Aula 1 - Flauta transversal - Nível 1 - Projeto Aprendiz VV - 2012

56,479 views
56,195 views

Published on

Published in: Education
1 Comment
19 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
56,479
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2,687
Actions
Shares
0
Downloads
830
Comments
1
Likes
19
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Aula 1 - Flauta transversal - Nível 1 - Projeto Aprendiz VV - 2012

  1. 1. Projeto Aprendiz ICM-PESNúcleo de Ensino de Flauta TransversalMonitores do Nível 1: Ramon Fávero, Caroline Santos
  2. 2. Instrumentista•Qualidades de Davi •Adorador •Valente •Forte •Homem de guerra •Sisudo em palavras •Pontualidade •Responsabilidade •Gentil aparência •O Senhor era com ele
  3. 3. Breve história da flauta transversal•As flautas primitivas eram feitas de vários materiais diferentes:1 – Apito de osso de avestruz2 – Apito de casca de fruta7 – Apito de falange, osso de alce8 – Flautas de Jiahu, osso de passarinho (China)
  4. 4. Breve história da flauta transversal
  5. 5. Breve história da flauta transversal•Na Bíblia ela aparece logo no livro de Gênesis, nocapítulo 4, versículo 21.“O nome do seu irmão era Jubal; este foi o pai detodos os que tocam harpa e flauta.”•A flauta foi utilizada também pelas civilizaçõesEgípcias e Sumérias, entre outras (Índia, China, Japãoetc.).•Na Idade Média chegou-se ao modelo padrão talqual a flauta doce atual, e logo após foi-se utilizandoo sistema de chaves, até evoluir no século XIX aopadrão utilizado hoje nas nossas flautas transversais(sistema Boehm).
  6. 6. Partes da flauta
  7. 7. Como montar a flauta?•Antes de tudo, coloque o estojo em local seguro, onde nãopossa cair (uma mesa ou balcão), evitando apoiá-lo no colo.•Retire da caixa o corpo da flauta com umadas mãos e o bocal com a outra mão eencaixe uma parte na outra, conforme fotoao lado.•Ao segurar o corpo da flauta, evite pegar nomecanismo (chaves), pois é muito frágil epode empenar. Segure sempre na partesuperior do corpo onde está gravado a marcado fabricante e modelo da flauta.
  8. 8. Como montar a flauta?•Encaixado o bocal no corpo da flauta,devemos agora encaixar o pé da flauta emseu corpo.•Continue segurando a flauta com a mãodireita e com a mão esquerda encaixe o pé.•Alinhe o eixo do pé com o meio das chavesdo corpo. O orifício do bocal deve estar namesma direção da chave de Dó.
  9. 9. Como montar a flauta?•Ao desmontar tenha o mesmo cuidado para nãotocar o mecanismo e coloque a flauta bem encaixadano estojo para que não arranhe nem amasse duranteo transporte.•Na foto abaixo, a linha vermelha indica oalinhamento que deve ser feito: orifício do bocal comchave de Dó, e eixo do pé com centro da chaves docorpo.
  10. 10. Como segurar a flauta?
  11. 11. Posicionamento padrão dos dedosPosicionamento correto dos dedos Posicionamento incorreto dos dedos As flautas de modelo francês têm as chaves abertas (buracos) o que força o posicionamento correto dos dedos!
  12. 12. Posicionamento padrão dos dedos Vista das mãos sobre a flauta Vista das mãos sobreMão esquerda sem a flauta a flauta de forma incorreta
  13. 13. Como se sentar ao tocar flauta?As irmãs devem estar atentas com a forma de se vestir e de sentar.
  14. 14. Manutenção após tocar a flauta•Limpeza interna –Insira a ponta da gaze na fenda da vareta de limpeza. –Enrole a gaze em torno da vareta de limpeza certificando- se de que nenhuma parte da vareta fique exposta. –Gire o corpo na mesma direção em que a gaze foi enrolada e retire a umidade do interior do instrumento. –Seque também as junções de união.
  15. 15. Manutenção após tocar a flauta•Limpeza externa –Tomando cuidado para não pressionar as chaves, use um pano de limpeza para retirar as impressões digitais ou óleo que estiverem na parte externa do instrumento. –Quando limpar as chaves, tenha muito cuidado para não danificar as sapatilhas.
  16. 16. Manutenção após tocar a flauta•As flautas banhadas a prata inevitavelmente ficarão escurascom o tempo por causa da oxidação natural.•Para minimizar esse efeito e conservar seu instrumento,limpe-o após o uso e seque a parte interna antes de guardá-lono estojo.•Nunca mergulhe seu instrumento em água ou qualqueroutro produto, isto pode danificar as sapatilhas e retirar alubrificação total do instrumento.
