As áreas rurais - geografia 11ºano

2,138 views

Published on

Trabalho de geografia acerca das áreas rurais.

Published in: Education
0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,138
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
27
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

As áreas rurais - geografia 11ºano

  1. 1. GeografiaTema 3 – Os espaços organizadospela população: áreas ruraisRita Pontes 11ºH nº20Prof : Débora Violas
  2. 2. Plano de Trabalho: Importância da agricultura; Regiões Agrárias; Fatores condicionantes da agricultura; Paisagens Agrárias; Distribuição e estrutura da SAU; Formas de exploração da SAU; Caraterísticas da população agrícola; Pluriatividade e Pluri-rendimento; Problemas estruturais da agricultura; Competitividade SolosRita Pontes 11ºH nº20
  3. 3. Importância da agricultura: Algum peso na criação de emprego; Na ocupação do espaço e na preservaçãoda paisagem;Base económica de algumasáreas acentuadamente ruraisRita Pontes 11ºH nº20
  4. 4. Regiões AgráriasRita Pontes 11ºH nº20
  5. 5. Fatores condicionantes daagriculturaFísicosClima RecursosHídricosFertilidadedo soloRelevoRita Pontes 11ºH nº20
  6. 6. CLIMACondiciona a agriculturaRita Pontes 11ºH nº20TEMPERATURA PRECIPITAÇÃOIRREGULAR
  7. 7. RECURSOS HÍDRICOSPRODUÇÃO AGRÍCOLARita Pontes 11ºH nº20PRECIPITAÇÃOABUNDANTEMAIS FÁCILPRECIPITAÇÃOESCASSARECORRE-SE ASISTEMAS DE REGAARTIFICIAIS
  8. 8. Fertilidade do soloRita Pontes 11ºH nº20NATURALCRIADA PELOHOMEMDependente dascaracterísticasgeológicas, dorelevo e do soloFertilização ecorrecção dossolos
  9. 9. RelevoRita Pontes 11ºH nº20PLANO ACIDENTADOFERTILIDADEMAIORFERTILIDADEMENORPOSSIBILITA AMODERNIZAÇÃODE EXPLORAÇÕESLIMITAÇÕES NOUSO DASTECNOLOGIASAGRÍCOLAS
  10. 10. HumanosPassadoHistóricoObjetivodaProduçãoPolíticasAgrícolasTecnologias epráticasutilizadasRita Pontes 11ºH nº20
  11. 11. PASSADO HISTÓRICORita Pontes 11ºH nº20NORTE SULFragmentação dapropriedadePredomínio demédias e grandesdimensões•O relevo acidentado, aabundância e água e fertilizaçãodos solos;•Elevada densidadepopulacional;•Sucessiva partilha de herançasbeneficiando igualmente todos osfilhos.•Relevo mais ou menosaplanado, clima mais seco ea menor fertilidade naturaldos solos•A feição mais organizadada Reconquista
  12. 12. Objetivo da produçãoRita Pontes 11ºH nº20Autoconsumo MercadoExplorações demenor dimensãoTécnicas maisartesanaisExplorações demaior dimensãoMaisespecializadasTecnologiamoderna
  13. 13. Políticas AgrícolasCriamincentivosfinanceiros;Apoiam amodernizaçãodasexplorações;Gerem asopções dosagricultoresem relaçãoaos produtoscultivadosDecidem se osagricultorespodem usarprodutosquímicos ounãoRita Pontes 11ºH nº20
  14. 14. Paisagens AgráriasEspaço AgrárioEspaçoAgrícolaSAUPara a produçãovegetal e/ouanimalPara asculturasRita Pontes 11ºH nº20
  15. 15. Diferentes paisagens AgráriasRita Pontes 11ºH nº20Sistemas deculturasMorfologiados camposPovoamento
  16. 16. Sistemas de culturaRita Pontes 11ºH nº20Intensivo ExtensivoPoliculturaMonoculturaRegadio SequeiroPousio Rotação deCulturas
  17. 17. Morfologia dos camposRita Pontes 11ºH nº20Entre Douro e Minho,Beira Litoral, Algarve,Madeira e algumasIlhas dos AçoresPequenadimensãoCamposfechadosFormairregularAlentejo, Ribatejoe OesteMédia e GrandedimensãoFormaregularCamposabertos
  18. 18. Rita Pontes 11ºH nº20 Mapa do Livro na página 17Concentrado Disperso Misto
  19. 19. Distribuição e estrutura da SAURita Pontes 11ºH nº20Distribuição desigualRelevoOcupaçãohumanaAplanado Fraca densidadepopulacional epovoamentoconcentrado
