A Liderança de Paulo

3,050
-1

Published on

www.conage.com.br

Published in: Spiritual, Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
3,050
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
49
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

A Liderança de Paulo

  1. 2. O exemplo de liderança de São Paulo Apóstolo <ul><li> O impacto causado por Paulo: </li></ul><ul><li> O Apóstolo Paulo, nos textos canônicos do NT, </li></ul><ul><li> Paulo na literatura apócrifa. </li></ul><ul><li> Paulo, o líder criativo: </li></ul><ul><li> O apóstolo dos gentios, </li></ul><ul><li> O grande missionário, </li></ul><ul><li> O evangelizador epistolar, </li></ul><ul><li> A releitura cristã do AT , </li></ul><ul><li> O homem dos contatos humanos, </li></ul><ul><li> O organizador de “coleta”, </li></ul><ul><li> Paulo e a inculturação do Evangelho. </li></ul>
  2. 3. O IMPACTO CAUSADO POR PAULO  <ul><li>Paulo </li></ul><ul><li>nos </li></ul><ul><li>Escritos do Novo Testamento </li></ul><ul><li>e nos </li></ul><ul><li>Livros Apócrifos </li></ul>
  3. 4. O impacto causado por Paulo: o Apóstolo no NT <ul><li>a) Cartas protopaulinas ou autênticas: 1Ts , 1Cor , Fl , Fm , 2Cor , Gl , Rm ; </li></ul><ul><li>b) Cartas deuteropaulinas , atribuídas a Paulo pela Tradição: Cl , Ef , 2Ts , 1Tm , Tt , 2Tm , Hb ; </li></ul><ul><li>c) Lucas : At ; </li></ul><ul><li>d) Provável vínculo com Lc </li></ul><ul><li>e possível proximidade com Mc . </li></ul>
  4. 5. O impacto causado por Paulo: o Apóstolo nos apócrifos <ul><li> Atos de Pedro e Paulo (séc. II), </li></ul><ul><li> Atos de Paulo (séc. II), </li></ul><ul><li> Atos de Paulo e Tecla (séc. II), </li></ul><ul><li> Apocalipse de Paulo (séc. III-IV), </li></ul><ul><li> Prece do Apóstolo Paulo , </li></ul><ul><li> Revelação de Paulo , </li></ul><ul><li> Visão de Paulo , </li></ul><ul><li> Martírio de Paulo (séc. IV-V), </li></ul>
  5. 6. O impacto causado por Paulo: O Apóstolo nos apócrifos <ul><li> Epístolas apócrifas de Paulo (séc. III -IV, </li></ul><ul><li>às Igrejas de Corinto, Laodicéia, Alexandria e Colossos), </li></ul><ul><li> Correspondência de Paulo com o filósofo Sêneca, </li></ul><ul><li> Homilias de Clemente Romano , </li></ul><ul><li> Recognitiones/Reconhecimentos (séc. IV, fruto da polêmica antipaulina, já a partir do séc. II). </li></ul>
  6. 7. O IMPACTO CAUSADO POR PAULO  <ul><li>Importância </li></ul><ul><li>de </li></ul><ul><li>Paulo </li></ul><ul><li>no passado </li></ul><ul><li>e </li></ul><ul><li>no presente </li></ul>
  7. 8. O impacto causado por Paulo: celebrado junto a Jesus e Maria <ul><li>Junto a Jesus (Jubileu de 2000) </li></ul><ul><li>e de sua Mãe Santíssima (Ano Mariano: 1987-1988), Paulo é o único dos personagens bíblicos do NT , de quem celebramos o bimilenário de nascimento </li></ul><ul><li>(2008-2009). </li></ul>
  8. 9. O impacto causado por Paulo: confronto com Pedro? <ul><li>As obras apócrifas das Homilias de Clemente Romano e as Recognitiones estão entre as que opõem Paulo a Pedro. </li></ul><ul><li>São 112 os apócrifos conhecidos {ἀπό (apó) + κρύπτω (krypto) = ἀπόκρυϕος (apócrifos)}: 50 do AT e 62 do NT (com três significados: escondido, de um grupo, falso...). </li></ul>
  9. 10. O impacto causado por Paulo: PAULO INVENTOU O CRISTIANISMO? (Paulo traiu Jesus?) <ul><li>(Revista Superinteressante , dez./2003) </li></ul><ul><li>************************************************************ </li></ul><ul><li>Paulo não traiu Jesus, </li></ul><ul><li>mas foi atraído por Jesus; </li></ul><ul><li>Paulo não viveu com Jesus, </li></ul><ul><li>mas viveu Jesus; </li></ul><ul><li>Paulo não inventou Jesus, </li></ul><ul><li>mas foi reinventado por Jesus; </li></ul><ul><li>Sem Jesus, </li></ul><ul><li>Paulo teria desaparecido da </li></ul><ul><li>história. </li></ul>
