Tempos de aprender, desaprender, reaprender.

2,554 views
2,398 views

Published on

Silvio Meira, uma das principais referências sobre a internet e o mundo em rede no Brasil, aponta os impactos que a conectividade, a singularidade, o acolhimento e as infinitas variedades geradas pelo processo tecnológico que vivemos trazem para o nosso cotidiano.

Aprender, desaprender e reaprender tornou-se fundamental para os profissionais de todas os setores que querem avançar neste novo ecossistema em formação acelerada e exponencial.

Convivemos e conviveremos cada vez mais com rupturas contínuas. O novo ecossistema favorece cada vez mais agentes independentes em contato competindo/cooperando para sobreviver.

A vida é uma sucessão expectativas, exercícios, experiências. O novo ecossistema promove o futuro vindo do futuro.

A tecnologia = plataforma para cOOpetir. Vivemos uma explosão cambriana. Que nos leva para as nuvens, o mundo da informaticidade (todo o processamento na rede) em contrapartida ao mundo da eletricidade.

A Era do Conhecimento chegou e, neste tempo de embate com a herança passada, vai varrer do mapa quem parou no tempo.

São sobre estas idéias que Silvio Meira discorre nesta apresentação feita no evento MediaOn, promovido pelo portal Terra e o Itaú, em outubro de 2009.

Published in: Technology, Travel
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,554
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
261
Actions
Shares
0
Downloads
65
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • as if the world was Newtonian, which, of course, so some extent, it is.
  • which of course should lead us to lean a LOT towards non-PHYSICAL SYSTEMS, DARWIN and the LAWS that explain the behaviour of communities of independent agents in connected markets, relating to one another by means of exchanging information about what they have done, are doing and will do, not necessarily in this order.
  • we are going to talk about knowledge management
  • we are going to talk about knowledge management
  • we are going to talk about knowledge management
  • Tempos de aprender, desaprender, reaprender.

