A urbanização deve ser entendida como umprocesso que resulta em especial da transferência     de pessoas do campo para a c...
Aglomerações urbanas e hierárquicas      A expansão da urbanização gerou o    aparecimento de várias modalidades de  aglom...
1. Rede urbana    É formada pelo sistema de cidades, no território de cada país, interligadas umas asoutras através dos si...
2. Hierarquia urbana Corresponde a influência que exercem ascidades maiores sobre as menores. O IBGE identifica no Brasil ...
3. Conturbação É o encontro ou junção entre duas ou mais   cidades em virtude de seu crescimentohorizontal. Em geral esse ...
4. Metrópole  É a cidade principal ou cidade-mãe, isto    é, a cidade que possui os melhoresequipamentos urbanos do país (...
5. Região metropolitana  É um conjunto de municípios conturbados a uma metrópole e     que desfrutam de infra- estrutura e...
6. Megalópole  Corresponde a conturbação entre duas ou mais    metrópoles ou regiões metropolitanas. As principais megalóp...
7. Megacidade É o centro urbano com mais de dez milhões de habitantes. Hoje em torno de 21 cidades     do mundo podem ser ...
8. Técnopolo  É uma cidade tecnológica, ou seja, locais onde se desenvolvem pesquisas de ponta.No Brasil, temos alguns téc...
9. Cidade global    São as cidades que polarizam o país todo eservem de elo de ligação entre o país e o resto domundo, pos...
10.Desmetropolização  Processo recente associado à diminuição dos fluxos migratórios em direção das metrópoles.  Esse proc...
11.Verticalização  É o processo de crescimento urbanoque se manifesta através da proliferaçãode edifícios. A verticalizaçã...
12.Especulação imobiliária   Os especuladores imobiliários são aqueles  proprietários de terrenos baldios no espaçourbano ...
13.Condomínios de luxo e favelas  Os dois estão aqui juntos, pois são fruto dasegregação social e econômica que se vive na...
Problemas       Urbanos
AmbientaisEstima-se que, em média, o espaço “consumido” pela  cidade seja pelo menos dez vezes maior que aquele       ocup...
SociaisNos anos 60, quando a reforma agrária era colocadacomo necessidade ao desenvolvimento nacional, viacriação de um me...
A esse processo costuma-se chamar demodernização conservadora, pois não provocougrandes alterações nas estruturas sociais ...
Urbanização
Urbanização
Urbanização
Urbanização
Urbanização
Urbanização
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Urbanização

2,756 views
2,639 views

Published on

0 Comments
5 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,756
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
119
Actions
Shares
0
Downloads
183
Comments
0
Likes
5
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Urbanização