  10. 11. Paulo, o líder criativo, convertido fervoroso
  11. 12. Paulo, o líder criativo  <ul><li>Paulo, </li></ul><ul><li>o </li></ul><ul><li>Apóstolo </li></ul><ul><li>dos </li></ul><ul><li>Gentios </li></ul>
  12. 13. Paulo, o líder criativo: o Apóstolo dos Gentios <ul><li>Paulo foi o personagem providencial pelo qual o cristianismo se tornou uma religião universal. Humanamente, sem ele, talvez, o cristianismo teria permanecido uma seita judaica... </li></ul><ul><li>Já desde sua “conversão”, na experiência de Damasco, Paulo recebe a certeza de ser o apóstolo dos gentios: “... Este homem é para mim um instrumento especial para levar o meu nome diante das nações pagãs...” ( At 9,15), disse o Senhor a Ananias. </li></ul>
  13. 14. Paulo, o líder criativo: o Apóstolo dos Gentios <ul><li> Narrando a referida experiência de Damasco aos seus concidadãos de Jerusalém, Paulo interpreta o que, então, lhe fora dito por Ananias: “O Deus de nossos pais te predestinou para conheceres a sua vontade, veres o Justo e ouvires a voz saída de sua boca. Pois tu hás de ser sua testemunha, diante de todos os homens, do que viste e ouviste” ( At 22,15); </li></ul><ul><li> Lembra, também, uma visão tida no templo de Jerusalém, em que o Senhor lhe assegurou: “Vai, porque é para os gentios, para longe, que quero enviar-te” ( At 22,21). </li></ul>
  14. 15. Paulo, o líder criativo: o Apóstolo dos Gentios <ul><li>Sabe-se “Paulo, servo de Cristo Jesus, chamado para ser apóstolo, escolhido para anunciar o evangelho de Deus... entre todas as nações” </li></ul><ul><li>( Rm 1,1.5). </li></ul><ul><li>Na verdade, Paulo sempre começa por pregar aos judeus, embora por três vezes, na versão lucana, decida ir aos pagãos: </li></ul><ul><li>At 13,46-49; 18,6; 28,28. </li></ul>
  15. 16. Paulo, o líder criativo  <ul><li>Paulo, </li></ul><ul><li>o </li></ul><ul><li>Grande </li></ul><ul><li>Missionário </li></ul><ul><li>de </li></ul><ul><li>Todos os Povos </li></ul>
  16. 17. Paulo, o líder criativo e grande missionário <ul><li>Apresentando três ou quatro viagens do grande Paulo, Lucas tem um escopo preciso de mostrar o modelo de missionário e, através dessas viagens, oferecer um esquema que abranja a totalidade da missão. </li></ul>
  17. 18. Paulo, o líder criativo e grande missionário <ul><li>Viajava-se: por terra (a pé, no lombo de animal, de carroça); por mar (barcos à vela ou remo). </li></ul><ul><li>Paulo chegou, assim, às grandes cidades do Império: Antioquia, Atenas, Corinto, Éfeso,... Roma. Ele viajava em companhia de outros missionários. </li></ul>
  18. 19. Paulo, líder e missionário Primeira Missão ( At 13,1 – 14,28) SEMEADURA
  19. 20. <ul><li>« Disse o Espírito Santo: “Separai para mim Barnabé e Saulo, para a obra à qual os destinei” » ( At 13,2) </li></ul>
  20. 21. Barnabé e Saulo são enviados e repletos do Espírito Santo (cf. At 13,4.9 + 11,24)
  21. 22. Paulo, líder e missionário Segunda missão ( At 15,40 – 8,22): Cultivo
  22. 23. Não temas, continua a falar, eu estou contigo (cf. At 18,9-10)
  23. 24. Paulo escolhe Silas e Timóteo (cf. At 15,40; 16,3)
  24. 25. Paulo, líder e missionário Terceira Missão ( At 18,23 – 21,26): COLHEITA
  25. 26. O Espírito me adverte que me aguardam tribulações (cf. At 20,23)
  26. 27. “ O Espírito Santo vos constituiu guardiães para apascentar a Igreja de Deus” ( At 20,28)
  27. 28. Paulo, líder e missionário Quarta Missão ( At 21,27 – 28,31) “ARMAZENAMENTO”
  28. 29. Testemunho: Jerusalém, viagem, Roma...
