ATUALIDADES 2009 – ENEM  <ul><li>http://mariodemori.blogspot.com/ </li></ul><ul><li>http://profmariodemori.blogspot.com/ <...
TEMA 07: AS FONTES DE ENERGIA: BIODÍESEL E CAMADA PRÉ-SAL
PETROBRÁS E PETROSAL !
LEIA A NOTÍCIA ABAIXO:  <ul><li>O presidente Luiz Inácio Lula da Silva decidiu manter o regime de </li></ul><ul><li>urgênc...
<ul><li>Norte </li></ul><ul><li>P.A: 76 mil m 3  – 0,4% </li></ul><ul><li>P.B: 2 mil m 3  – 3,5% </li></ul><ul><li>Nordest...
QUESTÃO 15) A respeito do tema da imagem e do texto de jornal, pode-se afirmar INCORRETAMENTE que, <ul><li>A camada pré-sa...
TEMA 08: MASSACRES EM DARFUR
IMAGENS DE DARFUR...
QUESTÃO 16) A RESPEITO DO TEMA, e seus CONHECIMENTOS, marque a INCORRETA: <ul><li>O conflito de Darfur (ou genocídio de Da...
TEMA 9: NOVA ORDEM MUNDIAL
INDICADORES DOS BRICS
IMAGEM DA VELHA ORDEM...
QUESTÃO 17) Ela e seus conhecimentos sobre NOVA ORDEM MUNDIAL INDICAM: <ul><li>Que a Nova Ordem Mundial desafia o mundo, p...
TEMA 10: TENSÕES INTERNACIONAIS
OBSERVE O MAPA ABAIXO:
OBSERVE MAIS ESTE MAPA:
POR FIM, ESTE MAPA:
QUESTÃO 18)  A respeito dos mapas e de seus conhecimentos sobre o tema, pode-se dizer CORRETAMENTE:  <ul><li>Todos os conf...
TEMA 11: IRAQUE: SEIS ANOS DEPOIS !
O IRAQUE...
SEIS ANOS DEPOIS...
IMAGENS DA OCUPAÇÃO
QUESTÃO 19) A respeito da CHARGE  e seus conhecimentos sobre o tema, marque a INCORRETA: <ul><li>a) O Iraque é um país pro...
TEMA 12: EX-IUGOSLÁVIA E KOSOVO!
MAPA DE KOSOVO...
LEIA A NOTÍCIA ABAIXO:  <ul><li>No domingo (17), o Parlamento de Kosovo declarou sua independência da Sérvia. A decisão, u...
QUESTÃO 20) A respeito do tema EX-IUGOSLÁVIA e KOSOVO, pode-se afirmar CORRETAMENTE:  <ul><li>Esta república recém declara...
TEMA 13: TESTES NUCLEARES DA CORÉIA DO NORTE !
QUESTÃO 21) Pode-se afirmar sobre o país acima, marque a INCORRETA <ul><li>O Conselho de Segurança da ONU estuda novas san...
TEMA 14: DESTINO DO LIXO MUNDIAL !
LEIA A INFORMAÇÃO ABAIXO:  <ul><li>A descoberta de contêineres provenientes do REINO UNIDO, com 1.500 toneladas de lixo tó...
NOTÍCIAS DE JORNAL !  <ul><li>Brasil descarta 230 mil toneladas de resíduos por dia </li></ul><ul><li>Segundo o Instituto ...
QUESTÃO 22) LEIA AS FRASES ABAIXO SOBRE O TEMA:  <ul><li>1 -  Um dos países que mais faturam com o lixo é a CHINA. Os chin...
TEMA 15: IRÃ E SEU PRESIDENTE REELEITO!
MAPA DO IRÃ!
PAÍS DOS AIATOLÁS !
QUESTÃO 23) TENDO EM VISTA AS INFORMAÇÕES SOBRE O IRÃ, PODE-SE DIZER  INCORRETAMENTE :  <ul><li>O Irã, com 65,8 milhões de...
TEMA 16: 5 ANOS ATENTADOS EM MADRI !
LEIA AS MANCHETES DE JORNAIS ABAIXO SOBRE O TEMA:
QUESTÃO 24) A RESPEITO DO TEMA, PODE-SE CONCLUIR CORRETAMENTE QUE:   <ul><li>a)  Os atentados em nada tiveram a ver com o ...
TEMA 17: GUERRA NO AFEGANISTÃO !
UMA IMAGEM QUE TUDO MOSTRA...
MAPA DO AFEGANISTÃO !
QUESTÃO 25)  A RESPEITO DO TEMA DAS IMAGENS ANTERIORES, PODE-SE FAZER VÁRIAS AFIRMAÇÕES:  <ul><li>1 -  A luta contra o ter...
TEMA 18: PAÍSES CRIAM AGRUPAMENTOS COMERCIAIS
COMPARATIVOS
IMAGENS DOS BLOCOS
QUESTÃO 26) A RESPEITO DO TEMA BLOCOS ECONÔMICOS, PODE-SE AFIRMAR  INCORRETAMENTE  QUE: <ul><li>Chamamos, hoje, de União E...
QUESTÃO 27) O Mercosul foi acelerado em 1º de janeiro de 1995, através do Tratado de Assunção.Estabelece como meta a criaç...
TEMA 19: AIDS NA ÁFRICA
MAIS MAPAS...
AIDS ASSUSTA NA ÁFRICA...
ENQUANTO ISSO, NO BRASIL ...
QUESTÃO 28)  A RESPEITO DA AIDS NA ÁFRICA E SEUS CONHECIMENTOS, AFIRMA-SE: <ul><li>1 - A pobreza, a falta de informação e ...
TEMA 20: A CHINA MUDANDO O TEMPO...
IMAGENS DIZEM TUDO...
PODE-SE MUDAR O TEMPO ?  <ul><li>Chineses em guerra contra chuva, 24/09/2009  </li></ul><ul><li>Os chineses não têm intenç...
QUESTÃO 29) Tendo em vista as IMAGENS, e o texto jornalístico sobre a CHINA, e seus conhecimentos, pode-se afirmar INCORRE...
TEMA 21:  100 ANOS DE IMIGRAÇÃO JAPONESA NO BRASIL <ul><li>Em 18 de junho de 1908, desembarcaram os primeiros imigrantes j...
Você sabia quem eram os:  Isseis  - imigrantes; nisseis (filhos de imigrantes); sanseis (netos dos imigrantes); yonseis (b...
Distribuição dos imigrantes oriundos do Japão, naturais e brasileiros, segundo as Unidades da Federação - 1940/1950 (Regiõ...
QUESTÃO 30) A respeito da IMIGRAÇÃO JAPONESA para o Brasil e seus conhecimentos MARQUE A  INCORRETA:  <ul><li>No começo do...
TEMA 22: ACORDO DE COPENHAGUE
NOTÍCIAS DE JORNAIS <ul><li>ONU diz que falta de acordo sobre o clima em Copenhague seria imperdoável </li></ul><ul><li>Ca...
QUESTÃO 31) A respeito do tema descrito e seus conhecimentos sobre CORDODS DO CLIMA, pode-se dizer:  <ul><li>1  - Foi em 1...
TEMA 23: APARTHEID NA ÁFRICA DO SUL
IMAGENS SOBRE O TEMA...
QUESTÃO 32) Sobre o APARTHEID, pode-se afirmar:  <ul><li>1 - Apartheid foi uma política de segregação racial desenvolvida ...
TEMA 24: BIODIVERSIDADE DA AMAZÔNIA
LEIA O TEXTO ABAIXO:  <ul><li>A Biodiversidade desta região é única e uma das mais ricas do mundo. Estima-se em cerca de u...
AGORA OBSERVE AS IMAGENS
OBSERVE A CHARGE ABAIXO...
ANALISE  O GRÁFICO ABAIXO:
ANALISE A TABELA ABAIXO:
QUESTÃO 33) A floresta Amazônica é densa e fechada, o que dificulta a sua penetração e ocupação, higrófita (adaptada a gra...
<ul><li>QUESTÃO 34) Calcula-se que 78% do desmatamento na Amazônia tenha sido motivado pela pecuária — cerca de 35% do reb...
<ul><li>A partir da situação-problema descrita, conclui-se que: </li></ul><ul><li>a)  o desmatamento na Amazônia decorre p...
TEMA 25: A GUERRA NA BÓSNIA !
IMAGENS DA GUERRA
IMAGENS
LEIA NOTÍCIA ABAIXO.. <ul><li>Um dos foragidos mais procurados do mundo, o ex-presidente sérvio da BOSNIA  Radovan Karadzi...
QUESTÃO 35) A respeito do tema GUERRA NA BÓSNIA, pode-se afirmar: <ul><li>1 -  Alvo de disputas de longa data, a Região do...
TEMA 26: O G-20, G-8 !
FOTO ÚLTIMA REUNIÃO..
QUESTÃO 36) A respeito do G-20, pode-se afirmar  INCORRETAMENTE:   <ul><li>G20 (países industriais) é um grupo que integra...
TEMA 27: A ECONOMIA MUNDIAL INFLUENCIA A SOCIDADE
LEIA AS INFORMAÇÕES ABAIXO... <ul><li>À medida que uma série de indicativos macroeconômicos demonstra sinais de proximidad...
VEJA A IMAGEM ABAIXO...
QUESTÃO 37 )  A economia mundial influencia outros setores da sociedade. Sobre esse tema, considere as seguintes afirmativ...
TEMA 28: O CASO DE HONDURAS
MAPA DO PAÍS...
E AÍ... Direto ao ponto  •   28/06/09: golpe de Estado depôs Manuel Zelaya, presidente de Honduras.  Causas •  Para se ree...
ENTENDA O CASO...
JORNAIS NOTICIAM O CASO...
QUESTÃO 38)  O GOLPE DE ESTADO que depôs o presidente de HONDURAS, Manuel Zelaya, no último dia 28 de junho, isolou o país...
TEMA 29: RESERVA RAPOSA SERRA DO SOL
QUESTÃO 39) A complexa trama de interesses por trás das condições de demarcação da  RESERVA INDÍGENA RAPOSA SERRA DO SO, e...
ESTÃO CORRETAS:  <ul><li>Todas as frases.  </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2,3 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as fras...
