• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Reunião 3 colegiais
 

Reunião 3 colegiais

on

  • 831 views

 

Statistics

Views

Total Views
831
Views on SlideShare
734
Embed Views
97

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

3 Embeds 97

http://josepenna.blogspot.com.br 56
http://escolajosepenna.blogspot.com 40
http://josepenna.blogspot.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Reunião 3 colegiais Reunião 3 colegiais Presentation Transcript

    • Apresentação - SARESP
      • O Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar do Estado de São Paulo – Saresp – é uma avaliação externa da Educação Básica, realizada desde 1996 pela Secretaria da Educação do Estado de São Paulo – SEE/SP. O Saresp tem como finalidade fornecer informações consistentes, periódicas e comparáveis sobre a situação da escolaridade básica na rede pública de ensino paulista, visando orientar os gestores do ensino no monitoramento das políticas voltadas para a melhoria da qualidade educacional.
      • Os resultados dessa avaliação servirão como instrumentos de melhoria dos
      • processos de ensinar e aprender nas escolas , do monitoramento das políticas
      • públicas de educação e do plano de metas das escolas, diretamente vinculados
      • à gestão escolar e à política de incentivos da SEE/SP.
    • SARESP
      • O SARESP (Sistema de Avaliação do Rendimento Escolar do Estado de São Paulo) avalia os alunos que estão na 2ª, 4ª, 6ª e 8ª série do Ensino Fundamental, e 3º ano do Ensino Médio . É aplicado no fim de cada ano letivo. Além de avaliar os alunos, o SARESP avalia também a escola e a qualidade de ensino daquela instituição. É uma avaliação aplicada apenas em escolas publicas estaduais.
      • As provas são divididas em dois dias. Em cada dia o aluno tem no máximo 3 horas para realizar a prova que contem questões de todas as matérias presentes em sua grade escolar, como português, matemática e outras. Em 2009 as provas foram realizadas nos dias 10, 11 e 12 de novembro . Milhares de alunos fizeram a avaliação.
      • Em 2010 provavelmente o governo do estado de São Paulo irá manter o mesmo critério de avaliação e o mesmo formato para o SARESP. Não se tem muitas noticias sobre a avaliação de 2010, pois a de 2009 ainda foi muito recente. A cada ano alguma novidade é implantada, nos resta aguardar para ver quais serão as novidades de 2010.
      • Como todo ano, a prova será aplicada no final do ano, mais ainda não sabemos precisamente em que dias. A prova que foi criada em 1996, é aplicada todos os anos desde então para milhares de jovens e adolescentes .
      • Retenção e evasão: 76 alunos
      • Retenção e evasão: 81 alunos
      • 2,22: meta que deveria ser atingida
      • 2,62 : meta que deveria ser atingida
      2,29 2,1900 2,62 # 2,5300 2,22* 2,13 IDESP 0,7278 # 0,7950* 0,73 INDICADOR DE FLUXO 3,0100 3,1800 2,93 INDICADOR DE DESEMPENHO 2,0350 2,7652 1,91 MATEMÁTICA 3,9787 3,5985 3,95 LÍNGUA PORTUGUESA 2010 2009 2008 2007 3ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO
    • 0000 000 01,5 000 000 000 AVANÇADO 05,26 12,5 08,8 36,5 28,4 36,9 ADEQUADO 50,53 58,0 35,3 46,2 51,1 44,6 BÁSICO 44,21 29,5 54,4 17,2 20,5 18,5 AB. BÁSICO 2009 2008 2007 2009 2008 2007 MATEMÁTICA LÍNGUA PORTUGUESA NÍVEIS DE PROFICIÊNCIA 3ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO
    • Sobre o Enem
      • O Ministério da Educação apresentou uma proposta de reformulação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e sua utilização como forma de seleção unificada nos processos seletivos das universidades públicas federais.
      • A proposta tem como principais objetivos democratizar as oportunidades de acesso às vagas federais de ensino superior, possibilitar a mobilidade acadêmica e induzir a reestruturação dos currículos do ensino médio.
    • Processo Seletivo
      • As universidades possuem autonomia e poderão optar entre quatro possibilidades de utilização do novo exame como processo seletivo:
      • Como fase única, com o sistema de seleção unificada, informatizado e on-line;
      • Como primeira fase;
      • Combinado com o vestibular da instituição;
      • Como fase única para as vagas remanescentes do vestibular.
    • Histórico
      • Criado em 1998, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) tem o objetivo de avaliar o desempenho do estudante ao fim da escolaridade básica. Podem participar do exame alunos que estão concluindo ou que já concluíram o ensino médio em anos anteriores.
      • Enem é utilizado como critério de seleção para os estudantes que pretendem concorrer a uma bolsa no Programa Universidade para Todos (ProUni). Além disso, cerca de 500 universidades já usam o resultado do exame como critério de seleção para o ingresso no ensino superior, seja complementando ou substituindo o vestibular. (SISU)
