3 t12 apresentação de resultados

  • 150 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
150
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Teleconferência de Resultados 3T1213 de novembro de 2012
  • 2.  Destaques 3T12 Indicadores Financeiros Indicadores Operacionais Expectativas para o 4T12 e para 2013 2
  • 3. Destaques do 3T12 Iniciativas e Conquistas Impactos nos Resultados Crescimento expressivo em vendas versus 3T11  Expansão e Investimentos em infraestrutura • 15,2% de crescimento nas vendas • Investimentos totais: R$44,8 milhões • 9,6% de crescimento mesmas lojas • Abertura de 5 novas lojas convencionais e o 25,5% de crescimento da Internet iniciados os investimentos em mais 9 lojas que o 7,4% de crescimento mesmas lojas físicas serão abertas no 4T12 • Reformas de lojas Crescimento sustentável • Investimentos em Logística e Tecnologia • Evolução da margem bruta consolidada – 33,5% da receita líquida  Despesas extraordinárias de integração: o Aumento de 0,8pp em relação ao 3T11 • Total de R$6,3 milhões – treinamento de funcionários e o Manutenção em relação ao 2T12 virada das lojas do Nordeste • Disciplina financeira (vendas sem juros limitadas) • Taxa de aprovação conservadora  Resultados da Luizacred • Melhoria dos indicadores de atraso – destaque para Conclusão do processo de integração da Maia carteira em atraso acima de 90 dias • Conclusão da integração sistêmica – Out 2012 • Manutenção do conservadorismo o Melhoria na margem bruta no 4T12 e 2013, o Redução da taxa de aprovação de crédito através de uma maior eficiência na gestão de o Provisões robustas preços e estoques e da redução de despesas gerais e administrativas  Resultados do Magazine Luiza • Resultado do trimestre impactado por vendas Racionalização dos custos e despesas levemente abaixo do esperado, esforços na integração • Programa de racionalização de custos e despesas – foco do Nordeste e conservadorismo nas provisões principal da Companhia em 2012 • Redução de 0,8pp nas despesas com vendas, gerais e administrativas do segmento de varejo o 25,4% da receita líquida versus 26,2% no 3T11 3
  • 4. Inaugurações – 3T12Campo Grande - MS Viçosa - MG Olinda – PE Jaboatão dos Salvador - BA Guararapes - PE 4
  • 5.  Destaques 3T12 Indicadores Financeiros Indicadores Operacionais Expectativas para o 4T12 e para 2013 5
  • 6. Evolução da Receita Bruta Varejo ConsideraçõesR$ bilhões 25,0% 19,7% 14,7% 19,6% • Evolução de 14,7% da receita bruta do varejo versus o 3T11 e crescimento de 9,6% no 2,0 conceito mesmas lojas, impulsionado por: 1,8 — E-commerce — Maturação das lojas 2,0 6,0 1,6 5,0 • Vendas da região Nordeste – R$287 milhões (14,2% das vendas totais do varejo), impactadas 1,6 2,0 pontualmente pelo processo de integração, mas já retornaram a patamares de crescimento 1T11 2T11 3T11 9M11 1T12 2T12 3T12 9M12 superiores ao da média da Companhia Total Consolidado • Crescimento de 15,2% da receita brutaR$ bilhões 25,7% 21,6% 15,2% 20,6% consolidada versus o 3T11: — Crescimento na receita do segmento de 2,2 financiamento ao consumo de 23,0%, 1,9 influenciado principalmente pela receita de CDC e de serviços 2,1 6,4 1,7 5,3 • Aumento do número de lojas – de 684 no final de 3T11 para 736 lojas no final do 3T12 1,7 2,1 1,1 1T11 2T11 3T11 9M11 1T12 2T12 3T12 9M12 Crescimento vs o mesmo trimestre do ano anterior Crescimento vs o 9M do ano anterior 6