TEMA 30: INDICADORES ECONÔMICOS
QUESTÃO 40) O gráfico abaixo se refere a um aspecto da GLOBALIZAÇÂO: OS JUROS aplicados por países para atrair ou não apit...
TEMA 31: RODADA DE DOHA
IMAGEM DIZ TUDO...
NOTÍCIAS DE JORNAL... <ul><li>Os líderes do G-20 prometeram reduzir gradualmente, &quot;no médio prazo&quot;, os subsídios...
QUESTÃO 41)  NO DIA 30/7/08 a BBC afirmava: “Depois de mais de uma semana de reuniões em Genebra, na Suíça, o diretor-gera...
TEMA 32: TIMOR LESTE : 10 ANOS DEPOIS
NOTÍCIAS DE JORNAL <ul><li>31/08/2009  </li></ul><ul><li>Neste domingo, 30, o Timor Leste celebrou os dez anos do referend...
QUESTÃO 42) Com base em seus conhecimentos sobre o tema, pode-se afirmar: <ul><li>1  -  Com a Revolução dos Cravos em Port...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Atualidades Enem 2009 Parte 02

4,084 views
3,945 views

Published on

ATUALIDADES ENEM - 2009 - PARTE 02

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
4,084
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2,331
Actions
Shares
0
Downloads
77
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Atualidades Enem 2009 Parte 02

  1. 1. ATUALIDADES 2009 – ENEM <ul><li>http://mariodemori.blogspot.com/ </li></ul><ul><li>http://profmariodemori.blogspot.com/ </li></ul><ul><li>http://opinioesdetodoseasminhas.blogspot.com/ </li></ul><ul><li>http://ageografiaemnossodiaadia.blogspot.com/ </li></ul><ul><li>http://geografiaemdia.blogspot.com/ </li></ul><ul><li>http://focosdetensoesinternacionais.blogspot.com/ </li></ul><ul><li>http://imagensdomundodehoje.blogspot.com/ </li></ul>
  2. 2. TEMA 07: AS FONTES DE ENERGIA: BIODÍESEL E CAMADA PRÉ-SAL
  3. 3. PETROBRÁS E PETROSAL !
  4. 4. LEIA A NOTÍCIA ABAIXO: <ul><li>O presidente Luiz Inácio Lula da Silva decidiu manter o regime de </li></ul><ul><li>urgência constitucional para os quatro projetos, enviados ao Congresso, que definirão as regras para a exploração de petróleo na camada pré-sal. Os quatro projetos encaminhados pelo governo ao Congresso alteram a legislação atual que regulamenta a política energética nacional e as atividades referentes ao monopólio do petróleo. Entre elas, a criação da Petro-sal, para administrar a exploração, e a criação do Fundo Social (FS), para onde irão os recursos do pré-sal. Os rendimentos vão financiar projetos sociais, ambientais e tecnológicos, segundo o governo. A exploração do petróleo da camada pré-sal deve exigir da Petrobras, nos próximos cinco anos, um investimento adicional de cerca de US$ 10 bilhões, além do orçamento previsto para o período, que é de US$ 30 bilhões. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>Norte </li></ul><ul><li>P.A: 76 mil m 3 – 0,4% </li></ul><ul><li>P.B: 2 mil m 3 – 3,5% </li></ul><ul><li>Nordeste </li></ul><ul><li>P.A: 1.572 mil m 3 – 8,9% </li></ul><ul><li>P.B: 35 mil m 3 – 50,5% </li></ul><ul><li>Sudeste </li></ul><ul><li>P.A: 12.478 mil m 3 – 70,2% </li></ul><ul><li>P.B: 22 mil m 3 – 31,3% </li></ul><ul><li>Centro-Oeste </li></ul><ul><li>P.A: 2.329 mil m 3 – 13,1% </li></ul><ul><li>P.B: 10 mil m 3 – 14,7% </li></ul><ul><li>Sul </li></ul><ul><li>P.A: 1.308 mil m 3 - 7,4% </li></ul><ul><li>Legenda </li></ul><ul><li>P.A: produção de álcool </li></ul><ul><li>P.B: produção de biodiesel </li></ul><ul><li>%: do Brasil </li></ul><ul><li>PRODUÇÃO DE ÁLCOOL E BIODÍESEL POR REGIÃO </li></ul><ul><li>2006 </li></ul><ul><li>Total Brasil </li></ul><ul><li>P.A: 17.763 milm 3 </li></ul><ul><li>P.B: 69 mil m 3 </li></ul>
  6. 6. QUESTÃO 15) A respeito do tema da imagem e do texto de jornal, pode-se afirmar INCORRETAMENTE que, <ul><li>A camada pré-sal é um gigantesco reservatório de petróleo e gás natural, localizado nas Bacias de Santos, Campos e Espírito Santo (região litorânea entre os estados de Santa Catarina e o Espírito Santo). Estas reservas estão localizadas abaixo da camada de sal (que podem ter até 2 km de espessura). Portanto, se localizam de 5 a 7 mil metros abaixo do nível do mar. </li></ul><ul><li>A camada do pré-sal está localizada em terrenos antigos e resultantes da erosão glacial, pertencentes a uma formação geológica cristalina, que torna possível tal exploração em todas as porções continentais, ou que estejam em proximidade com litorais cheios deste tipo de terreno. O Brasil, assim como países do Hemisfério Norte, estão com tal potencial, e que sendo explorados, tornará o Brasil, assim como países da Europa, tipo Inglaterra, Islândia, grandes produtores e até exportadores de petróleo. </li></ul><ul><li>O governo considera criar uma nova estatal para administrar os mega-campos, que contrataria outras petrolíferas para a exploração --isso porque os custos de exploração e extração são altíssimos. Os motivos alegados no governo para não entregar a região à exploração da Petrobras são a participação de capital privado na empresa e o risco de a empresa tornar-se poderosa demais. </li></ul><ul><li>Além das questões financeiras envolvidas, existe uma decisão a ser adotada com urgência, que diz respeito à definição de um novo marco regulatório. Ele é importante porque vai dizer como investir e administrar o &quot;prêmio&quot; da loteria da natureza. A nova regulamentação vai dizer quem vai poder explorar os campos, quais serão os ganhos dos governos (Federal e Estadual) e para que áreas os recursos serão destinados (educação, por exemplo). Enfim, como será a partilha do bolo. </li></ul><ul><li>Depois do anúncio da descoberta de reservas na escala de vários bilhões de barris, em todo o mundo começaram processos de exploração em busca de petróleo abaixo das rochas de sal nas camadas profundas do subsolo marinho. Atualmente as principais áreas de exploração petrolífera com reservas potenciais ou prováveis já identificadas na faixa pré-sal estão no litoral do Atlântico Sul . Na porção sul-americana está a grande reserva do pré-sal no Brasil, enquanto, no lado africano, existem áreas pré-sal em exploração no Congo ( Brazville) e no Gabão. Também existem áreas pré-sal sendo exploradas Golfo do México e no Mar Cáspio , na zona marítima pertencente ao Cazaquistão. </li></ul>
  7. 7. TEMA 08: MASSACRES EM DARFUR
  8. 8. IMAGENS DE DARFUR...
  9. 9. QUESTÃO 16) A RESPEITO DO TEMA, e seus CONHECIMENTOS, marque a INCORRETA: <ul><li>O conflito de Darfur (ou genocídio de Darfur) é um conflito armado em andamento na região de Darfur, no oeste do Sudão, que opõe principalmente os janjawid - milicianos recrutados entre os bagarra, tribos nômades africanas de língua árabe e religião muçulmana - e os povos não-árabes da área. </li></ul><ul><li>Darfur fica localizado em uma região muito rica, cheia de minérios, como ferro, manganês e principalmente carvão mineral, e isso tem sido considerado a principal causa dos conflitos na região. </li></ul><ul><li>O governo sudanês, embora negue publicamente que apóia os janjawid, tem fornecido armas e assistência e tem participado de ataques conjuntos o grupo miliciano. </li></ul><ul><li>O conflito iniciou-se, oficialmente, em fevereiro de 2003, com o ataque de grupos darfurianos rebeldes a postos do governo sudanês na região, mas suas origens remontam a décadas de abandono e descaso do governo de Cartun, eminentemente árabe, para com as populações que vivem neste território. </li></ul><ul><li>A combinação de décadas de secas, dsertificação e superpopulação estão entre as causas do conflito de Darfur, onde os nômades árabes baggara, em procura por água, levam seu rebanho para o sul, uma terra ocupada predominantemente por comunidades agrárias de negros africanos. </li></ul>
  10. 10. TEMA 9: NOVA ORDEM MUNDIAL
  11. 11. INDICADORES DOS BRICS
  12. 12. IMAGEM DA VELHA ORDEM...
  13. 13. QUESTÃO 17) Ela e seus conhecimentos sobre NOVA ORDEM MUNDIAL INDICAM: <ul><li>Que a Nova Ordem Mundial desafia o mundo, pois criou um espaço global bipolar e dicotômico. </li></ul><ul><li>Que a Nova Ordem é Multipolar e Pluralista, onde cada realidade possui múltiplas forma de serem entendidas. </li></ul><ul><li>Que os EUA saíram nela com poderes relativamente menores do que a URSS, que saiu fortalecido na mesma. </li></ul><ul><li>Que os Poderes globais atualmente estão centrados na visão militar e belicista em detrimento do econômico. </li></ul><ul><li>Que representa uma visão ainda meramente política dos fatos mundiais, onde cada país tem representatividade superior à ordem anterior. </li></ul>
  14. 14. TEMA 10: TENSÕES INTERNACIONAIS
  15. 15. OBSERVE O MAPA ABAIXO:
  16. 16. OBSERVE MAIS ESTE MAPA:
  17. 17. POR FIM, ESTE MAPA:
  18. 18. QUESTÃO 18) A respeito dos mapas e de seus conhecimentos sobre o tema, pode-se dizer CORRETAMENTE: <ul><li>Todos os conflitos e tensões citados, são causados pelos mesmos objetivos, o fundamentalismo religioso. </li></ul><ul><li>Os conflitos estão localizados em áreas estratégicas do mundo, pois tanto na Europa, África e Ásia, respectivamente, possuem, nas áreas citadas, riquezas minerais destacadas. </li></ul><ul><li>Todos os conflitos citados, possuem algo em comum: estão localizados em áreas de posição estratégica, seja para passagem de oleodutos, gasodutos, passagem de navios petroleiros, e seja, pela proximidade do mar. </li></ul><ul><li>Os conflitos estão localizados em áreas de importância secundária nas relações inter-regionais e intra-regionais de seus respectivos continentes. </li></ul><ul><li>Os conflitos citados estão associados, respectivamente a fatores religiosos, econômicos e políticos. </li></ul>
  19. 19. TEMA 11: IRAQUE: SEIS ANOS DEPOIS !
