O Mundo Multipolar   2º Mb
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

O Mundo Multipolar 2º Mb

on

  • 4,006 views

 

Statistics

Views

Total Views
4,006
Views on SlideShare
3,826
Embed Views
180

Actions

Likes
1
Downloads
23
Comments
0

3 Embeds 180

http://ageografiaemnossodiaadia.blogspot.com 115
http://ageografiaemnossodiaadia.blogspot.com.br 51
http://www.slideshare.net 14

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

O Mundo Multipolar   2º Mb O Mundo Multipolar 2º Mb Presentation Transcript

  • ASPECTOS DO MUNDO MULTIPOLAR
    ATIVIDADE DOS ALUNOS DO COLÉGIO JESUS CRISTO REI – 2º MB
  • Frase 01:
    As idéias de cunho neoliberal colaboraram para uma visão mais global do mundo, consequênciasdesse fato foi o surgimento das Organizações Internacionais, que possuíam o poder de dirigir interesses coletivos ou regionais. Uma das mais abrangentes organizações é a ONU – Organização das Nações Unidas – um dos seus maiores objetivos é de manutenção da paz no mundo, busca a aproximação dos países membros, com a finalidade de resolver problemas relacionados à paz mundial.
  • A divulgação de ideias de cunho neoliberal no passado recente colaborou para o surgimento de uma visão mais global do mundo. Devido a isso, faz nascer à globalização, onde surge um termo chamado “governo global”, vários países se unem em função de possuir governos, economia, política e até mesmo fazer parte de organizações semelhantes, para que assim atinja benefícios para ambos.
    As Organizações Internacionais tem a função de dirigir e solucionar interesses coletivos ou regionais. A ONU tem o papel de manutenção da paz no mundo e resolução de outros combates, porém não se pode dizer que é uma entidade totalmente democrática, pois nem todos seus países membros tem uma mesma importância, assim visto pelos membros permanentes.
  • Organizações internacionais tentam promover o envolvimento cada vez maior da cidadania nas questões a serem combatidas, pois só isso traria as mudanças desejadas e essenciais.
  • FRASE 2:A ONU e as suas ações globais
    A ONU foi criada em 1945, no final da II Guerra Mundial,foi estabilizada pela “Carda das Nações Unidas” um documento assinado por 51 países, e atualmente conta com 192 países-membros e participa na resolução de conflitos, no combate à miséria e a todas as suas consequências sociais, políticas e ambientais.
    É constituída por seis órgãos principais: o Conselho de Segurança, a Assembléia Geral, o Conselho de Tutela,o Secretário e o Tribunal Internacional de Justiça, conta também com dezesseis agências especializadas que trabalham nos mais diversos setores: saúde, educação, finanças e etc.
  • comentário
    A ONU participa na resolução de conflitos e no combate à miséria. Foi estabelecida pela “Carta das Nações Unidas” no final da II Guerra Mundial, possui 192 países participantes. É constituidaspor seis órgãos principais e também com dezesseis agências especializadas, eu trabalham em diversos setores como na saúde, educação e etc.
  • Frase 03
    Os empréstimos a países emergentes no que se diz a economia e cuidar de acordos de uma forma rigorosa, essa são umas das funções do FMI. Quem dá mais, recebe mais, é isso que o FMI avalia quando pretende julgar as suas decisões(ou as do mundo). Esse organismo internacional passou por “maus bocados” tendo de emprestar dinheiro ao mundo, pois ele estava quebrado e foi com isso que o FMI se enfraqueceu. Mas o país tem que colaborar também com a FMI que pedem certas exigências que devem ser cumpridas. Hoje em dia muitos economistas acham que o FMI não tem mais utilidade, tendo em vista a finalização desse organismo.
  • Comentário
    A criação do FMI pode beneficiar muito os países que necessitam dessa ajuda, só que tem que haver a colaboração, que muita das vezes não pode ser dada. Mais ao mesmo tempo que ela pode beneficiar, ela pode também atrapalhar tomando certas decisões que podem ser legais para uns, mais péssimos para outros, como um exemplo o sistema de "quem da mais, recebe mais", ou seja, os países que necessitam mesmo dessa ajuda e que não podem 'dar mais' são prejudicados em certas decisões.
  • Imagens
    Essa imagem mostra a ira de pessoas que não se contentam com a FMI
    e ainda se perguntam "é necessário?", ou até questionamentos como
    "o FMI tem capacidade de ajudar/salvar o mundo?".
    Sede da FMI, em Washington
  • Frase 04
    O G-8 é formado por oito países, como Itália, França, Alemanha, Grã-Bretanha, Canadá, EUA, Japão e Rússia. Um dos objetivos do G-8 é promover a paz e a democracia e fortalecer a economia global. Mesmo tendo esses objetivos, esse grupo sofre críticas, onde são acusados de ter interesses que favorecem a si mesmo e com isso esquecem do mundo. O G-8 se reúne com o G-5 para resolver assuntos como o aquecimento global.
  • Explicação
    A frase 04 mostra o G-8, que é um grupo composto por oito países (Itália, França, Alemanha, Grã-Bretanha, Canadá, Estados Unidos, Japão e Rússia), onde exercem grandes influências em todo o mundo. Os objetivos do G-8 são: promover a paz e a democracia, fortalecer a economia do mundo, resolver problemas ambientais e entre outros. O G-8 vem se reunindo com o G-5(Brasil, México, Índia, África do Sul, China) para tentar solucionar o problema do Aquecimento Global que vem atingindo todo o planeta. O grupo dos oito países é muito criticado, onde os críticos alegam que esses países mais industrializados que compõem o G-8, só se reúnem para defender seus interesses e com isso se esquecem dos outros países que precisam de ajuda.
  • Frase 05
    A OMC, Organização Mundial do Comércio, é um organismo internacional que regulamenta as regras do comércio internacional, visando facilitá-lo e torná-lo justo e equilibrado. Dirigida por representantes de países ricos, a OMC propõe que a melhor maneira de alcançar esse objetivo é aumentando o comércio global. Contraditoriamente, os países desenvolvidos são protecionistas em relação aos seus mercados agrícolas. A OMC já realizou várias tentativas de aumentar o comércio global, em vão. Atualmente, tenta-se fechar a Rodada Doha, um acordo que tem gerado resistência por parte dos países ricos. A variedade de interesses entre os países torna as negociações envolvendo a OMC, que são geralmente bilaterais, conflituosas, o que dificulta o alcance do objetivo da organização.
  • Comentário
    A OMC é uma organização que regula o comércio mundial. A cúpula da OMC, isto é, os poderosos, são representados pelos países ricos, que defendem a idéia de que para alcançar a prosperidade no comércio global é necessário aumentar as transações entre os países. Nos últimos anos, os países desenvolvidos ou em desenvolvimento têm diminuido as barreiras comerciais aos produtos industrializados dos países ricos ( muitos deles membros da OMC). Estes, por sua vez, tomam atitudes completamente contrárias, com medidas protecionistas e impondo barreiras tarifárias. Essa é uma situação completamente contraditória, pois, ao mesmo tempo que a OMC quer melhorar o comércio com a participação dos países subdesenvolvidos, ela própria não cede em nada. Isso mostra que essa organização visa alcançar apenas seus objetivos, fazendo dos países mais pobres apenas um meio para atingi-los. Atualmente, a OMC tanta fechar o acordo Rodada Doha, cujas reuniões têm gerado resistência dos países ricos. Enquanto o mundo aguarda pela igualdade no comércio global, alguns países membros da OMC optam por acordos bilaterias. Estes, ao menos, favorecem os dois lados.
