Vantagem Competitiva para as organizações modernas

  • 10,196 views
Uploaded on

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
  • Oi Raquel!
    Não está disponível o download???
    Gostaria muito de fazê-lo,pois minha filha faz engenharia de produção na Universidade Federal de Dourados e seria valioso para ela.Se puder disponibilizá-lo , ficaria grata.Ou envie, por gentileza por e-mail, que deixarei em mensagem pessoal.
    Muitíssimo obrigada.
    Parabéns por escolher esse PPS para sua postagem.
    Abraços de Santos.
    Diramar
    Are you sure you want to
    Your message goes here
  • Olá Raquel,Itaúna e Rena tem sorte em ter Técnicas qualificadas para ótimizar seus serviços.
    Ganha a empresa e o cliente sai mais satisfeito! Há algumas aqui em Portugal que deviam ter este seu trabalho por base para melhorar seus serviços e inter relações.Ótimo trabalho!Parabéns. Saudação amiga desde Portugal. JoaoBizarro
    Are you sure you want to
    Your message goes here
  • Olá Raquel, O seu estudo da vantagem competitiva em organizações modernas é muito bem produzido e agradavelmente estruturado. Bem feito! Graham
    Are you sure you want to
    Your message goes here
No Downloads

Views

Total Views
10,196
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
3
Likes
3