  20. 20. O IRAQUE...
  21. 21. SEIS ANOS DEPOIS...
  22. 22. IMAGENS DA OCUPAÇÃO
  23. 23. QUESTÃO 19) A respeito da CHARGE e seus conhecimentos sobre o tema, marque a INCORRETA: <ul><li>a) O Iraque é um país produtor de petróleo e se localiza no oriente Médio. </li></ul><ul><li>b) O Iraque quando foi invadido era governado por um ditador chamado Saddan Hussein. </li></ul><ul><li>c) O Iraque foi invadido por suspeitas dos EUA de o mesmo ter armas de destruição de massa. </li></ul><ul><li>d) O Iraque foi invadido por que é um país onde a maioria da população professa o hinduísmo, e isso gerou atritos com o vizinho Irã, país islâmico, daí a intervenção dos EUA. </li></ul><ul><li>e) A Invasão do Iraque faz parte da estratégia Americana de “ataque preventivo” típica da chamada Doutrina Bush. </li></ul>
  24. 24. TEMA 12: EX-IUGOSLÁVIA E KOSOVO!
  25. 25. MAPA DE KOSOVO...
  26. 26. LEIA A NOTÍCIA ABAIXO: <ul><li>No domingo (17), o Parlamento de Kosovo declarou sua independência da Sérvia. A decisão, unilateral, foi anunciada pelo premiê Hashem Thaci. Dois dias depois, mais de mil sérvios atacaram os dois postos fronteiriços. </li></ul><ul><li>Após os incidentes, os dirigentes de Belgrado manifestaram preocupação com o ato marcado para a quinta-feira no centro da capital, que poderá ser o maior da história recente da Sérvia. </li></ul><ul><li>&quot;Mas não deve haver violência&quot;, ressaltou o presidente sérvio Boris Tadic. &quot;Os únicos argumentos que nos dão o direito de defender Kosovo são a paz e as ações racionais&quot;, completou. </li></ul><ul><li>A Sérvia considera a independência de Kosovo &quot;um problema político e não militar&quot;, afirmou em Viena o vice-ministro sérvio da Defesa, Dusan Spasojevic, após reunião do conselho permanente da Organização de Segurança e Cooperação na Europa (Osce). </li></ul><ul><li>Ao ser questionado sobre os distúrbios da terça-feira, ele respondeu que a situação é &quot;estável em seu conjunto&quot;, mas que aconteceram &quot;reações muito emocionadas&quot;. </li></ul><ul><li>O ministro sérvio para Kosovo, Slobodan Samardzic, disse que os ataques de terça-feira estão de acordo com a política de seu país. </li></ul><ul><li>Cerca de 40 mil sérvios vivem no norte de Kosovo, de um total de 120 mil. A população de origem albanesa-kosovar é de cerca de dois milhões de pessoas. </li></ul>
  27. 27. QUESTÃO 20) A respeito do tema EX-IUGOSLÁVIA e KOSOVO, pode-se afirmar CORRETAMENTE: <ul><li>Esta república recém declarada independente, era pertencente a Sérvia, que não reagiu diante do movimento separatista. </li></ul><ul><li>Este país se tornou independente, e foi reconhecido internacionalmente por toda a U.E. e principalmente pelos EUA e Rússia, países que mais apoiaram o separatismo. </li></ul><ul><li>A independência de Kosovo foi mais uma etapa no processo de fragmentação da Ex-Iugoslávia, país que sempre esteve ligada a um artificialismo político e étnico, visto ser um caldeirão de etnias. </li></ul><ul><li>a Independência de Kosovo teve apoio da Sérvia, que viu neste separatismo a possibilidade de negociações com as riquezas minerais deste país do Cáucaso. </li></ul><ul><li>Localizado nos Balcãs, Kosovo faz parte da macedônia, e sua separação se tornou perigosa para os planos da União européia, que sonha com a integração intra-regional. </li></ul>
  28. 28. TEMA 13: TESTES NUCLEARES DA CORÉIA DO NORTE !
  29. 29. QUESTÃO 21) Pode-se afirmar sobre o país acima, marque a INCORRETA <ul><li>O Conselho de Segurança da ONU estuda novas sanções à Coréia do Norte como retaliação aos últimos lançamentos de foguetes em seu território. Porém, medidas similares não surtiram efeitos anteriormente. </li></ul><ul><li>Apesar de o país ter sérios problemas sociais, de abastecimento de energia e econômicos, agravados com os embargos da ONU, nada disso impediu que o governo norte-coreano levasse adiante seu programa nuclear. </li></ul><ul><li>Kim Jong-il alega que os testes teriam fins de defesa militar. Porém, a Coréia do Norte possui o quarto maior exército do mundo, com estimados 1, 2 milhão de soldados, munido de poderoso arsenal bélico. </li></ul><ul><li>A Coréia do Norte, considerado um dos últimos “fios” do socialismo aplicado no mundo pós Segunda Guerra, possui um sistema socialista fechado, com uma ditadura e passa por crises humanitárias de fome. </li></ul><ul><li>A Coréia do Norte, faz parte do grupo de países chamados de “Tigres Asiáticos” e com estes testes nucleares, formaliza sua inserção no mundo atômico, com mais poderes dos que já possuem industrialmente. </li></ul>
  30. 30. TEMA 14: DESTINO DO LIXO MUNDIAL !
  31. 31. LEIA A INFORMAÇÃO ABAIXO: <ul><li>A descoberta de contêineres provenientes do REINO UNIDO, com 1.500 toneladas de lixo tóxico, nos portos de Santos (SP) e do Rio Grande do Sul, é apenas uma amostra de um dos maiores problemas enfrentados pelo mundo globalizado. O DESTINO DO LIXO produzido pela sociedade tornou-se um negócio que movimenta bilhões de dólares e envolve desde empresas lícitas até o crime organizado. </li></ul><ul><li>O carregamento que chegou aos portos brasileiros estava &quot;disfarçado&quot; numa carga de lixo reciclável, que é aquele formado por materiais - como plástico, papelão, vidro e alumínio - que podem ser reutilizados pela indústria na fabricação de novos produtos. Autoridades investigam os responsáveis para saber se houve engano ou má-fé no envio dos contêineres. O caso provocou indignação no Brasil. Porém, os comércios legal e clandestino de lixo funcionam há muitos anos, acumulando escândalos desde a década de 1980. O mercado internacional do lixo surgiu da necessidade de se depositar, em algum local, a imensa quantidade de lixo produzido pelos países ricos, bem como da demanda, pelo setor industrial, por materiais recicláveis. </li></ul>
  32. 32. NOTÍCIAS DE JORNAL ! <ul><li>Brasil descarta 230 mil toneladas de resíduos por dia </li></ul><ul><li>Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o lixo doméstico é responsável por mais da metade desse total. </li></ul><ul><li>Uma bióloga da USP ressalta que apenas 2% do lixo doméstico é destinado à coleta seletiva. O restante vai para lixões ou aterros sanitários. E a situação pode ser ainda pior: não é incomum ver empresas contratadas pelos municípios misturarem o lixo separado pela população. </li></ul><ul><li>Mas o problema existe não por falta de leis. Na capital paulista, por exemplo, todos os condomínios com mais de 50 apartamentos são obrigados a ter coleta seletiva, e os shoppings, prédios comerciais e indústrias agora têm que separar os produtos recicláveis, que correspondem a 70% do volume de lixo produzido em um município. </li></ul>
  33. 33. QUESTÃO 22) LEIA AS FRASES ABAIXO SOBRE O TEMA: <ul><li>1 - Um dos países que mais faturam com o lixo é a CHINA. Os chineses compram toneladas de todo tipo de resíduo e usam mão-de-obra barata e disponível - que trabalha em condições muitas vezes degradantes - para extrair a matéria-prima que as empresas tanto precisam. O país é, atualmente, o maior processador do lixo ocidental, e ganha uma fortuna com esse serviço. Não é à toa que uma das mulheres mais ricas do mundo é a chinesa Yan Cheung, que atua no setor de reciclagem de papelão. </li></ul><ul><li>2 - Outro destino comum do lixo tóxico produzido nos países ricos é a ÁFRICA, num comércio clandestino que conta com a falta de fiscalização ou mesmo a corrupção dos governos locais. O crime organizado também investe no negócio, tornando cada vez mais difícil separar o que é lícito e ilícito nesse comércio. </li></ul><ul><li>3 - Para impedir o avanço do lixo nos bolsões de pobreza, em 1992 entrou em vigor a Convenção da Basileia, o principal tratado internacional de controle e regulamentação do comércio de lixo. O documento já foi assinado por mais de 50 países desenvolvidos, incluindo os países da União Europeia (UE). No entanto, os EUA, que possui o maior mercado consumidor do mundo, até hoje não ratificou o tratado. </li></ul><ul><li>4 - A indústria eletrônica é uma das maiores do planeta. Como a demanda do mercado cresce a cada ano - e o tempo de vida útil dos produtos é cada vez mais reduzido -, há um aumento de lixo eletrônico. </li></ul><ul><li>5 - Nos Estados Unidos, 80% do lixo eletrônico é enviado de navio para países asiáticos, como ÍNDIA e China. África e países da América Latina também são destinos comuns para materiais eletrônicos descartados. Em comunidades pobres, computadores de segunda mão são reutilizados, mas boa parte chega sem quaisquer condições de aproveitamento. </li></ul><ul><li>ESTÃO CORRETAS AS INFORMAÇÕES: </li></ul><ul><li>Contidas em todas as frases </li></ul><ul><li>Contidas apenas nas frases 1,2 e 4 </li></ul><ul><li>Contidas nas frases 2,3 e 4 </li></ul><ul><li>Contidas nas frases 3,4 e 5 </li></ul><ul><li>Contidas nas frases 1,2 e 5 </li></ul>
  34. 34. TEMA 15: IRÃ E SEU PRESIDENTE REELEITO!
  35. 35. MAPA DO IRÃ!