  • Frase 06
    OPEP (Organização Dos Países Exportadores de Petróleo) Por muitos anos, um dos setores econômicos mais poderosos e influentes do globo foi o da exploração e refino de petróleo, a atividade era controlada por 13 membros com sedes em países ricos (alguns são: Arábia Saudita, Emirados Árabes, Venezuela, Irã, Iraque e Kwait). A OPEP surgiu em 1960 e teve dois choques, um em 1973 e o outro em 1979.
    Os países membros possuem 78% das reservas mundiais de petróleo, suprem 40% da produção mundial e 60% das exportações mundiais.
  • Comentário
    Quando a OPEP surgiu, em 1960, seu objetivo principal era a valorização do petróleo. Como os 13 membros eram, em sua maioria, de terceiro mundo isso melhorou a “qualidade de vida” e o poder aquisitivo da população, já que cujos países possuíam 78% das reservas mundiais de petróleo, supriam 40% da produção mundial e 60% das exportações mundiais.
  • FRASE 7
    A Otan(Organização do Tratado do Atlântico Norte) e o Pacto de Varsóvia são considerados símbolos da Guerra Fria,ela é liberada pelos EUA afim de defender o capitalismo e a partir de 1980 o Pacto de Varsóvia acabou,mais isso não gerou paz.
    A Otan continuou,mais passou a defender a minoria,atualmente está se expandindo para o leste europeu,englobando alguns países que antes faziam parte do Pacto de Varsóvia,como a República Tcheca,Hungria e Polônia.
  • COMENTÁRIO:
    A frase 7 aborda o assunto sobre a Otan,cita o que foi símbolo durante a Guerra Fria,por quem ela era liderada,quem defendia,afirmava o que ocorreu quando o Pacto de Varsóvia acabou,quem a Otan passou a defender após o término do Pacto e os países que se uniram a Otan com o fim do Pacto
  • PACTO DE VARSÓVIA
    OTAN
  • frase 8: “Os fóruns mundiais:
    econômico x social”
    As pessoas que possuem poder sobre os negócios mundiais, têm como dar sua opinião sobre as decisões da política no mundo, influenciando também as organizações (como exemplo: OMC), se importando principalmente com os países desenvolvidos. Em 2001, foi criado o Fórun Social Mundial, com o slogan “Um outro mundo é possível”, devido à contraposição das idéias neoliberais. Ao passar dos anos, esse fórun foi crescendo e criando novas idéias neoliberais.
  • Normalmente as pessoas que influenciam no mundo, são as que possuem poder nos negócios mundiais, e investem principalmente nos países desenvolvidos, porque são os principais interesses deles. O Fórum Social Mundial reúne o que sobrou, fazendo as pessoas acreditarem no seu lema, que é: “Um outro mundo possível”, contrapondo as idéias neoliberais.
  • Frase 9
    “ Filho de imigrante russos, casado na Argentina com uma pintora judia, casou-se pela segunda vez com uma princesa africana no México. (...) Multinacionais japonesas instalam empresas em Hong Kong e produzem com matéria-prima brasileira para competir no mercado americano.(...) ”
    “Disneylândia” de Arnaldo Antunes
  • Comentário da Frase 9
    A música de Arnaldo Antunes faz uma grande referência a globalização e a unificação de economias e etnias. Assim a música demonstra uma miscigenação de culturas, um grande mosaico de nacionalidades e como consequências da globalização dentro de um país possui a inclusão de matérias de outros países.
    Essa globalização possui dois lados, positivo e negativo, deixando pessoas mais ricas e pessoas mais pobres.
  • Frase 10
    O Mundo Multipolar
    O Mundo na Nova Ordem Mundial (NOI), é marcado pela Multipolarismo.
    A existência dessa competição para quem tem mais poder aquisitivo,são feitas através de corporações econômicas que chegam até ser mais importantes ou serem tratadas como, do que vários países ao redor do globo.
    O que também marca o mundo multipolar é o processo da globalização econômica que gera um impulso de novas técnicas de trabalho, tecnologia e transporte e mesmo sendo fatores crescentes, a que mais se desenvolve é a globalização financeira.
  • Comentário da frase 10
    • Fica marcado no mundo multipolar uma competição , ou corrida econômica.
    • Em busca de riquezas e aumento de poder aquisitivo,usando de vários métodos de exploração. Nessa NOI, foram criadas várias corporações que competem entre si e ganham mais atenção do que vários países.
    • A globalização econômica gerada nessa NOI proporciona o desenvolvimento nas áreas de trabalho, saúde e transporte.
  • Frase 11
    Com freqüência, o “livre” comércio é defendido pelos meios de comunicação como a saída para o subdesenvolvimento dos países. Mas essa defesa da competição livre pelos mercados é feita como se fosse uma oportunidade aberta para todos os membros em condições de igualdade. No entanto, não há igualdade no comércio global. As principais transações são realizadas entre os países que detêm os principais recursos econômicos e tecnológicos. Oitenta por cento do comércio global é realizado apenas em 25 países, dentro de um total de 180. Os resultados dessa concentração de renda e comércio globais são observados no mapa “Caviar, Iate e Jato Privativo”, que evidencia as principais concentrações de milionários na escala global. Essa concentração é apenas o reverso da pobreza que atinge bilhões de habitantes do planeta, localizados majoritariamente no pobre Sul.
  • Alguns países subdesenvolvidos conseguem chegar perto de uma comunicação com outros países quando abrem seus portos para o comércio. Isso deveria torná-los iguais aos pólos que possuem maior poder aquisitivo, como na Europa, EUA e outros países.
    Como ocorre sempre, poucos são os que mantêm grande número de dinheiro e a maior parte do mundo acaba possuindo quase nada. Observando mapas pouco anteriores aos atuais, os ricos e pobres eram divididos em 1º, 2º e 3º Mundos e agora, o Norte é detentor da maior riqueza envolvendo dinheiro e tecnologia enquanto o pobre Sul luta por uma igualdade no comércio e na renda global.
  • Lula propõe livre-comércio entre
    Mercosul, África e Índia
  • Frase 12:
    A globalização questiona a tendência à padronização de consumo, mas quer se diferenciar dos outro padrões. É quando as tribos surgem, porém elas são foco de patrocinadores. “Queremos consumir e , ao mesmo tempo, nos diferenciar.’’
    Há outros pontos de diferença como os muros/linhas que dividem o rico do pobre, o desenvolvido do subdesenvolvido, etc.
  • Comentário:
    A globalização foi a maior responsável por essa miscigenação presente no mundo atual. Seu objetivo é questionar o padrão de consumo e se diferenciar. É exatamente nesse ponto que surgem as tribos; elas unem pessoas com mesma idéias e sendo assim, são foco de patrocinadores. Já o objetivo das tribos é também consumir, mas de modo diferente.
  • Frase 13
     
