Gravidez

636 views
428 views

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
636
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
6
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Gravidez

  1. 1. Gravidez na Adolescência Escritores: Alunos do 9º ano da Escola Municipal Presidente Médici Professora: Regiane Vitória Imagens: Google imagens Ipiaú/Ba 2014
  2. 2. Gravidez na adolescência Este caderno é um conjunto de artigos com discussões sobre gravidez na adolescência escrita pelos alunos do 9º ano da E. M. Presidente Médici de 2014. Dentre as leituras encontradas neste caderno, você poderá refletir sobre fatores ou problemáticas possivelmente presentes na vida de jovens que se deparam com uma gravidez não planejada. E, junto com os nossos aspirantes a escritores, poderemos pensar sobre atitudes louváveis que orientem as meninas e meninos em sua relação com o outro, auxiliando-os para que construam uma juventude saudável. Ao incentivar a criação de debates e discussões sobre uma temática tão complexa que é a gravidez na adolescência, espera-se que os jovens consigam repensar suas ações e agir de modo a evitar ser vitimados por essa situação que tem gerado conflitos familiares, evasão escolar e precoce tentativa de ingresso no mercado de trabalho sem a devido qualificação, promovendo, assim, desvalorização profissional, dentre outras preocupações. Esperamos que apreciem a leitura dos nossos artigos e dialoguem conosco para que nosso alunado se sinta motivado a expressar seu olhar sobre diferentes situações presentes em nossa sociedade e consigam se vir capazes de criar respostas que melhorem seu meio e colaborem para o enriquecimento de sua cultura. BOALEITURA!
  3. 3. Por que meninas engravidam tão cedo? Algumas meninas engravidam com o propósito de ter namorado ao seu lado. Outras engravidam por “acidente”, mas sabendo que uma gravidez na adolescência pode prejudicar suas relações com amigos, familiares e compromete completamente seu futuro. Quando a relação com o namorado está ruim e, quando a garota acha que o garoto quer terminar com ela, então, vê como única saída engravidar dele, porque assim ela vai ter o namorado ao seu lado e vai ter que cumprir com a responsabilidade e assumir o filho. Às vezes, a garota engravida por querer mais atenção em casa e então pensa que, com um filho, seus familiares todos vão lhe dar atenção. Há também a forma dela sair de uma vida difícil - por exemplo, ela pode morar numa casa pequena com muitos irmãos e, passam por necessidade, então, ela engravida para sair de casa, pensando que seu namorado vai ter que trabalhar para sustentá-la e ao seu filho. A gravidez na adolescência pode ser até uma forma da garota manter seu relacionamento com o parceiro e fugir de uma vida difícil, mas é também irresponsabilidade porque adolescentes não estão preparados ainda para criar uma criança. E, haverá também as consequências disso. O tempo que a garota passaria com amigas, indo ao shopping, viajando, se divertindo, ela irá passará cuidando de uma criança, amamentando, trocando fraldas, fazendo mamadeiras e etc. Eu conheci uma garota que engravidou aos 16 anos e, o namorado, quando descobriu, terminou com ela e disse que o filho não era dele. Então, não adiantou ela querer engravidar para ter um parceiro ao seu lado, pois, neste caso, ele deixou-a sozinha para criar um filho com os avós maternos. Assim, chego à conclusão de que ter filhos é uma coisa muito boa, mas no tempo e idade certa. Sinara Souza
