83% das empresas têm dificuldade em encontrar pessoal qualificado
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

83% das empresas têm dificuldade em encontrar pessoal qualificado

on

  • 1,533 views

A partir dos dados, responsável pela pesquisa indica como o profissional deve fazer para encontrar sua vaga. Leia mais: http://bit.ly/1lfoRgn

A partir dos dados, responsável pela pesquisa indica como o profissional deve fazer para encontrar sua vaga. Leia mais: http://bit.ly/1lfoRgn

Statistics

Views

Total Views
1,533
Views on SlideShare
358
Embed Views
1,175

Actions

Likes
0
Downloads
7
Comments
0

4 Embeds 1,175

http://jconline.ne10.uol.com.br 1034
http://m.jconline.ne10.uol.com.br 118
http://irmaojeffersondouglas.blogspot.com.br 22
http://jconlinecockpit.ne10.uol.com.br 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

83% das empresas têm dificuldade em encontrar pessoal qualificado 83% das empresas têm dificuldade em encontrar pessoal qualificado Presentation Transcript

  • CARÊNCIA DE PROFISSIONAIS 2013
  • Caracterização da amostra
  • Título do Slide • Pesquisa realizada com 167 empresas. • A soma do faturamento dessas respondentes é de mais de 23% do PIB • A soma do número de funcionários das empresas pesquisadas é de mais de 1 milhão, em 2012. empresas
  • Setor das empresas pesquisadas 0,62% 2,47% 0,62% 1,23% 0,62% 1,23% 5,56% Transporte Outros 2,47% Agronegócio 3,09% Siderurgia e metalurgia Energia 13,58% Serviços 6,79% Telecomunicações Têxteis 6,79% 7,41% Autoindústria Química e petroquímica Bens de consumo Indústria de construção 8,02% 10,49% Varejo Bens de capital Mineração Papel e Celulose 1,85% 8,64% 2,47% 11,11% 3,70% 3,70% Financeiro Eletroeletrônico Farmacêutico Comunicações Metalurgia
  • Região de atuação das empresas 90,00% 85,03% 80,00% 70,00% 58,68% 60,00% 47,31% 50,00% 43,71% 40,12% 40,00% 27,54% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00% Norte Sul Sudeste Nordeste Centro-Oeste Exterior
  • Principal mercado de atuação 50,00% 46,11% 45,00% 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 19,76% 20,00% 11,38% 15,00% 10,18% 8,38% 10,00% 5,00% 3,59% 0,60% 0,00% Sem resposta Local Poucas UF´s Muitas UF´s Nacional Nacional e exterior Majoritariamente no exterior 46,11% das empresas pesquisadas tem atuação em todo o ambito nacional e também no exterior. 3,59% das empresas têm o exterior como seu principal mercado de atuação.
  • Características gerais da Carência de Profissionais
  • Opinião acerca da oferta de mão de obra 2,40% 8,98% 6,59% Muito baixa oferta Baixa oferta 33,53% Média oferta Alta oferta Muito alta oferta 48,50%
  • Estão tendo problema com contratação? 8,98% Sim Não 91,02%
  • Estão tendo problema com contratação? Compradores Técnicos Administradores Gerente de projeto Trabalhador manual Profissionais de TI Operadores de produção Engenheiro de produção Motorista Profissionais de recursos humanos Engenheiro de segurança do trabalho Contadores Engenheiro mecânico Secretárias e assistentes Engenheiro Civil Profissionais de finanças Engenheiros de controle automação Engenheiro elétrico Engenheiro ambiental Profissionais de saúde Profissionais de meio ambiente Engenheiro de Minas Outros 0,0% 72,2% 66,0% 65,4% 61,1% 61,1% 59,9% 57,4% 56,8% 54,9% 54,9% 53,7% 53,1% 52,5% 49,4% 48,1% 48,1% 46,3% 46,3% 43,8% 43,2% 42,6% 33,3% 26,5% 10,0% 20,0% 30,0% 40,0% 50,0% 60,0% 70,0% 80,0%
