Módulo-ix
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
2,023
On Slideshare
2,010
From Embeds
13
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
13
Comments
0
Likes
1

Embeds 13

http://progestaoanguera.blogspot.com.br 13

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. COMO USAR OS RESULTADOS DA AVALIAÇÃOINSTITUCIONAL? EDNAJARA, CONSUELO, ROMÁRIO, IRAILDES, MÁRCIA COUTO E JAMILLE
  • 2. Nós vos pedimos com insistência: Não digam nunca isso é natural. Sob o familiar, descubram o insólito. Sobre o cotidiano, desvelem o inexplicável. Que tudo que é considerado habitual provoque a inquietação. Na regra, descubram o abuso.E sempre que o abuso for encontrado, encontrem o remédio (Bertold Brecht)
  • 3. Objetivos específicos1. Identificar resultados do processo de avaliação, diagnosticando os sucessos almejados e as dificuldades ou insuficiências a serem superadas.2. Reconhecer as principais razões ou os fatores que causam situações de sucesso e de dificuldade, direta ou indiretamente relacionados a eles.3. Associar as situações (de sucesso ou de fracasso) ao projeto pedagógico da escola.4. Selecionar e divulgar situações e experiências bem-sucedidas.5. Elaborar propostas para mudar as situações de dificuldade ou insuficiência.
  • 4.  “Éimpossível melhorar sem avaliar”.Scriven “É impossível melhorar sem conhecer ”. “É impossível conhecer sem avaliar”. *
  • 5. Como lidar com as dificuldades? Para lidar, tanto com os sucessos como as dificuldades, precisamos identificar suas causas. Tenha bastante cuidado nesta etapa, pois o objetivo não é atribuir culpa: este mecanismo (típico da avaliação meritocrática, do prêmio e do castigo) não corresponde ao objetivo da avaliação institucional, o aperfeiçoamento e a melhoria da escola. Lembre-se que são as ações que são insuficientes e não aspessoas! Por isso, vamos nos esforçar para identificaras ações que precisam ser modificadas. É necessário a participação direta e a mudança nas atitudes e no comportamento das pessoas envolvidas. (p.113).
  • 6. MAPA DE IDENTIFICAÇÃO E ENCAMINHAMENTO DE AÇÕESDIFICULDADES CAUSAS OU FATORES AÇÕESIMPONTUALIDADE DISTÂNCIA; REUNIÕES COM PAIS FALTA DE COMPROMISSO DOS PAIS E E FUNCIONÁRIOS FUNCIONÁRIOS; (CONSCIENTIZAÇÃO);SOBRA DE MERENDA PREPARO; PALESTRA COM A FALTA DE ESTIMULO DOS PAIS (ED. NUTRICIONISTA; INFANTIL) PROJETO DE ALIMENTAÇÃO; INDISCIPLINA VIVENCIA FAMILIAR; PALESTRA COM OS MÉDIA; PAIS; FALTA DE LIMITES; PROJETO DE POSTURA DO PROFESSOR; COMBATE A ESPAÇO PARA RECREAÇÃO DIRIGIDA; INDISCIPLINA; ENCAMINHAMENTO A PSICOLOGA;
  • 7. MAPA DE ACOMPANHAMENTO DE AÇÕES PARA SUPERAR DIFICULDADESRESPONSÁVEIS PRAZOS FORMA DE RESUTADO ACOMPANHAMENTO ESPERADO DIRETOR SEMESTRAL DIARIAMENTE CONSCIENTIZAÇÃO E SUPERAÇÃO; OBSERVAÇÃO ENUTRICIONISTA SEMESTRAL RELATÓRIO CONSCIENTIZAÇÃO E SUPERAÇÃO CONSULTAS COM A COMUNIDADE ANUAL PSICOLOGA; CONSCIENTIZAÇÃO ESCOLAR DIÁLOGO; E SUPERAÇÃO CONSELHO TUTELAR;
  • 8. Como lidar com os sucessos?Para disseminar os sucessos é importante envolver os alunos,pais e dirigentes do sistema.A avaliação institucional busca promover: Melhoria da aprendizagem Redução da evasão e da repetência Clima criativo e produtivo da escola Ações construtivas Integração com a comunidade Melhoria do sistema educacional
  • 9. Como divulgar resultados da avaliação? Resultados de sucessos podem ser amplamente divulgados, dentro e fora da escola:No jornalzinho da escola, no quadro mural, em reunião com a comunidade, no jornal da cidade ou bairro,notícia de rádio, jornal da cidade, festa comemorativa, rádio da igreja, reunião de pais, dentre outros.
