Historia de israel aula 16 e 17 profetas e retorno do exílio

  • 8,612 views
Uploaded on

Curso "História de Israel, de Abraão aos Dias Atuais" 2012, do Ministério Projeto Aliyah.

Curso "História de Israel, de Abraão aos Dias Atuais" 2012, do Ministério Projeto Aliyah.

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
No Downloads

Views

Total Views
8,612
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2

Actions

Shares
Downloads
681
Comments
1
Likes
3

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Módulo IIHistória de Israel Aula 16
  • 2. lkhd
  • 3. lkhdSumário: O Ministério Profético em Israel Os Principais Profetas de Israel Os Principais Profetas de Judá
  • 4. lkhdO Ministério Profético em Israel A palavra hebraica navi, ou nabi tem o navi, significado de “orador” ou “relator”; Os neviim aparecem em diversos relatos do Antigo Testamento (1Sm 10:5): Vida em comunidades de profetas; Deslocavam- Deslocavam-se pelo país; Tocavam e dançavam arrebatadamente; Previam o futuro; Eram vistos com um sentimento misto de temor, respeito e desdém;
  • 5. lkhdUniformidade e singularidade da profecia Houve uma extraordinária unidade da pregação dos profetas em 180 anos; A mensagem profética foi influenciada pelas características individuais de cada profeta;
  • 6. lkhdOs Profetas Orais: Profetizavam em meio a manifestações místicas; Profetizaram prioritariamente no Reino do Norte; Principais características (1Rs 17:42-46): 17:42- Viviam em grupo; Vestiam- Vestiam-se com peles de animais; Eram itinerantes; Seus maiores expoentes foram Elias e Eliseu; Outros profetas: Natã (1Rs 1:22); Aías (1Rs 11:30); Ido (2Cr 13:22); Hananias (Jr 28:10);
  • 7. lkhdOs Profetas Literários: Maior manifestação no Reino do Sul; Principais ênfases: Justiça social (Is 1:16-17); 1:16- Superioridade da Lei moral sobre o ritual (Os 6:6); Porque eu quero a misericórdia, e não o sacrifício; e o conhecimento de Deus, mais do que os holocaustos. Interesse e amor por Israel (Am 7:14-15); (Am 7:14- Envolvimento na esfera política; Se expressaram, muitas vezes, em forma poética (Is 14:4-23); 14:4- Seus maiores expoentes foram Isaías, Jeremias, Ezequiel, Oséias e Daniel;
  • 8. lkhdOs Principais Profetas de Israel Elias Era tesbita, da região de Gileade; tesbita, Gileade; Profetizou durante os reinados de Acabe, Acazias e Jorão, Jorão, no século IX a.C.; Confrontou e matou os profetas de Baal; Baal; Foi perseguido por Jezebel, esposa de Acabe; Jezebel, Confrontou Acabe e profetizou sobre o fim de sua descendência; Subiu aos céus em um carro de fogo, sem passar pela morte; Passou seu manto para seu discípulo Eliseu;
  • 9. lkhdEliseu Era um lavrador de Abel-Meolá; Abel-Meolá; Foi um discípulo fiel de Elias, acompanhando-o até acompanhando- o momento de sua subida aos céus; Pediu e recebeu a unção de Elias em dobro; Profetizou nos reinados de Jeorão, Jeú, Jeoacaz e Jeorão, Jeú, Jeoás (final do sec. IX e início do sec. VIII a.C.); Dirigiu uma Escola de Profetas em Gilgal; Gilgal; Realizou mais milagres registrados que qualquer pessoa na Bíblia, exceto Jesus Cristo; Mesmo após sua morte, o toque em seus ossos fez um morto ressuscitar;
  • 10. lkhdAmós Boiadeiro e cultivador de sicômeros; sicômeros; Era da região de Tekoa, no deserto de Judá; Tekoa, Recebeu o chamado de Deus para abandonar sua vida simples e profetizar para Israel (7:15); Viveu no século VIII a.C., durante o reinado de Jeroboão II e Zacarias; Sua mensagem: Foi o “profeta da ira” e profetizou o Dia do Juízo; Israel, como povo eleito, não tinha superioridade racial mas dupla responsabilidade (5:21-24); (5:21- Previu que a queda de Israel seria definitiva (5:2);
  • 11. lkhdOséias Natural do território de Benjamim; Viveu e profetizou nos últimos anos do Reino do Norte; Era um homem culto e de temperamento melancólico; Sua mensagem: Usou sua relação com uma mulher infiel para ilustrar a infidelidade de Israel com Deus; Em sua mensagem, há mais dor do que ira (11:8); Foi repelido pelo povo em razão de seus ataques aos costumes religiosos;