    • Como funciona o PROUNI Apresentação
    • O Programa Universidade para Todos (ProUni) tem como finalidade a concessão de bolsas de estudo integrais e parciais em cursos de graduação em instituições privadas de educação superior.
    • Quem pode se inscrever?
      • Podem se inscrever no processo seletivo do ProUni, referente ao 1° semestre de 2010, os candidatos não portadores de diploma de curso superior que tenham realizado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2009 e alcançado no mínimo 400 pontos na média das cinco notas (ciências da natureza e suas tecnologias; ciências humanas e suas tecnologias; linguagens, códigos e suas tecnologias; matemática e suas tecnologias e redação).
    • Para concorrer às bolsas, o candidato deve, também, ter renda familiar de até três salários mínimos por pessoa e satisfazer a pelo menos uma das condições abaixo:
      • Ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública;
      • Ter cursado o ensino médio completo em instituição privada, na condição de bolsista integral da respectiva instituição;
      • Ter cursado todo o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em instituição privada, na condição de bolsista integral na instituição privada;
      • Ser portador de deficiência;
      • Ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica e integrando o quadro de pessoal permanente de instituição pública e que estejam concorrendo a bolsas nos cursos de licenciatura, normal superior ou pedagogia. Nesses casos não é considerado o critério de renda.
    • Como é feita a inscrição
      • As inscrições são feitas exclusivamente pela internet, acessando o Sistema do ProUni (SisProUni).
      • Para efetuar a inscrição, o candidato deverá informar seu número de inscrição no Enem 2009 e seu número no Cadastro de Pessoa Física (CPF). Ao efetuar sua inscrição o candidato também deverá informar um endereço de e-mail válido.
      • No sistema, o candidato pode pesquisar as instituições e cursos participantes do Programa. Ao efetuar a inscrição, o estudante escolhe a modalidade de bolsa e até cinco opções de instituições de ensino superior, cursos, habilitações ou turnos dentre as disponíveis, conforme sua renda familiar per capita e sua adequação aos critérios do programa.
      • As notas de corte de cada curso são informadas diariamente pelo Sistema, em caráter exclusivamente informativo. O candidato pode acompanhar as notas de corte e alterar suas opções até o encerramento do período de inscrição.
    • Como funciona o SiSU
      • O Sistema de Seleção Unificada (SiSU) foi desenvolvido pelo Ministério da Educação (MEC) para selecionar os candidatos às vagas das instituições federais que utilizarão a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2009 como única fase de seu processo seletivo.
      • Nesta primeira edição, 51 instituições oferecem 47.913 vagas em bacharelados, licenciaturas e cursos superiores de tecnologia.
      • A seleção é feita pelo sistema com base na nota obtida pelo candidato no Enem 2009. Neste sítio, os candidatos podem consultar as vagas disponíveis, pesquisando os cursos e instituições participantes. As inscrições terão início na próxima sexta-feira, 29, e serão feitas exclusivamente neste portal, por meio do acesso ao sistema.
      • No momento da inscrição, o candidato deverá informar seu número de inscrição no Enem e sua senha de acesso. Caso o aluno não se recorde de sua senha, o sistema permitirá que a recupere. A partir dessa informação, o sistema importará os dados informados na inscrição ao exame e a nota obtida pelo candidato. Para consultar as vagas disponíveis, acesse o menu "Vagas" ou pesquise pelo campo de busca.
    • Etapas de Seleção
      • O processo seletivo por meio do Sistema de Seleção Unificada (SiSU) será realizado em três etapas.
      • A cada etapa, o candidato poderá inscrever-se em uma opção de curso e instituição e o sistema selecionará automaticamente os candidatos melhor classificados em cada curso de acordo com as suas respectivas notas e o número de vagas disponíveis. Os alunos selecionados pelo sistema terão um prazo para a confirmação da matrícula na instituição. As vagas eventualmente não ocupadas são disponibilizadas na etapa seguinte.
    • ALUNOS APROVADOS 2010
      • ROBERTO KOMESSU – (BANDEIRANTES - sistema de Informação)
      • CARLOS EDUARDO CUNHA – (UEPG – Engenharia Mecânica)
      • LUCAS RAMON – (PROUNI – AVARÉ)
      • JESSICA ROLIM – (PARANÁ – MÚSICA)
      • MICHELE FUJJI – (USC – BAURU)
      • JEAN - FSP
      • DANIEL – FSP
      • EDUARDO BRISOLA – SP
      • TÂNMELA – (CIÊNCIAS SOCIAIS - UEL)
      • “ Grandes realizações não são feitas por impulso, mas por uma soma de pequenas realizações”
      • (Vincent Van Gogh)