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. VANTAGEM COMPETITIVA PARA AS ORGANIZAÇÕES MODERNAS SUPERMERCADOS RENA - ITAÚNA/MG Ana Raquel Carvalho Guedes Orientador: Prof. Dr. Carlos Freitas da Cunha Universidade Federal de Santa Catarina Departamento de Engenharia de Produção Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção
  • 2. SUMÁRIO
    • Introdução
    • Objetivos
    • Revisão de Literatura
    • Metodologia
    • Apresentação e análise dos dados
    • Considerações finais
    • Recomendações para novos trabalhos
    • Referências bibliográficas
  • 3. INTRODUÇÃO
    • CONSTATAÇÕES
    • Nossas principais fontes são internas. (Green & Keegan, 1999)
    • A psicologia do comportamento, assim como a economia, encaram o comportamento humano em função de sua rentabilidade (Heider, 1958)
    • A necessidade de uma estratégia consiste em melhorar a eficácia operacional, através de atividades como aquisições de insumos e transferências de conhecimentos (Porter, 1999)
    • O marketing é o objetivo final cujo instrumento gerencial é a qualidade e a meta é satisfazer o cliente de forma lucrativa, criado relacionamentos que agreguem valores tanto para os clientes, quanto para a empresa (Kotler, 1998)
  • 4. INTRODUÇÃO
    • QUESTÃO BÁSICA DE PESQUISA
    Por que comprovar a importância do elemento humano, através do estudo de caso do supermercado RENA,por meio das relações interpessoais, como vantagem competitiva?
  • 5. OBJETIVOS
    • GERAL:
    • O objetivo é avaliar a contribuição que a rede de supermercados RENA (Itaúna / MG) oferece ao elemento humano da empresa a partir de análises dos resultados das relações interpessoais utilizadas como vantagem competitiva da organização
    • ESPECIFÍCOS
    • . Avaliar como as estratégias utilizadas pela Gestão da Organização do RENA interferem na motivação de seus funcionários no atendimento ao público em geral;
  • 6. OBJETIVOS
    • ESPECÍFICOS
    • Levantar os fatores que influenciam os clientes internos na sua percepção da empresa, devido às estratégias utilizadas pelo RENA;
    • Constatar o processo progressivo de boas orientações empresariais no processo do relacionamento interpessoal do RENA;
    • Analisar a base cultural (excelência no atendimento) estabelecida pela organização e reunir fatores que comprovem a liderança no caso estudado do supermercado RENA.
  • 7.
    • FORMULAÇÃO DO PROBLEMA
    • Perspectiva do pesquisador (por que - o que - como - onde).
    • DELIMITAÇÃO DA PESQUISA
    • Abordagem de diversos autores.
    • Intuição.
    • Não foi analisada a mudança, mas os resultados.
    • Análise comportamental.
    METODOLOGIA
  • 8. METODOLOGIA
    • DELIMITAÇÃO DA PESQUISA
    • Pesquisa descritiva, com enfoque causal-analítico.
    • Estudo biográfico.
    • Estudo descritivo quantitativo
    • Estudo de caso simples.
    • Amostragem aleatória simples (Mattar, 1996)
    • Amostragem intencional (qualitativa).
  • 9. METODOLOGIA
    • COLETA, ANÁLISE E INTERPRETAÇÃO DOS DADOS
    • Observação documental, estruturada e entrevista estruturada.
    • Dados secundários (materiais informativos).
    • Entrevistas individuais estruturadas (15).
    • Tabulação: apresentação e análise quantitativa e qualitativa das evidências coletadas.
    • Análise e interpretação baseados na bibliografia e experiência do pesquisador.
  • 10. METODOLOGIA
    • LIMITAÇÕES DA PESQUISA
    • Dados secundários sobre a empresa são escassos.
    • Sondagens informais tornaram a pesquisa mais lenta.
    • Questões aplicadas de maneira formal e informal aos entrevistados também tornaram a pesquisa mais lenta.
  • 11. APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DOS DADOS
    • Condições objetivas do ambiente interno
    • Caracterização da empresa
    • Análise comparativa entre as metodologias da pesquisa quantitativa e qualitativa (atitude, motivação e percepção).
    • Roteiros de entrevista
  • 12. CONDIÇÕES OBJETIVAS DAS RELAÇÕES INTERPESSOAIS
    • CONTEXTO SUPERMERCADOS RENA
    • Análise interna baseada na observação e comportamento dos funcionários (Atitude, motivação e percepção).
    • Análise da comunicação interpessoal
    • OBSERVAÇÃO
    • Pesquisa de levantamento;
    • Pesquisa experimental;
    • Entrevista Pessoal e em profundidade;
    • Levantamento do quadro de funcionários;
  • 13. CONDIÇÕES OBJETIVAS DAS RELAÇÕES INTERPESSOAIS
    • CONTEXTO RENA
    • Análise interna baseada no relacionamento dos funcionários com a empresa e com seus consumidores.
    • Análise da vantagem competitiva no RENA para com os seus concorrentes.
    • COMUNICAÇÃO
    • Cria padrões de atendimento baseados na cortesia, honestidade, profissionalismo e interesse, tratando os clientes internos e externos como pessoas especiais;
    • Potencial de mercado competitivo em Itaúna;
  • 14. CONDIÇÕES OBJETIVAS DAS RELAÇÕES INTERPESSOAIS
    • Estabelece clima de participação e integração entre as pessoas;
    • Estimula os valores de auto-estima, empatia e efetividade;
    • Gera e incentiva a iniciativa e a criatividade;
    • Estimula a participação de sugestões por parte de todos os funcionários;
    • Promove a integração entre as áreas da empresa, com o intuito de alcançar os objetivos da empresa.
    • ATITUDE, MOTIVAÇÃO E PERCEPÇÃO
    • Qualidade total aplicada a todas as atividades do RENA;
    • Preocupação na retenção e captação de clientes;
  • 15. CONDIÇÕES OBJETIVAS DAS RELAÇÕES INTERPESSOAIS
    • Mudanças de transação para relações;
    • Mercado local para mercado regional;
    • Mudanças de hierarquia para redes de pessoas;
    • Promover parcerias estratégicas (cadeia de valor);
    • Aumento da competitividade em todos os setores;
    • Líder de concorrência na cidade;
    • Enfoque nas relações interpessoais;
    • Parcerias estratégicas entre concorrentes, grupos estrangeiros e supermercados.
  • 16. CARACTERIZAÇÃO DA EMPRESA
    • RENA
    • 100 funcionários.
    • Reúne três lojas em Itaúna
    • É líder de mercado
    • Objetiva:
    • promover a excelência no atendimento ao cliente;
    • buscar competitividade do consumidor itaunense;
    • promover a melhoria da satisfação dos seus funcionários no ambiente interno
  • 17. METODOLOGIAS DA PESQUISA
    • RENA
    • Análise do ambiente interno
    • Definição da cultura organizacional, objetivos fins, linhas gerais de atuação e diretrizes
    • Diagnóstico interno organizacional e programático
    • Definição de ações e projetos desenvolvidos
    • Comparação com os concorrentes
    • Análise das estratégias de marketing adotadas
  • 18. CONSIDERAÇÕES FINAIS
    • Foi possível atingir o objetivo desse trabalho, porém pode-se implantar melhorias nas estratégias utilizadas para motivar ainda mais os funcionários da empresa e deixá-los mais felizes.
    • Foram levantadas estratégias que influenciam seus clientes na percepção da empresa. Notou-se que a visão que os funcionários tem da empresa podem ser melhoradas com um melhor gerenciamento de informações e comunicação entre a empresa e seus públicos.
  • 19. CONSIDERAÇÕES FINAIS
    • Constatou-se o progresso no relacionamento interpessoal do RENA através das pesquisas realizadas, de opinião e de percepção.
    • Comprovou-se a liderança de mercado e a excelência no atendimento no estudo de caso da rede de supermercados RENA
    • Pode-se afirmar que o relacionamento cliente - empresa e o trabalho dos funcionários para conquistar as necessidades e desejos dos clientes atendeu às expectativas do referido estudo.
  • 20.
    • Avaliar a adoção das ferramentas da comunicação utilizadas pelo supermercado e tentar melhorá-las.
    • Fazer um levantamento estatístico do grau de satisfação dos funcionários de cada setor do supermercado, separadamente e analisá-lo.
    CONSIDERAÇÕES FINAIS
  • 21.
    • Pode-se afirmar, por tudo que foi visto e avaliado, no estudo de caso do RENA que a valorização dos recursos humanos da empresa, gera satisfação do público interno, consequentemente satisfação do cliente e vantagem competitiva
    CONSIDERAÇÕES FINAIS