  36. 36. PAÍS DOS AIATOLÁS !
  37. 37. QUESTÃO 23) TENDO EM VISTA AS INFORMAÇÕES SOBRE O IRÃ, PODE-SE DIZER INCORRETAMENTE : <ul><li>O Irã, com 65,8 milhões de habitantes, é o quinto maior exportador de PETRÓLEO no mundo, o que desperta interesses de potências como os EUA. Mas o país mantém relações pouco amistosas com a Casa Branca e de hostilidade com Estados de religião sunita no GOLFO PÉRSICO desde a Revolução Iraniana de 1979, que mudou completamente o panorama geopolítico no Oriente Médio. </li></ul><ul><li>O IRÃ está longe de ser uma democracia. O país é uma REPÚBLICA TEOCRÁTICA, em que o poder político e religioso é concentrado na figura do Líder Supremo, o aiatolá Ali Khamenei. É ele quem controla as Forças Armadas, o Poder Judiciário e a imprensa estatal iraniana (radio e TV), além de escolher quem pode concorrer às eleições presidenciais no país. </li></ul><ul><li>A revolução, liderada pelo aiatolá Ruhollah Khoemini (1900-1989), depôs o regime monárquico do xá Mohamed Reza Pahlevi, alinhado ao Ocidente, e instituiu a autoridade máxima religiosa. A primeira consequência bélica da tomada de poder foi a guerra contra o Iraque (1980-1988), governado na época pelo líder sunita Saddam Hussein e que contava com financiamento dos Estados Unidos e de outros países árabes. Os conflitos terminaram com mais de 1 milhão de mortos, a maioria homens adultos. </li></ul><ul><li>O isolamento, somado à recente crise econômica que gerou índice de inflação e desemprego em mais de 20% no país, acirrou o descontentamento das classes urbanas, mais instruídas e não religiosas no Irã, com destaque para mulheres e jovens na campanha pró-reformas. Foram eles que apoiavam o candidato de oposição, Mousavi, mesmo que não fossem esperadas grandes mudanças na condução da política teocrática. </li></ul><ul><li>O Irã possui uma política interna de apaziguamento regional, com relação aos seus principais vizinhos, tais como o Iraque, Israel, Síria e Afeganistão, onde tem acordos comerciais e estratégicos. </li></ul>
  38. 38. TEMA 16: 5 ANOS ATENTADOS EM MADRI !
  39. 39. LEIA AS MANCHETES DE JORNAIS ABAIXO SOBRE O TEMA:
  40. 40. QUESTÃO 24) A RESPEITO DO TEMA, PODE-SE CONCLUIR CORRETAMENTE QUE: <ul><li>a) Os atentados em nada tiveram a ver com o 11 de Setembro, em alusão aos atentados às Torres Gêmeas. </li></ul><ul><li>b) Nas primeiras horas após os atentados, as autoridades espanholas culparam o grupo separatista ETA (Euskadi Ta Askatasuna, que em basco quer dizer &quot;Pátria Basca e Liberdade&quot;), que negou a autoria. </li></ul><ul><li>c) Os atentados foram praticados por movimentos anti-imigantes dentro da Europa e sediados em Madri. </li></ul><ul><li>d) Os atentados tiveram uma reação em cadeia dos países Europeus que passaram a tomar medidas anti-imigrantes, principalmente os de origem islâmica, suspeitos dos atentados. </li></ul><ul><li>e) O caso dos atentados na Espanha, seguiram a lógica da Al Qaeda de atacar todos os países europeus, pois a Espanha foi o primeiro de uma série. </li></ul>
  41. 41. TEMA 17: GUERRA NO AFEGANISTÃO !
  42. 42. UMA IMAGEM QUE TUDO MOSTRA...
  43. 43. MAPA DO AFEGANISTÃO !
  44. 44. QUESTÃO 25) A RESPEITO DO TEMA DAS IMAGENS ANTERIORES, PODE-SE FAZER VÁRIAS AFIRMAÇÕES: <ul><li>1 - A luta contra o terrorismo internacional ganhou um endereço fixo: AFEGANISTÃO, nação pobre, devastada por 30 anos de ocupação estrangeira e que se tornou refúgio de Osama Bin Laden, o TERRORISTA mais procurado do mundo. </li></ul><ul><li>2 - O país também foi eleito o cenário da &quot;guerra de Obama&quot;, desde que o presidente dos EUA, Barack Obama, redirecionou esforços militares para a região, do mesmo modo que George W. Bush, seu antecessor na Casa Branca, fez com o Iraque. </li></ul><ul><li>3 - O objetivo de Barack Obama é reestruturar a economia e a política de Cabul, preparando o país para a retirada das tropas americanas. Outro desafio é enfrentar a complexa geopolítica da região, que vai obrigar os Estados Unidos a afinarem a diplomacia, por exemplo, com um arquiinimigo como o Irã. </li></ul><ul><li>4 - Com mais o efetivo da Otan, o plano é treinar o exército afegão, mal remunerado e despreparado, para manter o domínio sobre os talebans. Também foi anunciado o envio de verbas para o Paquistão combater focos terroristas. </li></ul><ul><li>5 - Há dúvidas, entretanto, se os recursos serão suficientes para trazer estabilidade a um país que há décadas só conhece a guerra e que não parece disposto a abrir mão nem da fé de grupos extremistas nem da produção de ópio. </li></ul><ul><li>ESTÃO CORRETAS AS INFORMAÇÕES: </li></ul><ul><li>Contidas em todas as frases </li></ul><ul><li>Contidas apenas nas frases 1,2 e 4 </li></ul><ul><li>Contidas nas frases 2,3 e 4 </li></ul><ul><li>Contidas nas frases 3,4 e 5 </li></ul><ul><li>Contidas nas frases 1,2 e 5 </li></ul>
  45. 45. TEMA 18: PAÍSES CRIAM AGRUPAMENTOS COMERCIAIS
  46. 46. COMPARATIVOS
  47. 47. IMAGENS DOS BLOCOS
  48. 48. QUESTÃO 26) A RESPEITO DO TEMA BLOCOS ECONÔMICOS, PODE-SE AFIRMAR INCORRETAMENTE QUE: <ul><li>Chamamos, hoje, de União Européia o que surgiu em 1957 como Mercado Comum Europeu , acordo firmado entre seis países da Europa ocidental, integrados à ordem capitalista e à Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), que celebraram sua integração econômica por meio do Tratado de Maastricht. </li></ul><ul><li>O Mercado Comum do Sul foi criado em 1991 pelo Tratado de Assunção, envolvendo Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai, que adotaram políticas de integração econômica que se aceleraram a partir de 1995, com a zona de livre comércio, envolvendo cerca de 90% de mercadorias fabricadas e comercializadas internamente sem tarifas de importação. Convém perceber que alguns setores mantêm barreiras tarifárias. O bloco tem união aduaneira com a padronização das tarifas externas para diversos produtos. </li></ul><ul><li>A Área de Livre Comércio das Américas surge em 1994 com o objetivo de eliminar as barreiras alfandegárias entre os 34 países americanos, exceto Cuba. A instalação efetiva desse bloco estava prevista para 2005/2006, com a abertura total de mercado, fato que não ocorreu. A ALCA é uma manipulação geopolítica norte-americana para manter a hegemonia no continente, anulando blocos menores como o Mercosul, e diminuir a influência da UE na América Latina. </li></ul><ul><li>O Acordo de Livre Comércio da América do Norte é de 1992 e envolve EUA, Canadá e México. Este bloco acelerou a eliminação das barreiras alfandegárias a partir de 1998 e sofreu problemas, como a concorrência da UE e a fragilidade da economia mexicana. </li></ul><ul><li>A Cooperação Econômica da Ásia e do Pacífico é um bloco criado no final da década de 80, mas foi oficializado em 1993, envolvendo mais de vinte países, destacando-se EUA, Japão, Canadá, China, Austrália e os Tigres Asiáticos. Objetiva a unificação econômica apenas para 2020. </li></ul>
  49. 49. QUESTÃO 27) O Mercosul foi acelerado em 1º de janeiro de 1995, através do Tratado de Assunção.Estabelece como meta a criação de uma zona de livre comércio. Os países-membros desse bloco apresentam algumas vantagens para a instalação de empresas, visto que o desenvolvimento socio-econômico desses países é diferenciado. A análise do quadro permite concluir que a correspondência entre vantagens e desvantagens para a instalação de empresas está corretamente atribuída a)  ao Brasil e à Argentina. b)  à Argentina e ao Paraguai. c)  ao Paraguai e ao Uruguai. d)  ao Brasil, ao Paraguai e ao Uruguai. e)  à Argentina, ao Paraguai e ao Uruguai.
  50. 50. TEMA 19: AIDS NA ÁFRICA
  51. 51. MAIS MAPAS...
  52. 52. AIDS ASSUSTA NA ÁFRICA...
  53. 53. ENQUANTO ISSO, NO BRASIL ...
  54. 54. QUESTÃO 28) A RESPEITO DA AIDS NA ÁFRICA E SEUS CONHECIMENTOS, AFIRMA-SE: <ul><li>1 - A pobreza, a falta de informação e as guerras produziram uma bomba de efeito retardado que está dizimando a África: nas duas últimas décadas, a Aids matou milhões de pessoas no continente, quase tanto quanto catástrofes históricas como a gripe espanhola do início do século passado, e a peste negra, na Idade Média. De cada três infectados pela Aids no planeta, dois vivem na África. </li></ul><ul><li>2 - Frágeis economias sofrem impacto da epidemia - O HIV se alastra livre e solto pelo continente, e ainda, com ações muito precisas de todos os governos do continente que tomam medidas preventivas eficazes. </li></ul><ul><li>3 - Muitos africanos ignoram o que seja Aids. Eles acham que a doença é causada apenas pela pobreza, por bruxaria, inveja ou por maldição de espíritos antepassados. Esses mitos aumentam o estigma em torno da Aids, mantida em segredo por doentes e familiares devido ao preconceito e ao isolamento a que são submetidos na comunidade. </li></ul><ul><li>4 - Governo brasileiro assinou convênios de cooperação com países africanos - Para desespero das grandes multinacionais farmacêuticas, o governo brasileiro assinou convênios de cooperação com Angola, Maçambique, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe. A ajuda inclui transferência de tecnologia para a fabricação de medicamentos, treinamento no controle de qualidade das matérias-primas e orientação para a administração correta do tratamento.A guerra de patentes está em vigor na África do Sul. </li></ul><ul><li>ESTÃO CORRETAS : </li></ul><ul><li>Todas as frases. </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,3 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,3 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2 e 3 </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2 e 4 </li></ul>
  55. 55. TEMA 20: A CHINA MUDANDO O TEMPO...
