminución de 25 a 50% Disminución de 50 a 100%
  43. 43. Variação do nível de emprego – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Demais Regiões Região Sudeste Região Sul UF PR UF SP Crescimento superior a 100% Crescimento de 50 e 100% Crescimento de 25 a 50% Crescimento de 10 a 25% Crescimento de 5 a 10% Estável (variou menos que 5%) Redução de 5 a 10% Redução de 10 a 25% Redução de 25 a 50% Redução de 50 a 100%
  44. 44. Profissionais em P&D&i – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Ninguno 1 ó 2 3 o 4 5 a 8 9 a 25 26 a 99 100 a 499 500 a 3999
  45. 45. Profissionais em P&D&i – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões Nenhum 1 ou 2 3 ou 4 5 a 8 9 a 25 26 a 99 100 a 499
  46. 46. CapitaisCapitais FinanceirosFinanceiros
  47. 47. Tipos de Capital já Usados – Internacional0% 50% 100% 150% 200% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Apertura de capital en Bolsa de Valores (IPO) Capital aportado por Clientes de la empresa Capital aportado por Socios de Negocios de la empresa Capital de ‘angel investors’ Capital de familiares de los socios Capital de riesgo de fondos de inversiones Capital propio de los socios Financiación de bancos privados Financiación de bancos públicos Subsidios para proyectos provenientes de autoridades de su país Subsidios para proyectos provenientes del extranjero
  48. 48. Tipos de Capital já Usados – Brasil 0% 50% 100% 150% 200% Demais Regiões Região Sudeste Região Sul UF PR UF SP ‘Venture capital’ de fundos de investimento Abertura de capital em Bolsa de Valores (IPO - Initial Public Offer) Capital aportado por Clientes da empresa Capital aportado por parceiros da empresa Capital de familiares dos sócios Capital de 'investidores anjo' Capital dos próprios sócios da empresa Financiamento obtido junto a bancos privados Financiamento obtido junto a bancos públicos Subvenções para projetos obtidos de autoridades de seu país Subvenções para projetos obtidos no Exterior
  49. 49. Volume de Recursos Captados – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región De cero a 10 mil dólares De 10 a 100 mil dólares De 100 mil a un millón de dólares De uno a diez millones de dólares De diez a cien millones de dólares De cien a mil millones de dólares Más de mil millones de dólares
  50. 50. Volume de Recursos Captados – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Demais Regiões Região Sudeste Região Sul UF PR UF SP De nenhum até 20 mil reais De 20 mil a 200 mil reais De 200 mil a dois milhões de reais De dois a vinte milhões de reais De vinte a duzentos milhões de reais De duzentos milhões a dois bilhões de reais Mais de dois bilhões de reais
  51. 51. InovaInovaççãoão
  52. 52. Inovação Mercadológica – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Nunca Muy raramente Raramente Algunas veces Muchas veces Continuadamente
  53. 53. Inovação Mercadológica – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões Nunca Muito raramente Raramente Às vezes Freqüentemente De forma contínua
  54. 54. Inovação Evolutiva – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Nunca Muy raramente Raramente Algunas veces Muchas veces Continuadamente
  55. 55. Inovação Evolutiva – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões Nunca Muito raramente Raramente Às vezes Freqüentemente De forma contínua
  56. 56. Inovação Agressiva – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Nunca Muy raramente Raramente Algunas veces Muchas veces Continuadamente
  57. 57. Inovação Agressiva – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões Nunca Muito raramente Raramente Às vezes Freqüentemente De forma contínua
  58. 58. Uso de Tecnologia Aberta – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Nunca Muy raramente Raramente Algunas veces Muchas veces Continuadamente
  59. 59. Uso de Tecnologia Aberta – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões Nunca Muito raramente Raramente Às vezes Freqüentemente De forma contínua
  60. 60. Disponibilização de Tecnologia Aberta – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Nunca Muy raramente Raramente Algunas veces Muchas veces Continuadamente
  61. 61. Disponibilização de Tecnologia Aberta – Brasil0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões Nunca Muito raramente Raramente Às vezes De forma contínua Freqüentemente
  62. 62. Certificações Empresariais – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región CMMi nivel 2 o 3 CMMi nivel 4 ou 5 ISO 14000 ISO 20000 ISO 27000 ISO 29110 ISO 9000 Moprosoft mps.br nivel A a D mps.br nível E a G
  63. 63. Certificações Empresariais – Brasil 0% 5% 10% 15% 20% 25% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões CMMi nível 2 ou 3 CMMi nível 4 ou 5 ISO 14000 ISO 20000 ISO 27000 ISO 29110 ISO 9000 Moprosoft mps.br nivel A a D mps.br nível E a G
  64. 64. Nível de despesas em P&D&i – Internacional0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región No hacemos este tipo de inversión Menos del 0,25% Del 0,25% al 0,5% Del 0,5% al 1% Del 1% al 2% Del 2% al 4% Del 4% al 8% Del 8% al 15% Más del 15%
  65. 65. Nível de despesas em P&D&i – Brasil 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% Demais Regiões Região Sudeste Região Sul UF PR UF SP Nenhum Menos de 0,25% De 0,25% a 0,5% De 0,5% a 1% De 1% a 2% De 2% a 4% De 4% a 8% De 8% a 15% Mais de 15%
  66. 66. TecnologTecnologiiaa
  67. 67. Sistemas Operacionais – Internacional0% 50% 100% 150% 200% 250% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Embebidos Familia Apple Familia Linux Familia Microsoft Familia Unix Mainframes Sistemas de porte medio Móviles
  68. 68. Sistemas Operacionais – Brasil 0% 20% 40% 60% 80% 100% 120% 140% 160% 180% 200% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões Embarcados Apple Linux Microsoft Unix Mainframes Porte médio Dispositivos móveis
  69. 69. Gerenciadores de Bases de Dados – Internacional0% 50% 100% 150% 200% 250% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región Bases de datos para desktop Bases de datos para sistemas embebidos Familia DB/2 Família Oracle Familia Software Libre Familia SQL Server Otros propietarios
  70. 70. Gerenciadores de Bases de Dados – Brasil0% 20% 40% 60% 80% 100% 120% 140% 160% 180% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões Bases de dados para desktop Bases de dados para sistemas embarcados Familia DB/2 Família Oracle Família Software Livre Familia SQL Server Outros Proprietários
  71. 71. Linguagens de Programação – Internacional0% 50% 100% 150% 200% 250% Brasil Cono Sur México & América Central Paises Andinos Península Ibérica Toda la región 4GL e generadores de aplicaciones Para la Web Personalización de software-paquete Bajo nivel Ambiente cliente-servidor Otros tipos
  72. 72. Linguagens de Programação – Brasil 0% 20% 40% 60% 80% 100% 120% 140% 160% 180% 200% UF SP UF PR Região Sul Região Sudeste Demais Regiões 4GL e geradores de aplicação Customização de software-produto Para a Web Baixo nível Cliente-Servidor Outros tipos
  73. 73. ConclusõesConclusões
  74. 74. Conclusões • A realidade é muito mais complexa do que a dualidade a que nos apegamos • Diversas políticas públicas precisam ser reavaliadas em função da realidade que enfrentamos • “Sonho” original: cerca de um terço já é realidade – Série histórica de dados em profundidade – Comparação a nível regional, simultânea e com comparabilidade entre países
  75. 75. Perguntas? Nossos Patrocinadores • http://www.assespro.org.br • mailto:roberto.mayer@assespro.org.br

×