Cni
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Cni

on

  • 580 views

 

Statistics

Views

Total Views
580
Slideshare-icon Views on SlideShare
579
Embed Views
1

Actions

Likes
0
Downloads
1
Comments
0

1 Embed 1

http://www.slideshare.net 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Cni Cni Presentation Transcript

    • Pesquisa CNI – Ibope Meio Ambiente Setembro – 2009
    • A MCI - Estratégia, consultoria da CNI, apresenta a análise dos dados de pesquisa quantitativa nacional realizada pelo Ibope. Especificações Técnicas da Pesquisa CNI - Ibope Pesquisa CNI-Ibope Período 11 a 14 de setembro Abrangência Nacional Universo Eleitores com 16 anos e mais Amostra 2.002 entrevistas em 142 municípios Margem de erro 2 pontos percentuais e grau de confiança de 95%
    • Considerações Gerais Pesquisa CNI-Ibope Na rodada de setembro, a pesquisa CNI/Ibope incluiu um capítulo especial sobre meio ambiente. No intervalo de dois anos, esta é a segunda vez que o tema é abordado de maneira mais aprofundada, o que demonstra a preocupação da entidade com o tema, particularmente com a questão do aquecimento global. A pesquisa revela que 92% dos brasileiros têm consciência de que a temperatura do planeta está aumentando e que 90% consideram o problema “muito grave” ou “grave”. A percepção de gravidade é maior nas faixas mais escolarizadas e de maior renda, mas o problema tem reconhecimento elevado em todos os segmentos sócio-econômicos avaliados. Conforme registrado no estudo anterior, mantém-se elevado o percentual dos que preferem proteção ambiental mais rígida, mesmo que isso implique em barreiras para o crescimento econômico. Embora seja elevada a atenção com o aquecimento global, espontaneamente a principal preocupação ambiental continua a ser o desmatamento, conforme registrado no estudo de 2007. Agora, chega a 50% o percentual de menções apontando o desmatamento como fator de maior preocupação ambiental dos entrevistados. Há dois anos, as citações chegaram a 42%. Nesta rodada, a pesquisa investigou se, na opinião dos brasileiros, as medidas para enfrentar o aquecimento global deveriam ser mais severas nos países ricos ou nos países pobres. Há um equilíbrio nas respostas, como será observado mais adiante, mas uma ligeira maioria entende que os países ricos deveriam adotar as medidas mais rígidas para enfrentar o problema.
    • Preocupação com o meio ambiente Pesquisa CNI-Ibope De acordo com a pesquisa, apenas 16% dos brasileiros não têm qualquer preocupação com o meio ambiente, o que equivale dizer que 84% dos entrevistados manifestaram, espontaneamente, algum tipo de preocupação com a questão ambiental. Esse percentual contrasta com a colocação do tema no ranking das questões que merecem ser tratadas como prioridade pelo próximo governo, uma das perguntas da pesquisa CNI/Ibope de setembro. Nesse ranking de temas prioritários, o meio ambiente aparece em décimo lugar, ao lado de agricultura e custo de vida. Essa diferença indica que, embora não esteja entre os temas centrais da agenda do brasileiro, o meio ambiente é um assunto que desperta preocupação. Entre as principais preocupações na área ambiental, a mais citada espontaneamente pelos entrevistados é o desmatamento (50% das menções). Em seguida, aparecem uma série de outros itens, com percentuais de menção bastante próximos: poluição da água (28%), poluição do ar (27%), tratamento/acúmulo de lixo (23%) e mudança climática (22% de menções).
    • Pesquisa CNI-Ibope Pergunta: “ Pensando especificamente em meio ambiente, o(a) sr(a) pessoalmente tem alguma preocupação especial com o meio ambiente? (caso sim) Quais?” (Espontânea) PREOCUPAÇÃO COM O MEIO AMBIENTE Alimentos transgênicos
    • Ideia de proteção prevalece sobre crescimento Pesquisa CNI-Ibope A exemplo do que se observou na primeira vez em que a questão foi analisada, a pesquisa de setembro mostra que a ideia de mais proteção ambiental, mesmo que isso implique em dificuldades de crescimento para o país, tem mais aceitação do que a ideia de uma proteção ambiental menos rigorosa, se isso for necessário para que se tenha mais crescimento econômico. Para 66% dos entrevistados, o meio ambiente deve ser fortemente protegido, mesmo que isso implique em dificuldade para o crescimento econômico. Esse percentual é três pontos superior ao registrado em 2007. Para 18%, é aceitável uma proteção ambiental menos rigorosa, para permitir o aumento do crescimento econômico (15% em 2007) e para 12% crescimento econômico e combate à pobreza são prioridades, mesmo que isso implique em maiores prejuízos ao meio ambiente. Quanto maior a escolaridade, maior a percepção de que a proteção deve prevalecer sobre o crescimento. No nível superior, essa opção atinge 77% dos entrevistados; na faixa que chegou ao ensino médio, 69%; até a 8º série do ensino fundamental, 67% , e na faixa que cursou até a 4ª série do fundamental 57% fazem essa opção.
    • Pesquisa CNI-Ibope Pergunta: “ Ainda falando sobre meio ambiente, com qual destas afirmações o(a) sr(a) concorda mais:” PREOCUPAÇÃO COM O MEIO AMBIENTE