  29. 30. Tem confiança, como deste testemunho em Jerusalém, deves dá-lo em Roma (cf. At 23,11)
  30. 31. Paulo, o líder criativo  <ul><li>Paulo, </li></ul><ul><li>o </li></ul><ul><li>Pioneiro Cristão </li></ul><ul><li>no uso de </li></ul><ul><li>Cartas </li></ul><ul><li>para </li></ul><ul><li>evangelizar </li></ul>
  31. 32. Paulo, o líder criativo e evangelizador epistolar <ul><li>Paulo começa as comunidades e vai adiante. A partir da Segunda Viagem escreve cartas que deviam ser lidas nas comunidades ( 1Ts 5,27) e trocadas entre as comunidades ( Cl 4,16). Escreveu muitas cartas, mas nem todas foram conservadas e outras foram ajuntadas numa só. É Paulo que inaugura este jeito de evangelizar por meio de epístolas Lembramos que escreveu 7, enquanto outras tantas a Tradição lhe atribuiu. </li></ul>
  32. 33. Paulo, o líder criativo e evangelizador epistolar <ul><li> As Cartas de Paulo são textos ocasionais. Por isso, precisam ser lidas no contexto. </li></ul><ul><li> Paulo não escreve no conforto de um escritório, mas em meio às atividades missionárias, talvez num albergue ou tenda, à noite, à luz de vela. </li></ul><ul><li> Certamente trocava idéias com seus companheiros de missão que também conheciam os destinatários. </li></ul><ul><li> Normalmente Paulo não escrevia de próprio punho (exceção feita a Fm ). Ele ditava e um secretário escrevia (veja-se Rm 16,22: Tércio). </li></ul>
  33. 34. Paulo, o líder criativo  <ul><li>Paulo, </li></ul><ul><li>o </li></ul><ul><li>Discípulo e Missionário exemplar </li></ul><ul><li>na releitura do </li></ul><ul><li>Antigo Testamento </li></ul><ul><li>para interpretar </li></ul><ul><li>Jesus Cristo </li></ul>
  34. 35. Paulo, o líder criativo: a releitura cristã do AT <ul><li>Paulo continua querendo ser fiel a Deus e ao seu povo. Cristão, ele não deixa de ser judeu. Por ser fiel às esperanças de seu povo é que acaba reconhecendo em Jesus a realização das promessas de Deus ( 2Cor 1,20). </li></ul>
  35. 36. Paulo, o líder criativo: a releitura cristã do AT <ul><li>Mais que os outros apóstolos, Paulo conhece bem o AT . Ele não ouviu o Mestre falar. O Evangelho que recebe, ele o reflete e confronta com as Escrituras, aprofunda-o e coloca seus conhecimentos a serviço das comunidades. A partir da fé em Jesus relê o AT e elabora uma reflexão sobre a obra da salvação e, com essa visão, interpreta os acontecimentos. Exemplo típico dessa releitura encontramos em Gl 3 – 4; Rm 11; At 13,16-43. </li></ul>
  36. 37. Paulo, o líder criativo  <ul><li>Paulo, </li></ul><ul><li>o Protagonista </li></ul><ul><li>de </li></ul><ul><li>múltiplos contatos </li></ul><ul><li>com </li></ul><ul><li>inúmeras Pessoas </li></ul>
  37. 38. Paulo, o líder criativo: o homem dos contatos humanos <ul><li>Paulo não foi um pregador solitário. Pelo contrário, foi um homem de comunidade: viveu em comunidade e relacionou-se assiduamente com as comunidades. Típico líder das origens cristãs, manteve amplo leque de contatos. Apreciemos apenas alguns dados demonstrativos: </li></ul>
  38. 39. Paulo, o líder criativo: o homem dos contatos humanos <ul><li> At individua ao menos 32 pessoas (3 mulheres) com quem Paulo manteve contato personalizado, sem contar os fiéis de, ao menos, 10 comunidades; </li></ul><ul><li> Sua última Carta (aos Romanos) apresenta um elenco com nada menos de 29 pessoas (com qualificativos), entre as quais 11 mulheres, além de 08 irmãos que estão com o Apóstolo (cf. Rm 16). </li></ul>
