Your SlideShare is downloading. ×

Apresentacao IHC 2010.2

530

Published on

Apresentação de testes de usabilidade.

Apresentação de testes de usabilidade.

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
530
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
5
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA PARAÍBA - IFPB
    Avaliação de usabilidade do site facebook
    Dayvison Almeida
    Pablo Veinberg
    Patricia Strasdas
    Thiago Brasil
    Thomas Igor 
    João Pessoa- 2010
  • 2. 1 INTRODUÇÃO
    1.1 Objetivos
    Apresentar a conclusão dos testes de usabilidade 1 , que também englobam acessibilidade à luz das normas recomendadas pela World Wide Web Consortium (W3C) do site de relacionamento Facebook (www.facebook.com).
    1.2 Materiais e métodos
    • Gravação em vídeo do desktop do usuário simultaneamente com seu áudio e vídeo enquanto algumas tarefas específicas lhe foram solicitadas.
    • 3. Avaliador automático Dasilva para a acessibilidade do site
    • 4. Pesquisa bibliográfica
  • 2 REVISÃO DA LITERATURA
    2.1 Acessibilidade
    A acessibilidade se refere à garantia de que determinado recurso ou trabalho, esteja presente a qualquer hora e para qualquer segmento da população, independente das capacidades motoras ou intelectuais do usuário.
    2.2 Usabilidade
    A usabilidade está dada pela medida com que os usuários conseguem alcançar seus objetivos com efetividade, eficiência e satisfação.
    A efetividade é considerada no sentido do alcance dos objetivos por parte do usuário.
    A eficiência aborda a quantidade de esforço que é necessário para realizar uma tarefa.
    Finalmente, a medida mais subjetiva é a que avalia a satisfação, e se refere ao conforto do usuário na realização da tarefa.
  • 5. 3 FACEBOOK
    Rede social
    Lançada em 4 de fevereiro de 2004.
    Fundado por Mark Zuckerberg, Andrew McCollum e Eduardo Saverin, estudantes de Harvard.
    Inicialmente era restrita apenas aos estudantes da Universidade Harvard.
    Desde de 2006, apenas usuários com 13 anos de idade ou mais podem ingressar.
    O website possui mais de 500 milhões de usuários ativos.
  • 6. 3 FACEBOOK
    3.1 Principais funções
  • 3 FACEBOOK
    3.2 Melhorias do Orkut graças ao Facebook
  • 4 RESULTADOS
    4.1 Avaliação de Acessibilidade por avaliador automático
    Avaliador utilizado: Dasilva.
    Perfil testado: Lafayette Melo, disponível em http://tinyurl.com/27pwcg9
    O avaliador automático faz uma varredura na página a procura de erros e possíveis pontos aos quais podem ser melhorados na interface do sitio para uma melhor acessibilidade.
    Neste teste de acessibilidade os possíveis erros e avisos são divididos em 3 categorias:
  • 4 RESULTADOS
    4.1 Avaliação de Acessibilidade por avaliador automático
    Prioridade 1: trata de erros aos quais não são de grande prejuízo aos usuários, mas quando implementados tornam o sitio mais abrangente.
    Erros
    • Fornecer um equivalente textual a cada imagem (isso abrange: representações gráficas do texto, incluindo símbolos, GIFs animados, imagens utilizadas como sinalizadores de pontos de enumeração, espaçadores e botões gráficos), para tanto, utiliza-se o atributo "alt" ou "longdesc" em cada imagem. Obs.: Para scripts você deve utilizar noscript.
  • 4 RESULTADOS
    4.1 Avaliação de Acessibilidade por avaliador automático
    Prioridade 2: trata de erros que podem dificultar na navegabilidade até mesmo causar frustrações aos usuários ,portanto fazendo se um ponto de grande importância para a formação de um site acessível.
    Erros
