Como fazer Atacarejo no Comércio Eletrônico.

820 views

Published on

Slides da palestra "Como fazer Atacarejo no Comércio Eletrônico" feito pelo Ricardo Jordão Magalhães no dia 26 de junho de 2014. Para saber mais visite http://plataformas.rakuten.com.br/

Published in: Business
1 Comment
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
820
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
32
Comments
1
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Como fazer Atacarejo no Comércio Eletrônico.

  1. 1. “O Atacarejo é a próxima onda que vai atingir a internet!”
  2. 2. “Nos últimos dez anos nada fez mais barulho no varejo como conhecemos do que o Atacarejo.” Fonte: ABRAS
  3. 3. "A receita do atacarejo elevou o faturamento do autosserviço de R$ 243 bilhões para R$ 286,2 bilhões, o que nos permite estimar que só as lojas de atacarejo faturaram por volta de R$ 43 bilhões em 2012 no Brasil." Fonte: ABRAS
  4. 4. Fabricantes, Atacadistas e Varejistas são nomenclaturas que interessam apenas a indústria, o cliente não liga para isso!
  5. 5. Legal!!!Mas a pergunta que não quer calar é: Como lidar com o conflito de canais e a percepção do pequeno varejista que eu estou concorrendo com ele na internet?
  6. 6. 1a Idéia! NÃO FAÇA: Não queime o pequeno varejo vendendo mais barato para o consumidor final! FAÇA: (1) Ofereça produtos com preços cheios ou quase cheios no seu ecommerce, (2) Ofereça benefícios no frete ou nos acessórios, (3) Ofereça produtos que não são oferecidos pelos pequenos varejistas.
  7. 7. 2a Idéia! NÃO FAÇA: Não retenha a margem “gorda” do varejo com você! FAÇA: (1) Compartilhe a riqueza gerada pela internet. Compartilhar leads com os Pequenos Varejistas, (2) Ofereça comissões para os varejistas e afiliados que enviarem clientes para você.
  8. 8. 3a Idéia! NÃO FAÇA: Não tente fazer tudo! FAÇA: (1) Premie os pequenos varejistas que fornecerem serviços complementares para os produtos vendidos no comércio eletrônico.
  9. 9. 4a Idéia! NÃO FAÇA: Nãp pense que Comércio Eletrônico é apenas loja virtual. FAÇA: (1) Distribua cupons no ecommerce para os clientes finais comprarem produtos nos pequenos varejistas offline.
  10. 10. 5a Idéia! NÃO FAÇA: Não tranque os dados dos clienes em um cofre muito bem guardado. FAÇA: (1) Compartilhe os dados coletados na internet com todos os parceiros. Os dados do ecommerce tem um valor incrível para aprender sobre o comportamento de compra das pessoas.
  11. 11. A Rakuten ACREDITA no Atacarejo de vestuário, calçados, bolsas, bijuterias, semi-jóias ou canais que tenham a necessidade de vender com mais de uma tabela de preços FAZ MUITOOOO TEMPO… algumas histórias…
  12. 12. Programa de Afiliados para remunerar blogueiros, parceiros e pequenas empresas.
  13. 13. Mínimo de Compra pré-definido
  14. 14. Captura dos dados para Aprovação do Perfil.
  15. 15. Compras por Look agiliza a vida do Lojista
  16. 16. Alguns números para ajudar você a fazer o seu plano: LOJA 1 LOJA 2 R$ 750K por mês R$ 180,00 de ticket médio 75% das vendas no varejo 25% das vendas no atacado Atacado ticket médio 7x maior. 4,5% de conversão Moda R$ 150k por mês R$ 480,00 de ticket médio 65% das vendas no varejo 35% das vendas no atacado Atacado ticket médio 6X maior 1,70% de conversão Moda
  17. 17. GOSTOU? Faça como outras 1 mil lojas virtuais: MUDE PARA A RAKUTEN! Ligue (11) 3874-4549
  18. 18. Se as vendas da sua loja crescem, a Rakuten cresce. Se você prosperar, a Rakuten prospera. Simples assim.
  19. 19. STORES E VERTICAIS 195LOJAS NO AR! 956LOJAS NO AR! 5% do comércio eletrônico brasileiro passa pelas lojas da RAKUTEN.
  20. 20. Essa apresentação foi feita por: Ricardo Jordão Magalhães Chief Marketing Officer Rakuten Brasil. Email: ricardo.jordao@rakuten.com.br Viber (11) 98182-3629 http://plataformas.rakuten.com.br http://blog.rakuten.com.br

×