    A posse de tecnologia sempre significou para os diferentes povos a expansão de seus interesses econômicos, militares e até ideológicos por outros territórios.
    Desse modo, podemos compreender, por exemplo, a ocupação do Egito antigo pelos romanos como um exemplo desse processo na antiguidade - Afinal, o Egito se constituía, naquele momento, no principal celeiro agrícola do Mediterrâneo, o que muito interessava aos romanos, mais fortes e melhor preparados militarmente.
    Na idade Média, enquanto os povos europeus se recolhiam – genericamente – aos feudos, os otomanos expandiam-se pelo Mediterrâneo, controlando não apenas as rotas especiarias, mas chegando a dominar, inclusive, porções de territórios na Penínsulas Ibéria e Balcânica.
    Com o advento das grandes navegações, Portugal e Espanha expandem não apenas seus domínios territoriais – as terras recém descobertas das Américas – mas propiciam a expansão do mercantilismo e, de certo modo, o início da organização do mercado global – ao incorporar novas terras, novas culturas, novos produtos.
  • Para muitos povos, principalmente os que buscam a realização de seus interesses através da expansão de seus territórios, a tecnologia é algo essencial para o alcance desses objetivos. Ao dominar tecnologicamente outros países, o país dominante conquista poder, capital e o que deseja do outro território.
    Como comprovação de que o uso de tecnologias contribui para esses interesses temos o exemplo da Espanha e Portugal na Idade Média, que incorporavam novas terras, novas culturas e novos produtos devido a tecnologia marinha avançada que obtenham na época .
  • Mapas
    Quadrante
    Astrolábio
    Bússola
  • Frase 14
    Criou-se uma maior utilização dos trens e dos navios de carga, para transportar matéria-prima para indústrias, como a têxtil. Após a descoberta de tecnologias ligadas ao movimento e ao longo do tempo em que essa tecnologia foi se desenvolvendo, esses navios e trens tiveram que levar produtos para todo globo, cada vez necessitando de técnicas mais eficientes.
  • Comentário
    O mundo globalizado gera uma necessidade da utilização dos trens e navios cargueiros para o transporte de matérias em todo mundo, e estes, necessitam cada vez mais de técnicas eficientes para construção de estações ferroviárias, portos marítimos e fluviais e com isso, criou-se regiões industriais, necessitadas de aço, carvão e trabalho humano, esse trabalho pesado gerou muita renda para poucos – os donos, os que comandam – e pouca renda para quem trabalha pesado, o que cria um globo mais desigual, no qual não só as mercadorias eram transportadas, mas também pessoas que iriam ao redor do mundo buscando domínio econômico e industrial.
  • Frase 15
    Os pólos de tecnologia são fabricantes de produtos de bens de produção de alta tecnologia, tais como: química, fina, biotecnologia, nanotecnologia, informática, cibernética, tecnologia aeroespacial e farmacêutica. Gerando uma maior número de assalariados. Mas esses pólos precisam de centros de pesquisas e formação ligados ao desenvolvimento tecnológico e uma rede de comunicação urbana bem estruturada para o seu surgimento.
  • Comentário
    Os pólos de tecnologia são gerados a partir dos centros de pesquisa e formação ligados ao desenvolvimento tecnológico e a uma rede urbana de comunicação bem- estruturada com a finalidade de produzir produtos da alta tecnologia promovendo um maior número de assalariados, levando um país ao desenvolvimento.
  • Frase 16
    Com toda certeza, você conhece ou tem em sua casa inúmeros itens de consumo da vida moderna (câmera digital,computador,filmadora, celular etc.). Até em bairros mais humildes e favelas,itens como antena parabólica e o celular são mais uma necessidade do que um mero luxo, mesmo em um contexto em que a sobrevivência alimentar pode ser um grande desafio.isso tudo é o desenvolvimento tecnológico.
  • Análise da frase
    Com o desenvolvimento da tecnologia surgiram várias conseqüências uma delas é que a população se torno muito consumista.. A dominação tecnológica gera muitas duvidas pois com seu avanço muitas pessoas ficaram desempregadas foram substituídas por maquinas. A tecnologia não privilegia todos e sim uma parte da sociedade que tem condição de adquirir esses produtos com isso gerando desigualdades social . Até em bairros , mais humildes e favelas, as pessoas buscam ter acesso as inovações tecnológica, mesmo se isso ira abalar sua sobrevivência alimentar, a tecnologia já se tornou uma necessidade para a população. Com tudo isso podemos entender que a tecnologia esta presente em todos os lugares.
  • Frase 17
    Na indústria alimentícia foi necessário a utilização de óleos vegetais antes de chegar até você, como a soja por exemplo semelhantes de soja como o amendoim, de girassol não são apenas resultados da natureza e sim produzidas ou modificadas em laboratório para que seus lucros sejam maiores.Isso é um exemplo de que a nossa vida está cercada por produtos tecnológicos que foram desenvolvidas fora do Brasil dando uma idéia que a nossa economia está voltada para o exterior em termos de licenças de uso e patentes.
  • Comentário
    Hoje em dia são muitas as consequências do desenvolvimento tecnológico, por isso que nossa vida está cercada de produtos tecnológicos produzidos e modificados tudo envolvendo a competição do mercado pelo lucro máximo.Com o domínio de investimentos na indústria alimentícia que tem todo o processo desenvolvido em laboratórios dando ênfase no mercado econômico externo.
  • Frase nº 18
    “Com a crescente luta para o desenvolvimento tecnológico os países subdesenvolvidos se vêem cada vê mais dependentes dos países desenvolvidos.Em relação ao setor de alimentos os grandes conglomerados mundiais detém quase todo a produção agrícola, o que constitui em uma grave questão estratégica Mundial.”
