Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
Apresentação APIMEC 4T07
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Apresentação APIMEC 4T07

  • 243 views
Published

 

Published in Business , News & Politics
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
243
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Mercado Farmacêutico
  • 2. Mercado Farmacêutico no Brasil 3 • O mercado farmacêutico brasileiro aumentou 10,9% em 2007, totalizando R$ 23,2 bilhões. Mantendo o forte crescimento dos anos anteriores, atingindo nos últimos quatro anos um CAGR de 12,7%. Em R$ MM 34.3 31.4 28.7 26.1 23.2 20.9 Tamanho do Mercado Crescimento 18.3 (R$ Bilhões) 16.6 (%) 14.4 11,1% 9,9% 9,5% 9,3% 2003 2004 2005 2006 2007 2008* 2009* 2010* 2011* *Nota: Vendas de produtos farmacêutico no preço de varejo * Os números projetados pelo IMS em Dez/07
  • 3. Mercado Farmacêutico no Brasil 4 Dez/07 Crescimento Mercado US$ Bi (Dez/07 x Dez/06) US$ R$ Unids. MIP 3,5 24,1% 10,5% 5,5% RX 8,7 23,1% 9,6% 5,4% TOTAL 12,2 23,3% 9,9*% 5,4% 5,3% 2,3% Volume / Mix Preços 2,3% Lançamentos Fonte: IMS • IMS cobre 95% do Mercado Farmacêutico Brasileiro (método RD), os outros 5% são uma estimativa do IMS (método PMD). O uso do método PMD, gera uma diferença de 1.0 p.p. a menos no crescimento do mercado em relação ao método RD
  • 4. Mercado Farmacêutico no Brasil 5 • Cenário sócio econômico favorável, porém os desafios estruturais permanecem os mesmos: + • Investimento direto de US$ 35 para • Crescimento do PIB: 5,4% US$28 bilhões • PIB per capita : 2,3% • Menor crescimento entre emergentes • Inflação 2008 (IPCA): 4,3% • Distribuição de renda entre as piores do mundo • Balança comercial 07: US$ 40 Bi • Baixo índice de investimento público em • Exportações: US$ 16 Bi infra-estrutura • Risco Brasil em seu menor nível histórico • Aumento do consumo interno - Fonte: IMS Health Dez/07
  • 5. Oportunidades de Crescimento do Mercado 6 • Envelhecimento da população - 13,9 milhões acima de 60 anos, em 2000, para 28,3 milhões esperados em 2020; • Renda per Capita - A renda per capita continuará crescendo, de US$ 4,000 registrados em 2005 para US$ 5,300 esperados em 2015; • Genéricos - Incremento de R$ 660 milhões até 2014 por fim de patentes; - Crescimento no consumo dos medicamentos genéricos, devido principalmente a uma maior aceitação por parte dos médicos, estimando-se uma penetração de 19% em 2015; • Similar - Atualmente as vendas superam R$ 4 bilhões, porém as renovações das licenças dadas pelo governo estão suspensas, podendo acarretar em um incremento nas vendas de genérico e branded; • Ausência de reembolso - Pacientes de baixa renda enfrentam restrições para o consumo de medicamentos, sendo 50% da população responsável por 15% do consumo de medicamentos, entretanto espera-se reembolso por parte dos planos de saúde privados o que aumentaria significantemente o tamanho do mercado; • Mercado altamente fragmentado - Cerca de 26 indústrias farmacêuticas (nacionais e multinacionais), que representam 28% do mercado, têm hoje suas vendas concentradas em apenas 3 ou 4 distribuidores. Espera-se para o ano de 2008, outros 10% adotem esse modelo.