  • Intensidade da escassez de profissionais nas empresas que tem dificuldade de contratação Trabalhador manual Técnicos Secretárias e assistentes Profissionais de TI Profissionais de saúde Profissionais de recursos… Profissionais de meio ambiente Muitíssimo escasso Profissionais de finanças Operadores de produção Motorista Muito escasso Gerente de projeto Engenheiro de segurança do… Escasso Engenheiro de Minas Engenheiro ambiental Engenheiro de produção Alguma dificuldade Engenheiro elétrico Engenheiro mecânico Pouca dificuldade Engenheiros de controle… Engenheiro Civil Contadores Compradores Administradores 0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00% 80,00% 90,00% 100,00%
  • Motivos da dificuldade de contratação 90,00% 83,23% 80,00% 70,00% 58,08% 60,00% 47,90% 50,00% 36,53% 40,00% 30,00% 20,96% 20,36% 20,00% 10,00% 6,59% 0,00% Escassez de Profissionais Capacitados Deficiência na formação básica Falta de experiência na função Atender a pretensão de remuneração dos candidatos Aceitar trabalhar Características fora da área de pessoais atuação incompatíveis com a empresa Outros
  • Porcentagem de novatos que precisam de treinamento 0,60% 10,78% 16,17% 0 a 20% 23,35% 21 a 40% 41 a 60% 61 a 80% 20,36% 81 a 100% Sem resposta 28,74%
  • Dificuldade de contratação de profissionais - Por nível 3,59% 20,96% Não temos dificuldade 65,27% Nível administrativo Nível superior Nível técnico 51,50%
  • Dificuldade de contratação de profissionais - Por área 50,00% 47,31% 45,00% 40,00% 36,53% 35,00% 28,74% 30,00% 24,55% 25,00% 20,00% 16,77% 8,98% 15,00% 10,00% 4,79% 5,00% 0,00% 2,40% 2,40% 12,57% 28,74%
  • Precariedade na qualificação - Por posição Técnico 50,62% Operacional 45,06% Coordenação 42,59% Analista 25,31% Engenheiro Sênior 24,69% Gerência 24,07% Assistente 20,99% Engenheiro Pleno 20,99% Engeheiro Jr. Diretoria Estagiário Outros 0,00% 16,05% 5,56% 3,70% 3,09% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00%
  • Precariedade na qualificação - Por posição 6,59% 45,51% 71,26% Falta de formação específica Má distribuição regional da mão-de-obra Falsa expectativa quanto ao salário Falta de experiência Outra 21,56% 28,14%
  • Faixa etária das contratações 2,99% 18 a 29 anos 40,72% 30 a 39 anos 56,29% 40 a 49 anos
  • A empresa tem diminuído as exigências para contratação no nível técnico? Sim 40,12% Não 59,88%
  • Exigência que foi flexibilizada - Por empresa 60,00% 50,90% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 11,38% 12,57% 13,17% Curso técnico Habildiade 10,00% 1,20% 0,00% Outros Características pessoais Experiência
  • A empresa tem diminuído a exigência na contratação de nível superior? 0,60% Sim Não 45,51% 53,89% Sem resposta
  • Exigência que foi flexibilizada - Por empresa 35,00% 32,34% 30,00% 21,56% 25,00% 20,00% 13,77% 15,00% 10,00% 5,99% 6,59% 5,00% 0,00% Curso Superior Características pessoais Pós-graduação Fluência em idiomas Experiência
  • Exigência que foi flexibilizada - Por empresa 35,00% 32,34% 30,00% 21,56% 25,00% 20,00% 13,77% 15,00% 10,00% 5,99% 6,59% 5,00% 0,00% Curso Superior Características pessoais Pós-graduação Fluência em idiomas Experiência
  • A empresa tem benefícios para retenção de profissionais? 1,20% 5,39% Sim 93,41% Não Sem Resposta