  • Comentário
    Podemos perceber, ao analisarmos o contexto político e econômico internacionais, a crescente dependência econômica, cultural( com a globalização)e política, por partes dos países sub-desenvolvidos aos desenvolvidos.Este é um fato que agrava a concentração de poder e influência dos países desenvolvidos, e faz com que os países subdesenvolvidos fiquem cada vez mais tolerantes ao que os é imposto pelos países desenvolvidos.
  • Frase 19:
    O desenvolvimento tecnológico na indústria de alimentos gera algumas consequências para o meio ambiente, como o uso de alimentos geneticamente modificados por exemplo.
    Na área da medicina a indústria farmacêutica depende de um ramo da pesquisa humana ao desenvolvimento de produtos que ás vezes são muito caros e que não são eficazes para combaterem certas doenças.
  • Comentário
    O grande avanço tecnológico no comércio dos alimentos por um lado é bom para a população, mas por outro afeta o meio ambiente com o uso de alimentos geneticamente modificados.
    O desenvolvimento na área da medicina não traz benefícios para o consumidor, remédios que muitas vezes são vendidos muito caros e que nem sempre causam o efeito que deveriam.
  • Indústrias Alimentícias e Farmacêutica
  • FRASE 20
    Como um ramo é movido pela obtenção de lucros, diversos países deixavam de pesquisar doenças como Malária, doenças de Chagas, por não terem resultado econômico. A o lado da Medicina Cardiovascular cresce cada vez mais, por obter lucro em cirurgias e remédios caros, enquanto a população do Mundo desenvolvido se entope de alimentos calóricos e gordurosos.
    Também no plano cultural é preocupante, imagine ter a liberdade de opinião uma empresa de comunicação? Ela não contrariaria a opinião de seus clientes, devido o seu fator ser a lucratividade.
  • Comentário:
    Devido o mundo girar através da lucratividade de diversos setores, e só pensarmos em dinheiro, estamos deixando a desejar em vários pontos. A manifestação de uma doença, pode ser prejudicial as pessoas, a onde muita gente não tem dinheiro para pagar o remédio, e o governo visando o lucro, não sede remédios aos necessitados devido o gasto, só prejudicando mais a sociedade.Mas não só a sociedade baixa que sai mal entre todos, as pessoas com uma melhor condição, estão habituadas a comer alimentos calóricos e gordurosos, e depois tendo prejuízo com sua saúde, a partir do momento em que gastamos com a medicina cardiovascular, por não ter cuidado antes. Hoje em dia até mesmo um programa de televisão cultural, passa a mostrar coisas erradas e sem questionar no programa para não contrariar as pessoas, e não perder audiência, perdendo dinheiro, o que ela mais visa, que é o que o mundo visa, o lucro que temos sem se quer medir qualquer a conseqüência.
  • O mundo gira em torno de dinheiro.
  • Frase 21
    A rede de conexões ligando os diferentes grupos econômicos é extremamente complexa e inclui, no âmbito do que chamamos de grandes conglomerados mundiais, um conjunto de interesses econômicos comerciais que vai da produção agrícola, passa pela industrialização e pelo comércio e chega até a indústria cultural, que abrange todos os meios de comunicação (tv, rádio, Internet, cinema, teatro, jornais, revistas, etc.).
  • Comentário
    Dentre tantos lados positivos e negativos dessa rede de conexões complexas, encontramos positivamente a ligação entre os “mundos” agrícolas, industriais, através dos meios de comunicação, aonde os interesses econômicos se transformam em um só conjunto, abrangendo toda essa indústria cultural.
  • Frase 22
    É complicado para nós que vivemos no mundo atual, identificar no meio cultural um meio de comunicação que não esteja comprometido com os poderes politicamente dominantes, o que faz com que os grandes interesses econômicos mundiais que dominam a produção e a cultura, precisem de muito pouco para dominar também a situação política.
  • Em nossa sociedade, somos influenciados pelos meios de comunicação e massa que nos induzem a fazer o que eles querem. A mídia por exemplo, se uma empresa utiliza da mídia para divulgar seus produtos, a mídia através da propaganda faz com que nós pensemos que este produto é o melhor e que a nossa vida vai mudar se comprarmos ele. Os dominantes impõem e nós obedecemos o que faz com que eles dominem cada vez mais a economia, a produção e passem a dominar também a política.
  • Frase 23
    Os meios de comunicação tornaram-se uma forma de propagação para vincular o nacionalismo e o patriotismo necessários para adesão de recrutas dispostos a encarar uma guerra.é preciso um esforço grande para convencer ou melhor vender sobre a importância do alistamento e da prontidão sem assustá-las com as conseqüências que a guerra traz (morte, ferimentos irreparáveis,dor). No caso dos EUA na 2º Guerra Mundial, que utilizou-se da imagem ameaçadora que o nazifacismo representava para corromper os soldados.O aperfeiçoamento dessa técnica de decisão de guerra através dos meios de comunicação veio com o tempo, já que apenas o lado positivo é veiculado na mídia, com conhecimento prévio do governo, para evitar a perda de legitimidade deste.
  • Comentário
    O mundo moderno usas os meios de comunicação para persuadir as pessoas e decidir guerras. A televisão é utilizada como fonte de instigar o nacionalismo e o patriotismo das pessoas para apoiarem a guerra.O esforço necessário é muito grande, onde entram os meios de comunicação que tornam mais fácil essa venda e propagação de ideais necessários para entrada de um país na guerra. As experiências de guerra trazem conseqüências alem de impactantes para a família (mortos, feridos, seqüelas irreparáveis). Mas como vender esta idéia necessária à adesão de recrutas sem fazê-los desistir ? A resposta trona-se fácil, não vinculando nos mesmos meios de comunicação a parte sombria da guerra. Ou seja sua utilização para além de persuadir as pessoas, torná-las alienadas.
