Cenarios para o futuro das livrarias

1,000
-1

Published on

Apresentação da monografia de conclusão da especialização em Design Estratégico na Unisinos "Análise e construção de cenários para o futuro das livrarias" - Rafael Ocaña Vieira
Leia em http://issuu.com/rafaelocana/docs/livrarias

Published in: Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,000
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
12
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Cenarios para o futuro das livrarias

  1. 1. Análise e construção de cenários para o futuro das livrarias Rafael Ocaña Vieira Especialização em Design Estratégico Orientador: Prof. Dr. Celso Carnos Scaletsky Unisinos | Porto Alegre | 2011
  2. 2. Qual ofuturo das livrarias?
  3. 3. E-booksVarejo onlineEstoqueExperiência digitalMeio ambienteDisponibilidade imediataCriação de cenários para umnovo contexto de consumo
  4. 4. Como chegamos até aqui?O suporte da informaçãosempre passou por mudanças
  5. 5. 1. Tradição oral
  6. 6. 1. Tradição oral2. Invenção da escrita
  7. 7. 1. Tradição oral2. Invenção da escrita3. Registro em papiros
  8. 8. 1. Tradição oral2. Invenção da escrita3. Registro em papiros4. Encadernamentos
  9. 9. 1. Tradição oral2. Invenção da escrita3. Registro em papiros4. Encadernamentos5. Imprensa
  10. 10. 1. Tradição oral2. Invenção da escrita3. Registro em papiros4. Encadernamentos5. Imprensa6. Multimídia
  11. 11. 1. Tradição oral2. Invenção da escrita3. Registro em papiros4. Encadernamentos5. Imprensa6. Multimídia7. Dispositivos eletrônicos
  12. 12. 1. Tradição oral2. Invenção da escrita3. Registro em papiros4. Encadernamentos5. Imprensa6. Multimídia7. Dispositivos eletrônicos8. Dispositivos eletrônicos dedicados à leitura
  13. 13. Repensar o espaço da livraria para os novos hábitos de consumo
  14. 14. Reposicionamento• Reformulação do modelo de negócios• Hiperespecialização de pequenas livrarias independentes• Fechamento de lojas de grandes redes
  15. 15. Implicações do digital no consumoda informação• Horizontalidade nas relações• Alcance ilimitado• Conteúdo sempre disponível• Sobreposição entre consumo e leitura
  16. 16. Como analisar esse contexto e criar novas soluções?Design estratégico• Sistema-produto• Ferramentas multidisciplinares• Olhar sistêmico
  17. 17. Design para a experiência• Passamos de uma era de bens de consumo (materiais) a uma era de serviços (imateriais)• Mercado de experiência: consumo de valores intangíveis• Projetar condições para que ocorra da experiência
  18. 18. Design de serviços• Saturação do mercado de produtos decorrente da hiperoferta• Projetar os serviços como interfaces entre pessoas e organizações• Foco em sistemas, processos e abordagens
  19. 19. Entrevistas Entrevistas semi-estruturadas conduzidas com diversos agentes da cadeia produtiva do livro.• Tecnologia de e-books ainda não completamente absorvida e resolvida• Pequenas livrarias buscando novos serviços e valorizando contato interpessoal• Absorção inevitável dos novos formatos
  20. 20. Pesquisa etnográfica Observações de diferentes estabelecimentos Observações pela internet em blogs e fóruns de discussão• Valorização do contato interpessoal em livrarias pequenas• Relacionamento cliente x vendedor e cliente x cliente = espaços de convivência• Preferência pela navegação em ambientes físicos• Preocupação com o desaparecimento do livro impresso
  21. 21. Tendências observadas• Diversificação no portfolio de produtos e serviços• Presença online paralela• Consagração de dispositivos multitarefas e não os destinados exclusivamente à leitura• Culto ao espaço da livraria como espaço de interação e ao objeto livro devido a seus aspectos sensoriais
  22. 22. Análise da jornada• Públicos distintos de acordo com o ambiente• Atendentes como orientadores espaciais• Pessoas abertas a novas descobertas• Ambiente de consulta e fruição• Digital: dificuldade de comparação e poucos títulos em português
  23. 23. Análise SWOT• Onipresença x horários restritos• Entrega instantânea x encomendas• Navegação x praticidade• Hiperlinks x interações
  24. 24. Pesquisa blue-sky FAST Fast-food Bungee jumping MATERIAL IMATERIAL Slow-food Mergulho SLOW
  25. 25. Cenários FAST 1 2 MATERIAL IMATERIAL 3 4 SLOW Os campos destacados do mapa de polaridades criam possibilidades projetuais
  26. 26. Drive-thru-books• Ritmo acelerado• Máquinas de venda automatizada• Fragmentação
  27. 27. Queda livre• Passagem rápida• Breve troca de informações• Múltiplas tarefas simultâneas
  28. 28. O magnetismo dos objetos• Culto aos sentidos• Navegação espacial• Silêncio e materialidade
  29. 29. Mergulho nas letras• Navegação e interfaces sensoriais• Abstração• Experiência emocional
  30. 30. Mergulho nas letras• Tarefa mecânica = sistema informatizado• Vendedores especialistas
  31. 31. Mergulho nas letras• Eventos de contação de histórias• Experiência teatral
  32. 32. Mergulho nas letras• Estímulos sensoriais• Navegação intuitiva por “climas”• Tradução entre linguagens e suportes
  33. 33. Observações finais• Remodelagem das livrarias para atender a novas demandas e comportamentos• Navegação em livrarias físicas é um importante diferencial• Espaço para novas experiências• Desenvolver experiências imersivas• Valorizar caráter pessoal em ambientes físicos
  34. 34. Observações finais• Diversos atores envolvidos na cadeia demonstraram conhecimento acerca do comércio digital• As metodologia do design estratégico mostrou-se adequada à pesquisa• Visão ampla do negócio deve ser aliada a questões específicas de cada projeto
  35. 35. Livrarias devem buscar sua redescoberta
  36. 36. Obrigado Rafael Ocaña VieiraEspecialização em Design Estratégico

×