  • Benefícios oferecidos 100,00% 87,04% 90,00% 80,00% 70,00% 61,11% 60,00% 45,06% 50,00% 40,00% 14,81% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00% 8,02% 9,88% 13,58% 25,93% 30,86% 35,19% 50,00%
  • Características que as empresas valorizam - nível técnico Proatividade 17,31% Capacidade de negociação 32,05% 21,15% Orientação para resultados 4,52% Relacionamento interpessoal 3,77% 35,26% 21,29% 28,21% 13,46% 38,71% 21,38% Liderança 45,51% 34,19% 45,28% 30,52% 29,56% 33,12% 25,32% 7,14% Valorizado, porém não essencial Valorizado Bem valorizado Visão sistêmica 22,58% 33,55% 30,97% 9,68% Muito bem valorizado Muitíssimo valorizado Trabalhos sociais 29,41% Capacidade de trabalhar em equipe 12,66% Adaptabiliade Empatia 28,76% 40,51% 25,64% 8,50% 0% 10% 29,41% 43,67% 39,10% 32,05% 43,14% 20% 30% 12,42% 0,00% 37,25% 40% 50% 60% 70% 10,46% 80% 90% 100%
  • Características que as empresas valorizam - nível superior Proatividade 9,15% 31,10% Capacidade de negociação 58,54% 26,09% Orientação para resultados 7,93% Relacionamento interpessoal 7,88% 41,61% 22,56% 29,19% 68,90% 37,58% Gestão de conflitos 21,38% Liderança 23,78% Visão sistêmica 53,33% 17,90% 41,51% 33,33% Valorizado, porém não essencial Valorizado 33,54% 40,24% Bem valorizado Muito bem valorizado Trabalhos sociais 22,01% Capacidade de trabalhar em equipe 5,45% Adaptabiliade 27,04% 29,56% 39,75% 10% 20% Muitíssimo valorizado 17,61% 3,77% 65,45% 49,69% 23,13% 0% 29,63% 27,88% 9,32% Empatia 46,30% 51,25% 30% 40% 50% 22,50% 60% 70% 80% 90% 100%
  • Tem promovido a capacitação profissional? 1,20% 7,78% Sim 91,02% Não Sem resposta
  • Que tipo de capacitação tem promovido? Processos 62,28% Técnico-operacional 61,68% Liderança 50,90% Produção e operação 49,70% Gestão 36,53% Financeiro Outros 0,00% 13,17% 7,78% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00%
  • Motivos de existência de vagas ociosas - Intensidade 12,50% Outros Formação extracurricular 37,50% 43,75% 21,17% 20,44% 24,09% 21,90% 12,41% Motivo Fraco Motivo Médio-fraco Expectativas de salários desalinhadas 10,96% 21,23% 47,95% 15,07% Motivo Médio Motivo médio-forte Motivo Forte Falta de capacitação Oferta de vaga no local errado 7,28% 0,00% 35,22% 20,53% 20,00% 56,60% 27,81% 40,00% 21,85% 60,00% 22,52% 80,00% 100,00%
  • Análise por Indústria mais Representativa
  • Intensidade da escassez de profissionais nas empresas que tem dificuldade de contratação Autoindústria Trabalhador manual 16,67% Técnicos Secretárias e assistentes Profissionais de TI Profissionais de saúde 33,33% 25,00% 12,50% 16,67% 0,00% 14,29% 50,00% 25,00% 33,33% 50,00% 14,29% 42,86% 20,00% Profissionais de recursos humanos 37,50% 28,57% 60,00% 33,33% 20,00% 33,33% 16,67% 16,67% Profissionais de meio ambiente 16,67% 66,67% 16,67% Profissionais de finanças 16,67% 66,67% 16,67% Operadores de produção 12,50% 25,00% Motorista 25,00% Gerente de projeto 12,50% 25,00% Engenheiro de segurança do trabalho Engenheiro Civil Contadores Compradores Administradores 25,00% 23,08% 12,50% 15,38% 7,69% 16,67% 33,33% 25,00% 33,33% 25,00% 16,67% 66,67% 16,67% 16,67% 53,33% 66,67% 25,00% 25,00% 28,57% 16,67% 50,00% 33,33% 25,00% 0,00% 66,67% 37,50% 42,86% Escasso Pouca dificuldade 16,67% 50,00% 40,00% Muito escasso Alguma dificuldade 100,00% Engenheiro mecânico 6,67% Engenheiros de controle automação Muitíssimo escasso 25,00% 37,50% 53,85% Engenheiro de produção Engenheiro elétrico 12,50% 50,00% Engenheiro de Minas Engenheiro ambiental 37,50% 12,50% 12,50% 12,50% 28,57% 0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00% 80,00% 90,00% 100,00%
