Your SlideShare is downloading. ×
0
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Será que o Leão é Manso? Explicando o SPED para empresários sem torturá-los.

686

Published on

(c) Roberto Dias Duarte

(c) Roberto Dias Duarte

Published in: Business
0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
686
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
5
Actions
Shares
0
Downloads
52
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. © Roberto Dias DuarteImagens: www.istock.com e www.depositphotos.com SPED: empreendedorismo e t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. inovação u a D as i D t o e r b o SPED para o sem torturá-los Como explicar quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R empresários por Roberto Dias Duarte
  • 2. © Roberto Dias Duarte O tal do SPED: Positivo te rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. para o país ua D as i D t o e r o b Rwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 3. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 4. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a O primeiro a afirmar: D as i D o t rumo à O SPED impulsiona o Brasil e r o Era b do Conhecimentowww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 5. © Roberto Dias Duarte Economia Subterrânea: 16,8% do PIB t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. R$695 bilhões u a D as i D t o e r o b quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R Fonte: Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV)/ Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (ETCO)
  • 6. © Roberto Dias Duarte Sonegação: mais de R$200 bi/ano t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o b quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R Fonte: Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV)/ Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (ETCO) e Portal da Transparência
  • 7. © Roberto Dias Duarte Sonegação: mais de R$200 bi/ano t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r b 7,5 vezes o investimento para R o Copa do Mundo de 2014 (R$ 27 bi) Fonte: Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV)/ Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (ETCO) e Portal da Transparência quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 8. © Roberto Dias Duarte Economia Subterrânea t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. % do PIB 21,0% 20,9% u a 20,4% D s 20,2% i a 19,5% D 18,7% 18,5% t o 17,7% e r 16,8% o b R 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 Fonte: Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV)/ Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (ETCO) quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 9. © Roberto Dias Duarte Economia Subterrânea t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. % do PIB 21,0% 20,9% u a 20,4% D s 20,2% i a 19,5% D 18,7% 18,5% t o 17,7% e r média mundial 10% 16,8% o b R 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 Fonte: Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV)/ Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (ETCO) quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 10. © Roberto Dias Duarte O tal do SPED: Positivo te rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. para o empresas?a u D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 11. © Roberto Dias Duarte NF-e:te rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. a Reduz u D custos as i D t o e r o b 880 mil emisssoreswww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R milhões de receptores
  • 12. © Roberto Dias Duarte Eventos da NF-e t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 13. © Roberto Dias Duarte NF-e 2G + Brasil-ID t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 14. © Roberto Dias Duarte NF-e 2G + Brasil-ID t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 15. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 16. © Roberto Dias Duarte Nota Fiscal Eletrônica do Varejo NFC-e t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. DANFE u a Arquivo XML Simplificado D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 17. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 18. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 19. © Roberto Dias Duarte PAF-ECF x SAT CF-e e rtAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 20. © Roberto Dias Duarte SPED Fiscal: governança t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R 1,5 milhão até 2014
  • 21. © Roberto Dias Duarte 30% têm te rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. problemas graves u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R Fonte: SEFAZ/GO em junho de 2012
  • 22. © Roberto Dias Duarte 30% têm te rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. problemas graves u a D as i faltam informações D t o divergências entre EFD e NF-e e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R Fonte: SEFAZ/GO em junho de 2012
  • 23. © Roberto Dias Duarte Perfeito? e rtAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 24. © Roberto Dias Duarte EFD Contribuiçõese rtAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 25. © Roberto Dias Duarte EFD Contribuiçõese rtAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. 75 u a 76 D Leis asDecretos i 19 Portarias D88 Instruções Normativas o 43 t ∞ Atos Declaratórios e r Soluções de consulta o b ∞ Decisões judiciaiswww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 26. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i Carlos Alberto Barreto, secretário da Receita Federal D t o e r o b Fonte: Valor Econômico - 29.5.2012www.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R Foto: Agência Brasil
  • 27. © Roberto Dias Duarte "Nosso regulamento da Cofins é o mais t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. volumoso de todos, e o sistema gera uma série de distorções. Entender o u a funcionamento da Cofins é algo muito D complexo" as i Carlos Alberto Barreto, secretário da Receita Federal D t o e r o b Fonte: Valor Econômico - 29.5.2012www.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R Foto: Agência Brasil
  • 28. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 29. © Roberto Dias Duarte Perfil Profissiográfico Previdenciário t e Livro de Registro de Empregado rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. a Arquivos eletrônicos Dirf GFIP u D as i Folha de Pagamento D t o RAIS CAGEDe r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R Comunicação Acidente de Trabalho
  • 30. © Roberto Dias Duarte Em 2013: EFD Social e rtAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 31. © Roberto Dias Duarte Em 2013: EFD Social e rtAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. a Registro de Eventos Trabalhistas Banco de Dados do Empregado u D Folha de Pagamento Digital as i D t o e r o b do Trabalhador DCTF Prev Portalwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R Integrado ao Registro de Ponto Eletrônico
  • 32. © Roberto Dias Duarte Folha Digitale r tAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. Simplificada (via internet) u a D a s Simples Nacional i D o t Microempreendedor Individual e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R Empregador pessoa física
