Fmi trabalho de geograia.fmi

5,434 views
5,361 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
4 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
5,434
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
183
Comments
0
Likes
4
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Fmi trabalho de geograia.fmi

  1. 1. Centro de Ensino Fundamental 412 de Samambaia Trabalho de Geograia Fundo Monetário Internacional (FMI)
  2. 2. O FMI <ul><ul><li>O  Fundo Monetário Internacional  (FMI) é uma  organização internacional  que pretende assegurar o bom funcionamento do sistema financeiro mundial pelo monitoramento das  taxas de câmbio  e da  balança de pagamentos , através de assistência técnica e financeira. Sua sede é em  Washington, DC ,  Estados Unidos da América . </li></ul></ul>
  3. 3. Introdução <ul><li>O FMI se auto-proclama como  uma organização de 185 países, trabalhando por uma cooperação monetária global, assegurar estabilidade financeira, facilitar o comércio internacional, promover altos níveis de emprego e desenvolvimento econômico sustentável, além de reduzir a pobreza . </li></ul>
  4. 4. <ul><li>O FMI foi criado em  1945  e tem como objetivo básico zelar pela estabilidade do sistema monetário internacional, notadamente através da promoção da cooperação e da consulta em assuntos monetários entre os seus 184 países membros. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>Com exceção de  Coréia do Norte ,  Cuba ,  Liechtenstein ,  Andorra ,  Mônaco ,  Tuvalu  e  Nauru , todos os membros da  ONU  fazem parte do FMI. Juntamente com o  BIRD , o FMI emergiu das  Conferências de Bretton Woods  como um dos pilares da ordem econômica internacional do pós-Guerra. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>O FMI objetiva evitar que desequilíbrios nos  balanços de pagamentos  e nos sistemas cambiais dos países membros possam prejudicar a expansão do comércio e dos fluxos de capitais internacionais. O Fundo favorece a progressiva eliminação das restrições cambiais nos países membros e concede recursos temporariamente para evitar ou remediar desequilíbrios no balanço de pagamentos. Além disso, o FMI planeja e monitora programas de ajustes estruturais e oferece assistência técnica e treinamento para os países membros. </li></ul>
  7. 7. Objetivos <ul><li>Promover a  cooperação  monetária internacional, fornecendo um mecanismo de consulta e colaboração na resolução dos problemas financeiros; </li></ul><ul><li>Favorecer a expansão equilibrada do  comércio , proporcionando níveis elevados de  emprego  e trazendo desenvolvimento dos recursos produtivos; </li></ul><ul><li>Oferecer ajuda financeira aos países membros em dificuldades econômicas,  emprestando  recursos com prazos limitados; </li></ul><ul><li>Contribuir para a instituição de um sistema multilateral de pagamentos e promover a estabilidade dos  câmbios </li></ul>
  8. 8. Assembleia de Governadores <ul><li>A autoridade decisória máxima do FMI é a  Assembleia de Governadores do Fundo Monetário Internacional , formada por um representante titular e um alterno de cada país membro, geralmente ministros da economia ou presidentes dos bancos centrais. </li></ul>
  9. 9. <ul><li>A  diretoria executiva , composta por 24 membros eleitos ou indicados pelos países ou grupos de países membros, é responsável pelas atividades operacionais do Fundo e deve reportar-se anualmente à Assembleia de Governadores. A diretoria executiva concentra suas atividades na análise da situação específica de países ou no exame de questões como o estado da economia mundial e do mercado internacional de capitais, a situação economica da instituição, monitoramento economico e programas de assistência financeira do Fundo. </li></ul>
  10. 10. <ul><li>A Assembleia de Governadores do FMI é assessorada ainda pelo &quot;Comitê Interino&quot; e pelo &quot;Comité de Desenvolvimento&quot; (conjunto com o  BIRD ), que se reúnem duas vezes por ano e examinam assuntos relativos ao sistema monetário internacional e à transferência de recursos para os países em desenvolvimento, respectivamente. </li></ul>
  11. 11. <ul><li>Teoricamente, os governadores elegem o presidente do FMI, porém, na prática, o presidente do Bird é sempre um cidadão dos  Estados Unidos da América , escolhido pelo governo norte-americano. Já o director-presidente do FMI é tradicionalmente um europeu. </li></ul><ul><li>O dinheiro do FMI vem dos 185 países-membros, entre os quais o Brasil e Portugal, por isso, o  poder de voto  depende da contribuição de cada país. </li></ul>
  12. 12. Diretoria Executiva <ul><li>As discussões a respeito dos problemas financeiros das nações e suas possíveis soluções são discutidas três vezes por semana, e constitui dever da Diretoria Executiva. Ela é composta por 24 representantes. Existem 8 assentos permanentes e 16 membros da diretoria são eleitos bienalmente entre grupos de países. Os membros e seus respectivos grupos são: </li></ul>