  • Intensidade da escassez de profissionais nas empresas que tem dificuldade de contratação – Bens de consumo Trabalhador manual 60,00% Técnicos Secretárias e assistentes Profissionais de TI 38,46% 12,50% 37,50% 22,22% 22,22% 37,50% Motorista 36,36% 25,00% 11,11% 12,50% 27,27% 11,11% 20,00% 12,50% 25,00% 14,29% Compradores 9,09% 12,50% 25,00% 27,27% 11,11% 10,00% 10,00% 12,50% 14,29% 25,00% 12,50% 11,11% 40,00% 42,86% 33,33% 9,09% 22,22% 25,00% 28,57% 33,33% 36,36% Muito escasso Alguma dificuldade Pouca dificuldade 45,45% 44,44% 20,00% 20,00% 33,33% 50,00% Muitíssimo escasso Escasso 20,00% 22,22% 25,00% 12,50% 44,44% 44,44% Engenheiro elétrico Administradores 37,50% 60,00% 18,18% 9,09% 9,09% 18,18% 44,44% Engenheiro ambiental Contadores 18,18% 36,36% 12,50% Engenheiro de Minas Engenheiro Civil 25,00% 37,50% 45,45% Gerente de projeto Engenheiros de controle automação 33,33% 37,50% 27,27% 11,11% 12,50% 62,50% Operadores de produção Engenheiro mecânico 11,11% 33,33% Profissionais de finanças Engenheiro de produção 33,33% 12,50% 50,00% 33,33% Profissionais de meio ambiente 7,69% 25,00% 37,50% Profissionais de recursos humanos 10,00% 53,85% 12,50% Profissionais de saúde Engenheiro de segurança do trabalho 30,00% 8,33% 27,27% 0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00% 80,00% 90,00% 100,00%
  • Intensidade da escassez de profissionais nas empresas que tem dificuldade de contratação – Serviços Trabalhador manual 33,33% Técnicos Secretárias e assistentes 50,00% 50,00% 0,00% 33,33% 44,44% Profissionais de saúde 16,67% 33,33% 33,33% 20,00% 16,67% 25,00% 60,00% 40,00% Motorista 0,00% 33,33% Gerente de projeto 16,67% Muitíssimo escasso 33,33% 11,11% 11,11% Escasso 80,00% Alguma dificuldade 60,00% 20,00% 33,33% 20,00% 50,00% Engenheiro elétrico 25,00% Engenheiro mecânico 25,00% 50,00% 25,00% Engenheiros de controle automação 25,00% 50,00% 25,00% Engenheiro Civil Contadores 25,00% 50,00% 33,33% 50,00% 20,00% Compradores 14,29% Administradores 14,29% Muito escasso 40,00% 20,00% 16,67% 20,00% 16,67% 40,00% Engenheiro ambiental 20,00% 40,00% 44,44% Engenheiro de segurança do trabalho Engenheiro de produção 20,00% 75,00% Operadores de produção Engenheiro de Minas 22,22% 80,00% Profissionais de meio ambiente Profissionais de finanças 50,00% 20,00% 0,00% Profissionais de TI Profissionais de recursos humanos 16,67% 40,00% 28,57% 20,00% 28,57% 57,14% 16,67% 20,00% 14,29% 14,29% 28,57% 0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00% 80,00% 90,00% 100,00% Pouca dificuldade
  • Intensidade da escassez de profissionais nas empresas que tem dificuldade de contratação – Siderurgia e metalurgia Trabalhador manual 50,00% Técnicos 50,00% Secretárias e assistentes 50,00% Profissionais de TI 33,33% 0,00% 20,00% 60,00% 20,00% 50,00% 50,00% 20,00% 60,00% 40,00% Gerente de projeto 20,00% 50,00% 20,00% Motorista 25,00% 33,33% 20,00% 50,00% Profissionais de finanças Operadores de produção 0,00% 50,00% 40,00% Profissionais de recursos humanos 50,00% 25,00% 33,33% Profissionais de saúde Profissionais de meio ambiente 0,00% 40,00% 20,00% 20,00% 40,00% 20,00% 20,00% Muitíssimo escasso 20,00% Muito escasso Engenheiro de segurança