Aula 1 Administração da Produção - definições básicas

85,606 views
85,042 views

Published on

0 Comments
14 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
85,606
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
82
Actions
Shares
0
Downloads
1,950
Comments
0
Likes
14
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Aula 1 Administração da Produção - definições básicas

  1. 1. Administração da Produção I Prof.: Sérgio Ricardo E-mail: sergioricardocg@gmail.com
  2. 2. O que é Produção?   Produção é a área de uma organização responsável por transformar todas as entradas disponíveis em saídas desejadas, de acordo com o planejamento estratégico da mesma e atendendo aos anseios dos seus clientes. 2
  3. 3. O que é Produção ? 3 ADM 2401 - Administração da Produção I - Prof.: André de Almeida Jaques
  4. 4. Caso de Sucesso: IKEA   Diferenciais:   Controle rigoroso de custos   Conhecimento de mercado   Conhecimento das necessidades dos seus consumidores   Maneira que organiza e presta serviço em suas lojas   SUCESSO IKEA = Eficácia da sua Administração da Produção 4
  5. 5. Caso de Sucesso: IKEA   SUCESSO IKEA = Eficácia da sua Administração da Produção   Fácil fluxo de consumidores   Ambiente limpo e bem projetado   Bens suficientes para a demanda   Funcionários suficientes para atender os consumidores e repor os estoques   Qualidade apropriada de serviços   Fluxo contínuo de idéias para melhorar o desempenho 5
  6. 6. Função Produção   Representa a reunião de recursos destinados a sua produção de bens e serviços.   Gerente de Produção   Funcionários que exercem responsabilidade particular em administrar algum ou todos os recursos envolvidos pela função produção. 6
  7. 7. Administração da Produção   Trata da maneira pela qual as organizações produzem bens e serviços.   É o gerenciamento estratégico dos recursos escassos, de sua interação e dos processos que produzem e entregam bens e serviços, visando atender às necessidades e/ou desejos de qualidade, tempo e custo de seus clientes.   É o estudo de técnicas e conceitos aplicáveis à tomada de decisões nas funções de produção (empresas industriais) e operações (empresas de serviços) 7
  8. 8. Produção na organização   É uma função CENTRAL para a organização.   Funções com papéis fundamentais:   Marketing   Contábil-financeira   Desenvolvimento de produto/serviço.   Funções de apoio à produção   R.H.   Compras   Engenharia / Suporte técnico 8
  9. 9. Produção na organização   É uma função CENTRAL para a organização.   Funções com papéis fundamentais:   Marketing   Contábil-financeira   Desenvolvimento de produto/serviço.   Funções de apoio à produção   R.H.   Compras   Engenharia / Suporte técnico 9
  10. 10. Produção na organização 10
  11. 11. Empresa de Sucesso 11
  12. 12. Stakeholders   O termo “stakeholders” foi criado para designar todas as pessoas ou empresas que, de alguma maneira, são influenciadas pelas ações de uma organização.   Exemplo:   Stakeholder Internos – Empregados da Operação.   Stakeholder Externos – Sociedade ou grupos comunitários, acionistas da empresa, fornecedores, consumidores, etc. 12
  13. 13. Como é organizada uma conferência ? 13
  14. 14. 14
  15. 15. Modelo de Transformação 15
  16. 16. Exemplificação: 16
  17. 17. Tipos de INPUTS   Recursos Transformados   Aqueles que são tratados, transformados ou convertidos de alguma forma.   Em geral, um conjunto de materiais, informações e consumidores   Recursos de Transformação   Aqueles que agem sobre os recursos transformados. 17
  18. 18. Recursos transformados 18
  19. 19. O processo de transformação e seus outputs 19
  20. 20. Processos Organizacionais ORIENTAÇÃO E CONTROLE AGREGAÇÃO DE VALOR ENTRADAS SAÍDAS FEEDBACK FEEDBACK CONJUNTO ORDENADO DE ATIVIDADES, INTERRELACIONADAS OU INTERATIVAS, QUE PERMITEM TRANSFORMAR AS ENTRADAS, AGREGANDO-LHES VALOR, EM SAÍDAS, ISTO É PRODUTOS, DESEJADAS POR ALGUÉM
  21. 21. Componentes de um processo Processo: Conjunto ordenado de atividades , inter-relacionadas ou interativas, que permitem transformar as entradas, agregando-lhes valor, em saídas, isto é, produtos desejados por alguém. Clientes: Destinatários ou consumidores das saídas ou produtos da Empresa, que possuem exigências ou requisitos, aos quais a Empresa deve buscar atender. Produtos: Resultados ou saídas do processo, desejadas pelos clientes Fornecedores: São aqueles que fornecem as entradas do processo. Entradas: É tudo aquilo que será transformado/modificado/trabalhado pelo processo. Cadeia Cliente x Fornecedor: O processo é formado por uma cadeia de transações envolvendo uma série de clientes e fornecedores. Ora você é cliente, ora você é fornecedor de alguém. Recursos: É tudo aquilo que a Empresa disponibiliza para ser utilizado na execução do processo e que não consumidos pelo mesmo, por ex: área física, equipamentos, etc. Insumos: É o que será consumido pelo processo, sendo de difícil identificação, por ex: energia elétrica consumida, material de consumo e de limpeza, etc. Problema: É a distância entre a situação desejada e a situação indesejada.
  22. 22. Produção de um cafezinho ORIENTAÇÃO E CONTROLE AGREGAÇÃO DE VALOR ENTRADAS SAÍDAS FEEDBACK FEEDBACK
  23. 23. Tipos de Produtos Produto: É o resultado de atividades ou processos Tipos de produto: •  Material processado SERVIÇ O •  Equipamento BEM •  Serviço •  Informação •  Esses elementos combinados A composição do produto varia Adaptado de ID-FPNQ conforme o tipo de negócio.
  24. 24. Serviços são um tipo de produto com as seguintes características:   Intangibilidade   Participação do cliente no processo de produção   Produção e consumo são simultâneos   Não são estocáveis
  25. 25. Hierarquia da Produção 25
  26. 26. Macrooperações x Hierarquia da Produção Microoperações 26
  27. 27. Proteção da Produção   Para se minimizar problemas “ambientais” imprevisíveis.   Para se garantir que a produção não tenha que parar inesperadamente, ou mesmo ser prejudicada em algum aspecto.   Significa isolar a função produção do ambiente externo. 27
  28. 28. Proteção da Produção   Desvantagens de se proteger a produção   Longo período de tempo de resposta entre a função protetora e a função produção.   A produção fica afastada e sem interação direta com seu ambiente externo, sem desenvolver entendimento sobre o mesmo.   A produção nunca é exigida para assumir responsabilidade sobre suas ações.   Altos níveis de estoque tem um custo muito alto   Proteção física em processamento de consumidores significa espera pelo serviço. 28
  29. 29. Proteção da Produção 29
  30. 30. Tipos de Operação na relação Input/ Output 30
  31. 31. Os 4 v’s da produção 31
  32. 32. Exemplo: Cadeia de hotéis 32
  33. 33. Responsabilidades da produção 33
  34. 34. Responsabilidades da produção 34
  35. 35. Responsabilidades da produção 35
  36. 36. Responsabilidades da produção 36
  37. 37. Modelo Geral da Adm. da Produção 37

×