• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
O Arquétipo da Criança Sagrada
 

O Arquétipo da Criança Sagrada

on

  • 2,481 views

Tudo no Universo se organiza em ciclos. A evolução da vida ocorre em ciclos. Os dias, os meses, os anos, seguem os ciclos da natureza. Desde tempos imemoriais várias culturas ancestrais à volta do ...

Tudo no Universo se organiza em ciclos. A evolução da vida ocorre em ciclos. Os dias, os meses, os anos, seguem os ciclos da natureza. Desde tempos imemoriais várias culturas ancestrais à volta do globo festejam o solstício de inverno com comemorações que, na sociedade ocidental cristã, deram origem a vários costumes hoje relacionados com o Natal, que coincide com o fim do ciclo solar. O solstício de inverno, o menor dia do ano, a partir de quando a duração do dia começa a crescer, simbolizava o início da vitória da luz sobre a escuridão. No hemisfério sul, na verdade, ocorre o contrário, o solstício de verão, mas, por tradição cultural herdada, comemoramos da mesma forma que no hemisfério norte. Ligado a esse ciclo surge o mito da Criança Sagrada, que também aparece na mitologia de muitas culturas e apresenta algumas características em comum que não se devem a mera coincidência. Na verdade, são diferentes expressões de um mesmo princípio arquetípico, que corresponde a uma necessidade humana básica: a necessidade de evolução espiritual.

Statistics

Views

Total Views
2,481
Views on SlideShare
2,136
Embed Views
345

Actions

Likes
0
Downloads
1
Comments
0

3 Embeds 345

http://www.scoop.it 334
https://www.facebook.com 7
http://www.facebook.com 4

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    O Arquétipo da Criança Sagrada O Arquétipo da Criança Sagrada Presentation Transcript