  • 12. lkhdOs Principais Profetas de Judá Isaías Procedia de uma influente família de Jerusalém: Se dirigia aos reis como a um igual; Seu ministério teve início em 735 a.C. e durou 40 anos; Profetizou durante os reinados de Acaz e Ezequias; Ezequias; Sua profecia influenciou os destinos de Judá; Interveio em questões políticas do Reino; É, por muitos, considerado o maior profeta de Israel
  • 13. lkhdIsaías Sua mensagem Soberania de Deus: as nações são apenas instrumentos do “Deus dos céus e da Terra”; Foi chamado de “profeta messiânico”, devido às suas maravilhosas profecias sobre o Messias;Certamente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e asnossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito,ferido de Deus e oprimido.Mas ele foi traspassado pelas nossas transgressões, e moídopelas nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estavasobre ele, e pelas usas pisaduras fomos sarados (Is 53:4-5) Segundo a tradição, foi morto pelo rei Manassés; Manassés;
  • 14. lkhdJeremias Era de uma família sacerdotal da cidade de Anatot, Anatot, ao norte de Jerusalém; Seu ministério teve início no reinado de Josias (por volta de 626 a.C.); Sua mensagem Sua profecia em forma poética marcou a literatura da humanidade; Devido às suas constantes lamentações pelo juízo vindouro sobre Judá, foi chamado de “profeta chorão”; Criticou a centralidade do Templo na religião de Israel; Foi um dos precursores do universalismo na fé judaica; Confrontou o clero de Jerusalém Foi proibido de pregar no interior do Templo;
  • 15. lkhd Jeremias Tinha confiança na redenção futura de Israel; Comprou um terreno de seu tio pouco antes da invasão de Judá pela Babilônia; Profetizou sobre a nova aliança que Deus faria com Israel (Jr 31:31-33) 31:31-31 Eis aí vem dias, diz o Senhor, e firmarei nova aliança coma casa de Israel e com a casa de Judá.33 Porque esta é a aliança que firmarei com a casa de Israel,depois daqueles dias, diz o Senhor. Na mente lhes imprimireias minhas leis, também no coração lhas inscreverei; eu sereio seu Deus e eles serão o meu povo.
  • 16. lkhdEzequiel Era um sacerdote, da linhagem de Zadoque; Zadoque; Foi um dos três profetas, junto com Jeremias e Daniel, da época do exílio na Babilônia; Foi deportado para a Babilônia junto com o rei Joaquim, após o cerco a Jerusalém; Sua mensagem foi baseada em visões e êxtases sobrenaturais; Foi um dos fundadores da literatura apocalíptica; Profetizou a redenção de Israel em sua célebre visão dos ossos secos (Ez 37); (Ez Foi um consolador do povo durante o cativeiro;
  • 17. lkhdDaniel Era de linhagem nobre e real; Foi levado prisioneiro para a Babilônia em 605 a.C.; Assumiu uma posição de governo na Babilônia; Nunca hesitou em sua lealdade a Deus: Rejeitou as iguarias do rei; Foi lançado na cova dos leões; Prosperou também durante o reinado persa; Seu livro é considerado o “Apocalipse do AT”; Viveu até o 3º ano do reinado de Ciro (536 a.C.);
  • 18. lkhdIntervalo ????????
  • 19. Módulo IIHistória de Israel Aula 17
  • 20. Sumário: O Império Persa A Queda da Babilônia O 1º Retorno: Zorobabel O 2º Retorno: Esdras O 3º Retorno: Neemias
  • 21. lkhdA Queda da Babilônia Crise política e religiosa na Babilônia Disputa entre os adoradores da Lua e os sacerdotes de Marduque; Marduque; A invasão da cidade Ciro, rei persa, entrou em Babilônia, em 539 a.C.; Não houve cerco nem grandes combates; Enquanto os babilônios festejavam, Ciro desviou as águas do Eufrates para um lago artificial; Atravessaram o rio e entraram sem lutar, pois os portões estavam abertos;
  • 22. lkhdA Queda da Babilônia segundo a Bíblia (Dn 5) (Dn Belsazar era filho do rei Nabonido, último rei da Nabonido, Babilônia: O banquete de Belsazar: Belsazar: Foram utilizados os utensílios do Templo de Jerusalém; A inscrição na parede MENE MENE TEQUEL PARSIM Interpretação de Daniel Contou Deus o seu reino e deu cabo dele. Pesado foste na balança e achado em falta. Dividido foi o teu reino e dado aos medos e aos persas.
