Direitos Humanos “ Eu temo pela minha espécie quando penso que Deus é justo.”  Thomas Jefferson
Continente Africano: - A África e segundo o Continente Mais populoso do mundo (Fica atrás somente da Ásia). Possui, aproxi...
- Países Africanos Os Que Possuem um Nível de Desenvolvimento Melhor um Pouco Do que a média do Continente:  África do Sul...
Angola: -Angola ou República de Angola é um país africano localizado na costa ocidental da África, por isso é banhado pelo...
Direitos humanos: Após décadas de conflito civil, o país enfrenta diversos problemas de caráter social, uma vez que a Ango...
A falta ou inobservância das normas internacionais de direitos humanos em Angola foi evidente em vários aspectos. a situaç...
Imagens:
O que o governo têm feito: Sobre a tão almejada paz, considera que ela depende do governo, a quem compete declarar o cessa...
<ul><li>Nome: Maria Luiza Souza  </li></ul><ul><li>Turma: 901  </li></ul><ul><li>Número:20 </li></ul>
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Direitos humanos trab geo e info

761 views
681 views

Published on

Trabalho interdisciplinar Geografia e Informática

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
761
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
26
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Direitos humanos trab geo e info

  1. 1. Direitos Humanos “ Eu temo pela minha espécie quando penso que Deus é justo.” Thomas Jefferson
  2. 2. Continente Africano: - A África e segundo o Continente Mais populoso do mundo (Fica atrás somente da Ásia). Possui, aproximadamente, 800 milhões de habitantes. - É um continente basicamente agrário, pois cerca de 63% da população habitam o meio rural, enquanto somente 37% moram em cidades. - No geral, e Um Continente pobre e Subdesenvolvido, Apresentando Baixos índices de Desenvolvimento Econômico. -Além da agricultura, destaca-se uma Exploração de Recursos minerais como, por exemplo, ouro e diamante. Esta Exploração gera pouca renda ao país pois a exploração é feita por Empresas Multinacionais Estrangeiras, Principalmente da Europa.
  3. 3. - Países Africanos Os Que Possuem um Nível de Desenvolvimento Melhor um Pouco Do que a média do Continente: África do Sul, Egito, Marrocos, Argélia, Tunísia E Líbia. - Os Principais Problemas Africanos São: fome, epidemias e os Conflitos étnicos armados (alguns Países Vivem em Processo de guerra civil). - Os índices sociais Africanos também não são bons. O analfabetismo, por exemplo, é de Aproximadamente 40%.
  4. 4. Angola: -Angola ou República de Angola é um país africano localizado na costa ocidental da África, por isso é banhado pelo oceano Atlântico. -A estrutura política da Angola possui a característica de concentrar o poder nas mãos do presidente, que conta com o auxílio de um primeiro ministro acrescido do conselho de ministros. O país é dividido internamente em províncias, que totalizam dezoito, os líderes ou governadores de cada uma são escolhidos pelo presidente. -O território angolano possui as seguintes características climáticas: clima temperado no litoral, ocorrência de um restrito período chuvoso (fevereiro a abril), apresenta verões quentes e secos e invernos amenos.
  5. 5. Direitos humanos: Após décadas de conflito civil, o país enfrenta diversos problemas de caráter social, uma vez que a Angola é um dos países mais pobres do mundo. Sem realizar uma eleição presidencial desde 1992, o governo atual visa organizar um processo eleitoral nos dias 5 e 6 de setembro de 2008. Angola foi signatário de várias convenções internacionais sobre direitos humanos, incluindo a Convenção sobre os Direitos Políticos da Mulher de 1953, a Convenção sobre a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação contra a Mulher, as Convenções de Genebra de 1949 relativa ao Tratamento dos Prisioneiros de Guerra e Proteção das Pessoas Civis em Tempo de Guerra, e da Convenção e do Protocolo relativo ao Estatuto dos Refugiados, de 1967. No entanto, a partir de 1988 Angola não foi um dos signatários das Convenções de Escravidão de 1926 e 1956, a Convenção sobre Genocídio de 1948, ou nas Convenções Internacionais sobre Direitos Civis e Políticos e de Direitos Econômicos, Sociais e Culturais de 1966. Embora Angola tenha aderido a essas convenções e garante a sua Constituição maioria dos direitos humanos, o respeito efetivo foi objeto de abrangentes graves, qualificações e práticas contrárias.
  6. 6. A falta ou inobservância das normas internacionais de direitos humanos em Angola foi evidente em vários aspectos. a situação dos Direitos Humanos em Angola permanece pobre, com numerosos e graves problemas. Em Angola, se faz notar a ocorrência de assassinatos cometidos pelas forças policiais e militares, de tortura, agressões e violações sexuais, corrupção oficial e impunidade, entre outras violações dos Direitos Humanos. Acusa-se ainda as autoridades angolanas de reduzirem os direitos eleitorais dos cidadãos, há ineficiência e falta de independência do sistema judicial e restrições à liberdade de expressão, de imprensa e de reunião. A proteção constitucional da inviolabilidade do domicílio e o sigilo da correspondência são rotineiramente ignoradas pelas autoridades governamentais, que fizeram buscas em casa arbitrárias, censura de correspondência, e monitoravam as comunicações privadas. arbitrárias dos presos políticos, especialmente aqueles acusados de perpetrar &quot;crimes econômicos&quot;, ocorreu apesar dos protestos internacionais e reorganizações periódicas dos serviços de segurança.
  7. 7. Imagens:
  8. 8. O que o governo têm feito: Sobre a tão almejada paz, considera que ela depende do governo, a quem compete declarar o cessar fogo imediato e criar as condições para o diálogo dos políticos. O primeiro passo deve ser da responsabilidade do governo. Parar imediatamente com as ações ofensivas, acantonar as suas tropas e os políticos criarem o ambiente para o diálogo, e que esse diálogo seja inclusivo, transparente, e não essas falcatruas que estamos ouvindo atualmente que são mais para distrair do que para resolver o problema como deve ser. Temos aquela situação humanitária precária que decorre do conflito, e temos a situação humanitária precária que decorre do mau controle do governo, dos programas políticos que nunca funcionam.
  9. 9. <ul><li>Nome: Maria Luiza Souza </li></ul><ul><li>Turma: 901 </li></ul><ul><li>Número:20 </li></ul>

×