  • 7. Evolução da Receita Bruta – Internet Internet ConsideraçõesR$ milhões 42,8% 45,0% 25,5% 37,0% 269 781 • Crescimento de 25,5% no 3T12 versus 3T11 e 37,0% no 9M12 versus 9M11 impulsionado por: — Aumento do mix de produto — Inovações em conteúdo 214 570 — Investimentos em infraestrutura de 264 Tecnologia de Informação e sistemas — Abordagem multicanal: compartilhamento 182 da infra-estrutura dos outros canais 248 174 1T11 2T11 3T11 9M11 1T12 2T12 3T12 9M12 Crescimento vs o mesmo trimestre do ano anterior Crescimento vs o 9M do ano anterior 7
  • 8. Evolução da Receita Líquida e Lucro Bruto Receita Líquida – Consolidada ConsideraçõesR$ bilhões 27,5% 22,3% 15,1% 21,4% 5,5 • Crescimento de 15,1% no 3T12, em linha com o crescimento da receita bruta 1,8 1,6 • Crescimento de 21,4% no 9M12 versus o 9M11 1,8 1,5 4,5 1,4 1,8 1T11 2T11 3T11 9M11 1T12 2T12 3T12 9M12 Lucro Bruto – Consolidado ConsideraçõesR$ bilhões 22,4% 25,0% 18,1% 21,7% • Melhora de 0,8pp na margem bruta consolidada do 3T12 versus o 3T11 e 0,6 manutenção com relação ao 2T12: 0,5 — Margem bruta do Varejo: 28,8% no 3T12 0,6 1,8 0,5 1,5 — Margem bruta das lojas do Nordeste foi de 25,3% no 3T12, comparado com 29,4% das 0,5 0,6 demais lojas – integração sistêmica possibilitá a obtenção de margem bruta 1T11 2T11 3T11 9M11 1T12 2T12 3T12 9M12 semelhante à das demais regiões 33,2% 32,8% 32,7% 32,9% 31,8% 33,5% 33,5% 33,0% Crescimento vs o mesmo trimestre do ano anterior Crescimento vs o 9M do ano anterior Margem Bruta (%) 8
  • 9. Despesas Operacionais – Consolidado Despesas Operacionais Considerações R$ milhões • As despesas com vendas em linha com o 3T11 e levemente acima do 2T12 (20,7%) — Apesar do projeto de redução de 68 62 84 13 549 despesas, as vendas abaixo das expectativas impediram uma maior 90 431 91 diluição neste trimestre • Despesas gerais e administrativas: 335 388 diluição de 0,7pp em relação ao ano anterior, fruto da racionalização de despesas proposta este ano • PDD: — PDD de R$68,1 milhões (4,2% da receita líquida) no 3T11 para R$84,1 milhões no 3T12 (4,6% da receita líquida) — Provisões robustas (conservadorismoVendas G&A Prov. Outros Total Vendas G&A Prov. Outros Total da Luizacred)-20,9% -5,6% -4,2% 3,9% -26,9% -21,0% -4,9% -4,6% 0,7% -29,8% • Outras Despesas (Receitas) Operacionais: (detalhamento no próximo slide) 3T11 3T12 % Rec. Líquida 9
  • 10. Outras Despesas (Receitas) Operacionais – Consolidado Outras Despesas (Receitas) Operacionais ConsideraçõesR$ milhões 22 5 • Outras Despesas (Receitas) Operacionais: 62 — Receita Diferida: 33 o De R$12,4 milhões no 3T11 para R$8,2 milhões no 3T12 - redução na apropriação de receitas diferidas 12 11 12 (método linear) — Despesas extraordinárias com oApropriação Despesas Oper. Provisões Venda de Outros Total processo de integração das redes de de Receita de Crédito Fiscais Ativos R$6,3 milhões no 3T12 Diferida Integração Pessoal — Alteração na contabilização do empréstimo pessoal, que passou a ser 2 13 contabilizado no resultado da 5 intermediação financeira da Luizacred, 0 8 6 reduzindo a receita de profit sharing de 5 R$12,0 milhões para R$4,7 milhões — Provisões fiscais: R$32,6 milhões de reversão de provisões na Maia no 3T11Apropriação Despesas Oper. Provisões Venda de Outros Total versus R$5,0 milhões no 3T12 de Receita de Crédito Fiscais Ativos — Venda de ativos: venda da estrutura de Diferida Integração Pessoal divulgação da Luizacred 3Q11 3Q12 10