  56. 56. IMAGENS DIZEM TUDO...
  57. 57. PODE-SE MUDAR O TEMPO ? <ul><li>Chineses em guerra contra chuva, 24/09/2009 </li></ul><ul><li>Os chineses não têm intenção de deixar o clima atrapalhar a comemoração dos 60 anos de governo do Partido Comunista. A força-aérea do país vai bombardear as nuvens com dispersores de fumaça para evitar que se forme chuva sobre a cidade de Pequim. </li></ul><ul><li>A iniciativa de se modificar o clima já foi realizada antes para os Jogos Olímpicos de Pequim, no ano passado. Na ocasião foram utilizados 1.100 mísseis dispersores de chuva. </li></ul><ul><li>O país tem um dos mais extensivos programas de criação de chuvas, empregando aproximadamente 50 mil pessoas em todo país. No entanto, o governo admite que ainda existe um limite para seu controle sobre o clima. No dia primeiro de outubro, quando devem acontecer as comemorações, existe uma chance de 30% de chuva. </li></ul>
  58. 58. QUESTÃO 29) Tendo em vista as IMAGENS, e o texto jornalístico sobre a CHINA, e seus conhecimentos, pode-se afirmar INCORRETAMENTE: <ul><li>O desenvolvimento Chinês acelerado tem gerado estas realidades, e isso tende a ser mais acentuado, pois o país usa em seu modelo industrial o Carvão Mineral como energia. </li></ul><ul><li>O desenvolvimento Chinês, pautado nas ZEE’s, interfere neste modelo industrial, onde a atração ao capital externo, leva a industrialização acelerada, e a poluição é consequencia disto. </li></ul><ul><li>As ZEE’s são as únicas áreas da China, onde o controle sobre a poluição possui regras mais rígidas, pois nesta porção do país, ou seja, a leste, a industrialização segue padrões sustentáveis. </li></ul><ul><li>A industrialização Chinesa, do tipo socialismo de mercado, tem atraído capitais internacionais, e gerando uma rápida industrialização, e como consequencia disto, a poluição sem controle. </li></ul><ul><li>Mesmo mostrando todo seu avanço tecnológico, de fazer ou não chover, a China não consegue ainda desenvolver modelos industriais anti-poluição, por isso, as imagens ilustram os problemas ambientais neste país Asiático. </li></ul>
  59. 59. TEMA 21: 100 ANOS DE IMIGRAÇÃO JAPONESA NO BRASIL <ul><li>Em 18 de junho de 1908, desembarcaram os primeiros imigrantes japoneses no porto de Santos, trazidos pelo navio Kasato Maru. Do lado do Japão , a emigração foi um resultado da modernização que marcou uma nova etapa da história japonesa: o país se abriu para o mundo ocidental, celebrou tratados comerciais que, dentre outras coisas, viabilizaram a saída dos trabalhadores japoneses. Nesse período, a política emigratória teve como principal objetivo aliviar as tensões sociais internas advindas da escassez de terras e do endividamento dos trabalhadores rurais, muito em função dos projetos governamentais de modernização. Do lado brasileiro , então, a necessidade da mão-de-obra para substituir o trabalho escravo foi o fator primordial pois, desde a Independência, esta substituição já era uma preocupação das classes dirigentes. No entanto, uma política imigratória mais definida só viria a ganhar importância na agenda governamental, com o fim do tráfico de escravos. </li></ul>
  60. 60. Você sabia quem eram os: Isseis - imigrantes; nisseis (filhos de imigrantes); sanseis (netos dos imigrantes); yonseis (bisnetos dos imigrantes)
  61. 61. Distribuição dos imigrantes oriundos do Japão, naturais e brasileiros, segundo as Unidades da Federação - 1940/1950 (Regiões selecionadas) Unidade da Federação Dados absolutos Proporções por 100.000 1940 1950 1940 1950 Amazonas 305 201 211 156 Pará 467 421 323 326 Minas Gerais 893 917 618 710 Rio de Janeiro 380 1.086 263 841 Distrito Federal 538 392 372 303 São Paulo 132.216 108.912 91.484 84.302 Paraná 8.064 15.393 5.580 11.915 Mato Grosso 1.128 1.172 780 907 Brasil 144.523 129.192 100.000 100.000
  62. 62. QUESTÃO 30) A respeito da IMIGRAÇÃO JAPONESA para o Brasil e seus conhecimentos MARQUE A INCORRETA: <ul><li>No começo do século XX, o Brasil precisava de mão-de-obra estrangeira para as lavouras de café, enquanto o Japão, passava por um período de grande crescimento populacional. A economia nipônica não conseguia gerar os empregos necessários para toda população, então, para suprir as necessidades de ambos países, foi selado um acordo imigratório entre os governos brasileiro e japonês.  </li></ul><ul><li>A maioria dos imigrantes preferiam o estado de São Paulo, pois nesta região já estavam formados bairros e até mesmo colônias com um grande número de japoneses. Porém, algumas famílias espalharam-se para outros cantos do Brasil como, por exemplo, agricultura no norte do Paraná, produção de borracha na Amazônia, plantações de pimenta no Pará, entre outras. </li></ul><ul><li>Os Japoneses contribuíram muito para o final da escravidão no Brasil, pois sua vinda, acaba gerando excesso de mão de obra, geradora, entre muitas outras das pressões de fazendeiros pelo fim do processo de escravidão no Brasil. </li></ul><ul><li>Durante o período da Segunda Guerra Mundial (1939-1945), os japoneses enfrentaram muitos problemas em território brasileiro. O Brasil entrou no conflito ao lado dos aliados, declarando guerra aos países do Eixo (Alemanha, Itália e Japão). Durante os anos da guerra a imigração de japoneses para o Brasil foi proibida e vários atos do governo brasileiro prejudicaram os japoneses e seus descendentes. O presidente Getúlio Vargas proibiu o uso da língua japonesa e as manifestações culturais nipônicas foram consideradas atitudes criminosas. </li></ul><ul><li>Atualmente, o Brasil é o país com a maior quantidade de japoneses fora do Japão. Plenamente integrados à clultura brasileira, contribuem com o crescimento econômico e desenvolvimento cultural de nosso país. Os japoneses trouxeram, junto com a vontade de trabalhar, sua arte, costumes, língua, crenças e conhecimentos que contribuíram muito para o nosso país. Juntos com portugueses, índios, africanos, italianos, espanhóis, árabes, chineses, alemães e muitos outros povos, os japoneses formam este lindo painel multicultural chamado Brasil. </li></ul>
  63. 63. TEMA 22: ACORDO DE COPENHAGUE
  64. 64. NOTÍCIAS DE JORNAIS <ul><li>ONU diz que falta de acordo sobre o clima em Copenhague seria imperdoável </li></ul><ul><li>Capital dinamarquesa sediará evento sobre o tema em dezembro </li></ul><ul><li>O secretário-geral da Organização das Nações Unidas, Ban Ki-moon, disse nesta terça-feira na abertura de uma cúpula sobre mudanças climáticas em Nova York que seria moralmente imperdoável o mundo não chegar a um acordo sobre a redução de emissões de gases de efeito estufa na reunião sobre o tema marcada para dezembro em Copenhague, na Dinamarca. </li></ul><ul><li>Ban convocou os países industrializados e em desenvolvimento a atuarem urgentemente para enfrentar o aquecimento do planeta. A falta de um acordo em Copenhague, segundo ele, teria altos custos políticos e econômicos. O destino das gerações futuras e as esperanças e formas de subsistência de bilhões de pessoas estão literalmente em suas mãos, discursou para líderes mundiais, de acordo com a agência de comunicação da ONU. O presidente chinês, Hu Jintao, prometeu ampliar esforços para uso eficiente de energia - para que seja emitido menos carbono por unidade de energia gerada - e para reduzir as emissões de gases poluentes, de acordo com a BBC Brasil. Hu afirmou que a redução se dará em uma medida importante até 2020, mas não adiantou metas quantitativas. A China é atualmente o maior emissor de gases de efeito estufa. Em seu discurso na cúpula sobre o clima, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse que, por causa das perdas da crise econômica, os países terão mais dificuldade para chegar a um consenso sobre as medidas necessárias para enfrentar as mudanças climáticas até a reunião de Copenhague. Obama disse que os Estados Unidos estão determinados a agir para conter o aquecimento global e irão assumir suas &quot;responsabilidades&quot; em relação ao tema. O presidente da França, Nicolas Sarkozy, defendeu a criação de uma organização mundial para o meio ambiente, que tenha como principal tarefa o acompanhamento dos compromissos assumidos pelos países para reduzir os impactos das mudanças climáticas. Em Copenhague, os 192 países membros da convenção da ONU sobre mudanças climáticas terão que definir um novo acordo climático para regular as emissões de gases de efeito estufa após 2012, quando expira o primeiro período de compromisso do Protocolo de Quioto. </li></ul><ul><li>AGÊNCIA BRASIL </li></ul>
  65. 65. QUESTÃO 31) A respeito do tema descrito e seus conhecimentos sobre CORDODS DO CLIMA, pode-se dizer: <ul><li>1 - Foi em 1988, a primeira reunião entre governantes e cientistas sobre as mudanças climáticas, realizado em Toronto,Canadá., descreveu seu impacto potencial inferior apenas ao de uma guerra nuclear. Desde então, uma sucessão de anos com altas temperaturas têm batido os recordes mundiais de calor, fazendo da década de 1990 a mais quente desde que existem registros. </li></ul><ul><li>2 - Em 1992, mais de 160 governos assinam a Convenção Marco sobre Mudança Climática na ECO-92. O objetivo era “evitar interferências antropogênicas perigosas no sistema climático”. Isso deveria ser feito rapidamente para poder proteger as fontes alimentares, os ecossistemas e o desenvolvimento social. Também foi incluída uma meta para que os países industrializados mantivessem suas emissões de gasesestufa, em 2000, nos níveis de 1990. Também contém o “princípio de responsabilidade comum e diferenciada”, que significa que todos os países têm a responsabilidade de proteger o clima, mas o Norte deve ser o primeira a atuar. </li></ul><ul><li>3 - Em Kyoto, 1997, Japão, é assinado o Protocolo de Kyoto, um novo componente da Convenção, que contém, pela primeira vez, um acordo vinculante que compromete os países do Norte a reduzir suas emissões. </li></ul><ul><li>4 - Os países em desenvolvimento, buscando também ajudar na solução do problema global, ensejam o crescimento com objetivo de reduzir as conseqüências ambientais decorrentes desse crescimento. No caso do Brasil, é pelo fato de usar energia limpa, deve manter a vantagem relativa que possui de pequeno emissor de gases de efeito estufa dado o seu potencial hidrelétrico atual e futuro e o uso de combustíveis renováveis, em particular o álcool. </li></ul><ul><li>5 - O Brasil propôs a adoção de um modelo em que a responsabilidade de cada país para a mudança do clima seja feita não em termos de suas causas, ou seja, das emissões de gases de efeito estufa que originam o problema, mas em termos de seus efeitos - medida pela parcela de contribuição de cada país para o aumento da temperatura média da superfície terrestre - a efetiva mudança de clima provocada por essas emissões. </li></ul><ul><li>ESTÃO CORRETAS: </li></ul><ul><li>Todas as frases. </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2,3 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,3,4 e 5 </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,3 e 5 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,4,e 5 </li></ul>
  66. 66. TEMA 23: APARTHEID NA ÁFRICA DO SUL
  67. 67. IMAGENS SOBRE O TEMA...
