Powerpoint ética na prática pedagógica

4,498 views

Published on

Ética na prática pedagógica: uma perspectiva aretaica

Published in: Education
0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
4,498
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
122
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Powerpoint ética na prática pedagógica

  1. 1. InIInstituto Politécnico de Santar Ramiro Marques
  2. 2. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes ● Práticas eficazes: visam atingir de forma adequada objectivos exteriores ao agente e incluem actividades relacionadas com a aquisição de bens interiores ● Práticas excelentes: visam atingir objectivos interiores ao agente e incluem actividades relacionadas com a aquisição de bens interiores
  3. 3. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes● Uma actividade promove o florescimento do agente quando contribui para a sua auto-actualização e realização pessoal● Actividade com objectivos internos ao agente: dá prazer, vale por si própria e não se destina prioritariamente à construção de um produto com valor de mercado
  4. 4. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes● As práticas excelentes geram prazer por si próprias e o prazer gerado acompanha a realização da actividade● As práticas eficazes geram prazer quando o agente conclui com sucesso a actividade● As práticas realizam-se, regra geral, em instituições
  5. 5. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes ● O negócio das instituições é a produção de bens com valor de mercado ● A escola é uma instituição, mas o ensino é uma prática ● Mas a escola é uma instituição de tipo diferente porque produz bens interiores (virtudes intelectuais e virtudes do carácter)
  6. 6. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes● As instituições estão estruturadas em termos de estatuto, poder e hierarquia● As práticas excelentes são conjuntos de actividades que exigem a mobilização das virtudes intelectuais e das virtudes do carácter● O ensino pode ser uma prática excelente● As instituições visam a eficácia e enfatizam as práticas eficazes● Por vezes, há contradição entre a exigência de produção de práticas eficazes
  7. 7. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes ● Quando a escola está impregnada de virtudes intelectuais e de virtudes do carácter, essa contradição desaparece ● Bens internos: são considerados bons em si; não são instrumentais (exemplos: as virtudes do carácter) ● Bens externos: são bons para alcançar outros bens; são instrumentais (exemplos: a fama, a glória e todos os bens materiais)
  8. 8. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes● As práticas excelentes só têm condições para se desenvolver nas instituições em que os bens exteriores estão ao serviço e dependem dos bens interiores● Quando acontece o contrário, as instituições tendem a tornar-se corruptas e o agente não tem oportunidade para o desenvolvimento de práticas excelentes nem para realizar o seu florescimento pessoal
  9. 9. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes● A ética na prática pedagógica exige a aquisição e o uso das virtudes intelectuais (inteligência, sabedoria e prudência) e das virtudes do carácter (justiça, coragem, temperança, esperança, generosidade, amizade, etc.)● O problema é que as virtudes do carácter não se ensinam. Adquirem-se através da prática e dos hábitos
  10. 10. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes● As virtudes do carácter são adquiridas da mesma forma que adquirimos a mestria nas artes e nos ofícios: pela prática, experiência, exemplo e hábitos.● Um comunidade hostil à aquisição de bons hábitos constitui um obstáculo à aquisição das virtudes do carácter● Há muitas escolas públicas que são comunidades hostis à aquisição de bons hábitos
  11. 11. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes ● Quando as políticas educativas enfatizam a aquisição e a conservação dos maus hábitos, a escola tende a tornar-se uma comunidade onde se adquirem os vícios (imprudência, insensibilidade, cobardia, preguiça, desleixo, injustiça, etc.) porque os vícios adquirem-se da mesma forma que as virtudes do carácter: pela prática, o exemplo e os hábitos
  12. 12. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes ● Da mesma forma que um mau professor de piano produz um mau pianista, também os professores e os pais pouco preocupados com as virtudes do carácter tendem a favorecer o desenvolvimento do mau carácter nas crianças e nos jovens
  13. 13. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes ● O prazer e a dor têm um papel crucial no processo de habituação e no desenvolvimento das virtudes do carácter ● Resulta daqui que a educação correcta é a que nos faz sentir prazer das coisas certas e dor das coisas que são apropriadas à gestação da dor
  14. 14. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes● A aquisição de bons hábitos não se faz apenas pela repetição● O uso da razão prática é necessário ao processo de aperfeiçoamento e correcção dos hábitos● O hábito pode ser visto de forma crítica e reflexiva● As deficiências no uso da razão prática não são fixas e podem ser
  15. 15. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes ● A criança precisa da orientação de uma razão externa porque ainda não possui capacidades deliberativas completamente desenvolvidas ● Quem não possui o domínio da razão prática necessita da orientação e correcção de um agente que saiba fazer uso da razão prática ● Nesse sentido, não há educação digna sem o exercício da autoridade ● Políticas educativas que retirem autoridade aos professores não podem promover uma educação digna
  16. 16. Práticas Eficazes e PráticasExcelentes ● Uma vez que a prática não é mecânica e a repetição tem de ser crítica, o processo de aprendizagem do uso da razão prática precisa de um mestre investido de autoridade ● Mas os professores só podem desempenhar esse papel se possuírem as virtudes do carácter, porque um mau mestre faz do aprendiz um mau praticante
  17. 17. Bibliografia Básica ● Hooft, S. (2006). Understanding Ethics. Bucks: Acumen ● Knight, K. (2007). Aristotelian Philosophy: Ethics and Politics from Aristotle to Macintyre. Cambridge: Polity ● Knight, K. (Ed.) (1998). The Macintyre Reader. Cambridge: Polity ● Lannstrom, A. (2006). Loving the Fine. Indiana: Notre dame University ● Welchman, J. (Ed.) (2006). The Practice of Virtue: Classic and Contemporary Readings in Virtue Ethics. Cambridge: Hackett

×