  • 11. Evolução do EBITDA e EBITDA Ajustado EBITDA ConsideraçõesR$ milhões • Margem EBITDA de 3,7% no 3T12 impactado pelo: 92 150 — Processo de integração da Lojas Maia 248 — Aumento das provisões para perdas em 72 69 crédito de liquidação duvidosa 84 9 72 • O EBITDA da região Nordeste foi de R$5,8 milhões no 3T12 e ainda não reflete os 1T11 2T11 3T11 9M11 1T12 2T12 3T12 9M12 benefícios esperados após a integração 5,9% 4,9% 5,8% 5,5% 0,5% 4,0% 3,7% 2,8% da Lojas Maia EBITDA AjustadoR$ milhões 3T11 3T12 5,8% 5,9% 3,7% 3,8% 92 33 40 5 94 69 5 6 0 70 EBITDA Receitas Despesas Receitas EBITDA EBITDA Receitas Despesas Receitas EBITDA Extraord. Extraord. Diferidas Ajustado Extraord. Extraord. Diferidas Ajustado Margem EBITDA (%) 11
  • 12. Despesas Financeiras – Consolidado Despesas Financeiras ConsideraçõesR$ milhões • Resultado Financeiro: -2,3% -2,2% — Redução de 2,3% no 3T11 para 2,2% da receita líquida no 3T12: 41 o Impactado positivamente pela 37 redução do CDI o Parcialmente compensado pelo aumento da necessidade de capital de giro no período — No 9M12, as despesas financeiras líquidas totalizaram R$125,2 milhões, passando de 2,8% para 2,3% da receita líquida do período 3T11 3T12 Despesas Financeiras % Rec. Líquida 12
  • 13. Lucro Líquido e Lucro Líquido Ajustado Lucro Líquido ConsideraçõesR$ milhões 12 • Lucro líquido impactado também pelo: 5 29 22 2 12 — Processo de integração da Lojas Maia — Aumento nas provisões para perdas em 16 crédito de liquidação duvidosa 41 • Excluindo as despesas e receitas extraordinárias, o lucro líquido ajustado foi de 1T11 2T11 3T11 9M11 1T12 2T12 3T12 9M12 R$3,2 milhões, equivalente a 0,2% da receita 0,9% 0,3% 0,7% 0,6% -2,3% 1,2% 0,1% -0,3% líquida Lucro Líquido AjustadoR$ milhões 3T11 3T12 0,7% 1,2% 0,1% 0,2% 6 19 1 0 0 3 12 2 1 2Lucro Líquido Resultado IR/CS Créditos Lucro Lucro Líquido Resultado IR/CS Créditos Lucro Ops. Extr. Extraord. Tributários Ajustado Ops. Extr. Extraord. Tributários Ajustado Margem Líquida (%) 13
  • 14. Investimentos Investimentos ConsideraçõesR$ milhões 98 • Reformas de lojas – R$18,6 milhões • Lojas novas 25 — Inauguração de 5 lojas novas convencionais no 3T12 — Iniciados os investimentos em mais 9 lojas que serão abertas no 4T12 50 38 43 45 8 • Outros investimentos incluem 6 35 4 investimentos em logística, no total de 19 6 11 5 19 R$11,1 milhões no 3T12 8 7 4 12 6 29 18 18 16 12 3T11 4T11 1T12 2T12 3T12 Lojas Novas Reformas Tecnologia Outros 14
  • 15.  Destaques 3T12 Indicadores Financeiros Indicadores Operacionais Expectativas para o 4T12 e para 2013 15
  • 16. Desempenho Operacional – Lojas Evolução do Número de Lojas Crescimento das Vendas Mesmas Lojas# lojas 33,6% + 52 lojas 20,0% 16,6% 728 730 731 736 14,7% 684 1 1 1 1 7,4% 9,6% 1 103 106 106 106 69 3T11 3T12 Crescimento das Vendas Mesmas Lojas Físicas Crescimento das Vendas Mesmas Lojas (incluindo e-commerce) Crescimento das Vendas Totais do Varejo 614 624 623 624 629 Idade Média das Lojas Até 1 ano 117 De 1 a 2 anos 21 456 142 De 2 a 3 anos 3T11 4T11 1T12 2T12 3T12 Acima de 3 anos Site Lojas Virtuais Lojas Convencionais 16
  • 17. Desempenho Operacional – Luizacred Mix de Vendas Financiadas Faturamento Luizacred% da venda total R$ milhões 11,9% 2.049 100% 100% 39 1.830 54 316 25% 28% 171 30% 34% 1.028 1.290 11% 19% 34% 578 19% 404 3T11 3T12 3T11 3T12 Venda à vista/Entrada CDC Empréstimo Pessoal Cartão Luiza Fora - Bandeira Cartão de Terceiros Cartão Luiza CDC Cartão Luiza Dentro 17