    • Utilizar unidades relativas, e não absolutas, nos valores dos atributos de tabelas, textos, etc. Em CSS não use valores absolutos como "pt" ou "px" e sim valores relativos como o "em", "ex" ou em porcentagem.
    • 21. Usar o elemento "label" juntamente com o atributo "id" para associar os rótulos aos respectivos controles dos formulários. Assim, os leitores de tela associarão os elementos do formulário de forma correta. Usando o comando "label" as pessoas que usam leitores de tela não terão problemas ao ler o formulário. Caso haja grupos de informação, controles, etc, a estes devem estar devidamente diferenciados, seja por meio de espaçamento, localização ou elementos gráficos.
  • 4 RESULTADOS
    4.1 Avaliação de Acessibilidade por avaliador automático
    Erros
    • Não utilizar marcações para redirecionar as páginas automaticamente, até que os leitores de tela ou navegadores do usuário possibilitem interromper o processo.
    • 22. Incluir caracteres pré-definidos de preenchimento nas caixas de edição e nas áreas de texto, até que os navegadores tratem corretamente os controles vazios.
    • 23. Não criar páginas com atualização automática periódica, até que os leitores de tela ou navegadores possibilitem o controle da atualização para o usuário. Não utilize a tag meta "refresh" ou dispositivos semelhantes para atualização da página. Caso a página seja continuamente atualizada, informe ao usuário que ele deve "recarregar" a página de tempos em tempos.
    • 24. Utilize elementos de cabeçalho de forma lógica, organizando o conteúdo de acordo com uma hierarquia.
  • 4 RESULTADOS
    4.1 Avaliação de Acessibilidade por avaliador automático
    Prioridade 3: trata de erros e avisos aos quais podem ou não estabelecer grande risco ao bom funcionamento da página,assim tornando o ponto ao qual devesse ter maior atenção.
    Não foi encontrado nenhum erro ‘gravíssimo’, mostrando que o sitio não produz tendência a grandes frustrações em relação a sua acessibilidade.
  • 25. 4 RESULTADOS
    4.1 Avaliação de Acessibilidade por avaliador automático
    A avaliação demonstrou que o Facebook possui pontos aos quais precisa prestar atenção em relação a sua acessibilidade com melhoramentos nos, detalhes, que vão desde a utilização de pequenos textos para discrição de caracteres à implementação de textos com apresentações gráficas ou sonoras, com o intuito de tornar o site mais acessível.
  • 26. 4 RESULTADOS
    4.2 Entrevista em vídeo
    A entrevista foi realizada com o usuário Paulo Alves Junior, já experiente e habituado a interface do site de relacionamentos Facebook.
    Partes avaliadas do Facebook
    • Central de ajuda
    • 27. Configuração de privacidade
    • 28. Aplicativos
    Tarefas
    • Localizar informação sobre como aumentar a fonte dos textos do Facebook, na central de ajuda.
    • 29. Alterar a configuração de privacidade para restringir o grupo de pessoas que podem comentar suas publicações.
    • 30. Adicionar o aplicativo Slide Share ao perfil
    • 31. Visitar o perfil de um amigo do facebook sem usar o mouse
  • 4 RESULTADOS
    Tabela – Mensuração de tempo, cliques e links das tarefas
  • 32. 4 RESULTADOS
    4.2.1 Tarefa 1
    Objetivo: Localizar o item sobre “como aumentar a fonte dos textos do Facebook” na central de ajuda.
    Ação do usuário: prontamente localizou a Central de ajuda, sem titubear, demonstrando conhecimento da ferramenta e aprendizado anterior, mas teve dificuldade para localizar a informação desejada nos itens disponíveis.
    Expressão facial do usuário: pode-se notar certa frustração, pois apesar dele se sentir a vontade com a ferramenta, viu-se impotente na condição de executar a tarefa solicitada. Mesmo recorrendo à ferramenta de busca não foi possível encontrar a informação.