  • "A televisão é a primeira cultura verdadeiramente democrática - a primeira cultura disponível para todos e totalmente governada pelo que as pessoas querem. A coisa mais aterrorizante é o que as pessoas querem." (Clive Barnes)
  • FRASE 24
    A grande evolução da tecnologia traz para o mundo facilidades como também consequências. Os EUA querem manter o controle dos fluxos comerciais e financeiros, porém sem o complexo militar-industrial seria simplesmente impossivel manter esse controle.
    A grande acumulação de déficits acumuladas pelos EUA, faz com que comprem os titulos do “tesouro” norte americano, recebendo juros. E os mercados os financiam, jà que é o país militar que contem fontes economicas como o petróleo.
  • COMENTARIO
    Com o crescimento da tecnologia, os EUA conseguem manter o controle dos fluxos comerciais e financeiros. Eles acumulam deficits com os outros países, e assim, em forma de pagamento, os EUA pegam fontes econômicas, como por exemplo o petróleo.
  • FRASE 25:
    O mundo tem um completo Domínio imposto pela superioridade tecnológica que garante às economias dominantes que são situadas nos megablocos. As sedes dos conglomerados mundiais, que por sua vez dominam a produção, o lucro, o controle bioquímico, ou seja( a formação de sementes ao código do DNA), o domínio militar das fontes de trabalho, consumo e de matérias-primas.
  • A frase 25 mostra o domínio que a tecnologia tem sobre o mundo e também sobre as economias dominantes mundiais, geralmente situada nos megablocos. As sedes dos conglomerados mundiais que dominam a produção, o lucro, o controle bioquímico, o domínio militar e o domínio das fontes de trabalho.
  • Frase 26
    O domínio da opinião, foi questionado por milhões de pessoas, que acreditavam está bem informadas através das opiniões dos principais jornais, noticiários de televisão e revista semanal de atualidade.
    O desenvolvimento tecnológico da internet que se tornou um aspecto positivo interligando algumas universidades norte-americanas, possibilitando o contato imediato com inúmeras pessoas por todo o mundo, transformando em veículo de comunicação aberto.
  • Comentário
    A frase anterior aborda que as pessoas estão sendo iludidas com informações, através de opiniões da mídia, mas com o avanço tecnológico principalmente da internet que atualmente é um dos mais usados com informações através de opiniões obtidas, tornando um aspecto positivo, possibilitando conhecimentos e contatos imediatos com pessoas do mundo inteiro transformando assim um vínculo de informações aberto.
  • Imagem Ilustrativa
  • Frase 27
    As corporações transnacionais, podem ser definidas como as empresas que possuem pelo menos 10 por cento da participação nos negócios em filiais localizadas em território estrangeiro.
    Existem mais de 60 mil conglomerados,as quais empregam mais de 54 milhões de pessoas, e arrendam por ano nada mais do que 2/3 de todo o comercio internacional( bens industrializados e serviços) no mundo do inicio do séc. XXI
  • Comentário da frase 27
    As transnacionais são todas as empresas que atuam com mais de 10 por cento de seu lucro fora do seu território de origem.
    Existem no mundo mais de 60 mil conglomerados empresariais que empregam mais de 54 milhões de trabalhadores de paises sub-desenvolvidos ou não. Por ano em todo mundo são arrendados por essas empresas mais de 2/3 de toda mercadoria industrial do mundo
  • Frase 28
    O número de transnacionais espalhadas pelo mundo é muito grande e várias delas como a ford, por exemplo, faz algumas exigências , que no caso somente elas saem beneficiadas. Entre essas exigências estão: doação de terreno do local a ser instalada a empresa, completa infra- estrutura, apoio financeiro do estado, ausência de impostos. Tudo isso para um estado poder receber uma transnacional.
  • Comentário:
    Com o fluxo de empresas internacionais em todas as
    partes do mundo, os critérios exigidos por elas para
    se instalar em um certo local é grande, no caso da
    Ford, acaba saindo com um custo alto para o Estado,
    no qual tem que fazer algumas mudanças e doações para receber tal empresa.
  • Frase 29:
    Graças aos constantes aumentos do valor de troca comercial e do desenvolvimento tecnológico na produção, a concentração de 75% do fluxo global de mercadorias tende a aumentar. Mas isso não se aplica aos paises pobres, que estão vendo os valores de suas produções sendo diminuídos, esse acontecimento denominado “deterioração dos termos de troca” é o contrário do que acontece com os três megablocos, os blocos que possuem atuações ligadas a informática, ao ramo farmacêutico e de telecomunicações.
  • Comentário:
    Os paises pobres possuem uma realidade diferente da dos paises ricos, mesmo se tratando de um mesmo assunto, enquanto os ricos são industrializados, desenvolvendo-se cada vez mais, os paises pobres sofrem com a grande e desleal concorrência desses mesmos paises, que possuem mais dinheiro, e outros meios, para investir em tecnologia e consequentemente tendem a aumentar o fluxo de mercadorias globais. Já os paises que não possuem a mesma situação (os paises pobres), sofrem com a diminuição do valor de suas mercadorias.
  • FRASE 30
    Quanto mais a participaçao de países em mega blocos mais os países pobres terão resultados mais baixos, e geram várias consequências, como competição a qualquer custo pelo investimento gerado dos conglomerados internacionais, necessidade de ampliar a exploração de seus produtos primários para poder pagar por bens tecnológicos com valores cada vez mais altos, comprometimento de recursos naturais e energéticos para suprir a produção de bens semi-industrializados para a importação e sujeição política.