  4. 4. Gravidez na adolescência: o que os garotos têm a ver com isso? Os garotos têm tudo a ver porque não é só a mãe que tem que cuidar da criança. Muitos jovens estão brincando com a gravidez, principalmente os garotos porque pensam que é uma coisa fácil de enfrentar, mas não é. pode até ser fácil de fazer, mas é difícil criar: o garoto vai ter que trabalhar para dar um bom estudo para a criança. O gasto é demais porque tem que comprar roupa, a alimentação. Muitos rapazes abandonam a menina com o filho. Se ele não queria um filho por que não usou camisinha para evitar? Tem muitos garotos que quando recebem a notícia que a namorada está grávida e, quando o neném nasce não querem nem registrar o filho. Quando o forçam a registrar, não querem dar nada para o bebê. A responsabilidade do pai é dar a pensão e muito mais para seu filho. Alguns não querem dar ajuda em dinheiro e dão-na em forma de cesta básica. Não concordo com isso, porque com dinheiro pode-se comprar roupas e outras coisas. Muitas garotas na construção da própria família – a criança e o parceiro- pensa ter a chance de deixar as dificuldades na relação com os pais. Na verdade, com a criança vêm as responsabilidades que não havia sido prevista. Já não haverá tempo para namorar e, os namorados não assumem uma vida a dois. Lembro que a maioria das meninas não abandona seu filho para se divertir com os amigos. Impressionante ainda foi observar que, para elas, os filhos não são um problema. Tem muitas jovens que querem estudar, se firmar, ter um bom emprego e uma vida confortável. Queremos que elas entendam que, na vida real, uma gravidez é um projeto que deve ser pensado cuidadosamente. Acredita-se que a chance de criança planejadas serem amadas por seus pais são maiores quando a garota diz “ eu sou novinha para isso”. Quando ela diz “muito novinha”, está dizendo que ficar grávida só a quando for uma mulher adulta. E, elas não se consideram como tal. Daniel Duarte
  5. 5. Por que meninas engravidam tão cedo? Algumas meninas engravidam por uma série de fatores. As meninas querem segurar seus namorados e acham que a solução é engravidar, mas, quando a adolescente engravida, os garotos não querem saber dela nem assumir seu filho. Um outro fator é a falta de diálogo entre pais e filhos. Alguns pais acham-se constrangidos em falar sobre gravidez com suas filhas e, não percebem que elas precisam saber de algumas coisas da realidade. As adolescentes precisam conversar, pois nesse período elas têm dúvidas sobre o assunto. E, na conversa com elas é preciso alertá-las de que gravidez pode acontecer com qualquer uma até mesmo com elas. Outras engravidam por raiva, porque seus pais não lhes deixam sair, conversar com amigos ou amigas e, como ainda são imaturas, acham que se engravidarem, seus pais vão dar mais liberdade a elas. E, isso lhes prende mais. Elas vão ter que ter responsabilidade a cumprir. E, por último. Quando uma garota está em um relacionamento, os garotos sempre tentam seduzi- las. Como são bobas e apaixonadas, logo se deixam levar pela lábia dos garotos que só querem se divertir. Tudo isso é motivo para as adolescentes engravidar tão cedo. Meninas pensem antes de tomar esse tipo de decisão. Engravidar é fácil, difícil é ter que arcar com as consequências disso. Então, vou te dar uma opção: garanta seu futuro para não passar por esta situação conflitante de gravidez precoce. Ana Caroline
  6. 6. Por que meninas engravidam tão cedo? A gravidez na adolescência é um problema muito sério, mas infelizmente muitas garotas não o levam a sério e acabam engravidando e comprometendo o seu futuro. Em 2007, o instituto brasileiro de geografia e estatísticas (IBGE) concluíram a pesquisa de indicadores sociais e, o que chamou a atenção foi o número de jovens que engravidaram nos últimos dez anos. Essa foi a única faixa etária em que a fecundidade aumentou. Uma das coisas mais surpreendentes é que algumas jovens engravidam na maioria das vezes por falta de perspectiva, sensação de invencibilidade perante os familiares, de fuga de uma vida difícil. Acredita-se que as adolescentes enxergam na construção de sua própria família, com criança e o parceiro ao seu lado, que tudo será melhor, mas, na maioria das vezes, quebram a cara e percebem que com as crianças vêm as responsabilidades que não havia sido previstas pelos jovens. Certa vez, conversando com uma amiga chamada Dora e, que passou por uma gravidez na adolescência, perguntei-a como foi saber que não poderia mais se divertir com os amigos, passear, ir a festas e baladas? E, ela me respondeu que foi como se todo a folia perdesse a graça, pois nós ficamos mais preocupados com os bebês. Também disse que, por ter amadurecido, passou a não curtir as mesmas coisas de antigamente. Eulane de Jesus
