1º Almoço 10-10-10, Hotel Real Palácio, 21 de Maio de 2009

595 views
533 views

Published on

No âmbito da análise trimestral de confiança do mercado imobiliário turistico, a ILM Advisory reuniu, num almoço exclusivo, no passado dia 21 de Maio de 2009, alguns dos players que assumiram o compromisso de contribuir para o desenvolvimento do 10-10-10. O almoço teve por objectivo de a recolha presencial de alguns dados, a apresentação dos dados referentes à análise anterior, assim como, a apresentação de algumas das conclusões preliminares da análise 10-10-10 para o 2º trimestre de 2009.
Os resultados finais da mesma serão anunciados no decorrer da 1ª semana de Junho.

No almoço estiveram presentes:
Simon Punter – ILM Group
Eduardo Netto de Almeida - Campo Real
Nunes Carvalho – Santander
Victor Norinha – Oje
Luis de Mesquita Figueiredo – ILM Advisory
Pedro Sottomayor – Norte Golfe
Rita Antonieta Neves – ILM Advisory
Susana Ribeiro – Vida Imobiliária
Patricia Marques – IRG
Joaquim Almeida - Imobiliária
Guilherme Grossman – Consultan
Luis Figueiredo Trindade – People and Business
Andrew Coutts – ILM Group
Pedro Toscano – Banif
Ana Baptista – Diário Económico
Pedro Botelho – Grupo MSF
Sofia Brandão – Aquapura
Fernanda Pedro – Espaços e Casas
Ole Jesperson – IRG
Mary Magan - Winkworth
Fátima Valente – Publituris
Ricardo Ribeiro de Almeida
Francisco Virgolino – Confidencial Imobiliário

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
595
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
7
Actions
Shares
0
Downloads
3
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

