• As brincadeiras e os
jogos a essência da
infância;
• Instrumento de
mediação entre o prazer
e a aprendizagem;
• O brincar esta presente
em todas as épocas;
• Na Pré-história o brincar era
algo natural para o ser humano.
• Toda família fazia parte do ato de brincar
• Platão
• Na idade Média, a igreja considerava o jogo
como algo profano e por esse motivo na
educação aconteceu um retrocesso.
• Na idade moderna, a ludicidade volta a
ter importância porque eles valorizavam
o corpo .
• O lúdico tem sua origem na
palavra em latim "ludus"
que quer dizer jogo,
recreação. A palavra evoluiu
levando em conside...
• O lúdico faz parte das atividades essenciais
da dinâmica humana. Caracterizando-se por
ser espontâneo funcional e satisf...
• O lúdico possibilita o estudo da
relação da criança com o mundo
externo, integrando estudos
específicos sobre a importân...
• “[...] palavra jogo se afasta do
significado de competição e se
aproxima de sua origem
etimológica latina, com o
sentido...
• O termo brinquedo pode ser
utilizado para denominar o ato de
jogar, ou a brincadeira que se está
praticando.
• Não deter...
• A Brincadeira é uma atividade
cotidiana na vida das crianças;
• mostra como a criança
interpreta e assimila o mundo,
os ...
• O lúdico é um ingrediente
indispensável nas relações;
• Esta presente em todas as fases do
ser humano;
• Não pode ser vi...
• ajuda no desenvolvimento
pessoal, social e cultural;
• colabora para uma boa
saúde mental.
• É necessário adequar o
brin...
• Perceber a importância do
desenvolvimento de atividades
lúdicas em sala de aula;
• Estar preparado para utilizar
todos o...
• Respeitar a criança como um
todo e, assim promover o seu
desenvolvimento integral;
• Proporcionar situações de
brincar l...
• Ser competente, investigador
e observador;
• Avaliar as atividades que
estão sendo realizadas,
intervindo no momento cer...
• pode ser utilizada como
forma de sondar, introduzir
os conteúdos de ensino;
• precisa estar fundamentado
no interesse e ...
Os recurso utilizados poderão
ser:
• Brincadeiras de roda;
• Brincadeiras que deixem duas
crianças em destaques
exibindo-s...
• Os jogos coletivos;
• Bibliotecas;
• Utilização da sucata para
realizar varias construções.
• Espaço que se destinam a ludicidade
, o prazer, as emoções, as vivencias
corporais, a auto estima; a
sensibilidade;
[......
• Proporcionar um espaço onde a
criança possa brincar sem cobranças;
• Estimular o desenvolvimento de uma
vida interior ri...
• Dar oportunidade à expansão
de potencialidades;
• Desenvolver a inteligência,
criatividade e sociabilidade;
Finalidades ...
• Acesso a um número maior de
brinquedos, de experiências e
de descobertas;
• O aprender a jogar e a
participar;
• Enrique...
• O lúdico é um grande laboratório que
merece atenção dos pais e dos
educadores;
• Não há duvida que é no ato de brincar
q...
• ALMEIDA, Anne. Ludicidade como Instrumento Pedagógico.
Disponível em: http://www.cdof.com.br
• ANTUNES, Celso. O jogo e ...
LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL

17,542

Published on

0 Comments
5 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
17,542
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
13
Actions
Shares
0
Downloads
401
Comments
0
Likes
5
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL

  1. 1. • As brincadeiras e os jogos a essência da infância; • Instrumento de mediação entre o prazer e a aprendizagem;
  2. 2. • O brincar esta presente em todas as épocas;
  3. 3. • Na Pré-história o brincar era algo natural para o ser humano.
  4. 4. • Toda família fazia parte do ato de brincar • Platão
  5. 5. • Na idade Média, a igreja considerava o jogo como algo profano e por esse motivo na educação aconteceu um retrocesso.
  6. 6. • Na idade moderna, a ludicidade volta a ter importância porque eles valorizavam o corpo .
  7. 7. • O lúdico tem sua origem na palavra em latim "ludus" que quer dizer jogo, recreação. A palavra evoluiu levando em consideração as pesquisas em psicomo- tricidade, de modo que deixou de ser considerado apenas o sentido de jogo.
  8. 8. • O lúdico faz parte das atividades essenciais da dinâmica humana. Caracterizando-se por ser espontâneo funcional e satisfatório. • Para Luckesi ludicidade é: “...um fazer humano mais amplo, que se relaciona não apenas à presença das brincadeiras ou jogos, mas também a um sentimento, atitude do sujeito envolvido na ação, que se refere a um prazer de celebração em função do envolvimento genuíno com a atividade, a sensação de plenitude que acompanha as coisas significativas e verdadeiras.” (LUCKESI, 2000, p.21)
  9. 9. • O lúdico possibilita o estudo da relação da criança com o mundo externo, integrando estudos específicos sobre a importância do lúdico na formação da personalidade. • Através da atividade lúdica e do jogo, a criança forma conceitos, seleciona idéias, estabelece relações lógicas, integra percepções e, o que é mais importante, vai se socializando.
  10. 10. • “[...] palavra jogo se afasta do significado de competição e se aproxima de sua origem etimológica latina, com o sentido de gracejo ou mais especificamente divertimento, brincadeira, passatempo.” (ANTUNES 2008).
  11. 11. • O termo brinquedo pode ser utilizado para denominar o ato de jogar, ou a brincadeira que se está praticando. • Não determina o conteúdo da brincadeira. • O que determina o conteúdo da brincadeira é a imaginação de quem está brincando. Kishimoto (1999 p.18) .
  12. 12. • A Brincadeira é uma atividade cotidiana na vida das crianças; • mostra como a criança interpreta e assimila o mundo, os objetos, a cultura, as relações e os afetos das pessoas.
  13. 13. • O lúdico é um ingrediente indispensável nas relações; • Esta presente em todas as fases do ser humano; • Não pode ser visto apenas como uma diversão; • Estimula a inteligência e a criatividade; • Facilita aprendizagem;
  14. 14. • ajuda no desenvolvimento pessoal, social e cultural; • colabora para uma boa saúde mental. • É necessário adequar o brinquedo ao perfil, à idade e às necessidades da criança.
  15. 15. • Perceber a importância do desenvolvimento de atividades lúdicas em sala de aula; • Estar preparado para utilizar todos os tipos de brincadeiras; • Partir da realidade dos alunos, ver suas necessidades, buscar alternativas de interação;
  16. 16. • Respeitar a criança como um todo e, assim promover o seu desenvolvimento integral; • Proporcionar situações de brincar livre e dirigido que tente atender as necessidades e aprendizagem das crianças;
  17. 17. • Ser competente, investigador e observador; • Avaliar as atividades que estão sendo realizadas, intervindo no momento certo.
  18. 18. • pode ser utilizada como forma de sondar, introduzir os conteúdos de ensino; • precisa estar fundamentado no interesse e satisfação do aluno;
  19. 19. Os recurso utilizados poderão ser: • Brincadeiras de roda; • Brincadeiras que deixem duas crianças em destaques exibindo-se ou comandando as de mais; • Historinhas infantis; • Teatrinhos;
  20. 20. • Os jogos coletivos; • Bibliotecas; • Utilização da sucata para realizar varias construções.
  21. 21. • Espaço que se destinam a ludicidade , o prazer, as emoções, as vivencias corporais, a auto estima; a sensibilidade; [...] um lugar prazeroso, onde os jogos, brinquedos e brincadeiras fazem a magia do ambiente.” (SANTOS, 1997, p. 97). A brinquedoteca como recurso pedagógico
  22. 22. • Proporcionar um espaço onde a criança possa brincar sem cobranças; • Estimular o desenvolvimento de uma vida interior rica; • Dar capacidade de concentrar a atenção; • Estimular a operatividade das crianças; • Favorecer o equilíbrio emocional; Finalidades da Brinquedoteca
  23. 23. • Dar oportunidade à expansão de potencialidades; • Desenvolver a inteligência, criatividade e sociabilidade; Finalidades da Brinquedoteca
  24. 24. • Acesso a um número maior de brinquedos, de experiências e de descobertas; • O aprender a jogar e a participar; • Enriquecer o relacionamento entre as crianças e suas famílias; Finalidades da Brinquedoteca
  25. 25. • O lúdico é um grande laboratório que merece atenção dos pais e dos educadores; • Não há duvida que é no ato de brincar que a criança se apropria da realidade atribuindo-lhe significado. • É necessário que o professor no processo de formação acadêmica obtenha amplas informações acerca da relevância assumida pelo lúdico no processo ensino-aprendizagem .
  26. 26. • ALMEIDA, Anne. Ludicidade como Instrumento Pedagógico. Disponível em: http://www.cdof.com.br • ANTUNES, Celso. O jogo e a educação infantil: falar e dizer, olhar e ver, escutar e ouvir, fascículo 15/ Celso Antunes. 6. ed. - Petrópolis, RJ : Vozes, 2008 • CAPUTTI, Paula/BOZ, Eliana. Papel do professor nos jogos e brincadeiras com crianças de 5 anos. Disponivel em: • LUCKESI, Cipriano. Ludicidade e atividades lúdicas: uma abordagem a partir da experiência interna. 2005 • KISHIMOTO, Tizuko "jogo e a educação infantil". São Paulo: Pioneira, 1998. • VASCONCELLOS, Celso do S. Para onde vai o Professor? Resgate do professor como sujeito de transformações. São Paulo: Libertad, 1998 • VYGOTSKY, L. S. A formação social da mente. Tradução de Neto, J.C. e colab. 1 ed. São Paulo: Martins Fontes, 1984.
  1. Gostou de algum slide específico?

    Recortar slides é uma maneira fácil de colecionar informações para acessar mais tarde.

×