  • EXPLICAÇÃO:
    Enquanto os conglomerados globais se enriquecem, os países subdesenvolvidos terão resultados mais baixos. Isso porque, estão cada vez mais empenhados em comprar as tecnologias dos países desenvolvidos e comprometem seus recursos naturais para investirem em produtos para exportação. Além de ampliarem a exploração de minérios, destruição de florestas para instalações de hidrelétricas, criação de animais e monoculturas. Esses países estão cada vez mais dependentes dos países desenvolvidos.
  • Frase 31
    Na administração de George Bush (o filho), nos EUA. As empresas que ele dava mais influencia são as de petróleo do estado do Texas. E que por conseqüência, as suas ações têm beneficiado os gigantes e poderosos conglomerados da industria petrolífera(tentativa de controlar a produção de petróleo do Oriente Médio, não assinatura do Protocolo de Kyoto, etc.)
  • Comentário
    Na frase 31 nos vemos como o George Bush (filho), da influencia a mais ao petróleo do estado do Texas, que na conseqüência as ações que beneficia os maiores e que tem mais poder conglomerados da industria petrolífera com isso a tentativa de controlar a produção de petróleo no Oriente Médio não teve assinatura no Protocolo de Kyoto.
  • Frase 32
    Não é somente nos Estados Unidos que as transnacionais influenciam a população, isso ocorre no mundo inteiro. Com a política neoliberal, em que o povo pode possuir opinião própria e expressa-la sem impedimento, essa influência vem alcançado sucesso muito rapidamente. Além das ideologias neoliberais, os meios de comunicação também favorecem o aumento desse poder sobre outros. Assim, uma vez que essa aumenta, as organizações populares e de interesse nacional, vêem seu poder de influência cair.
  • Comentário da Frase
    O motivo para tanto poder de influência é a quantidade de capital que essas empresas possuem, assim, para essas empresas, mudar o sistema e a opinião pública é muito mais fácil se comparada com pequenas empresas. Além disso, os meios de comunicação, também influenciados pelas transnacionais, acabam influenciando a população, que por sua vez, transforma sua opinião a favor dos objetivos das grandes empresas. O capital usado de várias maneiras para o próprio interesse, controla os políticos, a mídia e o povo.
  • Frase 33:
    A ford fez exigências para o Brasil, por ele ter se candidatado a receber seus investimentos produtivos. Escolheram a Bahia para ser construído a unidade de produção mais moderna, eficiente e rentável em todo o mundo. As condições exigidas pela montadora não foram exageradas, receber esses investimentos significa entrar em contato com o grande fluxo do comércio internacional. Utilizaram modernas tecnologias de produção e administrativas para a nova planta industrial.Várias unidades da montadora foram fechadas, mas também várias continuaram disputando para receber investimentos.
  • Comentário:
    O Brasil se candidatou a receber investimentos produtivos, por isso a ford fez exigências a ele, com o intuito de construir a unidade de produção mais moderna em todo o mundo. Essa exigências foi a de receber investimentos para entrar em contato com o fluxo do comércio interno. A planta industrial foi utilizada por inúmeras tecnologias de produção. Ainda há várias unidades da montadora na disputa para receber investimentos.
  • A Ford é um importante grupo financeiro, que não faltam capitais próprios, além de produzir automóveis. Para definir o lugar onde iria construir uma unidade produtiva, como a Ford, precisava de algumas condições, e uma das principais foi o financiamento de 31 milhões de reais, concedido pelo estado da Bahia. A necessidade de um conglomerado em exigir financiamento público de um estado brasileiro, é de manter a rentabilidade em níveis máximos em face da implacável concorrência internacional.
  • Conglomerados são empresas que abarcam nada menos que dois terços de todo o comércio internacional, isso significa que nesse mundo tão globalizado, receber uma montadora de automóveis, como a Ford, é entrar em contato com o grande fluxo do comércio internacional. Para o Brasil, seria muito bom ter uma empresa assim, pois a tendência de concentração das mercadorias dos megablocos é que aumente ainda mais.
  • FRASE 35
    Os conglomerados necessitam de manter suas taxas altas, pois há uma forte concorrência internacional.Eles se comprometem com seus acionistas e com a bolsa de valores.
    As ações dos conglomerados são negociadas nas principais bolsas e, a partir dos meios de comunicação são mostradas para a comunidade financeira que por sua vez, faz análises financeiras que demonstram a saúde das empresas, assim ela ganha ou perde seu valor nas negociações globais.
    • Os conglomerados são formas evoluídas de monopólio, na qual várias empresas que atuam em setores diversos se unem para tentar dominar determinada oferta de produtos ou serviços.
    • Eles necessitam das relações internacionais, para que a partir das negociações, seus produtos possam ganhar ou perder nos “acordos” globais.Um exemplo de conglomerado é a Mitsubishi, que fabrica desde carros até canetas.
    • Para que os relatórios econômicos das corporações apresentem indicadores bons, os acionistas devem sentir que tem o melhor negócio possível em mãos e quaisquer estratégias são permitidas.
    • Assim pode-se perceber que apesar de as empresas parecerem comprometer-se com o consumidor, o comprometimento maior é com a bolsa de valores.
    COMENTÁRIO
  • Frase 36