1º Almoço 10-10-10, Hotel Real Palácio, 21 de Maio de 2009

  1. 1. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q U A R T E R L Y M O N I T O R 1º ALMOÇO 10‐10‐10 Hotel Real Palácio, 21 de Maio de 2009 1
  2. 2. 10 ANOS DE CONHECIMENTO E PRÁTICA TRANSVERSAL NO SECTOR 1999
  3. 3. 10 ANOS DE EXPERIÊNCIA HOTEL GOLFINHO 1999
  4. 4. CORE TEAM, ASSOCIADOS E “SENIOR ADVISORS”
  5. 5. 3 i´s ORIENTADA PELO MERCADO E PELA INOVAÇÃO A MISSÃO DA ILM É CONTRIBUIR ACTIVAMENTE PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTADO DO SECTOR TURÍSTICO E HOTELEIRO NACIONAL.
  6. 6. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q U A R T E R L Y M O N I T O R AVALIAR A CONFIANÇA NO MERCADO IMOBILIÁRIO TURÍSTICO NACIONAL, MONITORIZANDO A PERFORMANCE E AS TENDÊNCIAS DO SECTOR. 6
  7. 7. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE Q 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q U A R T E R L Y M O N I T O R 10 PERGUNTAS 10 PROMOTORES: 10 AGENTES IMOBILIÁRIOS: Á ‐ Norte Golfe* ‐ IRG International Reality Group – Lisboa* ‐ CampoReal* ‐ Winkworth – Algarve* ‐ Aquapura * ‐ Consultan – Costa Azul* ‐ MSF ‐ TUR IM* TUR.IM ‐ Atlantic Estates ‐ Algarve, Lisboa e Costa de Prata ‐ Pestana Imobiliária ‐ Abacus Savills ‐ Lisboa ‐ Bom Sucesso ‐ Garvetur ‐ Sociedade de Mediação Imobiliária S.A. ‐ Algarve ‐ Newlyn Portugal ‐ J h D G iffi h ‐ Al John Griffiths Algarve ‐ Vale do Lobo ‐ Prunty's Overseas Properties S.A. ‐ Lisboa ‐ Grupo Oceânico ‐ Sadlers Mediação Imobiliária ‐ Knight Frank ‐ Algarve ‐ Grupo Duarte ‐ Engel and Voelkers ‐ Oeste
  8. 8. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q U A R T E R L Y M O N I T O R INTERVALO “SOUP TIME”
  9. 9. RESULTADOS DA ANÁLISE ANTERIOR 1º TRIMESTRE 2009 VS 4º TRIMESTRE 2008 CONFIANÇA Comparando o 1º trimestre de 2009 com o 4º de 2008, 13% dos participantes na análise classificaram a confiança no mercado de baixa, 40% média baixa e 27% média. 80% De salientar que na perspectiva dos promotores a confiança do mercado se verifica BAIXA A MÉDIA ligeiramente superior comparativamente com a dos agentes imobiliários. VENDAS Na opinião dos Promotores, o nível de actividade do negócio nas vendas manteve‐se enquanto que os Agentes Imobiliários apontam mais para uma diminuição do mesmo. 69% Na análise por regiões, podemos constatar que na opinião das entidades participantes, no MANTEVE Algarve o nível de actividade do negócio diminuiu e nas regiões de Lisboa, Porto e Oeste o mesmo manteve‐se.
  10. 10. RESULTADOS DA ANÁLISE ANTERIOR 1º TRIMESTRE 2009 VS 4º TRIMESTRE 2008 FRACO INTERESSE COM TENDÊNCIA PARA SE MANTER OU MESMO DIMINUIR. LISBOA FORTE INTERESSE COM TENDÊNCIA PARA SE MANTER MANTER. FRACO INTERESSE COM TENDÊNCIA PARA SE MANTER OU PONTUALMENTE AUMENTAR. PORTO FORTE INTERESSE COM TENDÊNCIA PARA AUMENTAR.
  11. 11. RESULTADOS DA ANÁLISE ANTERIOR 1º TRIMESTRE 2009 VS 4º TRIMESTRE 2008 PORTUGAL INGLATERRA IRLANDA ESPANHA ESCANDINÁVIA Á ALEMANHA BENELUX INTERESSE INTERESSE INTERESSE INTERESSE INTERESSE INTERESSE INTERESSE ENTRE O FRACO COM FRACO COM ENTRE O SIMILAR COM SIMILAR ENTRE O SIMILAR E O TENDÊNCIA TENDÊNCIA SIMILAR E O TENDÊNCIA COM SIMILAR E O FRACO COM PARA SE PARA MANTER FORTE COM PARA MANTER MANTER. TENDÊNCIA FRACO COM TENDÊNCIA MANTER OU OU MESMO TENDÊNCIA PARA TENDÊNCIA PARA MESMO DIMINUIR. PARA MANTER. PARA MANTER. DIMINUIR. MANTER. MANTER. OUTROS PAÍSES E REGIÕES QUE SE COMEÇAM A INTERESSAR PELA AQUISIÇÃO DE PROPRIEDADES EM Ç Ç PORTUGAL: ARÁBIA SAUDITA, POLÓNIA, ÁFRICA CENTRAL, TURQUIA, VENEZUELA, AUSTRÁLIA, BRAZIL GUATEMALA VENEZUELA AUSTRÁLIA BRAZIL, GUATEMALA.
  12. 12. RESULTADOS DA ANÁLISE ANTERIOR 1º TRIMESTRE 2009 VS 4º TRIMESTRE 2008 FACTORES DETERMINANTES MERCADOS QUE REPRESENTAM PARA A DECISÃO DE COMPRA NO UMA AMEAÇA COMPETITIVA 4º TRIMESTRE DE 2008 PARA PORTUGAL RANKING RANKING 1. CONFIANÇA NO MERCADO Ç 1. ESPANHA 2. VARIAÇÕES CAMBIAIS 2. FRANÇA 3. PREÇO DO PRODUTO 3. TURQUIA 4. CLIMA 4. CHIPRE E GRÉCIA 5. 5 OUTROS 5. EUA E CARAIBAS 6. VARIEDADE NA OFERTA 6. DUBAI 7. VALOR DO MERCADO EMISSOR 7. MARROCOS E NORTE DE ÁFRICA 8. PROXIMIDADE AO AEROPORTO 8. 8 BULGÁRIA E MALTA 9. SEGURANÇA E FACILIDADE DE ACESSO AO LOCAL 9. PALOP´S