    • Projeto Crisálida Rubens Mário Mazzini Rodrigues, MD Médico Psiquiatra O Arquétipo da Criança Sagrada
    • Arquétipos
      • Os mitos antigos foram concebidos para harmonizar mente e corpo.
      • A mente pode divagar por caminhos estranhos, querendo coisas que o corpo não quer.
      • Os mitos e ritos eram meios de colocar a mente em acordo com o corpo, e o rumo da vida em acordo com o rumo apontado pela natureza.
      • Um arquétipo tem o poder de orientar-nos, evocando o conhecimento acumulado na memória coletiva (inconsciente coletivo) sobre as experiências da alma e os processos que ocorrem na psique objetiva.
    • O Arquétipo da Criança Sagrada
      • A Criança Sagrada aparece na tradição religiosa ou mitológica de diversas culturas ao longo da história.
      • Apresenta algumas características em comum que não se devem a mera coincidência.
      • São diferentes expressões de um mesmo princípio arquetípico, que corresponde a uma necessidade humana básica: a necessidade de evolução espiritual .
      • A criança divina diz respeito ao eixo central que, tendo uma origem narcísica, permite a coesão do self. Trata-se de uma representação do “sopro divino”, de uma integração com a natureza, de um saber direto, intuitivo. (Jung)
      • A criança divina já surge completa, nada lhe falta.
    • A Criança Sagrada na Mitologia Grega
      • Na antiga Grécia a Criança Sagrada surge no mito da deusa Démeter (Ceres) e sua filha Perséfone, que foi raptada por Hades (Plutão) - deus dos mortos – a quem foi entregue por Zeus para que a torna-se sua esposa.
      • Démeter representa a deusa Mãe (versão grega do arquétipo maternal ), responsável por todas as formas de reprodução da vida, inclusive da fertilidade do solo, das plantações e da colheita.
      • Démeter era a protetora das mulheres e uma divindade do casamento, da maternidade, do amor materno e da fidelidade.
    • O Nascimento de Dionísio
      • Perséfone é donzela e representa o arquétipo da virgindade.
      • Zeus disfarçou-se de serpente para seduzir Perséfone.
      • Dessa união nasceu Dionísio (Baco), a Criança Sagrada da mitologia grega.
      • Dionísio representa a alegria, a busca do prazer e diversão, e a espontaneidade, atributos próprio da criança.
      • Dionísio foi o criador do vinho (bebida da alegria). No seu templo, durante a festa dionisíaca (Bacanal), em que se comia e bebia em abundância havia uma fonte de água que se transformava em vinho.
      • O Culto a Dionísio (Baco) era muito proeminente no império romano na época em que o cristianismo se firmou como a religião oficial do Império.
      • É geralmente representado sob a forma de um jovem imberbe, risonho e festivo, de vasta cabeleira, tendo em uma das mãos, um cacho de uvas ou uma taça, e, na outra, um tirso (um dardo) enfeitado de folhagens e fitas.
    • Eros
      • Outra expressão da Criança Sagrada na mitologia grega é Eros (Cupido), filho de Afrodite (Vênus), que apaixonou-se pela princesa Psique , uma mortal, a quem, a pedido de Eros, Zeus concedeu a imortalidade.
      • O Eros Criança , armado com um arco e flechas, tem sido uma das personagens favoritas de pintores e escultores, representando o arquétipo do amor romântico .
      • Representa a força poderosa que faz com que todos os seres sejam atraídos uns pelos outros, e pela qual nascem e se perpetuam todas as raças.
    • A Criança Sagrada do Judaísmo
      • A mitologia judaica também tem uma Criança Sagrada , representada por Moisés.
      • Moisés também é tido como um salvador, que libertou o povo judeu do cativeiro no Egito, e conhecido como Legislador, Portador dos Dez Mandamentos, fundador das bases da cultura israelita.
      • A história de um bebê colocado num cesto já havia aparecido no mito de Sargão de Akkad por volta de 2.250 a. C.
      • Depois de nascer, Sargão foi posto numa cesta de vime para evitar a morte num infanticídio, e em seguida lançado ao rio.
      • Foi depois salvo e criado por Akki, uma esposa da realeza Acádia.
    • A Criança Sagrada do Cristianismo
      • No mito cristão a Criança Sagrada é representada pelo Menino Jesus , ou Deus Menino , uma criança prodígio capaz de fazer milagres e debater com os sacerdotes do templo aos 12 anos de idade.
      • Na tradição cristã o Menino Jesus parece ter uma existência autônoma e paralela ao Jesus adulto, como se fossem duas divindades distintas.
      • Aparece representado em estátuas como uma criança carregada por diversos santos (semi-deuses do cristianismo), dos quais opera como mentor.
    • A Criança Sagrada no Japão
      • Anualmente é realizado na cidade de Kyoto o Festival de Gyon, dedicado à Criança Sagrada Chigo , símbolo da pureza.
      • Todo ano é escolhida uma criança, de uma das famílias mais conhecidas de Kyoto, para representar Chigo .
      • Ser escolhido para representar Chigo é considerado uma grande honra para a criança e sua família.
      • Chigo é carregado por adultos e conduzido em um carro alegórico há muitos metros acima do solo para não tocar o chão para cortar a má sorte e as influência malignas.
      • Chigo atua como um intermediário entre Deus e o povo.
      • Outras crianças participam do festival realizando uma espécie de dança sagrada num ritual de purificação que atrai benções divinas e prosperidade para a cidade.
    • A Criança Sagrada do Paganismo
      • O paganismo que dominou a Europa pré-cristã se estendeu por uma grande área, assumindo diversas formas.
