Composição étnica da população brasileira
Migrações Externas
Migrações Internas




                           Lucas, Rodo...
Composição étnica da
         população brasileira
                       Brancos

        Os portugueses deixaram forte
i...
Composição étnica da
         população brasileira
                       Brancos

        Através de um importante mapeam...
Composição étnica da
         população brasileira
                       Índios

        Os índios auto-declarados compõe...
Composição étnica da
       população brasileira
                      Índios

       Os índios auto-declarados compõem 0,...
Composição étnica da
             população brasileira
                            Índios
        Quando os primeiros port...
Composição étnica da
         população brasileira
                       Negros

        Os negros auto-declarados
compõe...
Composição étnica da
         população brasileira
                       Negros

       Pesquisas genéticas recentes indi...
Composição étnica da
         população brasileira
                        Pardos

       Pardos são pessoas que se declar...
Composição étnica da
         população brasileira
                     Amarelos

        Os amarelos auto-declarados
comp...
Composição étnica da
         população brasileira
                      Amarelos

        A grande maioria dos amarelos b...
Migrações externas
                    Emigração

        A maior parte das emigrações deve-se a um
emprego melhor, moradi...
Migrações externas
                      Imigração
                       portugueses


       Os portugueses representam ...
Migrações externas
                          Imigração
                             italianos

        Os primeiros italia...
Migrações externas
                      Imigração
                         alemães


        As primeiras levas de imigra...
Migrações externas
                      Imigração
                        espanhois


       Depois dos portugueses e ita...
Migrações externas
                          Imigração
                             japoneses

       A imigração japonesa...
Migrações Internas


        As migrações internas no Brasil acontecem
principalmente por motivos economicos e desastres
e...
Migrações Internas


        Outro exemplo histórico foi a migração de
nordestinos para a região Norte do Brasil no fim do...
Migrações Internas

       • Migrantes da região
nordeste em direção ao sudeste,
centro-oeste e norte: geralmente
são trab...
Migrações Internas


       • Migrantes da região sul e sudeste em direção
ao centro-oeste e norte: nas últimas décadas ho...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

1º Va Grupo 05

2,604 views

Published on

Published in: Economy & Finance, Business
1 Comment
2 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
2,604
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
47
Actions
Shares
0
Downloads
24
Comments
1
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