  39. 40. Paulo, o líder criativo: o homem dos contatos humanos <ul><li> Paulo, geralmente, escreve as cartas em companhia de seus companheiros de missão: </li></ul><ul><li> Escreve 1Cor com Sóstenes ( + Estéfanas, Fortunato e Acaico ); </li></ul><ul><li> Com Timóteo escreve 2Cor ( + Tito ), Fl ( + Epafrodito ), 1Ts ( + Silvano ) e Fm ( + Epafras, Marcos, Aristarco, Demas e Lucas ). </li></ul>
  40. 41. Paulo, o líder criativo  <ul><li>Paulo, </li></ul><ul><li>o </li></ul><ul><li>organizador </li></ul><ul><li>da primeira </li></ul><ul><li>coleta cristã </li></ul><ul><li>de que </li></ul><ul><li>se tem conhecimento </li></ul>
  41. 42. Liderança de Paulo na organização da coleta pelos pobres <ul><li>2Cor 8 – 9 (também Rm 15,26-27) apresenta longa explicação e motivação de Paulo, sobre a coleta em favor da comunidade de Jerusalém (não é a de At 11,27-30). Destacamos alguns elementos: </li></ul><ul><li> O pioneirismo da iniciativa; </li></ul><ul><li> A generosa contribuição dos irmãos da Macedônia e da Acaia; </li></ul><ul><li> A importante colaboração e o zelo de Tito; </li></ul>
  42. 43. Liderança de Paulo na organização da coleta pelos pobres <ul><li> Liberalidade, sem prejudicar-se; </li></ul><ul><li> Bom senso de Paulo que delega funções; </li></ul><ul><li> A recompensa dos que participam; </li></ul><ul><li> A “teologização” do gesto: </li></ul><ul><li> Inspiração em Jesus ( 2Cor 8,9), </li></ul><ul><li> Intercâmbio de bens, espirituais e materiais ( Rm 15,27). </li></ul>
  43. 44. Paulo, o líder criativo  <ul><li>Paulo, </li></ul><ul><li>o pioneiro exemplar </li></ul><ul><li>na inculturação </li></ul><ul><li>do Evangelho </li></ul><ul><li>em novas culturas </li></ul>
  44. 45. Paulo, o líder criativo que sabe inculturar o Evangelho <ul><li> Aos judeus em Antioquia ( At 13,16-41); </li></ul><ul><li> Aos pagãos em Licaônia ( At 14,15-17); </li></ul><ul><li> Aos atenienses no Areópago ( At 17,22-31); </li></ul><ul><li> Às lideranças cristãs de Éfeso, em Mileto </li></ul><ul><li>( At 20,17-35); </li></ul><ul><li> Aos judeus em Jerusalém ( At 22,1-21); </li></ul><ul><li> No tribunal do governador romano ( At 24,10-21); </li></ul><ul><li> Diante de Agripa e Berenice ( At 26,1-23); </li></ul><ul><li>{- Aos judeus, em Roma ( At 28,17-20)} </li></ul>
  45. 46. Paulo, o líder criativo que sabe inculturar o Evangelho <ul><li>Paulo não conviveu com Jesus , mas viveu Jesus . Reinterpreta a mensagem do Mestre essencialmente rural e palestinense para o meio urbano do mundo greco-romano. É-nos, assim, modelo em nossas atuais buscas de falar ao cidadão/cristão da cidade, é mestre na arte de inculturar o Evangelho. </li></ul>
  46. 47. Paulo, o líder criativo que sabe inculturar o Evangelho <ul><li>Somos destinatários e herdeiros de Paulo </li></ul><ul><li>Também a nós são dirigidas as cartas de Paulo, não como a pessoas individuais, mas comunitariamente. O que descobrimos é para benefício comum. </li></ul><ul><li>O que nos é transmitido e acolhemos é para ser relevante e pertinente hoje. Portanto, cabe-nos estar atentos à realidade, aos problemas da comunidade e do povo. A Palavra de sempre é para iluminar nossos caminhos de hoje, uma vez que ela nos foi transmitida para ajudar a viver e testemunhar o Senhor. </li></ul>
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×