      • A mais conhecida é a filosofia Wicca , que surgiu com os antigos celtas, nas regiões da Inglaterra, Irlanda e País de Gales. Está relacionada ao culto às forças da natureza e antigos ritos pagãos.
      • A religião Wicca celebra 8 datas ( Sabaths ) sintonizadas com as estações do ano e com a posição do sol que rege a vida na Terra (Roda do Ano) : Samhain (o Halloween), Yule , Imbolc, Ostara, Beltaine, Litha, Lammas e Mabon.
      • Em Yule , que acontece no hemisfério norte por volta do dia 21 de dezembro, no solstício de inverno , o deus é a Criança Sagrada e a deusa é a mãe.
      • A Criança Sagrada , o Menino Sol , filho da Grande Deusa , nascerá trazendo a Luz ao Planeta, assim também marca o retorno da força solar.
      • Em Yule é tempo de celebrar o início de todas as coisas e devemos meditar sobre novos projetos, novos amores, nova vida.
      • O pentagrama, um dos muitos símbolos usados na tradição Wicca, representa as forças da natureza: Espírito, Ar, Água, Terra, e Fogo.
    • A Criança Sagrada na Nação Lakota (uma das sete tribos Sioux)
      • A palavra criança na linguagem Lakota é W akan Yeja , cuja tradução literal é ser sagrado .
      • Essa é uma crença central na visão de mundo dos Lakotas, na qual toda a criação é tida como sagrada.
      • Na tradição Lakota, como nas demais tradições Indígenas Norte-americanas, não há divisão clara entre sagrado e profano.
      • Toda vida é sagrada. Seres humanos são essencialmente seres sagrados. Como um ser sagrado em uma criação sagrada, na qual todas as demais coisas criadas são sagradas, temos como responsabilidade primária honrar e respeitar tudo a nossa volta como sagrado.
      • Somos espírito e carne, sagrados e materiais, mas, quando colocamos nosso aspecto sagrado em primeiro lugar, isso pode mudar o modo como vemos todo o resto.
      • Essa pode ser um modo de ver a vida que é fundamentalmente diferente da forma como nossa sociedade – muitas vezes anti-ética – vê a vida.
      • O primeiro princípio Lakota que estabelece a visão das crianças como seres sagrados é o conceito de Mitakuye Oyasin , que significa Somos Todos Um .
    • A Criança Sagrada Nativista
      • O Negrinho do Pastoreio e o Saci Pererê apesar da semelhança são dois mitos de origem distinta.
      • O Negrinho é um produto de sincretismo religioso no Pampa Gaúcho com conotações mais cristãs do que africanas. A crença popular é de que tem o poder de ajudar a encontrar coisas perdidas.
      • O Saci é uma entidade muito popular no folclore brasileiro. No fim do século XVIII já se falava dele entre os negros, mestiços e Tupis-guarani, de onde se origina seu nome.
      • Com a influência da mitologia africana, o Saci se transformou em um negrinho que perdeu a perna lutando capoeira, além disso, herdou o pito, uma espécie de cachimbo e ganhou, da mitologia européia, um gorrinho vermelho.
      • O Saci é muito brincalhão, ele se diverte com os animais e com as pessoas fazendo travessuras, como: fazer o feijão queimar, esconder objetos, etc. O cavalo era uma de suas vítimas preferidas.
      • A função original desta "divindade" era o controle, sabedoria, e manuseios das plantas medicinais.
      • Também lhe era atribuído o domínio das matas onde guardava estas ervas sagradas, e costumava confundir as pessoas que não pediam a ele a autorização para a coleta destas ervas.
      • Com o objetivo de diminuir a importância da comemoração do Halloween no Brasil, foi criado, em 2005, o Dia do Saci (31 de outubro). Uma forma de valorizar mais o folclore nacional, diminuindo a influência do cultura norte-americana em nosso país.
    • A Criança Sagrada na Literatura
      • Mesmo não sendo uma obra religiosa o Pequeno Príncipe de Saint Exupery, de certa forma também é representativo da Criança Sagrada .
      • Além de ter se tornado um ícone sagrado da moderna cultura ocidental, vem sendo cultuado a mais de duas gerações quase como uma entidade quase divina, com sua mensagem poética de inesgotável sabedoria.
      • Quanto mais lemos o Pequeno Príncipe , mais apreendemos lições, pois a obra dá margem a múltiplas leituras, levantando muitas das questões existenciais que há séculos intrigam – e assombram - a humanidade.
      • O poder desse pequeno manuscrito é impressionante: mesmo grandes intelectuais se sentem desamparados diante desse garotinho louro, cuja aparência reúne todos os símbolos da ternura: cachecol, pantalonas, sapatinhos delicados, faces rosadas, cabelos louros desarrumados, enfim, a de um anjo.
    • A Criança Sagrada no Teatro
      • Peter Pan é um personagem criado por J. M. Barrie , que começou como uma peça de teatro, e virou livro para crianças com várias adaptações inclusive, para o cinema e, até mesmo, gerou uma teoria psicológica: o “Complexo de Peter Pan”.
      • Barrie inventou Peter Pan quando contava histórias aos filhos da sua amiga Sylvia Davies , com quem mantinha uma relação de amizade muito especial.
      • O filme Em Busca da Terra do Nunca com Johnny Depp retrata essa história sobre como a peça Peter Pan foi criada, mostrando as relações entre James M. Barrie, Sylvia e os garotos Davies.
    • A Criança Sagrada do Hinduísmo
      • O deus menino Krishna é a deidade mais popular em toda a Índia.
      • É considerado o oitavo avatar (reincarnação) de Vishnu , um dos deuses da Trindade Sagrada Hindu.
      • O nascimento de Krishna é celebrado anualmente na Índia no festival Krishnashtami , equivalente ao Natal.
      • Por volta da meia noite, na noite de Ashtami , uma imagem de argila de Krishna é feita em cada lar Hindu e, então, adorada por todos.