  7. 7. Gravidez na adolescência: O que os garotos têm a ver com isso? Na minha opinião, os garotos não se importam muito. Quem se prejudica mais é a garota que deixam os estudos e passam a pensar só na gravidez. Sem falar que não pega bem para elas estarem grávidas. Ficam mal faladas. Claro que no início o susto da gravidez é grande, mas ela se recupera logo. Eu não entendo a cabeça desses adolescentes que engravidam cedo, porque eles sabem que quando vão ter o ato sexual precisam usar preservativo. Eles não usam mesmo sabendo dos riscos. Acham que não pode acontecer nada e, depois as consequências aparecem e eles começam a se preocupar. Esse tipo de caso acontece muito hoje em dia. Eu sei de vários casos de gravidez na adolescência e, na maioria desses casos, os garotos abandonaram as garotas. Elas até hoje se viram sem eles. O estudo foi deixado de lado. Então, para isso não acontecer é preciso se preparar para a prática da relação sexual. Os cuidados devem ser tomados, pois não é só com a gravidez que precisam se preocupar, mas também com as doenças que podem até matar. Jeferson Leite
  8. 8. Por que meninas engravidam tão cedo? Como podemos perceber, existe muita gente no mundo de hoje que não está se prevenindo e, com isso, vem à gravidez na adolescência que prejudica a vida das meninas, que tão cedo já estão com filhos. Eu acho que deveria ter mais cuidado com o ato de praticar relação sexual. Nem sempre por causa de filhos, mas também pelos tipos de doenças sexualmente transmissíveis. Eles têm relações sexuais com pessoas que nem conhecem direito, muitas vezes sem camisinha. Mas se todas as jovens se conscientizassem do erro grave que estão cometendo, não teriam tantas grávidas. Moças grávidas prejudicam seu futuro, esquecem seus sonhos, da escola, para ter que cuidar dos filhos e da família. Passam a se dedicar somente a isso. Algumas são irresponsáveis e, não têm coragem de cuidar e dar amor ao seu filho. Abandonam a criança em lixos, pelas ruas e calçadas, em caixas de sapato e etc. Na maioria das vezes, são recém- nascidos e, mesmo assim, elas não pensam na criança. Esquecem o futuro do neném que veio ao mundo através de uma irresponsabilidade do pai e da mãe. Temos que pensar no nosso futuro e no futuro da criança inocente. Raí Nunes
  9. 9. Por que meninas engravidam tão cedo? Garotas engravidam porque não pensam no que fazem. Elas não têm responsabilidade para criar uma criança. Para engravidar é preciso ter maturidade. Têm muitos namorados que não querem assumir os filhos e,acabam indo embora. As moças sozinhas acabam criando seus filhos. Têm muitos pais que ainda pagam a pensão. A gravidez acontece também porque muitas mães deixam as filhas até tarde na rua. Essas meninas arrumam namorado. Quando aparece com filho, têm que criá-lo e não vai ter tempo de ir à escola, sair com amigos. O meu conselho é que as garotas pensem direito no tipo de namorado que arrumam. Também precisam se prevenir, usando camisinha. Ezequiel
  10. 10. Gravidez na adolescência e abandono escolar: problema ou solução Algumas pessoas tem, sim, uma solução, pois para tudo se tem uma decisão. Elas tiveram a decisão de ter filhos, poderiam tomar a decisão de voltar à escola. Porque a nossa segunda casa é a escola. Sem a escola não somos nada. O estudo é a coisa mais importante que todo mundo tem. A decisão de voltar à escola é um ato individual. Se o adolescente quiser vir à escola de novo, ele ou ela fará muito bem. Mas, se não voltar aos estudos será uma má escolha. Com instrução, evitará ter um futuro de trabalho em casa de família ou na roça. Gabriel Sena