  13. 13. RESULTADOS DA ANÁLISE ANTERIOR 1º TRIMESTRE 2009 VS 4º TRIMESTRE 2008 PERSPECTIVA 2º TRIMESTRE 2009 O 2º TRIMESTRE DE 2009 2 DEVE APRESENTAR UMA LIGEIRA MELHORIA COMPARANDO COM O 1º TRIMESTRE
  14. 14. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q U A R T E R L Y M O N I T O R TERÃO OS RESULTADOS DO 1 1º TRIMESTRE DE 2009 CONFIRMADO AS TENDÊNCIAS APONTADAS?
  15. 15. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q U A R T E R L Y M O N I T O R
  16. 16. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q U A R T E R L Y M O N I T O R
  17. 17. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q U A R T E R L Y M O N I T O R TERMINADO O 1º TRIMESTRE QUAL SERÁ O BALANÇO DA SUA PERFORMANCE E QUAIS AS PERSPECTIVAS PARA O TRIMESTRE ACTUAL?
  18. 18. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q U A R T E R L Y M O N I T O R INTERVALO “PEIXETIME”
  19. 19. ÁRIO 2  2º  TIONÁ PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE TRIMESTRE QUEST 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS Q U A R T E R L Y AGENTS M O N I T O R 2009 Q ANÁLISE TRIMESTRAL DE CONFIANÇA DO MERCADO IMOBILIÁRIO TURISTICO 19
  20. 20. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q U A R T E R L Y M O N I T O R ALGUNS RESULTADOS PRELIMINARES
  21. 21. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q QUESTIONÁRIO  Q U A R T E R L Y M O N I T O R ALGUNS RESULTADOS  PRELIMINARES ALGUNS COMENTÁRIOS: CONFIANÇA VENDAS ‐ Mercado nacional estável quando comparado com outros mercados internacionais; ‐ Continuação da dificuldade de obtenção de financiamento bancário. BAIXA A MÉDIA DIMINUIU ‐ Mercado hesitante mas a estabilizar ‐ Possibilidade de alteração com regime de fractionals ‐ Não ocorreram vendas
  22. 22. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q QUESTIONÁRIO  Q U A R T E R L Y M O N I T O R ALGUNS RESULTADOS  PRELIMINARES PORTO IGUAL OU MAIS FORTE INTERESSE COM TENDÊNCIA PARA AUMENTAR OU MANTER. IGUAL INTERESSE COM TENDÊNCIA PARA MANTER. LISBOA FORTE INTERESSE COM TENDÊNCIA PARA AUMENTAR AUMENTAR. IGUAL OU MAIS FORTE INTERESSE COM TENDÊNCIA PARA AUMENTAR.
  23. 23. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q QUESTIONÁRIO  Q U A R T E R L Y M O N I T O R ALGUNS RESULTADOS  PRELIMINARES PORTUGAL INGLATERRA IRLANDA ESPANHA ESCANDINÁVIA ALEMANHA BENELUX INTERESSE INTERESSE INTERESSE INTERESSE INTERESSE INTERESSE INTERESSE ENTRE O ENTRE O FRACO COM SIMILAR SIMILAR COM SIMILAR ENTRE O SIMILAR E O SIMILAR E O TENDÊNCIA COM TENDÊNCIA COM SIMILAR E O MAIS FORTE MAIS FRACO PARA MANTER TENDÊNCIA PARA MANTER. TENDÊNCIA FRACO COM COM COM OU MESMO PARA PARA TENDÊNCIA TENDÊNCIA TENDÊNCIA DIMINUIR. MANTER. MANTER. PARA PARA PARA SE MANTER. MANTER OU MANTER OU AUMENTAR AUMENTAR. OUTROS PAÍSES E REGIÕES QUE SE COMEÇAM A INTERESSAR PELA AQUISIÇÃO DE PROPRIEDADES EM PORTUGAL: BRASIL, ANGOLA, ÁFRICA DO SUL.
  24. 24. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q QUESTIONÁRIO  Q U A R T E R L Y M O N I T O R ALGUNS RESULTADOS  PERSPECTIVA 3º TRIMESTRE 2009 PRELIMINARES ENTRETANTO E EM JEITO DE CONCLUSÃO PRELIMINAR PARECE QUE O 3º TRIMESTRE DE 3 2009 SE PERSPECTIVA IGUAL… IGUAL
  25. 25. PORTUGAL RESIDENTIAL TOURISM MARKET INTELLIGENCE 10 10 10 QUESTIONS DEVELOPERS AGENTS Q U A R T E R L Y M O N I T O R OS RESULTADOS FINAIS  SER VOS ÃO DADOS A  SER‐VOS‐ÃO DADOS A  CONHECER NA 1ª SEMANA  DE JUNHO. O OBRIGADA. OBRIGADA
  26. 26. TOURISm2 = ASSETS + TERRITORY + ENV VIRONMENT + AUTHENTICITY + TRAVELERS + COMPETITION + TRENDS + A C CONCEPTS + INNOVATION + STRATEGY + INVESTMENT + HOTELS + RESO S N ORTS + LEISURE FACIILITIES + FE EASIBILITY + O SERVICE + EXPERIENCES + EXCELLENCE + OUR CLIENTS DREAM. (+351) ( 351) Praça Duque de Saldanha • Ed. Atrium Saldanha 10º J • 1050-094 Lisboa • Portugal ONDE ESTAMOS Tel.: ( 351) 213 145 481 • Fax: (+351) 213 145 482 • e-mail: info@ilm portugal.com e mail: info@ilm-portugal.com www.ilm-portugal.com

×