BioGeo11-reprodução assexuada

3,294 views
2,946 views

Published on

Download em www.biogeolearning.com

Published in: Education
0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
3,294
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
4
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

BioGeo11-reprodução assexuada

  1. 1. Estratégias deReprodução Assexuada Prof. Ana Rita Rainho
  2. 2. Bipartição O progenitor divide-se em duas partes com dimensões semelhantes. Amiba Paramécia
  3. 3. Gemulação No progenitor destaca-se uma pequena porção que irá originar um descendente de dimensões menores. O descendente pode separar-se e ter vida livre ou permanecer anexado ao progenitor e originar uma colónia.Hidra de água doce Leveduras
  4. 4. Fragmentação Um fragmento do progenitor pode separar-se e regenerar-se até originar um novo indivíduo. Estrela do mar Planárias
  5. 5. Esporulação Formação de estruturas reprodutoras especializadas (esporos) que germinam e originam o novo indivíduo. Esporos de Penicillum Estruturas produtoras de esporos em fetos
  6. 6. Multiplicação vegetativa Diferenciação de órgãos especializados da planta que irão desenvolver-se e dar origem a um novo indivíduo. Plântulas na margem das folhas de Briófilo Estolhos de morangueiro
  7. 7. Bolbos (caules)Tubérculos de orquídea
  8. 8. Multiplicação Vegetativa Artificial
  9. 9. Estaca Porção de caule, folha ou raíz é cultivada num substrato de germinação para que enraize e origine uma nova planta.
  10. 10. Mergulhia Dobra-se um ramo da  Quando a nova planta planta e enterra-se no tem tamanho solo para criar raízes. suficiente, corta-se a ligação à planta inicial.
  11. 11. Enxertia Juntam-se as superfícies cortadas de duas plantas de espécies afins. Permite aproveitar as características vantajosas de duas plantas (qualidade do enxerto e resistência do porta-enxerto).
  12. 12. Alporquia Envolve-se uma porção de um ramo em terra húmida para que crie raízes. Quando está pronto, transplanta-se para o local apropriado.
  13. 13. Mais material disponível em www.biogeolearning.com

×