  68. 68. QUESTÃO 32) Sobre o APARTHEID, pode-se afirmar: <ul><li>1 - Apartheid foi uma política de segregação racial desenvolvida na África do Sul, elaborada pela descendência direta dos pioneiros que colonizaram o continente africano, sobretudo europeus, dos quais se destacam os holandeses, franceses e alemães, denominados de africânderes. </li></ul><ul><li>2 - O processo de segregação racial na África do Sul teve início ainda no século XVII. Os colonizadores europeus tinham uma concepção de que iriam criar uma sociedade perfeita, e além disso, acreditavam que eram escolhidos por Deus. Desta forma, passaram a colocar em prática a separação entre brancos e negros, separação esta que durou até a década de 90. </li></ul><ul><li>3 - Em 1948, o Apartheid (segregação) se tornou oficial. Conforme a lei, todos os itens deixavam explícitas as restrições aos negros, com intuito de favorecer a minoria branca. A lei era calcada no princípio da conservação e pureza cultural, pois os europeus julgavam sua raça superior. Dentre as restrições impostas pelos brancos aos negros, estão o não acesso ao voto e a proibição de se candidatarem a cargos públicos. </li></ul><ul><li>4 - Através das pressões por parte dos negros segregados e também o embargo econômico implantado pelo governo norte-americano em 1986, o então presidente Frederik de Klerk alterou as leis que restringiam a participação negra e reformulou em sua totalidade sua essência racista, contudo a extinção do Apartheid teve fim somente em 1994, quando Nelson Mandela alcançou a presidência. </li></ul><ul><li>5 – Com o fim do regime, a igualdade racial conseguiu seu pleno êxito a África do Sul, a ponto de atualmente o país ser uma referência de igualdade racial no continente africano, graças às medidas políticas e sociais de inclusão postas em prática por Mandela. </li></ul><ul><li>ESTÃO CORRETAS: </li></ul><ul><li>Todas as frases. </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2,3 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,3,4 e 5 </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,3 e 5 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,4,e 5 </li></ul><ul><li> </li></ul>
  69. 69. TEMA 24: BIODIVERSIDADE DA AMAZÔNIA
  70. 70. LEIA O TEXTO ABAIXO: <ul><li>A Biodiversidade desta região é única e uma das mais ricas do mundo. Estima-se em cerca de um milhão de espécies animais e vegetais, o que representa a metade das espécies registradas em todo o planeta. São cerca de 2500 tipos de peixes, 2500 tipos de pássaros, 3500 tipos de árvores com mais de 30 cm de diâmetro. Esta biodiversidade constitui uma reserva estratégica para a sobrevivência do ser humano. Esta biodiversidade constitui uma considerável reserva de plantas alimentícias, bem como de plantas medicinais. Cerca de 70% dos resultados na medicina moderna, provêm de plantas das florestas tropicais, apenas em cancerologia. Apesar da grande variedade de animais e plantas deste ecossistema, é extremamente sensível à interferência do homem, resultando na perda de inúmeras espécies antes mesmo de sua descoberta. </li></ul>
  71. 71. AGORA OBSERVE AS IMAGENS
  72. 72. OBSERVE A CHARGE ABAIXO...
  73. 73. ANALISE O GRÁFICO ABAIXO:
  74. 74. ANALISE A TABELA ABAIXO:
  75. 75. QUESTÃO 33) A floresta Amazônica é densa e fechada, o que dificulta a sua penetração e ocupação, higrófita (adaptada a grande umidade), perenifólia (apresenta folhas verdes nas copas durante o ano todo), e latifoliada (folhas grandes e largas). Possui grande biodiversidade (variedade de espécies animais e vegetais). Há milhões de anos, a área onde está localizada era um mar e, por isso, ela apresenta solos geologicamente pouco férteis e arenosos. A floresta derruba seus galhos, frutos, folhas, animais morrem, etc. formando uma camada superficial de matéria orgânica que se decompõe e transforma-se em húmus que, por sua vez, alimenta a vegetação. <ul><li>LEVANDO EM CONTA SEUS CONHECIMENTO SOBRE O TEMA, PODE-SE FAZER AFIRMAÇÕES SOBRE A MESMA: </li></ul><ul><li>1 - Ela se auto sustenta, pois se mantém produzindo o seu próprio alimento e criando um ciclo de carbono relativamente fechado. Por isso quando é queimada ou desmatada e se desenvolve a agricultura durante alguns anos, em grandes áreas, a dinâmica da floresta é interrompida e os nutrientes depositados são consumidos. É necessário muito tempo para ela se recuperar ou, pior, a floresta pode entrar em um processo de degradação com processos erosivos intensos. </li></ul><ul><li>2 - A Amazônia é muito importante para o ambiente do planeta pois ela fixa o carbono da atmosfera, através do crescimento das plantas e da fotossíntese, reduzindo, assim, o efeito estufa. Ela reduz a variação da temperatura junto ao Equador, atuando como um aparelho de ar condicionado, caso a floresta não existisse a grande variação diária de temperatura poderia provocar deslocamentos intensos de vento o que mudaria o clima terrestre. </li></ul><ul><li>3 - Há milhões de anos, a área onde está localizada era um mar e, por isso, ela apresenta solos geologicamente pouco férteis e arenosos. A floresta derruba seus galhos, frutos, folhas, animais morrem, etc. formando uma camada superficial de matéria orgânica que se decompõe e transforma-se em húmus que, por sua vez, alimenta a vegetação. </li></ul><ul><li>4 - A Amazônia está sendo destruída por um misto de interesses que vão das madeireiras até as multinacionais que exploram em benefício do controle da biodiversidade até levando a biopirataria, que beneficia as indústrias farmacêuticas do mundo inteiro. </li></ul><ul><li>ESTÃO CORRETAS: </li></ul><ul><li>Todas as frases. </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2,3 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,3,4 e 5 </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,3 e 5 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,4,e 5 </li></ul>
  76. 76. <ul><li>QUESTÃO 34) Calcula-se que 78% do desmatamento na Amazônia tenha sido motivado pela pecuária — cerca de 35% do rebanho nacional está na região — e que pelo menos 50 milhões de hectares de pastos são pouco produtivos. Enquanto o custo médio para aumentar a produtividade de 1 hectare de pastagem é de 2 mil reais, o custo para derrubar igual área de floresta é estimado em 800 reais, o que estimula novos desmatamentos. Adicionalmente, madeireiras retiram as árvores de valor comercial que foram abatidas para a criação de pastagens. Os pecuaristas sabem que problemas ambientais como esses podem provocar restrições à pecuária nessas áreas, a exemplo do que ocorreu em 2006 com o plantio da soja, o qual, posteriormente, foi proibido em áreas de floresta. Época, 3/3/2008 e 9/6/2008 (com adaptações). </li></ul>
  77. 77. <ul><li>A partir da situação-problema descrita, conclui-se que: </li></ul><ul><li>a) o desmatamento na Amazônia decorre principalmente da exploração ilegal de árvores de valor comercial. </li></ul><ul><li>b) um dos problemas que os pecuaristas vêm enfrentando na Amazônia é a proibição do plantio de soja. </li></ul><ul><li>c) a mobilização de máquinas e de força humana torna o desmatamento mais caro que o aumento da produtividade de pastagens. </li></ul><ul><li>d) o superávit comercial decorrente da exportação de carne produzida na Amazônia compensa a possível degradação ambiental. </li></ul><ul><li>e) a recuperação de áreas desmatadas e o aumento de produtividade das pastagens podem contribuir para a redução do desmatamento na Amazônia. </li></ul>
  78. 78. TEMA 25: A GUERRA NA BÓSNIA !