  17. 17. Manutenção após tocar a flauta•Nunca deixe seu instrumento "em pé", sofás, cadeiras ou emalgum lugar em que possa sofrer alguma queda ou o risco depessoas sentarem ou apoiar-se sobre o instrumento, poiscaso isto aconteça, com certeza causará danos.•Nunca tente "consertar ou regular" seu instrumento. Emcaso se algum problema consulte sempre a assistência técnicaou a loja onde adquiriu o instrumento. Lembre-se, mesmoque o instrumento sofra alguma avaria, sempre haverágrandes chances de ser consertado.•Evite a aplicação de limpa-pratas ou produtos afins, oscuidados normais devem ser suficientes.
  18. 18. Kit Flautista-Flauta transversal -Suporte-Estante -Flanelas e vareta
  19. 19. Embocadura
  20. 20. Embocadura•O lábio inferior deve cobrir 1/3 do orifício do bocal•A coluna de ar deve ser emitida em um ângulo de cerca de45 graus.•É fundamental emitir a coluna de ar uniforme eininterruptamente e segurar o instrumento corretamente.•Ao soprar, a garganta deve estar aberta como sepronunciasse a expressão “Oh!”.•Não soprar com força.•No início do aprendizado da flauta as “tonteiras” sãofrequentes. Quando isso acontecer, pare e respire!•A princípio treinar em casa somente com a cabeça da flauta,até conseguir um som nítido e uniforme.
  21. 21. Embocadura
  22. 22. Embocadura
  23. 23. Som•Conceito: é toda vibração percebida pelo ouvidohumano. O nosso ouvido percebe duas espéciesde sons: musicais e não musicais.•Espécies de som: -O som musical é resultado de vibraçõessonoras regulares, é uniforme e pode sergrafado. -O som não musical, ou som indeterminado,é o ruído, resulta de vibrações sonorasirregulares, não podemos grafá-lo.
  24. 24. Propriedades do Som•Altura - é a propriedade que possibilita ao som sermais grave ou mais agudo.•Duração - é o tempo em que se prolonga o som.•Intensidade - é o volume do som; é o que lhepermite ser mais forte ou mais fraco.•Timbre - é a qualidade do som ou atributo especialde cada som, pelo qual distinguimos a sua origem,que pode ser a voz humana ou sons deinstrumentos.
  25. 25. Música•Conceito: é a arte de manifestar os diversos afetosda nossa alma mediante o som.•Elementos da música: -Melodia: é a combinação de sons sucessivos,ou seja, um após o outro. -Harmonia: é a combinação de sonssimultâneos (tocados de uma só vez). -Ritmo: é a combinação dos valores nodiscurso musical, regulados pela maior ou menorduração.
  26. 26. Notação Musical•Conceito: é a escrita da música.•Pentagrama ou pauta: é o conjunto de 5 (cinco)linhas paralelas, horizontais e equidistantes,formando entre si 4 (quatro) espaços. Pentagrama,do grego: penta = cinco; grama = linha. As linhas eespaços da pauta são contados de baixo para cima:
  27. 27. Notação Musical•Linhas e espaços suplementares: muitas vezes estas5 linhas e 4 espaços não são suficientes para seescreverem todos os sons musicais, por isso usam-se, quando necessário, as linhas e espaçossuplementares superiores e inferiores:•Obs.: as linhas suplementares são contadas a partir da pauta
  28. 28. Notação Musical•Notas: as notas para a escrita musical são 7 (sete). Dó - Ré - Mi - Fá - Sol - Lá - Si•Essas notas ouvidas sucessivamente formam umasérie de sons a qual se dá o nome de escala.
  29. 29. Notação Musical•Antes de receberem os nomes atuais (Dó-Ré-Mi-Fá-Sol-Lá-Si) os sons musicais eram chamados pelassete primeiras letras do alfabeto (cifras).•Obs.: Note-se que o sistema de cifras é utilizadoainda em alguns países da Europa e da América doNorte.
  30. 30. Notação Musical•Clave: é um símbolo colocado no início de umapauta e serve para determinar o nome das notase sua altura na escala.•Há três sinais de clave: de sol, de fá e de dó (dasletras G, F e C apareceram as atuais claves: sol, fá edó). São elas que determinam os nomes e as alturasdas notas; cada clave dá o seu próprio nome ànota escrita em sua linha.
  31. 31. Notação Musical•A clave de Sol é escrita na 2ª linha. A clave de Dóé escrita na 1ª, 2ª, 3ª e 4ª linhas. A clave de Fá éescrita na 3ª e 4ª linhas.
  32. 32. Notação Musical•Temos, portanto, algumas notas a serem lidas naClave de Sol:
  33. 33. Projeto Aprendiz ICM-PES Exercícios e materiais serão disponibilizados no blog: http://oflautistaaprendiz.blogspot.com E-mail dos Monitores: Ramon Fávero (ramon.flauta@gmail.com)Caroline Santos (caahsaantos@hotmail.com)

×