6 grupo 09
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

6 grupo 09

on

  • 240 views

 

Statistics

Views

Total Views
240
Views on SlideShare
240
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft Word

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    6 grupo 09 6 grupo 09 Document Transcript

    • Atividades 67 e 68 • Os sistemas agrícolas. 01. Figura A – Sistema intensivo: em geral, é aplicado em propriedades que apresentam elevada produtividade, acentuada mecanização e modernas tecnologias para o cultivo. São mais comuns em países desenvolvidos, embora também existam em algumas áreas de países pobres. Entre as tecnologias, destacam-se o uso constante de agrotóxicos e fertilizantes, o emprego de máquinas agrícolas com GPS, o eficiente manejo do solo, além de maciço uso de biotecnologia e de engenharia genética, como, por exemplo, no desenvolvimento de sementes de melhor qualidade. Figura B – Sistema extensivo: em linhas gerais, apresenta nível produtivo menor em relação ao sistema
    • intensivo, ocorrendo, em muitas situações, um subaproveitamento das áreas cultivadas. A mão de obra é em maior número, pois, na maioria das vezes, a utilização de tecnologias é restrita. O referido sistema ocorre com maior frequência em nações pobres, portanto em países cuja importância da agricultura para a economia é maior. 02. O sistema agrícola em questão é a agricultura itinerante ou roça, ainda praticada por famílias com poucos recursos financeiros, o que restringe as possibilidades de investimentos em melhores tecnologias para aumentar a produção. É um sistema que se baseia na extensão da área disponível a ser cultivada. Na maioria das vezes, a mão de obra é familiar, numerosa e
    • com baixo nível de qualificação, utilizando normalmente técnicas rudimentares, como o uso de equipamentos como a foice e a enxada, além de práticas como a queimada e o desmatamento. Após a limpeza do terreno, o agricultor cultiva a terra até o esgotamento do solo. De forma geral, o agricultor abandona a área esgotada e se desloca em busca de novas áreas para a prática agrícola. 03.Alternativa B 04. – o capital: é o fator que define se o sistema agrícola é atrasado ou moderno; – a terra: é o local de fixação dos sistemas e define o tamanho das propriedades. – O trabalho: utiliza grande ou pequena mão de obra, qualificada ou desqualificada.
    • 05. Jardinagem: este sistema é típico do continente asiático, em países como Japão, Indonésia e Vietnã. Destaca-se pelo uso intensivo do solo, mão de obra numerosa e especializada, além de uso de técnicas de conservação do solo, como o terraceamento. 06. Destaca-se pela tentativa de produção de alimentos de maneira menos agressiva ao ambiente, pois busca a não utilização de agrotóxicos, pesticidas e outros defensivos. Atividades 69 e 70 • A agricultura visando ao lucro: o agronegócio 01. O agronegócio é uma das principais características da agricultura moderna, marcada também pela integração das indústrias (agroindústria) e pelos maciços investimentos em tecnologia, com o
    • objetivo de aumentar a produção e o lucro. 02. Os Estados Unidos da América são o país onde o agronegócio atingiu o mais alto nível de elaboração. Inclusive o termo agronegócio advém da palavra inglesa agribusiness. A agricultura estadunidense é marcada pelo elevado nível de organização, eficiência e produtividade, com grandes safras em condições naturais normais, principalmente de milho, soja, trigo e algodão, entre outros. 03. Agricultura de precisão consiste em um ciclo de análise da produtividade do solo (através da colheita), análise das características do solo (através de coleta de amostras ou imagens de satélite), controle preciso da aplicação de insumos e correção da terra e controle preciso da
    • plantação e da aplicação de agrotóxicos. 04. Até há algumas décadas, o cerrado brasileiro era considerado impróprio à prática agrícola, devido à acidez do solo. O problema foi atenuado com a adição de calcário ao solo, o que estabiliza a acidez e permite o cultivo agrícola. 05. Pessoal.
    • plantação e da aplicação de agrotóxicos. 04. Até há algumas décadas, o cerrado brasileiro era considerado impróprio à prática agrícola, devido à acidez do solo. O problema foi atenuado com a adição de calcário ao solo, o que estabiliza a acidez e permite o cultivo agrícola. 05. Pessoal.