  • 33. © Roberto Dias Duarte Carga Tributária: vai cair? t e 35,04 r 34,13Autorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. 32,60 28,80 u a D 26,00 24,50 as 17,40 i 13,80 14,40 D t o e r o b Fonte: BNDES e IBPT quarta-feira, 19 de dezembro de 12 1947 R 1950 1960 1970 1980 1990 2000 2005 2010
  • 34. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o b quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R Fonte: CONAJE
  • 35. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o b quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R Fonte: CONAJE
  • 36. © Roberto Dias Duarte Imposto na Nota? t e PL 1.472/2007 rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 37. © Roberto Dias Duarte t e a r u Um país com s D de mais i 27 milhões dea D o empreendedores t e r o b Rwww.robertodiasduarte.comquarta-feira, 19 de dezembro de 12 Fonte: Global Entrepreneurship Monitor (2012), G20, BRICS
  • 38. © Roberto Dias Duarte O País de Transparência t e r 19.000Autorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o r 4.000 e 2.929 o b 985 150 R Informais MEI Simples L.Presumido L.Real (x 1.000) Fonte: Receita Federal do Brasil, SEBRAE e IBGE, dados arredondados relativos a 2012 quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 39. © Roberto Dias Duarte O País de Transparência t e r 19.000Autorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. Recebe NF-e Recebe e emite NF-e a Envia/enviará: EFD ICMS Recebe NF-e u EFD Contribuições D Enviará: EFD-Social EFD-Social s Recebe e emite NF-e a i Envia/enviará: Recebe e emite NF-e EFD ICMS/IPI Envia/enviará: D EFD-Social EFD ICMS EFD Contribuições t o SPED Contábil FCONT r 4.000 EFD-Social e 2.929 o b 985 150 R Informais MEI Simples L.Presumido L.Real (x 1.000) Fonte: Receita Federal do Brasil, SEBRAE e IBGE, dados arredondados relativos a 2012 quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 40. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o b quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 41. © Roberto Dias Duarte O caso da cerveja t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o b quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 42. © Roberto Dias Duarte +8 milhões de empresas e rtAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o b quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 43. © Roberto Dias Duarte Todo mês: a moça do t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. departamento “fiscal” u a D as i D t o e r o b quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 44. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. a u do DB2B asenvelope i D pardo t o e r o b quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 45. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. a u do DB2B asenvelope i D pardo t o e r o b quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 46. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D Entra em cena a as escrituração i D t o e r o b quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 47. © Roberto Dias Duarte Ufa! t e Enviei rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. o arquivo u a D as i D t o e r o b quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 48. © Roberto Dias Duarte 1% aderiu ao “milagre”dos t e ERP’s rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o b quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 49. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. Faturamento u a Entrega D as Fisco i Vendas Cliente D t o e r Produção Financeiro Contábil/Fiscal/ b Jurídico Estoque R o Fornecedor Compras quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 50. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. Faturamento u a Entrega D as Fisco i Vendas Cliente D t o e r Produção Financeiro Contábil/Fiscal/ b Jurídico Estoque R o Fornecedor Compras quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 51. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. Faturamento u a Entrega D as Fisco i Vendas Cliente D t o e r Produção Financeiro Contábil/Fiscal/ b Jurídico Estoque R o Fornecedor Compras quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 52. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. Faturamento u a Entrega D as Fisco i Vendas Cliente D t o e r Produção Financeiro Contábil/Fiscal/ b Jurídico Estoque R o Fornecedor Compras quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 53. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. Faturamento u a Entrega D as Fisco i Vendas Cliente D t o e r Produção Financeiro Contábil/Fiscal/ b Jurídico Estoque R o Fornecedor Compras quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 54. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. Faturamento u a Entrega D as Fisco i Vendas Cliente D t o e r Produção Financeiro Contábil/Fiscal/ b Jurídico Estoque R o Fornecedor Compras quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 55. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. Faturamento u a Entrega D as Fisco i Vendas Cliente D t o e r Produção Financeiro Contábil/Fiscal/ b Jurídico Estoque R o Fornecedor Compras quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 56. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. Faturamento u a Entrega D as Fisco i Vendas Cliente D t o e r Produção Financeiro Contábil/Fiscal/ b Jurídico Estoque R o Fornecedor Compras quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 57. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. Faturamento u a Entrega D as Fisco i Vendas Cliente D t o e r Produção Financeiro Contábil/Fiscal/ b Jurídico Estoque R o Fornecedor Compras quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 58. © Roberto Dias Duarte Egossistema t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. Faturamento u a Entrega D as Fisco i Vendas Cliente D o t este “envelope”? e r O que contém Produção Financeiro Contábil/Fiscal/ b Jurídico Estoque R o Fornecedor Compras quarta-feira, 19 de dezembro de 12
  • 59. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. a u D O que chega s fisco ao i a é coerente ?D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 60. © Roberto Dias Duarte Por que informações tão frágeis? t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 61. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o O problema ée r somente o b contábil?www.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 62. © Roberto Dias Duarte O problema é somente tributário? t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 63. © Roberto Dias Duarte O problema é somente t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. tecnológico? a u D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 64. © Roberto Dias Duarte Ou problema é t e empresarial? rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 65. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. u a D as i D t o e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R
  • 66. © Roberto Dias Duarte t e rAutorizado apenas para uso não Comercial, sem adaptações. a u D “Se você não conseguir s não explicar de forma a i simples, é porque D compreendeu bem." t o Albert Einsten e r o bwww.robertodiasduarte.com quarta-feira, 19 de dezembro de 12 R

×