• Like
I encontro de professores de matemática da rede   6º ao 9º
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

I encontro de professores de matemática da rede 6º ao 9º

  • 1,846 views
Published

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
1,846
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
27
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. I ENCONTRO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA DA REDE MUNICIPAL NOÂMBITO DO PROGRAMA MATEMÁTICA VIVA
  • 2. I ENCONTRO DE PROFESSORES DEMATEMÁTICA NO ÂMBITO DO PROGRAMA MATEMÁTICA VIVATema: O jogo como recurso didático noensino e aprendizagem da matemáticaLocal: DREsRealização: DEGE/DEF/DREs.Organização: Programa Matemática Viva/DEFColaboradores: Assessores do eixo 3 nas DREs.Objetivo Geral: Refletir sobre o ensino e aaprendizagem da matemática na Rede Municipal.
  • 3. Objetivos Específicos:1. Enriquecer o diálogo técnico-pedagógico no ensinoda matemática na Rede Municipal de Manaus;2. Melhorar os índices de sucesso no ensino eaprendizagem da disciplina Matemática na RedeMunicipal de Manaus;3. Refletir sobre os resultados das avaliaçõesinstitucionais (Prova Brasil, OBEMEP) em relação aocomponente curricular Matemática.
  • 4. O ensino e a aprendizagem da matemática devecontemplar o “quadrunvirato” Método Professor Aluno Conhecimento matemático
  • 5. O aluno... • Não aprende com fome ou em um ambiente socialmente desequilibrado...  Tem sido cada vez menos responsabilizado por seu próprio aprendizado...  Tem se aproveitado da prática nefasta da “empurroterapia” desenvolvida pela gestão em busca de índices irreais...  Tem dificuldade de associar a Matemática com o seu cotidiano, por isso não liga para seu ensino ou aprendizado...
  • 6. Antes de falarmos nas diferenças entre o professore o educador, falemos das igualdades...• Ambos têm as mesmas condições de trabalho;• Possuem a mesma formação mínima necessária;• Trabalham com um mesmo público que é o aluno.• Estão situados na mesma escola• Recebem o mesmo salário;
  • 7. Diferenças...• O professor acredita que tem apenas a função de transmitir o seu conhecimento;• O educador é comprometido com a formação integral do ser humano e com a sua interação com a família e a sociedade;• O professor sai de casa para mais um dia de aula, o educador busca formas para promover a transformação do seu aluno;• O professor impõe seus ideais como centro do conhecimento,• O educador é um mediador da relação ensino- aprendizagem.
  • 8. Como eu posso me tornar um EducadorMatemático?• Na transcendência da figura do professor para a figura do educador são necessários ingredientes como: humildade, discernimento, relacionamento, atitude e compromisso. Dessa forma, os educadores terão a formação necessária para o exercício não apenas de uma profissão, mas a realização de um ideal de vida.
  • 9. 1. A Hora do Jogo Matemático devem acontecem em todas as turmas de Ensino Fundamental e devem fazer parte do planejamento mensal, a saber:• 1º ao 5º ano - 2 aulas semanais• 6º ao 9º ano - 1 aula semanal Resolução Nº09/2009-CME/MANAUS de 17.12.2009
  • 10. O que o Programa Matemática Vivaoferece... Atividades lúdicas que mostrem a importância da Matemática na compreensão e resolução de problemas em nosso contexto social. O jogo como ferramenta didática para a melhora do ensino e da aprendizagem da matemática...
  • 11. Uma possível alternativa...• O uso de Jogos no Ensino de Matemática pode ser considerado didaticamente como estratégia de ensino e também como “tendência” em Educação Matemática.• O jogo promove o desenvolvimento, porque está impregnado de aprendizagem. E isto ocorre porque os sujeitos, ao jogar, passam a lidar com regras que lhes permitem a compreensão de um conjunto de conhecimentos veiculados socialmente, permitindo-lhes novos elementos para aprender os conhecimentos futuros. (Moura, 2003, p. 79-80)
  • 12. O que falam os teóricos sobre isso...• Autores como Borin (2007) e Macedo (2000) destacam que o jogo é um meio de diversão que acaba por motivar, desenvolver habilidades, estimular o raciocínio, a capacidade de compreensão dos conteúdos matemáticos e de outras áreas do conhecimento. Além disso, a sua utilização propicia ao educando compreender regras a serem utilizadas no processo de aquisição do conhecimento e assimilar conteúdos que até então pareciam totalmente abstratos.
  • 13. O que o Programa Matemática Vivatem feito para contribuir com oprofessor na sua sala de aula...1. Distribuído o “CD” ou almanaque do Programacontendo sugestões metodológicas para oincremento das atividades ligadas ao ensino e aaprendizagem da matemática na sala de aula;2.Visitado as escolas, em todas as DREs, em buscado diálogo com os professores, visando oaperfeiçoamento do Programa, bem como colhendosugestões para sua “evolução natural”;
  • 14. 3. Oferecendo semanalmente, por meio do Blog doPrograma, sugestões de jogos para o plenodesenvolvimento da “Hora do Jogo Matemático”;4. Oferecendo formação, por meio da DDPM, para odesenvolvimento do lúdico em consonância com osconteúdos nas aulas de matemática;5. Proporcionado encontros com os assessores doeixo 3, bem como com os Professores deMatemática do 1º ao 5º e do 6º ao 9º ano, para atroca de ideias e a colaboração no melhoramento doPrograma Matemática Viva.
  • 15. Entre em contato...Blog do Programa:www.programamatematicaviva.blogspot.comTelefone do DEF:3632 2367Contatos do assessor do Programa:newtonsrgio@gmail.com8227 5408 ou 8828 1556
  • 16. Giselle Souza 81559477giselleani@hotmail.com DRE IV