  • 10. Quem são os usuários dos resultados da avaliação?Usos pessoais - Alunos, pais, professores e outros;Usos para a instituição – A escola define melhor suasprioridades e ações para superar os equívocos einsuficiências;Usos para o sistema educacional – A Secretaria deEducação pode definir programas e projetos queproduzam bons resultados;Usos para a sociedade – As famílias e organizaçõessociais podem acompanhar o desenvolvimento daeducação, cobrando e apoiando para que alcanceseus objetivos.
  • 11. CADERNO DE ATIVIDADES PROJETO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL
  • 12. Projeto de Avaliação Institucional Organizado em 8 partes num total de 20atividadesParte 1- Escrita do Projeto:Justificativa – relevância social epedagógica;Definição de princípios e finalidades;Objetivos;Escolha das dimensões.Parte 2-Elaboração de instrumentos paraColeta de dados, constituição de GT edefinição do cronograma
  • 13. PROJETO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONALParte 3 – Aplicação dos instrumentosParte 4 – Organização das informaçõesquantitativas e qualitativasParte 5 – Analise das informaçõesParte 6 – Elaboração dos relatóriosParte 7 - Escolha dos melhores usosdos resultadosParte 8 – Divulgação dos resultados
  • 14. – COMO USAR OS RESULTADOS DA AVALIA INSTITUCIONAL Sabemos que os resultados daavaliação, podem ser separados em dois grupos:Os resultados positivos da avaliação referem-se ao bom aproveitamento escolar e ás coisasque funcionam bem e influenciempositivamente nos bons resultados escolares, taiscomo: baixa ou nenhuma evasão e reprovação;alunos que são cidadãos e não apenasaprendizes; disciplina, alegria, empenho esatisfação de pais /mães, alunos e professoresetc.
  • 15. Os resultados negativos da avaliação apontam para ascoisas que não funcionam bem, que são insuficientes ou queestão erradas, como, por exemplo:reprovação, indisciplina, violência, depredação, desrespeito àspessoas, mau aproveitamento de recursos (merenda, materialescolar) etc. São fatores que levam aos desperdícios dedinheiro público, são fontes de frustrações para ospais, alunos e professores que trazem enorme prejuízosocial, pois prejudicam o presente e o futuro dos alunos.Por fim, é necessário estabelecer ações para lidar com cadaquestão: ações para superar, atenuar ou corrigir, quando setrata de dificuldades, insuficiências ou equívocos; ações paradivulgar e disseminar, quando são coisas boas que precisamcontagiar todos dentro e fora da escola. (Belloni e Fernandes-CONSED, cap. 5 p 129)
  • 16. CONSIDERAÇÕES FINAISA avaliação é inerentemente um processo político. “Qualquer atividadeque aplique os diversos valores de muitos públicos para julgar o méritode um objeto tem implicações políticas” (WORTHEN, 2004, p. 320).Esperamos que a avaliação não seja apenas um diagnóstico, mas umaferramenta para a compreensão e aperfeiçoamento da realidadeinstitucional. Em suma, que mesmo sendo um processo novo, possaser considerado formativo e norteador de mudanças educacionais aserem construídas e efetivadas pela Instituição, com adequado suportepolítico, acadêmico e social.Os resultados desta Auto-Avaliação devem ser compreendidos como“instrumento de autonomia porque, além da apreensão da realidade dainstituição, garante o poder de argumentação nas possíveisreivindicações de melhoria” (BORBA, 2003, p. 143).
  • 17. É melhor tentar e falhar do que se preocupar e ver a vida passar. É melhor tentar, ainda que em vão, do que sentar-se fazendo nada até o final. Eu prefiro na chuva caminhara em dias triste em casa me esconder. Prefiro ser feliz, embora louco, que em conformidade viver. Martin Luther King