1º Va Grupo 05

  1. 1. Composição étnica da população brasileira Migrações Externas Migrações Internas Lucas, Rodolfo, Savio, Herick, Carlos, Rafael Rodrigues, Romerson
  2. 2. Composição étnica da população brasileira Brancos Os portugueses deixaram forte influência genética na população brasileira. Os brancos auto-declarados compõem cerca de 49,9% da mesma, somando cerca de 93 milhões de indivíduos. Estão espalhados por todo o território brasileiro, embora a maior concentração esteja no Sul e Sudeste do Brasil. Consideram-se brancos os descendentes diretos ou predominantes de europeus e de outros povos de cor branca.
  3. 3. Composição étnica da população brasileira Brancos Através de um importante mapeamento genético, chegou-se a conclusão que o brasileiro de cor branca é descendente quase que exclusivamente de europeus do lado paterno (90%). Já no lado materno, apresenta uma intensa miscigenação: 33% de linhagens ameríndias, 28% de africanas e 39% de européias. Isso é explicado historicamente: no início da colonização, os colonos portugueses não trouxeram suas mulheres, o que acarretou no relacionamento entre homens portugueses com mulheres indígenas e, mais tarde, com as africanas. A maioria dos brasileiro são a formação de mais de uma raça.
  4. 4. Composição étnica da população brasileira Índios Os índios auto-declarados compõem 0,4% da população brasileira, somando cerca de 519 mil indivíduos. Populações indígenas podem ser encontradas por todo o território brasileiro, embora mais da metade esteja concentrada na Região amazônica do Norte e Centro-Oeste. Consideram-se índios todos os descendentes puros dos povos autóctones do Brasil e/ou que vivem no ambiente cultural tradicional dos mesmos.
  5. 5. Composição étnica da população brasileira Índios Os índios auto-declarados compõem 0,4% da população brasileira, somando cerca de 519 mil indivíduos. Populações indígenas podem ser encontradas por todo o território brasileiro, embora mais da metade esteja concentrada na Região amazônica do Norte e Centro-Oeste. Consideram-se índios todos os descendentes puros dos povos autóctones do Brasil e/ou que vivem no ambiente cultural tradicional dos mesmos.
  6. 6. Composição étnica da população brasileira Índios Quando os primeiros portugueses chegaram ao Brasil, em 1530, a população indígena girava em torno de 3 a 5 milhões de indivíduos. Na metade do século XIX, os índios não passavam de 100 mil pessoas e no final do século XX eram cerca de 300 mil. O desaparecimento da população nativa brasileira se deve principalmente a quatro fatores: a dizimação promovida pelos colonizadores, as doenças européias que se espalharam como epidemias, a miscigenação racial e, principalmente, a perda dos valores e da identidade indígenas ao longo dos séculos.
  7. 7. Composição étnica da população brasileira Negros Os negros auto-declarados compõem 6,3% da população brasileira, somando cerca de 11 milhões de indivíduos. Estão espalhados por todo o território brasileiro, embora a maior proporcionalidade esteja no Nordeste. Consideram-se negros todos os descendentes dos povos africanos trazidos para o Brasil e que têm o fenótipo característico africano.
  8. 8. Composição étnica da população brasileira Negros Pesquisas genéticas recentes indicam que a grande maioria dos brasileiros têm mais de 10% de marcadores genéticos africanos, assim como mostram que aqueles considerados negros no Brasil, muitas vezes carregam alto grau de carga genética européia e indígena.
  9. 9. Composição étnica da população brasileira Pardos Pardos são pessoas que se declaram mulatas, caboclas, cafuzas, mamelucas ou mestiças de negro com pessoa de outra raça. Para efeitos estatísticos, pardos são considerados negros pelo governo. No censo de 2005, 43,2% da população nacional se auto-declarou como sendo parda.
  10. 10. Composição étnica da população brasileira Amarelos Os amarelos auto-declarados compõem 0,5% da população brasileira, somando cerca de 1 milhão de indivíduos. Estão concentrados em dois estados brasileiros: São Paulo e Paraná, embora populações menores estejam espalhadas por todo o território brasileiro. Consideram-se amarelos todos os descendentes de povos asiáticos.
  11. 11. Composição étnica da população brasileira Amarelos A grande maioria dos amarelos brasileiros são descendentes de japoneses que imigraram para o Brasil entre 1908 e 1960, devido a problemas econômicos. O Brasil abriga hoje a maior comunidade japonesa fora do Japão. Outros grupos amarelos em fase de crescimento rápido, são os chineses e coreanos que atualmente integram o comércio nas capitais.
  12. 12. Migrações externas Emigração A maior parte das emigrações deve-se a um emprego melhor, moradia melhor, e principalmente a uma melhor expectativa de vida, nos outros países, os brasileiros atualmente estão preferindo os países de primeiro mundo como os Estados Unidos, a Europa e Japão.
  13. 13. Migrações externas Imigração portugueses Os portugueses representam o maior contingente de imigrantes entrados no Brasil. Calcula-se que devam viver atualmente, no país, 213.203 portugueses, concentrados nos grandes centros urbanos, com destaque especial para o Rio de Janeiro e São Paulo.
  14. 14. Migrações externas Imigração italianos Os primeiros italianos chegaram ao Brasil em 1875, estabelecendo-se no Rio Grande do Sul, na região serrana e também em Santa Catarina, onde o clima era mais ameno, assemelhando-se um pouco com as regiões de onde vieram, especialmente do Vêneto (norte italiano), de onde provinha a maior parte das famílias imigrantes. Logo após essa época, São Paulo tornou-se o maior pólo receptor de italianos, que inicialmente se encaminharam para as zonas cafeicultoras do interior.
  15. 15. Migrações externas Imigração alemães As primeiras levas de imigrantes alemães chegaram em 1824 e, desde então, deram preferência à região Sul do Brasil, onde fundaram a colônia de Sã Leopoldo, no Rio Grande do Sul. A partir de 1850, foram se instalando em Santa Catarina, sobretudo no vale do Itajaí, onde surgiram Brusque, Joinville e Blumenau, cidades de marcantes características alemãs.
  16. 16. Migrações externas Imigração espanhois Depois dos portugueses e italianos,os espanhois são o terceiro maior contingente imigratório do Brasil. Fixando-se principalmente nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Sul, iniciaram suas atividades em fazendas, mas acabaram por migrar para as cidades.
  17. 17. Migrações externas Imigração japoneses A imigração japonesa teve início em 1908, quando aportou no Brasil o navio Kasato Maru, com 165 famílias a bordo. Estabeleceram-se inicialmente no estado de São Paulo e depois no Pará, onde se desenvolve importante núcleo produtor de pimenta-do-reino (Tomé-Açu). Fixaram-se principalmente em colônias rurais, onde introduziram importantes inovações na indústria de hortifrutigranjeiros. Na cidade de São Paulo, foram se concentrando num bairro — a Liberdade —, que adquirindo características de sua cultura, perceptíveis principalmente nas ruas e cartazes. Além disso, instalados no cinturão verde em torno da cidade, são responsáveis pela maior parte do estabelecimento de frutas, legumes, verduras, aves e ovos para a população da metrópole paulista.
  18. 18. Migrações Internas As migrações internas no Brasil acontecem principalmente por motivos economicos e desastres ecologicos.Um exemplo de migração foi aquela devido às secas que assolaram o Nordeste brasileiro na década de 1960, que fizeram com que milhares de pessoas abandonassem suas casas no sertão brasileiro por falta de alternativa agrícola e políticas sociais na região.
  19. 19. Migrações Internas Outro exemplo histórico foi a migração de nordestinos para a região Norte do Brasil no fim do século XIX. Isto se deu por dois motivos: o início do Ciclo da Borracha e a grande seca que assolou a região Nordeste.Destaca-se também a movimentação de imigrantes nordestinos e sulistas em busca de uma vida melhor na Região Sudeste do País, único pólo industrial brasileiro na década de 1970.
  20. 20. Migrações Internas • Migrantes da região nordeste em direção ao sudeste, centro-oeste e norte: geralmente são trabalhadores rurais interioranos que não conseguem trabalho, a seca castiga muitas vezes suas lavouras e esses vão em busca de oportunidades de trabalho principalmente em São Paulo, que corresponde à área mais industrializada do país, embora a região centro-oeste e norte tenha atraído recentemente um grande percentual desses migrantes.
  21. 21. Migrações Internas • Migrantes da região sul e sudeste em direção ao centro-oeste e norte: nas últimas décadas houve um aumento significativo de migrantes, sobretudo de paulistas, mineiros, paranaenses, catarinenses e gaúchos que seguem em direção ao centro-oeste e norte, esse fluxo migratório é proveniente dos interesses desses de adquirir terras a baixos custos para o desenvolvimento da agricultura e pecuária, diante disso estados como Mato Grosso, Rondônia, Roraima e Tocantins têm aumentado de forma significativa seus respectivos contingentes populacionais .

×