  • 6. Top 10 Indústrias no Brasil 7 Rank % Volume (US$ Índice de Posição RK Dez/07) Evolução RX MIP GEN ’06 ’07 Empresa 100.0 2 1 EMS 7,1% 116 7 6 2 1 2 Sanofi-Aventis 6,4% 96 3 1 18 3 3 Ache 5,6% 94 2 14 4 4 4 Medley 5,5% 115 23 35 1 5 5 Novartis 4,4% 99 1 59 19 8 6 Eurofarma 3,5% 108 6 26 3 6 7 Pfizer 3,4% 89 4 64 - 7 8 Bayer Schering Ph 3,2% 92 5 53 - 9 9 Boehringer Ing 2,6% 93 16 4 - 10 10 Nycomed 2,4% 96 21 3 - Top 10 44,1% - - - - IE < 95 95 < IE < 105 IE > 105 Fonte: Dados referentes a Dezembro 2007 Nota: O ranking é feito por laboratórios Nota: RX e MIP incluem somente produtos de marca e referência; GEN inclui somente genéricos bioequivalentes dos mercados MIP e RX
  • 7. Mercado Brasileiro de Genérico e OTC 8 Em R$ MM 6.268 5.702 5.112 4.643 2.937 2.291 1.673 1.293 2004 2005 2006 2007 OTC Genérico 27.9 7.6 27.9 9.0 27.3 10.9 27.0 12.6 Market Share Fonte: IMS Health
  • 8. Nível de Consolidação 9 INDÚSTRIAS DISTRIBUIDORES VAREJO Top 10 Top 3 Top 5 93% 57% 66% 45% 28% 18% Brasil EUA Brasil EUA Brasil EUA Fonte: Dados referentes a 2006
  • 9. Varejo no Brasil 10 As cinco maiores redes classificadas por faturamento. Ranking Varejo Market Share Nº de PDV’s Estados Presentes 1º Drogaria São Paulo 4,58% 190 SP, CE e BA 2º Farmácia Pague Menos 4,28% 280 18 estados 3º Drogarias Pacheco 4,20% 200 RJ e MG 4º Drogasil 3,44% 187 GO, MG e SP 5º Droga Raia 3,03% 160 SP, RJ, MG e PR TOTAL TOP 5 19,53% 1,8% -
  • 10. Lojas Independentes X Redes 11 O mercado brasileiro é dominado por lojas independentes, entretanto as redes faturam em média 8,3 vezes mais que as independentes. Proporção em Quantidade por Proporção em Valor por Tipo de Farmácia - 2006 Tipo de Farmácia - 2006 60% 92% 49% 38% 37% 22% 31% 18% 18% 14% 11% 1% 7% 2% 0% 0% Farmácias Supermercados Redes Lojas de Departamento Farmácias Supermercados Redes Correio Independentes Independentes Brasil EUA Brasil EUA Fonte: IMS Health Brasil total PDV’s: 55.591 EUA total PDV’s: 54.771
  • 11. Regulamentação de Preços 12 • Os preços dos produtos farmacêuticos eram administrados livremente pelos laboratórios e varejo até 1999 • Após 1999, o governo implementou ações objetivando o controle de preços - Registro de novos produtos - Limite para o aumento de preço anual para os produtos existentes • Atualmente, os preços dos produtos farmacêuticos são controlados pelo governo - Aumento de preço anual - Limite no aumento de preço considerando a inflação dos últimos 12 meses e fatores associados a ganhos de produtividade - Os limites dos aumentos de preço são maiores nas classes que tem o maior número de genéricos disponíveis
  • 12. Profarma