    • Desmatamento é a questão mais importante Pesquisa CNI-Ibope Numa questão estimulada, é possível confirmar a preocupação do brasileiro com o desmatamento. A partir de uma lista de importância que associa meio ambiente e qualidade de vida, o desmatamento da Amazônia aparece, agora em 2009, em primeiro lugar destacado, com 56% das menções (cada entrevistado poderia citar até dois itens), . Em relação ao estudo passado, a citação ao desmatamento teve um crescimento expressivo de 13 pontos percentuais, superando a relevância dada ao tratamento de água e esgoto. Este item teve 36% de menções, contra 45% registrado há dois anos. Na lista de áreas mais importantes para o meio ambiente e a qualidade de vida, a mudança climática teve um aumento no percentual de menções de quatro pontos, passando de 34%, em 2007, para 38%, agora.
    • Pesquisa CNI-Ibope Pergunta: “ Pensando especificamente em questões relacionadas ao meio ambiente e à qualidade de vida, qual destas áreas é a mais importante para o Brasil? (1º + 2º lugares)” ÁREAS MAIS IMPORTANTES PARA O BRASIL (1º e 2º lugar)‏ Obs: A soma é superior a 100% porque cada entrevistado poderia escolher duas opções
    • Lixo e esgoto, veículos automotores e desmatamento: os principais responsáveis pela poluição Pesquisa CNI-Ibope A pesquisa CNI/Ibope investigou quais seriam, na opinião dos brasileiros, os fatores que mais contribuiriam para a poluição. Nesta questão, três fatores aparecem empatados, com oscilação dentro da margem de erro: lixo e esgoto das residências (23%), emissão de gases poluentes por veículos automotores (23%) e desmatamento provocado por madeireiras (21%). Em quarto lugar, aparece como fator mais importante pelo poluição a emissão de fumaça e resíduos industriais (18%). No intervalo de dois anos, observa-se um movimento mais sensível de crescimento em relação a dois fatores. Passaram de 17% para 23% os que apontam a emissão de gases poluentes por veículos automotores como principal fator responsável pela poluição e de 17% para 21% os que acreditam que o fator que provoca mais poluição é o desmatamento das madeireiras. Outro movimento importante registrado pela pesquisa atual é a perda de importância como fator responsável pela poluição do “uso de agrotóxicos, desmatamentos e queimadas na agricultura”. Atualmente, 11% apontam esse item como fator de mais peso na geração de poluição, contra 16% em 2007.
    • Pesquisa CNI-Ibope Pergunta: “ Na sua opinião, qual destes fatores é o maior responsável pela poluição do meio ambiente no Brasil?” FATORES RESPONSÁVEIS PELA POLUIÇÃO
    • Ampla maioria reconhece gravidade do aquecimento global Pesquisa CNI-Ibope A pesquisa revela que quase a totalidade da população tem conhecimento da elevação da temperatura do planeta. Para 92%, a temperatura média da Terra está aumentando nas últimas décadas. Essa opinião é semelhante em todos os segmentos sócio-econômicos avaliados, sendo um pouco menor entre os que recebem até um salário mínimo por mês (85%) e os que cursaram até a 4ª série do ensino fundamental (87%). Também é bastante expressivo o percentual dos que identificam a gravidade da ocorrência da mudança climática. Para 90% dos entrevistados, o aquecimento global é uma questão “muito grave” ou “grave”.
    • Pesquisa CNI-Ibope Pergunta: “ Pelo que o(a) sr(a) sabe ou ouve falar, nas últimas décadas a temperatura média da terra está ou não está aumentando?” TEMPERATURA MÉDIA DA TERRA E A GRAVIDADE DA QUESTÃO Pergunta: “ Nas últimas décadas, a temperatura média da terra tem de fato aumentado. Na sua opinião, o aquecimento global é uma questão:”
    • A responsabilidade de países ricos e pobres pela redução da emissão de gases Pesquisa CNI-Ibope A pesquisa CNI/Ibope questionou os entrevistados sobre a maior responsabilidade, entre países desenvolvidos e países em desenvolvimento, quanto à adoção de medidas para a redução da emissão de gases poluentes. A pesquisa considerou que os países mais ricos são mais responsáveis pelo aquecimento global e lembrou que todos os países, ricos ou pobres, são igualmente afetados pelos seus efeitos. Para 47%, os países ricos deveriam contribuir em maior grau para a redução das emissões; para 41%, países ricos e pobres deveriam ser obrigados a adotar medidas equivalentes e para 8% os ricos deveriam ser obrigados a adotar medidas de redução de emissões, que seria facultativas aos países pobres. A análise estratificada mostra que as opiniões sobre essa questão são bastante divergentes, sem que exista uma posição hegemônica na população brasileira. Nas faixas mais escolarizadas, de maior renda, entre os homens e nas regiões Sul e Sudeste é sensivelmente mais expressiva a opinião de que os países riscos deveriam ter uma contribuição maior pela redução de emissão de gases poluentes. Entre as mulheres, os mais jovens, os menos escolarizados e de menor renda e no Nordeste há um maior equilíbrio na opinião de que ricos e pobres devem contribuir igualmente para a redução das emissões.
    • Pesquisa CNI-Ibope Pergunta: “ Sabendo que o aquecimento global tem como principais responsáveis os países mais ricos, os chamados países desenvolvidos, e que o problema afeta a todos os países igualmente, com qual das afirmações que vou ler agora o(a) sr(a) concorda mais:” QUEM DEVE REDUZIR A EMISSÃO DE GASES POLUENTES