  1. 1. A urbanização deve ser entendida como umprocesso que resulta em especial da transferência de pessoas do campo para a cidade, ou seja, crescimento da população urbana em decorrência do êxodo rural.Um espaço pode ser considerado urbanizado, a partir do momento em que o percentual de população urbana for superior a rural. Durante muito tempo à população rural foi superior a urbana, essa mudança se deve em especial, ao processo de industrialização iniciado no século XVIII, que impulsionou o êxodo rural nos locaisem que se deu, primeiramente na Inglaterra, que foi o primeiro pais a se industrializar.
  2. 2. Aglomerações urbanas e hierárquicas A expansão da urbanização gerou o aparecimento de várias modalidades de aglomerações urbanas, além de termos que cada vez mais fazem parte de nosso cotidiano, definiremos algumas dessas modalidades e termos:
  3. 3. 1. Rede urbana É formada pelo sistema de cidades, no território de cada país, interligadas umas asoutras através dos sistemas de transportes e de comunicações, pelos quais fluempessoas, mercadorias, informações, etc." Nos países desenvolvidos devido a maior complexidade da economia a rede urbana é mais densa.
  4. 4. 2. Hierarquia urbana Corresponde a influência que exercem ascidades maiores sobre as menores. O IBGE identifica no Brasil a seguinte hierarquia urbana: metrópole nacional, metrópoleregional, centro submetropolitano, capital regional e centros locais.
  5. 5. 3. Conturbação É o encontro ou junção entre duas ou mais cidades em virtude de seu crescimentohorizontal. Em geral esse processo dá origem a formação de regiões metropolitanas.
  6. 6. 4. Metrópole É a cidade principal ou cidade-mãe, isto é, a cidade que possui os melhoresequipamentos urbanos do país (metrópolenacional), ou de uma grande região do país (metrópole regional)". No Brasil cidades como São Paulo e Rio de Janeiro são metrópoles nacionais, e Belém, Manaus, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, Salvador, Recife e Fortaleza são metrópoles regionais.
  7. 7. 5. Região metropolitana É um conjunto de municípios conturbados a uma metrópole e que desfrutam de infra- estrutura e serviços em comum.
  8. 8. 6. Megalópole Corresponde a conturbação entre duas ou mais metrópoles ou regiões metropolitanas. As principais megalópoles do mundo encontram-se em países desenvolvidos como é o caso da Boswash, localizada no nordeste dos EUA, e que tem como principal cidade Nova Iorque.No Brasil temos a megalópole Rio de Janeiro - SãoPaulo, localizada no sudeste brasileiro, no vale do Paraíba, incluindo municípios da região metropolitana das duas grandes cidades, o elo de ligação dessa megalópole é a Via Dutra, estrada que interliga as duas cidades principais.
  9. 9. 7. Megacidade É o centro urbano com mais de dez milhões de habitantes. Hoje em torno de 21 cidades do mundo podem ser consideradas megacidades, dessas 17 estão em paísessubdesenvolvidos. No Brasil São Paulo e Rio de Janeiro estão nessa categoria.
  10. 10. 8. Técnopolo É uma cidade tecnológica, ou seja, locais onde se desenvolvem pesquisas de ponta.No Brasil, temos alguns técnopolos localizados em especial no estado de São Paulo, como Campinas (UNICAMP), São Carlos (UFSCAR), e a própria capital (USP, etc.).
  11. 11. 9. Cidade global São as cidades que polarizam o país todo eservem de elo de ligação entre o país e o resto domundo, possuem o melhor equipamento urbano do país, além de concentrarem as sedes das instituições que controlam as redes mundiais, como bolsas de valores, corporaçõesbancárias e industriais, companhias de comércio exterior, empresas de serviçosfinanceiros, agências públicas internacionais. As cidades mundiais estão mais associadas ao mercado mundial do que a economia nacional.
  12. 12. 10.Desmetropolização Processo recente associado à diminuição dos fluxos migratórios em direção das metrópoles. Esse processo se deve em especial a chamada desconcentração produtiva, que faz com queempresas em especial industrias, se retirem dosgrandes centros onde os custos de produção são maiores, e se dirijam para cidades de porte médio e pequeno, onde é mais baratoproduzir, em função de vários fatores como, por exemplo, os incentivos fiscais.
  13. 13. 11.Verticalização É o processo de crescimento urbanoque se manifesta através da proliferaçãode edifícios. A verticalização demonstra valorização do solo urbano, ou seja, quanto mais verticalizado, mais valorizado.
  14. 14. 12.Especulação imobiliária Os especuladores imobiliários são aqueles proprietários de terrenos baldios no espaçourbano que deixam estes espaços desocupados a espera de valorização. Uma das conseqüências da especulação é a falta de moradias em locais mais bemlocalizados, fazendo com que as populações de mais baixa renda tenham que viver em áreas distantes do centro (crescimento horizontal), ou em favelas.
  15. 15. 13.Condomínios de luxo e favelas Os dois estão aqui juntos, pois são fruto dasegregação social e econômica que se vive nas cidades, sendo eles o reflexo espacial dessas. Os condomínios são áreas fechadas muitoprotegidas e bem estruturadas, onde em geral mora a elite; as favelas são áreas sem infra- estrutura adequada e com graves problemas como o tráfico de drogas, onde grande parteda população está desempregada, e a maioria dela é pobre.
  16. 16. Problemas Urbanos
  17. 17. AmbientaisEstima-se que, em média, o espaço “consumido” pela cidade seja pelo menos dez vezes maior que aquele ocupado por sua malha urbana. As grandes aglomerações urbano-industriais consomem enorme quantidade de energia e matérias e, assim, produzem toneladas de subprodutos – resíduos sólidos (lixo), líquidos (esgoto) e gasosos (fumaças e gases) – que, por não serem reaproveitados, acumulam-se no solo, nas águas e no ar, causando uma série de desequilíbrios no meio ambiente. A maioria da população mundial vive em cidades pequenas, e muitas delas, sobretudo nos países mais pobres não tem recursos suficientes para implantar
  18. 18. SociaisNos anos 60, quando a reforma agrária era colocadacomo necessidade ao desenvolvimento nacional, viacriação de um mercado interno de massas, colocou-se aRevolução Verde como a grande promessa à resoluçãodos problemas sociais do campo. O Estadoestimulou, através de políticas de crédito, assistênciatécnica e pesquisa, a utilização de máquinas, insumos etécnicas produtivas que permitiram aumentar aprodutividade do capital, do trabalho e da terra. Pelaausência de uma reforma agrária concreta e pelaredução do crescimento econômico e do nível deemprego, isso resultou em grandes problemassociais, empurrando milhões de pessoas para asgrandes cidades, com grande parte se concentrando nasfavelas.
  19. 19. A esse processo costuma-se chamar demodernização conservadora, pois não provocougrandes alterações nas estruturas sociais docampo.No Brasil, existem vários movimentos organizadospor camponeses, o que mais se destaca éo MST (Movimento Sem Terra), cuja proposta é amelhor divisão das terras brasileiras, exigindo queo governo federal propicie medidascomplementares ao simples assentamento, comoa eletrificação e irrigação do campo, concessãode créditos rurais e execução de programas quevisem estimular a atividade agrária e asubsistência do agricultor e de sua família.

×