  • 13. Profarma 14 Highlights  Única distribuidora listada no Novo Mercado  Segunda maior distribuidora e destacando-se como a que mais cresce no Brasil, com um market share de 11,5% em 2007 e a Receita Bruta atingindo um CAGR de 24,0% nos últimos quatro anos (2003 - 2007)  Em 2007, a Receita Líquida totalizou R$ 2.261 milhões e o EBITDA Ajustado atingiu R$ 82,5 milhões, alcançando uma Margem Ebitda Ajustado de 3,6%  Profarma atua com 11 centros de distribuição, cobrindo 88% do território nacional  Atende diariamente a 13.400 pedidos, entregando produtos para mais de 30.870 clientes dentro de 4 a 24 horas após o recebimento do pedido Destaques Operacionais Dados Operacionais Pedidos Diário 13.400 Centros de Distribuição 11 Nível de Serviço 91,7% Cobertura Nacional 88% Itens Oferecidos 8.500 Vendedores 500 Clientes 30.870 Colaboradores 2.010 Área de Cobertura Centro de Distribuição
  • 14. Profarma 15 Histórico CAGR Mercado (97-00) = 11,7% CAGR Mercado (03-07) = 12,7% CAGR Profarma (97-00) = 25,2% CAGR Profarma (03-07) = 24,0% Aquisição Aquisição da do CD da Instituto Dimper RS K+F Hospitais Minas Hospitais Profarma São Paulo em SP CE Gerais no RJ IPO Espírito DF Bahia PE Santo Paraná Vacinas 1996 1998 1999 2001 2003 2004 2005 2006 2007 3,6% 4,7% 5,9% 4,5% 8,4% 9,3% 9,6% 9,6% 11,5% Ano Market Share (%) Desempenho das Ações Mercado de Capitais R$ 816.750.000,0 Desde sua estréia até 31 de dezembro de 2007 as ações da Profarma valorizaram 59,4% R$1.302.081.000,0 170 Base 100 em 26/10/06 161 150 159 130 110 90 Out-06 Dez-06 Fev-07 Abr-07 Jun-07 Ago-07 Out-07 Dez-07 Fonte: Broadcast Ibovespa Profarma
  • 15. Market Share e Clientes 16 Market Share Clientes 30.870 11,5% 22.522 23.800 9,6% 9,6% 2005 2006 2007 (*) 2005 2006 2007 (*) no 4T07 a Profarma obteve um market share de 12,8%
  • 16. Resultados 4T07 e 2007
  • 17. Destaques Financeiros 4T07 e 2007 18 Em R$ milhões 2006 2007 4T06 4T07 Receita Bruta 1.967,7 2.603,6 528,6 740,4 Crescimento % 14,1% 32,3% 17,3% 40,1% Receita Líquida 1.728,6 2.261,0 460,8 640,7 Crescimento % 13,8% 30,8% 15,8% 39,1% Lucro Bruto + 167,3 236,1 44,3 69,0 Receita de Serviços a Fornecedores Crescimento % 4,3% 41,1% 9,2% 56,0% % Receita Líquida 9,7% 10,4% 9,6% 10,8% EBITDA Ajustado 68,1 82,5 19,4 26,2 Crescimento % 10,5% 21,2% 3,0% 35,3% Margem EBITDA Ajustado % 3,9% 3,6% 4,2% 4,1% Lucro Líquido * 21,6 34,2 12,7 12,7 Crescimento % 32,7% 58,2% 52,6% -0,3% Margem Líquida % 1,3% 1,5% 2,8% 2,0% Dívida Liquida (64,7) 124,0 (64,7) 124,0 Dívida Líquida/Ebitda (0,9) 1,5 (0,9) 1,5 Patrimônio Líquido 404,5 445,7 404,5 445,7 Total Ativo 776,6 927,7 776,6 927,7 * O Lucro Líquido do ano de 2006 e do 4T06 foram ajustadas pelas despesas do IPO (R$ 25,2 milhões)
  • 18. Evolução da Receita Bruta 19 Em R$MM 2.604 1.968 1.725 1.443 1.102 740 529 2003 2004 2005 2006 2007 4T06 4T07
  • 19. EBITDA Ajustado e Margem EBITDA 20 Em R$MM 4,1 4,2 4,1 3,9 3,7 3,6 3,6 82,5 68,1 61,6 47,1 35,7 26,2 19,4 2003 2004 2005 2006 2007 4T06 4T07 EBITDA Ajustado Margem EBITDA Ajustada (%)
  • 20. Lucro Bruto e Receitas de Serviços a Fornecedores 21 Em R$MM 11,0 10,8 10,6 10,3 10,4 9,7 9,6 32,8 8,0 4,1 3,3 2,6 9,2 105,5 126,5 156,3 159,3 203,3 3,2 41,1 59,8 2003 2004 2005 2006 2007 4T06 4T07 Lucro Bruto Receita de Serviços a Fornecedores Margem Bruta Ajustada (%)
  • 21. Lucro Líquido Ajustado 22 Em R$MM 3,3 2,7 2,2 1,8 1,7 1,5 1,1 15,1 8,9 9,7 34,2 19,1 2,3 4,4 21,6 16,3 11,0 12,7 12,7 2003 2004 2005 2006* 2007 4T06* 4T07 Lucro Líquido Incentivos Fiscais Margem Liquída Ajustada (%) Nota(*) excluindo despesas do IPO