  11. 11. Gravidez na adolescência e abandono escolar: problema ou solução para as jovens mães A gravidez na adolescência, com certeza, é um grande problema. Elas são apenas jovens que precisam estudar, se divertir com os amigos. Não estão preparadas para serem mães. Isso não pode ser uma solução para as jovens de hoje. Bom, sem contar nos problemas com a família. Infelizmente, muitas vezes, elas acham melhor não contar para a família, amigos, parentes e para o parceiro. O problema não é só saber da notícia da gravidez. O corpo delas não está preparado para te um filho. Eles podem nascer prematuros, com pouco peso. Elas não só põe a própria vida em risco, mas a do bebê também. Outro problema é que, às vezes, o parceiro não quer assumir a responsabilidade de pai e acham melhor abandoná-las. Elas sozinhas têm que criar seu filho. Algumas meninas quando engravidam param de estudar e os sonhos de ser alguém na vida acabam interrompidos. Vanessa Santos
  12. 12. Gravidez na adolescência: O que os garotos têm a ver com isso? Os garotos têm muito a ver com isso, porque os garotos têm filhos com as garotas, então, a obrigação é para os dois. Os garotos pensam que só porque a criança está na barriga da menina, que o filho é só dela. As garotas precisam escolher um garoto que tenha consciência do que faz. Os dois indivíduos têm que ter consciência do que estão fazendo. Os garotos têm que agir de forma honesta. Muitos vão ter que trabalhar, mas principalmente, ter amor e muito carinho com seu filho. Normalmente, os garotos dizem que o filho não é dele e a criança cresce sem pai. E quando a criança cresce sem pai é ruim. Ele se pergunta por que as outras crianças têm pai. Quando essa criança fica maior é que vêm as perguntas para as mães e, elas ficam sem coragem para falar o que aconteceu. Os garotos têm que ter consciência do que querem para as suas vidas. Pensem bem! José Milton
  13. 13. Gravidez na adolescência: O que os garotos têm a ver com isso? Os garotos têm tudo a ver com isso. Muitos só pensam em se divertir e, quando a menina engravida, o parceiro some e deixa-a sozinha sem saber o que fazer, com medo de falar para os pais. Muitos pais de meninas, quando ficam sabendo da gravidez, jogam as filhas na rua sem nenhum apoio. Muitas delas tiram o bebê, jogam- no na primeira lixeira que veem pela frente, sem ter piedade. Têm jovens que querem ter filhos para ficar em casa sem preocupações, nem querem saber se é certo ou errado. É errado ter um filho só para prender o marido em casa. Outras só para segurar o namorado. E, eles “quebram a cara” quando têm o filho e o namorado cai no mundo e a deixa sozinha. Muitas vezes, sem apoio dos pais é obrigada a largar a escola, amigos. Muitos amigos se distanciam de quem mais ama com medo do que vão dizer. Acabam cometendo uma besteira. Algumas meninas, depois que o bebê nasce, entregam para adoção. Muitos garotos têm medo de assumir o compromisso. Eles acabam mandando as garotas tirarem o bebê. As garotas não pensam na vida que vem pela frente de futuro brilhante que podem ter. Acabam com seus sonhos. Meu conselho para elas é pensar que fazer é fácil, difícil é criar. A vida é linda demais para ser jogada fora. Primeiro, curta a vida porque no futuro você terá a recompensa de um emprego bom, um bom marido e, aí sim, formar uma boa família. Tem que assumir uma postura de homem e, se foi homem para fazer, tem que ser homem e chegar para os pais da garota e contar que engravidou a filha deles e que vai assumir estar presente em todo instante da vida da garota e de seu filho. Daislan
  14. 14. Pré-natal “ O pré-natal tem extrema importância para garantir a saúde da mãe e do bebê, e deve ser iniciado assim que a gravidez for confirmada.” Paula Louredo Graduada em Biologia “Denomina-se gravidez na adolescência a gestação ocorrida em jovens de até 21 anos que se encontram, portanto, em pleno desenvolvimento dessa fase da vida – a adolescência. Esse tipo de gravidez em geral não foi planejada nem desejada e acontece em meio a relacionamentos sem estabilidade.” Por Rosalina Rocha Araújo Moraes INFORMAÇÃO:

×