    No topo da lista do ranking das maiores corporações globais, observamos que estão as empresas ligadas ao setor da produção de petróleo, e na sequência, montadoras de veículos. Essas empresas são movidas por um grupo de “acionistas” que muitas vezes possuem “ações” em outras empresas também, sendo até “rivais”, além desses grupos, essas empresas assim como a Ford possui um “braço” financeiro, que são muitas vezes organizações bancárias que possuem maior parte nas ações.
    No setor estatal, esse controle é ainda mais impressionante, uma realidade que podemos constar no caso dos chamados Bancos Centrais, que são entidades financeiras de caráter público, mas comandados pelo setor financeiro.
  • Comentário
    O Controle financeiro mundial é representado pelas maiores corporações globais, assim como a Ford, onde o jogo para o ganho de capital é intenso. Assim muitos acionistas possuem ações em mais de uma empresa para evitar uma perda total se houver desequilibrio.
  • Frase 37
    Os diretores dos BCs têm grande poder dado pelo Estado, e ainda reinvidicam a "independência total" dos Bancos Centrais nos Governos. Esse poder está também representado no plano internacional, porque foi através deles que o mundo vive em meio a uma abertura total do capital financeiro e saiu ganhando com a globalização, porque não tem quase limites de circulação nem de acumulação se que não respeita mais fronteiras e decisões dos países. O que, na verdade, anda acontecendo é o oposto, as nações e suas economias dependem do capital estrangeiro.
  • Comentário
    Com a globalização houve uma maior abertura no mercado internacional, não havendo limites de circulação, nem acumulação do capital estrangeiro. Quem saiu ganhando com isso foram os Bancos Centrais, porque eles sobrevivem através do capital estrangeiro, que notavelmente teve maior circulação com a globalização.
    O capital estrangeiro está com tanta importância que, diferente de antes, as nações e suas economias estão dependendo dele.
  • FRASE 38
    É bem verdade que há uma grande diferença entre oferecer dinheiro ao sistema bancário, no caso a caderneta de poupança e tomar dinheiro emprestado, pois neste caso o cidadão coloca-se em posição de desvantagem, pois precisa de algo que não tem: capital. A exploração, com sabe em apenas este motivo, é inevitável. Por outro lado, a farra dos bancos no Brasil é algo escandaloso; extorsivo. É uma verdadeira violência contra o cidadão.
  • EXPLICAÇÃO
    Quando você precisa tomar algo emprestado, no caso o dinheiro, para investir em algo ou para pagar alguma divida, o banco te explora, pois você não tem escolha você terá que pegar aquele dinheiro com ele. Quando você tem dinheiro sobrando e quer investir, no caso a caderneta de poupança, o banco tenta te explorar te oferecendo pouco nos lucros. Essa é a grande diferença entre pegar emprestado e investir, o banco explora o cidadão de uma forma impressionante.
  • Frase 39:A financeirização da economia, a “economia de papel”.
    O capital financeiro tem grande poder de influência em todo o mundo, que por ser globalizado o capital corre cada vez mais rápido em torno do globo.
    Segundo especialistas, o capital especulado é 40 vezes maior que o produzido realmente. Portando, com especulações um país se torna mais ou menos atuante no mercado mundial.
  • Comentário:
    Quem tem o domínio do capital também domina o mundo e assim consegue prevalece-se como potência mundial.
    Existem dois tipos de capital, o financeiro que é o que realmente existe e o capital especulativo que faz parte de um jogo de interesses em que os participantes são os países do mundo todo, porém só alguns deles tem o “poder” para tomar decisões com relação ao mesmo. Tais decisões podem influenciar diretamente na economia de países subdesenvolvidos , que por terem uma economia instável e dependente das potências são incrivelmente afetados .
  • Frase 40
    A liberdade dos fluxos de capital por entre as antigas fronteiras dos estados nacionais é um dos problemas do mundo. Esse problema só existe na atualidade por causa de dois fatores: a existência de uma denominação tecnológica, que possibilita a existência desses problemas, e o interesse que as grandes potencias têm por essa situação , que lhes é totalmente favorável . Geralmente com estabilidade , ou com instabilidade , o capital tende a se direcionar , reproduzir e se concentrar no âmbito dos megablocos , mas principalmente entre as economias denominastes de populações brancas ,menos no Japão.
  • Análise da Frase
    A existencia de uma denominação tecnologica é o interesse que as grandes potências tem no fluxos do capital nas antigas fronteiras dos estados nacionais.
    Um dos grandes problemas que ocorre em um acumulo de dinheiro em alguns países, desta forma alguns países ficam sendo mais beneficiado do que outros.
  • Frase 41
    Com toda a liberdade dos capitais não há como haver um controle total para reforçar a segurança. Devido a esse aspecto existem muitos beneficiados e nem todos eles possuem uma reputação moralista, muito pelo contrário. Parte do dinheiro é utilizada pela imoralidade, o contrabando, o tráfico, a prostituição... Todos eles financiados e beneficiados pela facilidade do mercado financeiro e seus fluxos contínuos.
  • Devido ao fluxo contínuo não há maneira de controlar todo o capital. Por não haver controle o suficiente o mercado negro possui livre acesso a todas as facilidades econômicas que qualquer investidor encontra. Existe muito beneficio nas facilidades encontradas mas toda a imoralidade se esconde por trás delas, o que tem que ser urgentemente revertido.
  • Frase 42
    Toda a estrutura técnica e administrativa dos bancos internacionais, a passividade dos estados mais poderosos do mundo, bem como a estrutura operacional dos países fiscais (praças financeiras onde o sigilo bancário é protegido por lei) espalhados por todo o globo (porém, concentrados na Europa e Américas do norte e central), dão cobertura para a existência de tantas atividades ilegais.
     