  • 22. Ciclo de Caixa e Capital de Giro 23 Capital de Giro Capital de Giro % (sobre Receita Bruta) 20,9 19,5 20,2 18,0 499,0 507,0 15,7 15,1 448,1 375,5 309,5 284,9 3T06 4T06 1T07 2T07 3T07 4T07 Ciclo de Caixa – Dias 49,3 53,4 62,5 69,6 67,8 64,3 Dias de Contas a Receber (1) 45,2 50,0 54,6 53,1 50,9 51,7 Dias de Estoque (2) 33,1 44,7 43,4 47,2 41,3 48,6 Dias de Fornecedores (3) 29,0 41,3 35,6 30,7 24,5 36,0 (1) Base Média de Venda Bruta no Trimestre (2) Base Média de CMV no Trimestre (3) Base Média de CMV no Trimestre
  • 23. Capex 24 Em R$MM 0,7% 0,5% 0,3% 0,4% 0,2% 0,2% 0,2% 16,7 4,7 2,5 2,3 2,8 1,9 2,0 2003 2004 2005 2006 2007 4T06 4T07 Capex Receita Líquida (%)
  • 24. Indicadores Operacionais 25 Nível de Serviço Logística E.P.M. (unidades atendidas / unidades pedidas) (Erros por Milhão) 93,7% 200,0 202,2 91,7% 91,2% 90,9% 145,0 145,0 95,0 87,7% 4T06 3T07 4T07 2006 2007 4T06 3T07 4T07 2006 2007
  • 25. Plano Estratégico Realizado 26 • Desde o IPO em outubro de 2006 a Profarma se posicionou como o melhor player para aproveitar as oportunidades de crescimento do mercado Benefícios IPO Case Profarma Fundamentos ◆ Forte Balanço Patrimonial Favoráveis do Sólida Setor Performance Companhia ◆ Acesso ao Capital Financiera Diferenciada ◆ Plano de Incentivo (Stock option) Equipe de Estratégia de ◆ Governança Corporativa e Transparência Administração Crescimento em Experiente Histórico de Andamento ◆ Perpetuidade Sucesso Comprovado Plano Estratégico Realizado Estratégia indicada durante o IPO em outubro de 2006: Realizações em 2007: ◆ Crescer nos mercados já existentes ◆ Crescimento de 24% nos mercados existentes ◆ Expansão para novas regiões ◆ Abertura de 2 novos Centros de Distribuição (PE e CE) ◆ Novos segmentos / produtos ◆ Produtos oncológicos e dermatológicos especiais ◆ Aquisições selecionadas ◆ Aquisição da filial da Dimper no Rio Grande Sul
  • 26. Cobertura de Analistas 27 Companhia Analista Recomendação João Carlos dos Santos - Alexandre Pizano 55 11 2188-4282 / 4316 / 4024 Merril Lynch joaocarlos_santos@ml.com Comprar alexandre_pizano@ml.com Tufic Salem - Rafael Shin - Antonio Gonzalez 52 55 5283-8952 / 8969 / 3821 Credit Suisse tufic.salem@credit-suisse.com Comprar rafael.shin@credit-suisse.com antonio.gonzalez@creditsuisse.com Alan Cardoso Prosper Corretora Fone: 55 21 2138-8465 Comprar alan.cardoso@bancoprosper.com.br Victor Luiz de Figueiredo Martins Safra Fone: 55 11 3175-7689 Comprar victor.martins@safra.com.br Renata Faber - Marcio Osako Fone: 55 11 5029-4542 / 4650 Manter Itau BBA renata.faber@itau.com.br marcio.osako@itau.com.br
  • 27. IR Contact: Max Fischer CFO and IRO Beatriz Diez IR Coordenator Phone.: 55 (21) 4009 0276 E-mail: ri@profarma.com.br www.profarma.com.br/ri
  • 28. Contatos Relações com Investidores: Max Fischer Diretor Financeiro e de RI Beatriz Diez Coordenadora de RI Telefone.: 55 (21) 4009 0276 E-mail: ri@profarma.com.br www.profarma.com.br/ri