Your SlideShare is downloading. ×
0
Diversidade e religião   Prof. fernando
Diversidade e religião   Prof. fernando
Diversidade e religião   Prof. fernando
Diversidade e religião   Prof. fernando
Diversidade e religião   Prof. fernando
Diversidade e religião   Prof. fernando
Diversidade e religião   Prof. fernando
Diversidade e religião   Prof. fernando
Diversidade e religião   Prof. fernando
Diversidade e religião   Prof. fernando
Diversidade e religião   Prof. fernando
Diversidade e religião   Prof. fernando
Diversidade e religião   Prof. fernando
Diversidade e religião   Prof. fernando
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Diversidade e religião Prof. fernando

1,372

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,372
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
13
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Pós-Graduação Lato SensuEducação em Direitos Humanos e Diversidade 2º Simpósio Pós-EDHDI DIVERSIDADE E RELIGIÃO Até que ponto Compreendemos, aceitamos e acolhemos o outro? Prof.: Fernando Pimentel
  • 2. EDUCAÇÃO PARAA RELIGIOSIDADE E DIREITOS HUMANOS: um diálogo possível
  • 3. O ser humano é noético Homem e animais são constituídospor uma dimensão biológica, uma dimensãopsicológica e uma dimensão social, contudo, ohomem se difere deles porque faz parte deseu ser a dimensão noética... Assim, aexistência propriamente humana é existênciaespiritual. (Coelho Júnior e Mahfoud, 2001)
  • 4. Ser ou não ser... Não é opção. As teologias buscam explicar.Perpassa as ciências, principalmente as humanas.
  • 5. O que é uma religião?• Origem do termo latino RE LIGARE• Remete a uma relação do indivíduo com o transcedente, normalmente um ser divino ou divinizado.• De forma individual ou grupal, inclusive com a postura de hierarquias• O termo TRANSCENDENTE
  • 6. Tipos de religião Panteístas Politeístas MonoteístasA questão do ateísmo...
  • 7. Onde reside o problema Tensões e Conflitos Cultura ou Educação?Buscai primeiramente aquilo que une, antes de buscar o que divide (João XXIII)
  • 8. O direito no Brasil• É inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e suas liturgias. (Constituição de 1988)• O Código Penal Brasileiro,considera crime (punível com multa e até detenção) zombar publicamente de alguém por motivo de crença religiosa, impedir ou perturbar cerimônia ou culto, e ofender publicamente imagens e outros objetos de culto religioso.
  • 9. Intolerância no Mundo Fonte: http://amigosdeoracao.wordpress.com/2009/11/02/o-fantasma-da-intolerancia/
  • 10. Educar para a religiosidade? É possível?1ª redação do artigo 33 da LDB:O ensino religioso, de matrícula facultativa, constitui disciplina dos horários normais das escolas públicas de ensino fundamental, sendo oferecido, sem ônus para os cofres públicos, de acordo com as preferências manifestadas pelos alunos ou por seus responsáveis, em caráter:I - confessional, de acordo com a opção religiosa do aluno ou do seu responsável, ministrado por professores ou orientadores religiosos preparados e credenciados pelas respectivas igrejas ou entidades religiosas; ouII - interconfessional, resultante de acordo entre as diversas entidades religiosas, que se responsabilizarão pela elaboração do respectivo programa.
  • 11. 20 de dezembro de 1996: nova redação:Art. 33. O ensino religioso, de matrícula facultativa, é parte integrante da formação básica do cidadão e constitui disciplina dos horários normais das escolas públicas de ensino fundamental, assegurado o respeito à diversidade cultural religiosa do Brasil, vedadas quaisquer formas de proselitismo.§ 1º Os sistemas de ensino regulamentarão os procedimentos para a definição dos conteúdos do ensino religioso e estabelecerão as normas para a habilitação e admissão dos professores.§ 2º Os sistemas de ensino ouvirão entidade civil, constituída pelas diferentes denominações religiosas, para a definição dos conteúdos do ensino religioso.
  • 12. Indicativos para uma nova postura:• colocar-se no lugar do outro;• compreender as experiência do outro como válida;• perceber que a compreenção e o diálogo com o outro não invalida sua própria experiência;• perceber que todos são seres em completude, o que exige uma compreensão holística da realidade; e• dialogar com o outro de igual para igual.
  • 13. Quando o dia da paz renascer, quando o sol da esperança brilhar, eu vou cantar. Quando o povo nas ruas sorrir, e a roseira de novo florir, eu vou cantar. Quando as cercas caírem no chão, quando as mesas se encherem de pão, eu vou cantar. Quando os muros que cercam os jardins, destruídos então os jasmins, vão perfumar.Refrão: Vai ser tão bonito se ouvir a canção, cantada, de novo. No olhar do homem a certeza do irmão. Reinado, do povo.Quando as armas da destruição, destruídas em cada nação, eu vou sonhar. E o decreto que encerra a opressão, assinado só no coração, vai triunfar. Quando a voz da verdade se ouvir, e a mentira não mais existir, será enfim, tempo novo de eterna justiça, sem mais ódio, sem sangue ou cobiça, vai ser assim.
  • 14. Autoria deFERNANDO SILVIO CAVALCANTE PIMENTEL UFAL 2011 Veiculação e divulgação livres

×