  • comentário
    As atividades ilegais estão presentes em todos os lugares, desde um pequeno comércio até os grandes bancos internacionais. Muitas peoas acham que os bancos internacionais e os grandes estados poderosos, por estarem na Europa e Américas do Norte e Central, as regiões mais ricas do mundo, não há atividades ilegais, mas ai que s enganam, pois é nesses locais que são mais freqüentes. Nessas empresas, a maioria dos funcionários são honestos, mais sempre têm aquelas más intencionadas, que acabam fazendo corrupção e, com isso, gerando essas atividades ilegais.
  • Imagens
  • Frase 43
    Com o domínio tecnológico e político das comunicações em diversos países, como o Brasil, a discurssãosobre o fluxo dos capitais, ou de quase toda falta dele, não é mostrado como uma prática pessoal, é um assunto marginalizado. Os defensores da liberdade do capital, muitas vezes não mostram sua opinião a respeito dos fluxos de capitais, mas se isso acontecer, eles falam que o capital sai dos meios onde existe muito controle.
  • Comentário
    O domínio tecnológico e político em todos países, está deixando uma certa preocupação em relação aos fluxos de capitais, pois esse procedimento não é mostrado como uma prática pessoal, é totalmente marginalizado. Muitos defensores da liberdade do capital, afirmam que a saída dos capitais são dos meios onde existe muito controle.
  • Imagem Ilustrativa
  • Frase 44
    A China é o país que mais tem recebido investimentos internacionais e, apesar disso, o Estado não dá liberdade ao fluxo de capital, sendo que nem os bancos internacionais tiveram permissão para funcionar lá. Também a Índia é outro país que movimenta o capital especulativo e tem crescido muito ultimamente e com segurança, alcançando taxas mais altas que a média dos países pobres e que o Brasil.
  • A China é um país que tem crescido muito com os investimentos externos, porém, devido a sua política socialista, não permite que o fluxo de capital ocorra livremente. A Índia é outro país que também tem crescido bastante em cima de capital especulativo. Tem superado vários outros países.Esses dois países representam uma daqueles países denominados emergentes. Além deles podemos citar a Rússia e Brasil, que juntos formam o grupo das “baleias”(BRIC’s – Brasil, Rússia, Índia e China)
  • Frase 45.
    As relações internacionais nos dias atuais buscam apenas o crescimento e o desenvolvimento econômico e tecnológico e visam obter o maior lucro possível mesmo que para isso precisem viver em meio um caos, passando “por cima” dos países pobres onde existe liberdade política de forma verdadeira.
  • Comentário da frase 45.
    Essas relações internacionais nos das de hoje visam apenas o enriquecimento desses países (os mais ricos) sem se importar com a pobreza, a miséria e o caos que o mundo vive. Esses países querem hoje é tecnologia e desenvolvimento econômico mesmo que para isso tenham que cometer irregularidades e injustiças com os demais blocos subdesenvolvidos,que por conta disso sofrem ainda mais para conseguir se desenvolver em todos os setores, tanto econômico, agropecuário, industrial , entre outros.
  • Imagem:
  • Frase 46
    Os grandes conglomerados e países desenvolvidos usam muitas vezes de sua grande influencia para junto de alguns órgãos internacionais ( ONU, FMI, G8, etc...) resolverem os problemas não com a habilidade, e sim gerando destruição e problemas sócio-ambientais e miséria aos países mais pobres.
  • Comentário da Frase 46
    Os organismos mundiais, muitas vezes sofrem influencia dos países mais desenvolvidos a tomarem atitudes que prejudicam os países mais pobres e beneficiam os que exercem maior poder sobre esses organismos, fazendo-os intervir em guerras, muitas vezes desnecessárias. Muitos organismos desarticulam países inteiros, socialmente, economicamente e ambientalmente, deixando a habilidade de lado e usando de destruição para resolver um problema.
  • Imagem
  • FRASE 47
    Os países desenvolvidos contribuem para a produção agrícola, gerando assim mais pobreza aos países pobres, tendo a migração de camponeses para os países capitalistas socialistas. Esses países desenvolvidos querem investir mais em petróleo, e com isso o Oriente Médio fica bastante “vigiado”, gerando assim as organizações terroristas.
  • COMENTÁRIO
    O Primeiro Mundo investe mais em agricultura, não dando muito investimento nos países podres gerando mais miséria. Os Países desenvolvidos preferem mais a exploração de petróleo, mantendo o Oriente Médio sob constante intervenção, pois ele é o maior produtor petrolífero, gerando bastante interesse em grandes potências do mundo inteiro.