do trabalho 33,33% 33,33% 33,33% Escasso Engenheiro de Minas 33,33% 33,33% 33,33% Alguma dificuldade Engenheiro ambiental Engenheiro de produção 16,67% 50,00% 14,29% 14,29% Engenheiro elétrico Engenheiro mecânico 20,00% 33,33% Compradores Administradores 40,00% 33,33% 20,00% 50,00% 11,11% 20,00% 25,00% 77,78% 42,86% 33,33% 20,00% 33,33% 60,00% 25,00% 14,29% 0,00% 20,00% Engenheiro Civil 16,67% 57,14% 66,67% Engenheiros de controle automação Contadores 16,67% 11,11% 42,86% 14,29% 0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00% 80,00% 90,00% 100,00% Pouca dificuldade
  • Análise regional
  • Porcentagem da dificuldade regional de contratação - Onde as empresas querem mais profissionais 120,00% 100,00% 80,00% 60,00% Norte 40,00% Nordeste Centro-Oeste Sudeste 20,00% 0,00% Sul
  • Profissionais mais requisitados - Sudeste 40,00% 35,92% 35,00% 29,58% 30,00% 23,24% 21,83% 20,42% 20,42% 25,00% 20,00% 14,79% 13,38% 14,08% 12,68% 12,68% 11,27% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00% 17,61% 17,61% 16,90% 16,20% 28,87% 28,17% 23,94% 32,39% 30,28%
  • Profissionais escassos mais requisitados - Sul 18,00% 16,33% 16,00% 15,31% 14,00% 12,24% 12,00% 11,22% 10,20% 10,00% 8,16% 8,16% 8,16% 8,00% 7,14% 7,14% 6,12% 6,12% 6,12% 6,12% 6,00% 5,10% 5,10% 4,08% 4,08% 4,00% 3,06% 3,06% 2,04% 2,04% 2,00% 0,00%
  • Profissionais mais requisitados – Centro-Oeste 12,00% 9,59% 10,00% 8,22% 8,22% 8,00% 6,85% 6,00% 5,48% 5,48% 5,48% 5,48% 4,11% 4,11% 4,11% 4,11% 4,00% 1,37% 2,00% 0,00% 1,37%1,37% 1,37% 2,74% 2,74% 2,74% 2,74% 6,85% 6,85%
  • Profissionais mais requisitados – Nordeste 10,00% 8,97% 9,00% 7,69% 7,69% 8,00% 6,41% 6,41% 6,41% 6,41% 7,00% 6,00% 5,13% 5,00% 3,85% 4,00% 2,56% 2,56% 3,00% 1,28% 2,00% 1,28% 1,00% 0,00% 0,00% 3,85% 3,85% 1,28% 1,28% 2,56% 2,56% 3,85% 3,85%
  • Profissionais mais requisitados – Norte 16,00% 13,85% 14,00% 12,00% 10,00% 9,23% 7,69% 8,00% 6,15% 6,15% 6,15% 6,15% 6,15% 6,00% 4,62% 4,62% 4,62% 4,62% 4,00% 2,00% 0,00% 3,08% 3,08% 3,08% 3,08% 3,08% 1,54% 1,54% 1,54%
  • Local onde as empresas procuram por profissionais escassos 16,17% 17,37% 41,32% 47,31% Norte Nordeste Centro-Oeste Sudeste Sul Exterior 26,95% 84,43%
  • Origem dos trabalhadores escassos - média 5,38% 2,94% 6,71% 5,25% 15,66% Norte Nordeste Centro-Oeste Sudeste Sul Exterior 57,39%
  • Comparação com a pesquisa 2010
  • • As pesquisas de 2010 e 2013 são compráveis pelo foco dado a grandes empresas de diferentes setores. • A maioria das empresas pesquisadas em 2010 responderam o questionário de 2013. • Em 2010 conseguiu-se 22% do PIB (130 empresas), enquanto em 2013 foram entrevistadas 167 empresas, que representam mais de 23% do PIB.
  • Organizações que encontram problemas na contratação de profissionais 2010 8% Sim Não 92% 9% 2013 Sim Não 91%
  • Profissões que as empresas encontram dificuldades na contratação Técnicos (produção, operações, manutenção) Engenheiros Mecânico (Mecatrônica) Gerentes de Projetos Administrativos Operadores de Produção Engenheiros Elétrico (Eletrônico) Profissionais de Recursos Humanos Engenheiros de Produção Engenheiros de Segurança do Trabalho Profissionais de Tecnologia da Informação Profissionais de Finanças Engenheiros Civil Engenheiros de Controle e Automação Trab ofício manual (eletricistas, carpinteiros etc.) Compradores Profissionais do Meio Ambiente Motoristas