  13. 13. Membros eleitos Grupos Bélgica Áustria ,  Bielorrússia ,  Bélgica ,  Hungria ,  Cazaquistão Países Baixos Bósnia e Herzegovina ,  Bulgária ,  Croácia ,  Chipre ,  Geórgia México Costa Rica ,  El Salvador ,  Guatemala ,  Honduras ,  México Itália Albânia ,  Grécia ,  Itália ,  Malta ,  Portugal ,  San Marino Canadá Antígua e Barbuda ,  Baamas ,  Barbados ,  Belize ,  Canadá Finlândia Dinamarca ,  Estônia ,  Finlândia ,  Islândia ,  Letônia ,  Lituânia Coréia Austrália ,  Kiribati ,  Coréia ,  Ilhas Marshall , Micronésia Egito Bahrein ,  Egito ,  Iraque ,  Jordânia ,  Kuwait ,  Líbano ,  Líbia Malásia Brunei ,  Cambodja ,  Ilhas Fiji ,  Indonésia ,  Laos ,  Malásia Tanzânia Angola ,  Botswana ,  Burundi ,  Eritréia ,  Etiópia ,  Gâmbia Suíça Azerbaijão ,  Quirguistão ,  Polônia ,  Sérvia e Montenegro Irã Afeganistão ,  Argélia ,  Gana ,  Irã ,  Marrocos ,  Paquistão Brasil Brasil ,  Colômbia ,  República Dominicana ,  Equador ,  Guiana Índia Bangladesh ,  Butão ,  Índia ,  Sri Lanka Argentina Argentina ,  Bolívia ,  Chile ,  Paraguai ,  Peru ,  Uruguai Guiné Equatorial Benim ,  Burquina Faso ,  Camarões ,  Cabo Verde ,  Chade
  14. 14. Moeda <ul><li>O ativo financeiro do FMI é o  Direito Especial de Saque . Substitui o  ouro  e o  dólar  para efeitos de troca. Funciona apenas entre  bancos centrais  e também pode ser trocado por moeda corrente com o aval do FMI. Tendo sido criado em  1969 , começou a ser utilizado apenas em  1981 . Seu valor é determinado pela variação média da taxa de câmbio dos cinco maiores exportadores do mundo:  França  ( Euro ),  Alemanha  ( Euro ),  Japão  ( iene ),  Reino Unido  ( libra esterlina ) e  Estados Unidos  ( dólar estadunidense ). A partir de  1999 , o  euro  substituiu as moedas francesa e alemã neste cálculo. </li></ul>
  15. 15. <ul><li>O Fundo possui hoje, aproximadamente, U$ 310 bilhões, ou DES 213 bilhões, disponíveis para empréstimo. A cotação do DES hoje ( 16 de maio  de  2005 ) é de USD 1,49405. Através de média ponderada: soma de uma quantia específica das 4 moedas com a cotação em dólar estadunidense, com base nas taxas diárias de câmbio do mercado de  Londres . </li></ul>
  16. 16. Cotas <ul><li>Cada país membro detém no FMI uma cota a ser determinada com base em seus indicadores econômicos, entre eles o  PIB . Quanto maior a contribuição ao FMI, maior é o peso do voto nas decisões. Há uma revisão geral das cotas a cada cinco anos . O Fundo pode propor um aumento nas cotas de determinado país, mas é necessária a aprovação por 85 % dos votos para qualquer modificação. </li></ul>
  17. 17. <ul><li>Os membros que queiram aumentar sua cota devem pagar ao Fundo a mesma quantia em DES correspondente ao aumento. Os cinco maiores acionistas são:  Estados Unidos ,  Alemanha ,  Japão ,  França  e  Reino Unido . Cada país pode sacar 25 % de sua cota correspondente. Acima deste percentual, é preciso assinar um termo ( carta de intenções , atrelada geralmente a um  memorando técnico de entendimento ) onde se compromete a reduzir o déficit fiscal e promover a estabilização monetária. A partir de 1980 , o FMI passa a funcionar como supervisor da dívida externa. Recentemente, o combate à pobreza mundial vem-se tornando uma preocupação central. </li></ul>
  18. 18. Outros assuntos sobre o FMI. <ul><li>Formas de financiamento </li></ul><ul><li>Poder de voto </li></ul><ul><li>Apoio do FMI e do Banco Mundial a ditaduras militares </li></ul><ul><li>Críticas </li></ul><ul><li>Diretor Geral </li></ul><ul><li>Entre outros. </li></ul>
  19. 19. Bibliografia <ul><li>Wikipedia.org </li></ul><ul><li>Chossudovsky, Michel.  A globalização da pobreza: impactos das reformas do FMI e do Banco Mundial.  São Paulo: Moderna, 1999.  ISBN 85-16-02212-9 </li></ul><ul><li>Palast, Greg .  A melhor democracia que o dinheiro pode comprar.  São Paulo: W11 (Francis) Editores, 2004. 384 p.  ISBN 85-89362-26-4 </li></ul><ul><li>Passet, Rene .  Elogio da Globalização por um Contestador Assumido.  Editora Record, 2003. ISBN 85-01-06559-5 </li></ul><ul><li>Passet, Rene .  A ilusão neoliberal.  Editora Record, 2002.  ISBN 85-01-06107-7 </li></ul>
  20. 20. <ul><li>Perkins, John .  Confissões de um assassino econômico .  São Paulo: Cultrix, 2005.  ISBN 85-316-0880-5 </li></ul><ul><li>Stiglitz, Joseph E.   A Globalização e seus Malefícios .  São Paulo: Ed. Futura, 2002. 256 p. ISBN 85-7413-121-0 </li></ul><ul><li>Krugman, Paul R.   Globalização e globobagens . 5. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1999. 221p. ISBN 85-352-0412-1 </li></ul>
  21. 21. Agradecimentos <ul><li>Nosso grupo agradece a paciência em nos ouvir. </li></ul><ul><li>Infelizmente não podemos falar sobre todo o conteúdo do FMI pois é um conteúdo muito grande. </li></ul><ul><li>Obrigado! </li></ul>

×