Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
Clipping do Varejo 28112011
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Clipping do Varejo 28112011

  • 276 views
Published

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
276
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. ing do VarejoClipp
  • 2. Caros Leitores Caros Leitores, A decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo que suspendeu a lei que proíbe o uso de sacolinhas plásticas nos supermercados e comércio varejista da Cidade de São Paulo trouxe novamente este debate à pauta do dia. Não há quem não seja a favor da preservação do meio ambiente - nos incluímos entre estes, certamente - mas o que chama a atenção desde o início é a ausência nos debates do principal interessado: - o consumidor! Ouvimos os empresários, os políticos, mas os consumidores estãoRicardo Pastore, Prof. Msc ausentes ou minimamente representados. A medida do Tribunal éCoordenador do Núcleo de portanto oportuna para que este debate seja ampliado e venha atenderEstudos do Varejo - ESPM aos reais interesses da preservação do meio ambiente, que ficaram um tanto de lado ao longo do processo. Boa leitura! Abraços, Prof. Ricardo Pastore
  • 3. Super & HiperExtra promovE “Black Friday” pEla 1ª vEz Em loja FísicaA varejista inaugurou a ação em 2010, quando as ofertas eram disponibilizadas apenas pela internet.Segundo a companhia, serão oferecidos descontos de até 70% em diversos produtos entre às 4he a meia-noite do dia 25.A “Black Friday”, que ocorre no dia seguinte ao feriado de Ação de Graças nos Estados Unidos,marca o início da temporada de vendas de fim de ano.“Os estoques foram reforçados para atender a demanda de consumidores em busca dos descontos”,disse o diretor de operações de varejo para São Paulo do Pão de Açúcar, Geraldo Monteiro, emnota.(Brasil Econômico – 24/11/2011)
  • 4. Móveis & EletroprEço dE ElEtrodoméstico podE variar até 68% Em spO órgão constatou que um mesmo depurador de ar foi encontrado em um estabelecimento pelopreço de R$ 149,50 e em outro local por R$ 89,00. A diferença chega a 67,98% e representa umaeconomia de R$ 60,50.Observou-se que, além da variação de preços dependendo do estabelecimento visitado, há umagrande diferença de preços entre produtos de uma mesma categoria, resultado da diversidade deespecificações, variedade de funções e recursos tecnológicos.“Os resultados desse trabalho reforçam a importância do consumidor, sempre que possível, planejara compra, analisando as diferentes características dos produtos e pesquisando seus preços e asmelhores condições.”, afirma o diretor-executivo do Procon-SP, Paulo Arthur Góes.O Procon-SP alerta aos consumidores que a compra à vista sempre aumenta a possibilidade denegociação do preço. Já nas compras financiadas, o órgão explica que é preciso observar adiferença entre o preço à vista e o total financiado, pois as taxas de juros continuam altas.A pesquisa de eletrodomésticos, realizada pela Fundação Procon-SP envolveu 78 itens e oitoestabelecimentos comerciais distribuídos pelas cinco regiões de São Paulo.(Brasil Econômico – 28/11/2011)
  • 5. MercadorEdE da Bahia chEga ao varEjo da capital paulistaFundada em 1968 em Feira de Santana (BA) e líder de mercado no Nordeste, a bandeira inauguraa primeira filial na capital paulista.A loja, no Mooca Plaza Shopping, é a 19ª unidade da empresa.Em setembro, a rede deflagrou o processso de expansão para o Sudeste, com a abertura das duasprimeiras filiais no estado - em Campinas e Indaiatuba.Para 2012, a Le Biscuit planeja 10 novas lojas. Cinco delas, em São Paulo.Com a nova ninhada, a receita deve saltar dos R$ 200 milhões previstos para este ano para R$ 300milhões já em 2012.(Brasil Econômico – 25/11/2011)
  • 6. MercadolEi quE aBrE portas para varEjista EstrangEiro causa rEvolta na índiaPartidos de oposição e até mesmo aliados uniram-se contra a decisão do governo indiano, anunciadana semana passada, de liberar o investimento direto estrangeiro na indústria varejista do país.A decisão do primeiro-ministro Manhoman Singh abre as portas para gigantes do setor, comoWalmart, que até então precisavam fazer alianças para operar no país.A aliança de partidos que se formou contra a lei considera que o investimento direto estrangeiro vailevar as varejistas locais à falência.A confederação de comerciantes do país organiza um protesto para o dia 1º de dezembro, quandovarejistas locais devem fechar suas portas contra a decisão do governo.A primeira-ministra do Estado indiano de Tamil Nadu, J. Jayalatithaa, divulgou um comunicado emque critica o governo por não ter consultado o Parlamento, o que afirma indicar a arrogância dopartido governista.“No mundo inteiro, onde os governos locais abriram o setor varejista, os preços locais subiram altoao invés de cair”, Jayalatithaa afirma na nota.A lei permite participação estrangeira de 51% em varejistas multimarcas e de 100% para varejistasde marca única.(Valor Econômico – 28/11/2011)