    1. 1. silvio lemos meira<br />smeira.blog.terra.com.br<br />twitter.com/srlm<br />silvio@meira.com<br />www.cesar.org.br<br />
    2. 2. onde<br />estamos?<br />
    3. 3.
    4. 4. !<br />rede<br />
    5. 5. ωε<br />
    6. 6. web 1.0<br />qualquer um pode<br />fazer<br />transações<br />amazon, google, eBay...<br />marc benioff, salesforce.com<br />
    7. 7. web 2.0<br />qualquer um pode<br />participar<br />flickr, BLOGs, adsense...<br />marc benioff, salesforce.com<br />
    8. 8. web 3.0<br />qualquer um pode<br />inovar<br />amazon AWS, salesforce...<br />google, microsoft, twitter, f’book... <br />marc benioff, salesforce.com<br />
    9. 9. tempos <br />modernos<br />
    10. 10. !<br />novos<br />
    11. 11. opúblico<br />VIROU<br />comunidade<br />
    12. 12.
    13. 13. pessoas <br />& <br />necessidades <br />
    14. 14. Conectividade<br />Singularidade<br />Acolhimento<br />Variedade<br />http://www.forrester.com/Groundswell/index.html <br />
    15. 15. tecnologias<br />& <br />possibilidades <br />
    16. 16. Usabilidade<br />Conectividade<br /><ul><li> Comportamento
    17. 17. Comunicação
    18. 18. Interface</li></ul>Portabilidade<br />Sustentabilidade<br /><ul><li> Form-factor
    19. 19. Materiais
    20. 20. Energia</li></li></ul><li>comportamento<br />& <br />rupturas<br />
    21. 21. Conectividade<br />Singularidade<br />Usabilidade<br />Acolhimento<br />Portabilidade<br />Variedade<br />Sustentabilidade<br />
    22. 22. singularidade<br />
    23. 23. singularidade<br />mobilidade<br />
    24. 24. singularidade<br />mobilidade<br />comunidade<br />
    25. 25. singularidade<br />mobilidade<br />comunidade<br />sincronicidade<br />
    26. 26. singularidade<br />mobilidade<br />comunidade<br />sincronicidade<br />localidade<br />
    27. 27. singularidade<br />mobilidade<br />comunidade<br />sincronicidade<br />localidade<br />usabilidade<br />
    28. 28. singularidade<br />mobilidade<br />comunidade<br />sincronicidade<br />localidade<br />usabilidade<br />programabilidade<br />
    29. 29. rupturas<br />
    30. 30.
    31. 31.
    32. 32.
    33. 33.
    34. 34.
    35. 35.
    36. 36.
    37. 37.
    38. 38.
    39. 39.
    40. 40. einstein... qual a força mais poderosa do universo?<br />einstein:juros compostos.<br />
    41. 41. darwin<br />
    42. 42.
    43. 43.
    44. 44. http://blogs.wsj.com/photojournal/2009/06/04/homeless-and-online-in-san-francisco/<br />
    45. 45.
    46. 46.
    47. 47.
    48. 48.
    49. 49. ou...<br />
    50. 50.
    51. 51.
    52. 52. N<br />newton<br />
    53. 53.
    54. 54. D<br />darwin<br />
    55. 55. darwin:<br />agentes<br />independentes<br />emcontexto<br />competindo<br />cooperando<br />para<br />sobreviver<br />
    56. 56. transformação<br />
    57. 57. inovação<br />
    58. 58. <br />darwin: <br />emevolução<br />
    59. 59. economia<br />industrial<br />
    60. 60.
    61. 61. conhecimento<br />=<br />+<br />ford<br />taylor<br />
    62. 62. economia<br />conhecimento<br />
    63. 63. economia<br />processos<br />
    64. 64. &<br />deslocalização<br />dessincronização<br />sociedade<br />da<br />
    65. 65. <br />conhecimento<br />fluxo<br />
    66. 66. continuamente<br />aprendendo<br />aprender<br />a<br />
    67. 67. aprender<br />desaprender<br />reaprender<br />Alvin Toffler<br />
    68. 68. singularidade<br />mobilidade<br />comunidade<br />sincronicidade<br />localidade<br />usabilidade<br />programabilidade<br />
    69. 69. T<br />tempo<br />
    70. 70. gaddis:<br />é<br />presente<br />uma<br />o<br />singularidade<br />futuro<br />passado<br />presente<br />
    71. 71. whitehead:<br />é<br />processo<br />realidade<br />seresativos<br />somos<br />interagindo<br />ambiente<br />com o<br />
    72. 72. heidegger:<br />é<br />vida<br />a<br />expectativas<br />futuro<br />exercícios<br />presente<br />experiências<br />passado<br />
    73. 73. comunidade<br />
    74. 74. ?<br />linguagem<br />
    75. 75. L<br />linguagem<br />
    76. 76. I<br />interação<br />
    77. 77. fluxos<br />
    78. 78. redes<br />
    79. 79. redes<br />sociais<br />
    80. 80. pra<br />onde<br />vamos?<br />
    81. 81. o<br />futuro<br />VEM<br />do<br />futuro.<br />
    82. 82.
    83. 83. infraestruturas<br />
    84. 84.
    85. 85. !<br />convergência<br />
    86. 86. informaticidade<br />
    87. 87.
    88. 88.
    89. 89.
    90. 90. informaticidade<br />
    91. 91. http://www.wired.com/epicenter/2009/05/when-google-goes-down-it-goes-down-hard/<br />
    92. 92. informaticidade<br />
    93. 93. (TICs)<br />tecnologia<br />=<br />plataforma<br />PARA<br />competir<br />cOOpetir<br />
    94. 94. explosãocambriana<br />http://bit.ly/2ETCpU<br />
    95. 95. pras<br />nuvens<br />
    96. 96. silvio lemos meira<br />smeira.blog.terra.com.br<br />twitter.com/srlm<br />silvio@meira.com<br />www.cesar.org.br<br />

    ×