Secretárias e Assistentes Engenheiros Ambiental Engenheiros de Minas Contadores 2010 7,69% 6,92% 7,69% 6,15% 5,38% 3,85% 0,00% 2013 29,23% 22,31% 23,85% 23,08% 21,54% 20,77% 17,69% 20,00% 16,92% 14,62% Técnicos, engenheiros 13,85% 13,08% gerentes de projetos eram 12,31% 10,00% Compradores Técnicos Administradores Gerente de projeto Trabalhador manual Profissionais de TI Operadores de produção Engenheiro de produção Motorista Profissionais de recursos humanos Engenheiro de segurança do trabalho Contadores Engenheiro mecânico Secretárias e assistentes Engenheiro Civil Profissionais de finanças Engenheiros de controle automação Engenheiro elétrico Engenheiro ambiental Profissionais de saúde Profissionais de meio ambiente Engenheiro de Minas Outros 0,0% 45,38% 33,85% mecânicos e os mais difíceis de contratar em 2010. Em 2013, compradores, técnicos e administradores são os mais difíceis 20,00% 26,5% 10,0% 20,0% 30,0% 30,00% 33,3% 40,0% 40,00% 66,0% 65,4% 61,1% 61,1% 59,9% 57,4% 56,8% 54,9% 54,9% 53,7% 53,1% 52,5% 49,4% 48,1% 48,1% 46,3% 46,3% 43,8% 43,2% 42,6% 50,0% 60,0% 70,0% 50,00% 72,2% 80,0%
  • • Nota-se a maior insatisfação com a oferta de mão-de-obra de diferentes profissões em ambos os anos. • Crescente percepção de falta de mão de obra – as empresas passaram a citar mais profissionais mais vezes. • Em 2010, a profissão mais citada era a dos trabalhadores técnicos (citado por 45,38% das empresas). Em 2013, ela foi desbancada por compradores (72,2% das empresas os citaram). • A menor incidência de citações, em 2010, foram os contadores (3,85%). Em 2012, os engenheiros de minas (33,3%)
  • Desafios na contratação de profissionais 15% 3% Escassez de profissionais capacitados Falta de experiência na função 2010 24% 81% 35% 42% 49% Falta de experiência na função 20,36% 20,96% Atender a pretensão de remuneração dos candidatos Aceitar trabalhar fora da região de residência da família Características pessoais incompatíveis com a ideologia da empresa Outros Escassez de Profissionais Capacitados 6,59% 2013 Deficiência na formação básica 83,23% Deficiência na formação básica Atender a pretensão de remuneração dos candidatos Aceitar trabalhar fora da área de atuação 36,53% 58,08% 47,90% Características pessoais incompatíveis com a empresa Outros
  • Áreas da empresa onde é mais difícil encontrar profissionais capacitados 2010 7% 11% 16% Produção Chão de Fábrica 4% 2% Planejamento Logística Recursos Humanos 52% Administrativa Financeira 17% Comercial Compras 18% 32% 20% 4,79% Marketing Comunicação 23% 2,40% Não há dificuldade 2,40% Produção/Chão de Fábrica Planejamento 28,74% 47,31% Logística RH Administrativa 24,55% Financeira 28,74% 16,77% Comercial Compras Marketing 36,53% 12,57% 8,98% Comunicação Não temos dificuldade
  • Funções que apresentam qualificação profissional mais precária Técnico Coordenação/Sup… Engenheiro Sênior Analista Engenheiro Pleno Gerência Operador Engenheiro Júnior… Assistente/Auxiliar Estagiário Diretoria Outros 0% Técnico Operacional Coordenação Analista Engenheiro Sênior Gerência Assistente Engenheiro Pleno Engeheiro Jr. Diretoria Estagiário Outros 0,00% 40% 36% 27% 28% 26% 22% 23% 20% 14% 7% 5% 4% 5% 10% 15% 20% 25% 30% 35% 40% 45% 50,62% 45,06% 42,59% 25,31% 24,69% 24,07% 20,99% 20,99% 16,05% 5,56% 3,70% 3,09% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00%