  • 18. Desempenho Operacional – Composição da carteira Base de Cartões Luiza Composição da carteira# milhões R$ milhões 13% 3.408 104 4,4 4,3 3.012 4,2 4,2 4,0 139 777 389 2.484 2.527 3T11 4T11 1T12 2T12 3T12 3T11 3T12 Carteira Empréstimo Pessoal Carteira Cartão Carteira CDC 18
  • 19. Carteira da Luizacred Visão Atraso Considerações% carteira • De forma oposta ao observado no20% mercado, os indicadores de atraso da 17,7% Luizacred no final de setembro de 2012 16,8% 17,4% melhoraram significativamente em 15,9% relação a junho de 2012 e setembro de 14,4% 2011 devido ao: 13,6% 12,4% 12,7% — Conservadorismo na taxa de 11,6% 10,4% aprovação de crédito10% — Controle constante de inadimplência por loja • Saldo de provisões: redução de R$6,7 4,1% 4,4% 4,7% 4,3% milhões no 3T12 (R$467,5 milhões em 4,0% jun/12 para R$460,8 milhões em set/12) • Saldo da carteira acima de 90 dias: redução de R$45,0 milhões no 3T12 set/11 dez/11 mar/12 jun/12 set/12 (R$400,9 milhões em jun/12 para 111% 114% 111% 117% 129% R$355,9 milhões em set/12) • Aumento do índice de cobertura de Atraso de 15 a 90 dias Atraso maior a 90 dias Atraso Total 117% no 2T12 para 129% no 3T12 Índice de cobertura(%) 19
  • 20.  Destaques 3T12 Indicadores Financeiros Indicadores Operacionais Expectativas para o 4T12 e para 2013 20
  • 21. Expectativas para o 4T12 e para 20131 3 Crescimento de Vendas e Sinergias Investimentos e Expansão Crescimento consistente:  Investimentos em tecnologia, logística e reforma de o Maturação das lojas novas, das lojas do lojas Nordeste e vendas da Internet  Abertura orgânica de 9 lojas no 4T12, totalizando 22 o Melhor desempenho da economia (4T12) novas lojas no ano Gestão totalmente integrada – 2013 o 12 no Nordeste o Diluição de SG&A o 10 no Sul/Sudeste o Benefícios na gestão de capital de giro e de preços – aumento da margem das lojas do NE2 4 Virada da marca – Salvador Resultados Virada da marca Lojas Maia para Magazine Luiza na  4T12 e 2013: aumento consistente da rentabilidade região metropolitana de Salvador em outubro de o Crescente maturação das lojas novas 2012 o Continuidade do programa de redução e Expressivo crescimento de vendas na região dado: diluição de despesas operacionais o Novo mix de produtos o Captura de sinergias provenientes das o Ambientes mais modernos integrações de Maia e Baú 21
  • 22. Virada da Marca – Região Metropolitana de Salvador 18 lojas reinauguradas 22
  • 23. Relações com Investidores ri@magazineluiza.com.br www.magazineluiza.com.br/riAviso LegalAs afirmações contidas neste documento relacionadas a perspectivas sobre os negócios, projeções sobre resultados operacionais e financeiros e aquelas relacionadasa perspectivas de crescimento do Magazine Luiza são meramente projeções e, como tais, são baseadas exclusivamente nas expectativas da diretoria sobre o futuro dosnegócios. Essas expectativas dependem, substancialmente, das aprovações e licenças necessárias para homologação dos projetos, condições de mercado, dodesempenho da economia brasileira, do setor e dos mercados internacionais e, portanto, sujeitas a mudanças sem aviso prévio. O presente documento pode incluirdados contábeis e não contábeis tais como, operacionais, financeiros pro forma e projeções com base na expectativa da Administração da Companhia. Os dados nãocontábeis não foram objeto de revisão por parte dos auditores independentes da Companhia. 23
  • 24. Teleconferência de Resultados 3T1213 de novembro de 2012