  • 33. 4 RESULTADOS
    4.2.1 Tarefa 1
    Conclusão: o site tem uma boa usabilidade, pois a quantidade de cliques, links e os tempos foram bastante razoáveis, não fosse pelo fato do usuário desistir de procurar a informação.
    A informação solicitada encontrava-se dentro do item Acessibilidade e apesar do usuário ter colocado praticamente os mesmos termos que aparecem no texto da ajuda, o mesmo não foi localizado pela busca.
  • 34. Texto da Central de ajuda sobre acessibilidade
  • 35. Texto digitado pelo usuário
  • 36. 4 RESULTADOS
    4.2.2 Tarefa 2
    Objetivo: Alterar a configuração de privacidade para restringir o grupo de pessoas que podem comentar suas publicações.
    Ação do usuário: o usuário achou o link e fez a modificação solicitada com a mínima dificuldade.
    Conclusão: de acordo com as medidas dessa tarefa o site possui uma boa usabilidade para este tópico.
  • 37. 4 RESULTADOS
    4.2.3 Tarefa 3
    Objetivo: Adicionar o aplicativo Slide Share ao perfil
    Ação do usuário: o usuário não localizou o link do diretório de aplicativos. Após navegar em outras páginas procurando, o entrevistado recorreu à central de ajuda, através dela, o usuário localizou o diretório mas não o aplicativo solicitado que ainda custou mais um tempo à procura.
    Conclusão: o site não apresentou facilidade de localização ou até mesmo um mapa do site. Essa tarefa apresentou uma grande deficiência no quesito instalação de aplicativos no Facebook.
  • 38. Localização do link diretório de aplicativos
  • 39. 4 RESULTADOS
    4.2.4 Tarefa 4
    Objetivo: Visitar o perfil de um amigo do facebook sem usar o mouse.
    Ação do usuário: utilizou a tecla TAB para navegar, acessou a barra de busca e encontrou um amigo para olhar o perfil, mas o usuário teve dificuldades de voltar usando apenas o mouse. A seleção estava feita, mas não lhe era possível saber aonde.
    Conclusão: o usuário sentiu dificuldade na visualização da seleção feita pelo mouse (sobre um link ou item de página), mas realizou a tarefa.
  • 40. 4 RESULTADOS
    4.3.5 Pesquisa
    Após a conclusão da gravação, o usuário respondeu a um questionário para sua identificação e impressões gerais do site analisado.
    O questionário do item III foi dividido em algumas partes, para facilitar a tabulação dos resultados, a saber:
    O site se saiu bem no quesito “Satisfação do usuário” mas apresentou falhas na Eficiência, quase igualando a pontuação dos pontos positivos com os negativos. As piores pontuações deste quesito foram em relação a obtenção de ajuda no site, informações e correção de erros e a quantidade de passos necessários para se efetuar uma tarefa.
  • 41. 5 CONCLUSÃO
    • Imprescindível usar recursos de usabilidade e acessibilidade
    • 42. Acessibilidade - falhas nos textos alternativos de imagens e navegação sem mouse
    • 43. Usabilidade: Falta simplicidade, facilidade de navegação e quantidade de cliques em demasia para se executar uma tarefa
    • 44. Facebook: bom, mas precisa de melhorias
  • 6 REFERÊNCIAS
    NIELSEN, JAKOB. Usability 101: Introduction to Usability. Disponível em http://www.useit.com/alertbox/20030825.html. Acessado em 18 dez 2010.
     
    W3C. Introdução à Acessibilidade na Web. Disponível em <http://maujor.com/w3c/introwac.html>. Acesso em: 17 dez 2010.
     
    USABILIDOIDO. Disponível em:< http://usabilidoido.com.br/>. Acessado em 19 dez 2010.
     
    WIKIPEDIA.Facebook. Disponível em <http://pt.wikipedia.org/wiki/Facebook>. Acessado em 18 dez 2010.
     
    WIKIPEDIA.Usabilidade. Disponível em <http://pt.wikipedia.org/wiki/Usabilidade>. Acessado em 18 dez 2010.
  • 45. Obrigado!

×