      • A festa é muito popular entre as crianças hindus que no final recebem balas e presentes.
      • Krishna é filho de uma princesa chamada Devaki e seu marido Vasudeva e seu nascimento foi anunciado por uma estrela no ocidente.
      • Foi visto como uma ameaça pelo rei Kamsa , de Mathura , que tentou mandar matá-lo, devido a uma profecia que dizia que ele morreria nas mãos do oitavo filho de Devaki.
      • De acordo com o Bhagavata Purana , Krishna foi concebido sem relação sexual, mas sim por uma transmissão mental da mente de Vasudeva para o útero de Devaki .
    • Bhagavad Gita
      • O Bhagavad Gita (a Divina Canção de Deus), também conhecido como Gitopanishad , é um dos livros sagrado que faz parte do poema épico hindu Mahabharata (A Grande História da Família Bharata = simboliza a humanidade) é um dos mais importantes Upanishads da literatura védica e contém a essência do conhecimento Védico.
      • Conta a história de Arjuna , um jovem guerreiro guiado por Krishna em sua batalha pessoal, que representa a luta interior do homem entre o bem e o mal, os vícios e as virtudes, na busca do desenvolvimento espiritual (iluminação), que o libertará do ciclo do Karma ao longo das sucessivas encarnações.
    • Pensamento & Emoção
      • “ A menor das crianças esta mais próxima de Deus, assim como o menor dos planetas está mais próximo do Sol”
              • Richter
      • “ O paraíso paira sobre nós em nossa infância”.
      • Todas as encarnações de um Deus que desce à Terra representa o aspecto divino da personalidade humana, já, a encarnação de Krishna representa a dimensão humana da divindade.
    • O Solstício de Inverno
      • Nas datas entre 21 e 25 de Dezembro era comemorado, em várias civilizações antigas, o Solstício de Inverno no Hemisfério Norte.
      • O solstício anunciava o nascimento do Sol como um deus-criança , o Sol que estava fraco e nessa época do ano, crescia, assim como um bebê, trazendo de volta a primavera e o verão.
      • Em função disso, a data escolhida para o nascimento dos diferentes avatares da Criança Divina foi o 25 de dezembro.
      • A civilização celta, por exemplo, festejava esse dia, que chamavam Yule com a Árvore Mágica de Yule - um pinheiro enfeitado com os símbolos da primavera, que pode muito bem ser a origem da atual Árvore de Natal .
      • O Cristianismo se apropriou dessa data mitológica para a comemoração do nascimento de Jesus , como um recurso para que os pagãos aceitassem com mais facilidade a nova religião.
    • Propriedades da Criança Sagrada
      • A Criança Sagrada é aquela que não perdeu a consciência da sua origem, o fundamento do ser.
      • É ela quem melhor expressa as qualidades relacionadas aos nossos valores espirituais: a essência divina da humanidade.
      • Um dos aspectos da Criança Sagrada é uma retidão intrínseca, uma sabedoria natural, um valor privado de existência, trazido para o mundo ao invés de resultar dele, uma qualidade de atenção ou de “estar ali”, que é um direito inato do homem, mas que ele com muita freqüência perde.
      • Quaisquer que sejam os valores que a Criança Sagrada represente, são inseparáveis do nosso Ser . São os valores da nossa origem na natureza.
      • A emergência da Criança Sagrada poderá purificar a alma, trazer a fonte original de poder e transformação.
      • A Criança Sagrada tem asas , voa acima das limitações humanas , pois está diretamente conectada ao divino.
      • Com suas asas a Criança Sagrada pode levar-nos ao que é bom, verdadeiro e belo
    • O Papel da Criança Sagrada
      • A papel da Criança Sagrada é inspirar o despertar do Reino de Deus dentro de nós. Este Reino não é uma realização material, mas sim espiritual, é um estado de consciência mais amplo.
      • Representa a evolução da consciência ou do espírito humano em busca de um estado de plenitude, paz, equilíbrio e harmonia interior.
      • A Criança Sagrada é que nos traz o amor incondicional, a confiança original, a leveza para “entrarmos” nesse Reino.
      • A Criança Sagrada , brinca, tem alegria e espontaneidade. É a manifestação do Eu Superior , a essência maior que faz a travessia do espiritual sutil ao espiritual manifesto.
      • Por isso, disse Jesus : “Deixai as crianças virem a mim. Não as impeçais, porque a elas pertence o reino de Deus. Em verdade vos digo: quem não receber o reino de Deus como uma criança, não entrará nele”.
    • Reflexão Final
      • “ A qualidade da vida de um homem depende da qualidade de seus deuses, das formas que o Divino toma frente a ele.
      • Em outras palavras: a qualidade da vida de um homem depende das exigências que sua alma se faz quando admira a face de seu Deus”.
      Eckhart Tolle
    • Grupo Crisálida de Biodanza ® Sistema Rolando Toro
      • Venha conhecer e vivenciar!
      • Horário: Terças-feiras das 20 às 22 h
      • Local: Rua Padre Chagas 140 – Porto Alegre
      • Curso de Iniciação: 4 encontros
      • 10 a 31 de janeiro de 2012 (inscrições abertas)
      • Facilitadores:
        • Rubens Rodrigues e Tânia Liscano Escola de Biodanza Rolando Toro de Porto Alegre
      • Inscrições: [email_address]
    • Comunidade Terapêutica Revive Tratamento das Dependências Químicas
    • Comunidade Terapêutica Revive Tratamento das Dependências Químicas
    • Comunidade Terapêutica Revive Tratamento das Dependências Químicas
    • Comunidade Terapêutica Revive Tratamento das Dependências Químicas
    • Comunidade Terapêutica Revive Tratamento das Dependências Químicas
    • Comunidade Terapêutica Revive Tratamento das Dependências Químicas
    •