  • 23. lkhdO Império Persa Origem Aquêmenes, Aquêmenes, avô de Ciro I, foi o fundador da dinastia persa; Sua pátria era chamada Parsa ou Ayriana; Ayriana; Falavam uma língua de origem indo-européia; indo- Eram vassalos da Média, seu vizinho do norte; Ciro, o Grande, uniu as tribos persas e derrotou os medos em 550 a.C.; O Império Persa suplantou os Impérios Assírio e Babilônico em poderio e extensão territorial;
  • 24. lkhdLocalização O país localizava-se a leste do Elão, entre o Golfo localizava- Elão, Pérsico e o Grande Deserto de Sal: Ocupou esta região no início do 1º milênio a.C.; Atual Irã;
  • 25. lkhdReligião Adotavam como religião o zoroastrismo; Fundada por Zaratustra, profeta persa do sec. VII a.C.; Ensinava que o mundo era dividido entre 2 divindades: Ahura Mazda: Criador do céu e da terra; encarnava o Mazda: espírito da bondade, da verdade e da lei; e Ahriman: Ahriman: Espírito do mal, cuja essência era a falsidade e a morte;
  • 26. lkhdA administração persa O Palácio tinha predominância sobre o Templo; Dificuldade de se administrar um grande império; Política de respeito às outras religiões;A rainha Ester Foi esposa do rei Assuero (Xerxes I) A história ocorre entre 483 e 473 a.C.; Ester salva os judeus do extermínio; CILINDRO DE CIRO
  • 27. lkhdO 1º Retorno Zorobabel Era príncipe de Israel e neto do rei Joaquim; Foi designado governador de Jerusalém; O Edito de Ciro Ocorreu no 1º ano de seu reinado (538 a.C.); Autorizou o retorno dos judeus a Jerusalém e reconstrução do Templo; Devolução dos utensílios do Templo tomados por Nabucodonosor;
  • 28. lkhdO retorno: O número dos que voltaram foi de 42.360 Dificuldade de se estabelecer a linhagem de algumas famílias: imundos para o sacerdócio;A reconstrução do Templo: Edificação do altar para o sacrifício, no 1º dia do 7º mês: Festa das Trombetas; Celebração da Festa dos Tabernáculos; Tabernáculos; Celebração da Páscoa: exilados e judeus da terra; Início da construção no 2º mês do 2º ano; Os judeus mais antigos choraram ao ver os alicerces do novo Templo;
  • 29. lkhd Oposição dos samaritanos Tentativa de auxílio recusada pelos judeus; Carta acusatória e paralisação da obra; Reinício da obra somente em 520 a.C.; Nova carta e autorização do rei Dario; Conclusão do Templo em 516 a.C. 70 anos entre a destruição do 1º Templo e a conclusão do 2º Templo (586 a 516 a.C.) Cumprimento da profecia de Jr 29:10Porque assim diz o SENHOR: Certamente que passadossetenta anos em Babilônia, vos visitarei, e cumprirei sobre vósa minha boa palavra, tornando a trazer-vos a este lugar.
  • 30. lkhdO 2º Retorno Esdras Era escriba e sacerdote; Descendente de Zadoque e Finéias; Finéias; Autorização do rei Artaxerxes 58 anos após a dedicação do Templo (458 a.C.); Verificar as condições de vida dos judeus e instituir medidas corretivas; Levar utensílios para a ornamentação do Templo; O restabelecimento espiritual A situação dos casamentos mistos; O arrependimento da nação;
  • 31. lkhdO 3º Retorno Neemias Era copeiro do rei Artaxerxes: Artaxerxes: posição de extrema confiança; Pediu autorização ao rei para ir a Jerusalém quando soube da miséria da cidade; Foi designado governador de Jerusalém; Chegou a Jerusalém em 444 a.C.; Estava investido da autoridade real; Recebeu recursos reais para a reconstrução dos muros de Jerusalém; Corrigiu abusos e estabeleceu a lei e a ordem;
  • 32. lkhd A reconstrução dos muros Exame secreto das ruínas dos muros; Reunião dos judeus num grande mutirão; Divisão em equipes de trabalho por famílias; “com uma das mãos fazia a obra, com a outra segurava a arma”; Houve forte oposição dos líderes locais: Insultos e zombaria; Ameaças de ataques armados; Calúnias e traições; A obra foi concluída em 52 dias; Neemias retornou a Babilônia depois de 12anos de governo em Jerusalém;
  • 33. lkhdBibliografia da Unidade IHistória dos Judeus, História de Israel, de Paul Johnson de J. Bright Dicionário Bíblico Wicliffe
  • 34. lkhdBibliografia da Unidade I História dos Hebreus, de Flávio Josefo Atlas Histórico e Geográfico daEnciclopédia Judaica, Bíblia diversos autores
  • 35. lkhdAté a Próxima Terça-feira!!!!!