  20. 20. Rita Pontes 11ºH nº20Vastas extensões de áreas cultivadasNas regiões de relevo maisacidentado, maior densidadepopulacional e povoamento disperso,a área ocupada pela SAU é menor.Madeira, Litoral e Entre Douro e Minho
  21. 21. A SAU engloba:•Ocupadas com culturas temporárias ecom campos em pousio;Terras aráveis•Ocupam a terra durante um longoperíodo de tempo – (olivais, vinhas,pomares… )Culturaspermanentes•Semeia-se espécies por um períodosuperior a 5 anos, destinadas ao pastodo gadoPastagenspermanentes•Ocupadas com produtos hortícolas oufrutos destinados a autoconsumo.Horta familiarRita Pontes 11ºH nº20
  22. 22. Formas de exploração da SAURita Pontes 11ºH nº20Conta Própria ArrendamentoTodo o país, destacando-seTrás-os-Montes e MadeiraAçores, representa cercade metade do total (fig.4da pág.21 do manual)MAIS VANTAJOSO
  23. 23. Caraterísticas da populaçãoagrícolaEstrutura Etária:Rita Pontes 11ºH nº20PopulaçãoenvelhecidaAbandono daagricultura pelosmais jovensOBSTÁCULO ÁMODERNIZAÇÃODA AGRICULTURA• Menor capacidade de aberturaás inovações, de adaptação anovas tecnologias e técnicas deprodução e até de capacidadefísica para o trabalho
  24. 24. Nível deinstrução:•Muito baixo. Só uma pequena parte da população temhabilitações que vão além do segundo ciclo do ensinobásico.Formaçãoprofissional:•Exclusivamente prática. A transmissão deconhecimentos e experiências de pais para filhosapresenta-se como principal modo de formação. Só umapequena parte da população tem formação profissional.Rita Pontes 11ºH nº20(fig.3,pág.25manual)(fig.4,pág.25manual)
  25. 25. Pluriatividade e pluri-rendimentoRita Pontes 11ºH nº20Prática da agriculturaem simultâneo comoutras atividades;Alternativa paraaumentar o rendimentodas famílias dosagricultores.Acumulação derendimentosprovenientes daagricultura comoutras atividades
  26. 26. Problemas estruturais daagriculturaRita Pontes 11ºH nº20Pontos fracos Pontos fortesExplorações de pequenadimensão;Condições climáticas propíciaspara certos produtos;Baixos níveis de instrução dosagricultores;Aumento da especializaçãodas explorações;Fraca capacidade de inovaçãoe modernização;Pluriatividade da populaçãoagrícola com maiordiversificação do emprego, oque ajuda a evitar oabandono;Abandono dos espaços rurais; Crescente utilização deprodutos amigos do ambiente;Elevada percentagem de fracaaptidão agrícola;Potencial para produzir comqualidade e diferenciação;Falta de competitividadeexterna.Aumento da disponibilidadede água para rega.
  27. 27. Competitividade• A população é envelhecida ecom baixos níveis de instrução;• Predomínio das explorações depequena dimensão;• Elevados custos de produção,incluindo custos de combustíveis eimpostos superiores aos da maioriados países da UE;• Utilização significativa de técnicastradicionais.Rita Pontes 11ºH nº20Evolução positivados níveis derendimento eprodutividade daagriculturaInferiores à médiacomunitária
  28. 28. Para aumentar os níveis de rendimento e deprodutividade, a agricultura portuguesa tem:Rita Pontes 11ºH nº20Acelerar o seu ajustamento estruturalApostar na modernização e na orientaçãopara o MERCADO, aproveitando todas asnossas potencialidades endógenas.
  29. 29. A utilização do solo+ de ½ dos solos portugueses tem aptidãopara floresta!E cerca de ¼ para agricultura, mas a áreaocupada com a agricultura é superior à dossolos com aptidão para tal.Rita Pontes 11ºH nº20MUITOS ATIVIDADES AGRÍCOLAS SE DESENVOLVEMEM SOLOS POUCO APTOS PARA A AGRICULTURA
  30. 30. Rita Pontes 11ºH nº20EMPOBRECIMENTO DOS SOLOS E ÀDEGRADAÇÃO DOS MESMOS.TENDÊNCIA PARA ADESERTIFICAÇÃO!!A quantidade defloresta ardida noVerão que agravaesta tendência.
  31. 31. Rita Pontes 11ºH nº20FIM

×