• Save
Erika marcuschi
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Erika marcuschi

on

  • 3,095 views

 

Statistics

Views

Total Views
3,095
Views on SlideShare
3,095
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Erika marcuschi Erika marcuschi Presentation Transcript

  • GÊNEROS TEXTUAIS: DEFINIÇÃO E FUNCIONALIDADELUIZ ANTÔNIO MARCUSCHI Aluna: Érika Amâncio
  • 1. GÊNEROS TEXTUAIS COMO PRÁTICAS SÓCIO- HISTÓRICASGêneros textuais Historicamente construídos Ordenam e organizam atividades comunicativas Eventos textuais maleáveis, dinâmicos e plásticos Necessidades sócio-culturais + inovações tecnológicas
  • SURGIMENTO DOS GÊNEROS Três fases anteriores à atual (cultura eletrônica) Gêneros = culturalmente situados Novas tecnologias = novos gêneros textuais “O uso da tecnologia em práticas sociais determinaos gêneros, não a tecnologia em si.” (P. 20)
  • 2. NOVOS GÊNEROS E VELHAS BASES Novos gêneros: provenientes de gênerosanteriores (Bakhtin: transmutação de gêneros) Gêneros emergentes: redefinição da relaçãooralidade/escrita – hibridismo Integração entre vários tipos de semioses Gêneros: definidos não só por práticas sociais,mas também pela forma, função e suporte (ambiente)
  • 3. DEFINIÇÃO DE TIPO E GÊNERO TEXTUALTipo textual: Natureza linguística Não são textos empíricos (?) Ex: narração, argumentação, exposição, descrição, injunção
  • TIPO X GÊNERO TEXTUALGênero textual: Materialização de práticas sociais diárias Propriedades funcionais Inúmeras variações – ex: telefonema, outdoor
  • DOMÍNIOS DISCURSIVOS Possibilitam o surgimento de discursosespecíficosEx: discurso jurídico (não é um gênero emsi, mas origina vários deles)
  • TEXTO X DISCURSO Texto: materializa-se em um dado gênero Discurso: texto manifesto em instânciadiscursiva “Os textos realizam discursos” (p. 24) Gêneros: entidades comunicativas
  • 4. ALGUMAS OBSERVAÇÕES SOBRE OS TIPOS TEXTUAIS Texto: tipologicamente variado Tipos textuais: definidos por traçoslinguísticos predominantes
  • 5. OBSERVAÇÕES SOBRE OS GÊNEROS TEXTUAIS Classificação geral dos gêneros: inviável(culturalmente sensíveis, historicamenteconstruídos) Gêneros textuais: legitimações discursivas Gênero: forma de realizar linguisticamenteobjetivos específicos em situações sociaisparticulares
  • GÊNEROS TEXTUAIS As características de um gênero não são fixas –intergênero Gênero: função se sobrepõe à forma Intertextualidade inter-gêneros: um gênero com afunção de outro Tipologia textual: várias sequências de tipos textuaisdentro do mesmo gênero Variação cultural: determina variação de gêneros?
  • 6. GÊNEROS TEXTUAIS E ENSINO PCN: trabalho com o texto deve ser feito na basedos gêneros Gêneros orais e escritos: distinção complexa Gêneros = unidades comunicativas, artefatoslinguísticos concretos
  • 6. GÊNEROS TEXTUAIS E ENSINONegociação tipológica: Canal Critérios formais Natureza do conteúdo Uso adequado do gênero: determinado por práticas sociais Bakhtin: gêneros são relativamente estáveis (?)
  • 7. OBSERVAÇÕES FINAIS Ainda não se tratam de modo sistemático os gênerosorais Proposta dos PCN: gêneros orais e escritos além dospresentes no universo escolar