Poluição
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Poluição

on

  • 1,233 views

Poluição atmosférica

Poluição atmosférica

Statistics

Views

Total Views
1,233
Views on SlideShare
1,010
Embed Views
223

Actions

Likes
0
Downloads
16
Comments
0

4 Embeds 223

http://colegioparthenon.blogspot.com 118
http://www.blogdoparthenon.com.br 92
http://colegioparthenon.blogspot.com.br 11
http://www.colegioparthenon.blogspot.com 2

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Poluição Poluição Presentation Transcript

  • Por Professor Toni
    • Troposfera: 8 km/ 12km
      • Zona das perturbações = 8.000 m (fenômenos meteorológicos)
    • Tropopausa = transição
    • Estratosfera: 21 km à 50 km
    • Ionosfera: limite atmosférico (120km)
    • Escala: local, regional e global
    • Atividade industrial
    • Veículos automotores
    • Queimadas
    • Afeta centros urbanos
      • Cubatão : exemplo de como não se faz.
      • Doenças de pele, respiratórias e anomalias físicas. Destruição de espécies vegetais e animais.
    • Afeta o Planeta
    • Estabilização da circulação atmosférica
    • Período de ocorrência: todo o ano, com maior freqüência no inverno
  •  
    • Fenômeno climático detectado nas grandes metrópoles.
    • Edificações, asfalto, intensa atividade humana, falta de vegetação...
    • aquecimento da área central se comparada a sua periferia.
  •  
    • Dióxidos de enxofre e óxidos de nitrogênio
    • Queima de combustível fóssil
  •  
  • Fotografias tiradas nos anos 1908 e 1969 Fonte : http://gasa.dcea.fct.unl.pt/cea/alunos/ar/ar1.html
    • Efeito Natural
    • ( RETENÇÃO DE CALOR )
    • Desequilíbrio da composição atmosférica = aquecimento global (?)
  •  
    • Dióxido de carbono, metano, óxido nitroso, hidrofluocarbono, perfluorocarbono e o hexafluorocarbono de enxofre
  • Radial Leste Fábricas
    • Gás encontrado numa faixa de 10 a 70 km de altitude
    • CFC
    • Extintores e Solventes
    • A farsa do “Buraco na camada de Ozônio”
    • Poluição Luminosa
    • Poluição Visual
    • Poluição Sonora
    • O combate à Poluição Luminosa não visa abolir a iluminação de nossas cidades, mas sim torná-la eficiente, preservando o céu noturno e economizando energia elétrica.
    • Luminária não-poluidora (tipo full-cutoff)
    Este é o modelo de luminária não-poluente. Nela, a lâmpada fica oculta, iluminando a área que se deseja iluminar e preservando o céu noturno. Este modelo de luminária permite ainda o uso de lâmpadas de menor potência, o que garante economia de energia.
    • Antes em Tucson, E.U.A.
    Em Tucson, onde já existem leis contra a poluição luminosa, era assim a iluminação urbana: luminárias dispersivas que não iluminavam o chão e prejudicavam a visibilidade, jogando luz para o céu e nos olhos das pessoas...
    • Depois em Tucson, E.U.A.
    Hoje, após a substituição das luminárias poluentes pelas novas instalações anti-dispersivas, as ruas estão melhor iluminadas, com mais segurança e sem prejuízo à visibilidade do céu noturno, pois a luz não é jogada em direção ao céu.
    • Poluição visual pode ser definida como qualquer tipo de "agressão" aos olhos da população. Isso engloba sujeira espalhada pelas ruas, pichações em muros (o que é muito diferente da arte grafite), o excesso de outdoors, placas publicitárias, fios elétricos, etc.
  •  
    • Poluição sonora consiste na emissão de barulho, ruídos e sons em limites perturbadores da comodidade auditiva.
  •