  • 7. E-CommerceacEsso a sitEs dE E-commErcE crEscE 11,9% Em outuBroA audiência dos sites de comércio eletrônico subiu em outubro. De acordo com um levantamento doIbope Nielsen Online, das 61,2 milhões de pessoas com acesso à internet em casa ou no trabalho,46,7 milhões foram usuários ativos no período. Os números indicam um crescimento de 0,8% secomparado a setembro deste ano e de 11,9% sobre os 41,7 milhões de outubro de 2010.O varejo foi o responsável por atrair a maior parte dos consumidores: 27,5 milhões de pessoasou 58,8% do total. Os principais responsáveis pelo aumento do tráfego foram as lojas virtuais decalçados, roupas e outros acessórios de moda. Em setembro, 8,2 milhões de internautas navegaramnas 10 maiores lojas online de calçados, enquanto em outubro esse número subiu para 10,5 milhões.Um dos fatores que levaram ao desempenho positivo foi o próprio aumento nos acessos à internet.O total de brasileiros que navegam em qualquer ambiente (domicílios, trabalho, escolas, lan houses)atingiu 78,5 milhões de pessoas no terceiro trimestre de 2011, um crescimento de 6% em relação aomesmo período de 2010 e de 18% sobre o terceiro trimestre de 2009.(Mundo do Marketing - 28/11/2011)
  • 8. Canal FarmaBrazil pharma comprará unidadEs da rEdE EstrEla galdinoA Brazil Pharma anunciou nesta segunda-feira que firmou memorando de entendimento para adquirirdez drogarias e um centro de distribuição da rede Estrela Galdino, marcando a entrada da holdingde farmácias do banco BTG Pactual na Bahia.“A Estrela Galdino é uma das redes mais importantes da Bahia, onde opera há aproximadamente 46anos, tendo uma posição de destaque na cidade de Salvador. Suas operações são divididas entredrogarias e farmácias de manipulação”, afirma a companhia no comunicado.Segundo o documento, o valor da operação é de até R$ 18 milhões, sendo R$ 11 milhões referentesà transferência das lojas e outros R$ 3 milhões para compra obrigatória de ações ordinárias daBrazil Pharma.A Brazil Pharma pagará, ainda, até R$ 4 milhões com base no faturamento médio mensal daslojas nos últimos três meses do período de um ano a partir da transferência da última loja ou datransferência completa das quotas da sociedade detentora à Brazil Pharma.A operação inclui também o estoque total da Estrela Galdino e seu centro de distribuição, cujo valorserá apurado após realização de inventário pela Brazil Pharma, acrescenta o documento.(Estadão – 28/11/2011)
  • 9. EconomiavarEjo amEricano adianta as promoçõEsEm uma tentativa de incentivar o consumo das famílias americanas, o varejo adiantou as promoçõesda Sexta-Feira Negra, amanhã (25).A tradicional megaliquidação que sucede o feriado de Ação de Graças costuma ser o dia maismovimentado do ano para o comércio. Nesse dia, consumidores fazem filas desde as 5h em grandeslojas, à caça de pechinchas.Versão brasileira da ‘Black Friday’ deve movimentar R$ 15 miA estratégia de adiantar a promoção é adotada principalmente nas vendas on-line, setor estáoferecendo condições especiais para as aquisições via celular.A Amazon anuncia desde o início da semana descontos de até 74%. Os produtos em liquidaçãovariam, assim como o percentual da redução. No site da Macy’s, as promoções começaram ontem.O consumidor brasileiro que não está nos Estados Unidos tem dificuldade para aproveitar o saldãoamericano, no entanto. Muitos eletrônicos, como os produtos da Apple, não são despachados parao Brasil.(Folha.com – 24/11/2011)