  79. 79. IMAGENS DA GUERRA
  80. 80. IMAGENS
  81. 81. LEIA NOTÍCIA ABAIXO.. <ul><li>Um dos foragidos mais procurados do mundo, o ex-presidente sérvio da BOSNIA Radovan Karadzic (1992/1996), conhecido como o &quot;Carniceiro de Belgrado&quot;, foi preso em julho de 2008. Foragido havia 12 anos, o ex-presidente é acusado de ter ordenado crimes de guerra que incluem o pior massacre da EUROPA desde o final da SEGUNDA GUERRA MUNDIAL (1939/45), quando 8.000 homens e meninos muçulmanos foram mortos, enquanto milhares de mulheres foram estupradas. A guerra, que se estendeu de 1992 a 1995, deixou cerca de 250 mil mortos e 1,8 milhão de refugiados. A Guerra da Bósnia começou quando nacionalistas bósnios de etnia sérvia tentaram evitar que a Bósnia-Herzegovina se separasse do que restava da antiga Iugoslávia. Além do massacre já citado, Karadzic também coordenou um cerco de três anos à cidade de Sarajevo, que provocou 12 mil mortes. Depois da prisão em local que não foi revelado pelas autoridades sérvias, o ex-presidente será extraditado pra o Tribunal das Nações Unidas para a ex-Iugolávia, em Haia. </li></ul>
  82. 82. QUESTÃO 35) A respeito do tema GUERRA NA BÓSNIA, pode-se afirmar: <ul><li>1 - Alvo de disputas de longa data, a Região dos Bálcãs sofre ainda hoje com os conflitos e guerras que se originam na diversidade étnica, cultural e religiosa daquela região. No ano de 1929, a criação do Estado Iugoslavo colocou esse conjunto de nações unidas sobre a égide do governo repressor de Alexandre I. </li></ul><ul><li>2 - A Guerra da Bósnia envolveu três grupos étnicos e religiosos, disputando territórios na região da Bósnia-Herzegovina: os sérvios, cristãos ortodoxos, os croatas, católicos romanos, e os bósnios, muçulmanos e se estendeu até dezembro de 1995, atingindo também a Croácia. Foi o mais longo e violento conflito na Europa depois da 2ª guerra mundial e deixou um saldo de 200 mil mortos e um rastro de destruição. </li></ul><ul><li>3 - Sob a liderança do general Broz Tito, a Iugoslávia foi conduzida por um governo personalista onde práticas ditatoriais e ações de natureza aparentemente socialista fizeram seu governo perdurar até o início dos anos 80. Com sua morte, vários movimentos nacionalistas exigiram a construção de diversas repúblicas independentes na região balcânica. </li></ul><ul><li>4 - Entre 1992 e 1995, a repressão iugoslava contra os separatistas sagrou um período de extrema violência e perseguição étnico-religiosa contra bósnios muçulmanos e croatas. Essa situação conflituosa acabou quando o Acordo de Paz de Dayton estabeleceu os limites da soberania territorial sérvia. Em 1997, Milosevic tornou-se presidente da nova República da Iugoslávia. </li></ul><ul><li>5 - No ano de 2001, Milosevic foi preso acusado de má administração dos recursos públicos e prática de crimes de guerra. Julgado e condenado pelo Tribunal Internacional de Haia, Milosevic faleceu na cadeia, em março de 2006. Em 2003, a Iugoslávia se transformou em Sérvia e Montenegro. Três anos depois, no plebiscito de maio de 2006, a população montenegrina decidiu tornar-se independente da Sérvia. </li></ul><ul><li>ESTÃO CORRETAS: </li></ul><ul><li>Todas as frases. </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2,3 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,3,4 e 5 </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,3 e 5 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,4,e 5 </li></ul>
  83. 83. TEMA 26: O G-20, G-8 !
  84. 84. FOTO ÚLTIMA REUNIÃO..
  85. 85. QUESTÃO 36) A respeito do G-20, pode-se afirmar INCORRETAMENTE: <ul><li>G20 (países industriais) é um grupo que integra as maiores potências do mundo. O principal objetivo do G20 é discutir e desenvolver uma política que promove o &quot;crescimento sustentável&quot; da economia mundial. </li></ul><ul><li>Promovem uma discussão entre os principais países industriais e emergentes do mercado, procurando assim uma estabilidade financeira entre os mesmos. </li></ul><ul><li>O Brasil, a Rússia, a Índia e a China, o chamado BRIC, se tornou referência na última reunião por serem países que estão em ritmo de crescimento acelerado, mesclando, liberdade, democracia e direitos humanos respeitados. </li></ul><ul><li>O poder de influência do G-20 foi confirmado na fase final das negociações que levaram ao acordo-quadro. Graças aos esforços do G-20, o acordo-quadro adotado reflete todos os objetivos negociadores do Grupo na fase inicial de negociações da Rodada de Doha: (I) ele respeita o mandato de Doha e seu nível de ambição; (II) aponta para resultados positivos das negociações de modalidades; e (III) representa, além disso, uma melhoria substantiva em relação ao texto submetido em Cancun, em todos os aspectos da negociação agrícola. </li></ul><ul><li>Durante as próximas negociações de modalidades, o G-20 manter-se-á engajado nas negociações, intensificará sua coordenação interna e seus esforços de interação com outros grupos, visando à promoção dos interesses dos países em desenvolvimento nas negociações agrícolas. </li></ul>
  86. 86. TEMA 27: A ECONOMIA MUNDIAL INFLUENCIA A SOCIDADE
  87. 87. LEIA AS INFORMAÇÕES ABAIXO... <ul><li>À medida que uma série de indicativos macroeconômicos demonstra sinais de proximidade do fim da crise financeira, a economia mundial e até a geopolítica parecem apontar para o nascimento de uma nova ordem, na qual o Brasil deverá aparecer como um protagonista com maior importância relativa. Trata-se de um processo em andamento, que começou com a estabilização econômica da década passada, consolidou-se com a responsabilidade fiscal e ganhou consistência com a coerência com que o país busca suas metas, cumpre seus compromissos e projeta seu futuro. Os resultados já apareceram. O principal teste foi o da crise global. Essa nova condição brasileira impõe obrigações e responsabilidades, tanto interna quanto externamente, que não podem ser negligenciadas ou postas em risco, especialmente num ano eleitoral. </li></ul>
  88. 88. VEJA A IMAGEM ABAIXO...
  89. 89. QUESTÃO 37 ) A economia mundial influencia outros setores da sociedade. Sobre esse tema, considere as seguintes afirmativas: <ul><li>1. O atual modelo assumido pela economia mundial coloca países subdesenvolvidos e desenvolvidos em um mesmo patamar socioeconômico e cultural. </li></ul><ul><li>2. A presença da rede McDonald’s em países como a Índia e a China mostra a eficácia dos modelos de consumo ocidentais difundidos pela ruptura de barreiras comerciais. </li></ul><ul><li>3. Cuba é um dos poucos países do mundo ocidental que se mantém fora do circuito mundial do comércio, da informação e da comunicação, embora na atualidade se verifiquem algumas mudanças na participação cubana nesses setores. </li></ul><ul><li>4. A abertura econômica da China tem sido acompanhada por um acelerado processo de democratização do país. </li></ul><ul><li>  Assinale a alternativa correta. </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>Somente as afirmativas 2 e 3 são verdadeiras. </li></ul><ul><li>Somente a afirmativa 1 é verdadeira. </li></ul><ul><li>Somente as afirmativas 2 e 4 são verdadeiras. </li></ul><ul><li>Somente as afirmativas 1, 2 e 3 são verdadeiras. </li></ul><ul><li>Somente as afirmativas 1, 3 e 4 são verdadeiras. </li></ul>
  90. 90. TEMA 28: O CASO DE HONDURAS
  91. 91. MAPA DO PAÍS...
  92. 92. E AÍ... Direto ao ponto • 28/06/09: golpe de Estado depôs Manuel Zelaya, presidente de Honduras. Causas • Para se reeleger, Zelaya queria mudar a Constituição com um referendo popular. • Constituição de Honduras não permite a reeleição. • Congresso, Suprema Corte e Ministério Público se opuseram. Zelaya insistiu. • Diante do impasse, o Exército interveio, depondo Zelaya. Desdobramentos • Maioria dos países americanos opôs-se ao golpe e faz pressões diplomáticas pela volta de Zelaya. • Procura-se solução negociada entre o atual presidente, Roberto Micheletti e os partidários de Zelaya, com a mediação de Óscar Arias, presidente da Costa Rica e prêmio Nobel da Paz.
  93. 93. ENTENDA O CASO...
  94. 94. JORNAIS NOTICIAM O CASO...
  95. 95. QUESTÃO 38) O GOLPE DE ESTADO que depôs o presidente de HONDURAS, Manuel Zelaya, no último dia 28 de junho, isolou o país diplomaticamente e reviveu um clima de precariedade política que marcou a AMÉRICA CENTRAL durante todo o século 20. Neste período, a região foi palco de golpes militares e laboratórios de regimes comunistas, à sombra dos ESTADOS UNIDOS. TENDO COMO BASE ESTA SITUAÇÃO: <ul><li>1 - A crise começou com a tentativa do presidente deposto de fazer, sem apoio político ou amparo legal, um referendo popular para tentar mudar a Constituição do país, com o objetivo de permitir a reeleição presidencial. Zelaya foi eleito em 2005 por um partido de centro-direita, mas durante o governo deu uma guinada e se aliou ao presidente da Venezuela de Hugo chaves, para obter concessões com a importação de petróleo venezuelano. </li></ul><ul><li>2 - Honduras é um dos países mais pobres da América Central, com 7,79 milhões de habitantes concentrados numa área pouco maior que o Estado de Pernambuco. O país passou por uma sucessão de golpes de Estado durante o século passado, que incluiu 25 anos de regime militar até a redemocratização, no começo dos anos de 1980. </li></ul><ul><li>3 - Externamente, como era de se esperar, a medida não encontrou respaldo, e o governo que assumiu foi considerado ilegítimo e condenado por todos os países das Américas, até antagônicos como Venezuela e Estados Unidos. O país foi suspenso da Organização dos Estados Americanos (OEA), numa decisão raras vezes adotada. Outros países que sofreram a mesma sanção foram Cuba, em 1962, por seu alinhamento com a ex-URSS, e Haití, em 1991, depois também de um golpe de Estado. </li></ul><ul><li>4 - O país vive hoje um impasse: sem condições políticas internas para repor o presidente eleito ao cargo, atendendo os apelos da comunidade internacional, e ao mesmo tempo sem apoio para perpetuar um governo sem legitimidade. Uma possível saída, que consta na pauta de discussão entre Zelaya e Micheletti, é a antecipação das eleições presidenciais. Será mais uma tentativa de salvar uma democracia de saúde tão frágil em Honduras. </li></ul><ul><li>5 – A participação do Brasil neste caso se dá pela permissão em sua embaixada da entrada e estadia do presidente deposto, este fato fez o Brasil entrar no caso, e as críticas a esta ação tem gerado problemas diplomáticos do país junto à ONU, que não aceitou a atuação do Brasil. </li></ul><ul><li>ESTÃO CORRETAS: </li></ul><ul><li>Todas as frases. </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2,3 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,3,4 e 5 </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,3 e 5 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,4,e 5 </li></ul>
  96. 96. TEMA 29: RESERVA RAPOSA SERRA DO SOL
  97. 97. QUESTÃO 39) A complexa trama de interesses por trás das condições de demarcação da RESERVA INDÍGENA RAPOSA SERRA DO SO, em Roraima, que será julgada em definitivo pelo STF (Supremo Tribunal Federal), provavelmente no primeiro semestre de 2009, vai muito além da questão indígena e CONFLITOS DE TERA. Envolve política, ideologia e coloca, frente a frente, o Brasil de ontem e o de amanhã, que, como índios e brancos, teimam em não se reconciliar. No último dia 10 de dezembro, de 2008 o STF decidiu em favor dos índios pela demarcação contínua da região e a retirada dos não-índios, incluindo um grupo de arrozeiros que entraram com ações na Justiça para tentar permanecer no local. A RSPEITO DO TEMA, PODE-SE AFIRMAR, <ul><li>1 - Roraima, Estado menos populoso do país com 395.725 habitantes, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), foi criado pela Assembléia Constituinte de 1988, mas as terras não foram regularizadas e transferidas para o governo estadual. Hoje, na prática, entre áreas de preservação ambinenta, reservas indígenas e áreas controladas pelo Exército e Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária), o Estado conta com estimados 20% do território. </li></ul><ul><li>2 – Críticos da demarcação contínua argumentam ainda que os índios já ocupam 46% de Roraima e estão aculturados (ou seja, já vivenciam a cultura do &quot;homem branco&quot; e, segundo eles, se &quot;fantasiam&quot; de índios para a mídia). A reserva, para estes contestadores, criaria uma &quot;nação indígena&quot;, como se fosse um país estrangeiro em pleno território nacional. Em resumo, defendem o espaço para as tribos, desde que sob normas que garantam maior integração. </li></ul><ul><li>3 - Os que apóiam a proposta em juízo afirmam que os 54% do espaço restante no Estado - muito pouco habitado, por sinal - é suficiente para acomodar os não-brancos e que, além disso, nada impediria os fazendeiros de se reinstalarem em áreas fora da reserva com o dinheiro de indenizações pagas pela União, assegurando a indústria do arroz em Roraima. Eles argumentam que a posse da terra, afiançada por lei e por direito de ancestralidade, estaria sendo emperrada por interesses comerciais e políticos de uma elite. Por fim, defendem não somente os direitos dos povos indígenas às terras demarcadas como a autonomia da reserva. </li></ul><ul><li>4 - Entre os pontos em discussão na reserva está a demarcação: contínua ou fragmentada? Os que defendem a demarcação contínua, quer dizer, cobrindo toda área, são índios que querem viver apartados do convívio com os &quot;brancos&quot;. Eles têm o aval de especialistas que acreditam ser esta a única forma de preservar seus costumes (como o sistema de trocas entre as tribos) e evitar atritos com fazendeiros. </li></ul><ul><li>5 - Já a outra parte sustenta a demarcação em &quot;ilhas&quot; - as tribos teriam parte da reserva, os arrozeiros, outra -, o que garantiria a presença dos não-índios, além de toda estrutura criada com municípios e rodovias. O Estado também alega razões econômicas para a presença dos arrozeiros, uma vez que a saída vai gerar desemprego e afetar atividades comerciais da Capital, Boa Vista, e a oferta do grão no Norte do país. </li></ul>
  98. 98. ESTÃO CORRETAS: <ul><li>Todas as frases. </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2,3 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,3,4 e 5 </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,3 e 5 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,4,e 5 </li></ul>
  99. 99. TEMA 30: INDICADORES ECONÔMICOS
  100. 100. QUESTÃO 40) O gráfico abaixo se refere a um aspecto da GLOBALIZAÇÂO: OS JUROS aplicados por países para atrair ou não apitais ou investidores internacionais. No caso abaixo, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central, que é o responsável pela definição das taxas de juros (SELIC) aplicadas no Brasil. <ul><li>1 - Com a decisão, o ritmo de corte dos juros caiu pela metade. Isso porque, nos dois últimos encontros do Copom, em abril e junho, a taxa caiu um ponto percentual. </li></ul><ul><li>2 - Os Juros caíram bruscamente a partir de 2006, chegando, atualmente a queda de mais de 80% em relação ao período inicial. </li></ul><ul><li>3 – Os Juros baixos acabam por facilitar o consumo, e essa tem sido uma das armas do governo contra a crise internacional. </li></ul><ul><li>4 – Os juros baixos facilitam as exportações que se tornam atraentes, gerando aumento de emprego das atividades de exportação. </li></ul><ul><li>ESTÃO CORRETEAS: </li></ul><ul><li>Todas as frases. </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,3 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 1 e 3 </li></ul>
  101. 101. TEMA 31: RODADA DE DOHA
  102. 102. IMAGEM DIZ TUDO...
  103. 103. NOTÍCIAS DE JORNAL... <ul><li>Os líderes do G-20 prometeram reduzir gradualmente, &quot;no médio prazo&quot;, os subsídios sobre os combustíveis fósseis, ao mesmo tempo que proporcionam apoio para os países mais pobres. &quot;Os subsídios para combustíveis fósseis ineficientes estimulam o desperdício no consumo, reduz a nossa segurança energética, retarda o investimento em fontes de energia limpa e debilita os esforços para tratar com a ameaça de mudança climática&quot;, diz o comunicado divulgado pelo grupo, ao final do encontro de dois dias em Pittsburgh (EUA). </li></ul><ul><li>Com relação aos mercados de energia, eles prometeram promover a transparência nos mercados de energia como parte dos esforços para evitar uma &quot;excessiva volatilidade&quot;. Eles também reafirmaram seu compromisso em direção a um crescimento mais sustentável e combater o protecionismo. &quot;Prometemos trazer a Rodada Doha a uma conclusão bem-sucedida em 2010&quot;, diz a nota. &quot;Permanecemos comprometidos com uma liberalização adicional do comércio. Estamos determinados em buscar uma conclusão ambiciosa e equilibrada para a Rodada de Desenvolvimento Doha em 2010, consistente com seu mandato, com base no progresso já feito, inclusive com relação às modalidades&quot;, diz o comunicado </li></ul>
  104. 104. QUESTÃO 41) NO DIA 30/7/08 a BBC afirmava: “Depois de mais de uma semana de reuniões em Genebra, na Suíça, o diretor-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC), Pascal Lamy, confirmou nesta terça-feira o fracasso das negociações para um acordo de liberalização do comércio mundial no âmbito da Rodada Doha. A reunião em Genebra era considerada decisiva para a Rodada Doha, que foi lançada há sete anos com o objetivo de diminuir os entraves ao comércio internacional, mas estava paralisada devido a divergências sobre o nível de abertura em setores de interesse de países ricos e pobres. Entenda o que está em jogo nas discussões em Genebra e as conseqüências de um fracasso nas negociações. DIANTE DO TEMA, PODE-SE AFIRMAR: <ul><li>1 - Os países em desenvolvimento criticam o que consideram políticas protecionistas, principalmente por parte dos Estados Unidos e da União Européia. Eles querem provas concretas de que os países desenvolvidos estão dispostos a abrir seus mercados com cortes expressivos em suas tarifas de importação e nos subsídios à agricultura. O principal problema é que o livre comércio em agricultura tem se mostrado bem mais difícil de ser negociado do que em bens manufaturados. </li></ul><ul><li>2 - Um fracasso nas negociações significa o fim da Rodada Doha, já que as eleições americanas devem dominar a agenda política mundial a partir de agora. Isso enfraqueceria a realização de acordos multilaterais, já que os países negociariam acordos comerciais individuais entre si, o que colocaria os países menores em desvantagem. </li></ul><ul><li>3 - Os maiores países em desenvolvimento, como Brasil e Índia, também perderiam com o fracasso nas negociações, porque precisam de mercados abertos para suas crescentes exportações. No entanto, algumas ONGs (organizações não-governamentais) afirmam que é melhor que não haja nenhum acordo do que um acordo que seja desfavorável aos países mais pobres. </li></ul><ul><li>4 - O Brasil, segundo recentes dados tem se tornado um grande negociador de que a Rodada de Doha dê resultados positivos para todos os países subdesenvolvidos, e esta tem sido a postura do Brasil. </li></ul><ul><li>ESTÃO CORRETEAS: </li></ul><ul><li>Todas as frases. </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,3 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2 e 3 </li></ul>
  105. 105. TEMA 32: TIMOR LESTE : 10 ANOS DEPOIS
  106. 106. NOTÍCIAS DE JORNAL <ul><li>31/08/2009 </li></ul><ul><li>Neste domingo, 30, o Timor Leste celebrou os dez anos do referendo em que foi definida sua independência após 25 anos de ocupação indonésia. </li></ul><ul><li>Apesar disso, para a maioria dos timorenses o destaque das festividades é a apresentação de um “pop-star” indonésio. A maioria da população do jovem país, onde a taxa de fertilidade é uma das mais altas do mundo, não se lembra da ocupação. </li></ul><ul><li>Os líderes do Timor Leste vêm buscando se aproximar da Indonésia, um grande e poderoso vizinho. O governo eleito em 2007 conseguiu dar alguma estabilidade ao país. </li></ul><ul><li>Mas em muitos aspectos as condições são piores do que antes de 1999. Não há manutenção das estradas e só é possível chegar a pé a muitas aldeias do país. Além disso, mais de 40% das crianças com idades entre seis e 11 anos nunca foram à escola. </li></ul>
  107. 107. QUESTÃO 42) Com base em seus conhecimentos sobre o tema, pode-se afirmar: <ul><li>1 - Com a Revolução dos Cravos em Portugal (25 de abril de 1974), pondo fim a décadas de domínio salazarista nesse país, os portugueses começam a preparar sua retirada de todas as colônias ultramarinas. </li></ul><ul><li>2 - Depois de colonizada pelos Portugueses, com a Independência, a região é anexada pela Indonésia. </li></ul><ul><li>3 – A Independência acontece com negociações, e participação de brasileiros, que atuma decisivamente no caso, visto que o país é de língua portuguesa. </li></ul><ul><li>4 – O país, Timor Leste, é grande produtor de Nióbio, e isso tem gerado interesses internacionais nestas riquezas timorenses. </li></ul><ul><li>ESTÃO CORRETEAS: </li></ul><ul><li>Todas as frases. </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2,3 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 2 e 4 </li></ul><ul><li>Somente as frases 1,2 e 3 </li></ul>

×