  • 10. Economiacom Fim dE ano, vEnda dE BEBidas dEvE avançar mais dE 35%Com a chegada das festas de fim de ano, o comércio varejista estima que as vendas superemo crescimento de 35% registrado em 2010. Supermercados e lojas especializadas já estão sepreparando para atender à demanda com estoques maiores e mais variados.Segundo Hipólito Rocha, empresário do ramo de bebidas e fornecedor de grandes supermercadosde Fortaleza, afirma que as vendas para o fim deste ano já estão superando as expectativas. Omercado de bebidas se prepara com no mínimo três meses de antecedência, para não correr orisco de ficar com as prateleiras vazias rapidamente. Também providenciam maiores espaços eexposições estratégicas para as bebidas.Além do consumo próprio por parte dos consumidores, o que também acaba impulsionando asvendas é o costume das pessoas presentearem amigos e familiares com bebidas. Entre os produtosmais procurados pelo consumidor nesta época do ano, destacam-se vinhos, whisky e água mineral,além dos espumantes, estes obrigatórios nos famosos “estouros” de Natal e Ano Novo.Já os preços dos espumantes são os mais diversos, podendo variar dos mais caros até os maisacessíveis. Na rede Pão de Açúcar, por exemplo, seus valores variam de R$ 13,90 (linha Almadén) aR$ 200,00 (Champagne Veuve Clicquot). Os nacionais também são destaques, custando em médiaR$ 30,00, oferecendo excelente relação custo/benefício.(Diário do Nordeste – 28/11/2011)
  • 11. SustentabilidadepErmanEcE suspEnsa a lEi quE Bania as sacolinhas do comércio dE spO Tribunal de Justiça de São Paulo decidiu, no último dia 16 de novembro, manter suspensa a leique bania as sacolinhas plásticas no comércio da cidade de São Paulo (Lei Municipal 15.374/11),a partir de janeiro de 2012.Em junho, o TJSP já havia suspendido a lei, a partir de um processo aberto pelo Sindiplast (Sindicatoda Indústria de Material Plástico). Porém, a Prefeitura de São Paulo entrou com um agravo, que foinegado pelo relator e desembargador Luiz Pantaleão.Fim das sacolinhasApesar da decisão de suspender a lei municipal, assacolinhas serão retiradas de circulação emalguns supermercados do estado de São Paulo. Isso porque, em maio deste ano, foi assinado umacordo entre a Apas (Associação Paulista de Supermercados) e o governo paulista para eliminá-las.O objetivo é estimular o consumidor a utilizar sacolas permanentes, como a tradicional “sacola defeira”, reduzindo, assim, o descarte de plástico no meio ambiente.(Infomoney – 24/11/2011)
  • 12. Marketing Mixmarisa amplia Força da marca E inaugura sEis lojasA rede de lojas Marisa inaugurou seis lojas nas regiões de Espírito Santo, Rio de Janeiro e São Paulo.Na terça-feira (22/11) a empresa abriu as portas da unidade em Cachoeiro de Itapemirim, no EspíritoSanto e outra no bairro de Mirandópolis em São Paulo.Já na quinta-feira (24/11) foi a vez das unidades no Rio de Janeiro, localizada no Shopping Guadalupee outra no Shopping Hortolândia, em São Paulo.(Brasil Econômico – 28/11/2011)
  • 13. Marketing MixEnErgia rEnovávEl Estará Em 30% das lojas do Walmart até 2014Em busca da sustentabilidade, o Walmart vem investindo em energia renovável. Com 479 lojas noBrasil, a mudança ainda não está presente em todas as unidades por conta das fusões e aquisiçõesem diferentes praças. Segundo Daniela de Fiori, vice-presidente de sustentabilidade, porém, é umaquestão de tempo, uma vez que cada loja é remodelada a cada cinco anos. A expectativa é que, emtrês anos, 30% das lojas estejam com energia eficiente e 40% com redução no consumo de água.Ainda segundo Daniela, as lojas construídas a partir de 2008 já estão preparadas para oreaproveitamento total do lixo orgânico, que chega a 1 tonelada/dia num hipermercado. Já a reduçãodo material encaminhado aos aterros deve reduzir seu impacto ambiental a zero. Cada unidadeestará fazendo sua própria gestão de resíduos e articulando parcerias para a transformação decada espécie. Do total de resíduos orgânicos produzidos pelas loja, 40% a 45% são encaminhadosà compostagem, ou se transformam em matéria-prima de ração animal. O objetivo é destinar partedesses resíduos à geração de energia.Os resíduos produzidos nas padarias das lojas, como o óleo que sobra das frituras, são transformadosem base para a produção de algumas marcas de sabões disponíveis nas prateleiras.(Valor Econômico – 28/11/2011)
  • 14. 28/11/2011 ade de é destinad o à comunidEst e informativo alunos, ex bre varejo, formada porinteresse so empresas ores e fun cionários de alu nos, profess io de Varejo Retail Lab , o laboratór parceiras do da ESPM. e Estud os de Varejo do Núcleo d : Coordenação or: Produzido p astore Pro f. Ricardo P mo João do Car