Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
Revista CN2005
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Revista CN2005

  • 1,335 views
Published

Revista da disciplina ACH0011 Ciências da Natureza, que reúne textos escritos por alunos ingressantes da EACH/USP Leste em 2005.

Revista da disciplina ACH0011 Ciências da Natureza, que reúne textos escritos por alunos ingressantes da EACH/USP Leste em 2005.

Published in Education , Technology
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
1,335
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
6
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Ponderações sobre a Ciência e seus reflexos sociais, econômicos, políticos e culturais COMPILAÇÃO DOS EDITORIAIS PRODUZIDOS POR ALUNOS DA DISCIPLINA CIÊNCIAS DA NATUREZA DO 1O SEMESTRE DE 2005 Apresentação dos textos produzidos pelos alunos dos cursos de Ciências da Atividade Física (CAF), Gerontologia (GER), Lazer e Turismo (LT), Obstetrícia (OBS) e Tecnologia Têxtil e da Indumentária (TTI), integrantes das Turmas 13 e 23 Organizador Prof Paulo Rogério Miranda Correia São Paulo, 8 de junho de 2005
  • 2. ciências da natureza Apresentação É com muito orgulho que eu apresento essa compilação de textos sobre as Ciências da Natureza, produzidos pelos alunos do 1o ano de diversos cursos de graduação da Escola de Artes, Ciências e Humanidades. Atividade integrante da disciplina ACH0011, solicitou-se aos estudantes que elaborassem um texto no formato de um editorial jornalístico apresentando um olhar crítico sobre algum tópico discutido na sala de aula. Os autores deveriam refletir sobre a ciência e a tecnologia, buscando explicitar sua repercussão social, política, econômica e cultural. Apesar da seleção do tema ser livre, ela deveria se basear num dos módulos da disciplina: Cosmologia e Sistema Solar (módulo 1), Sistema Terra (módulo 2), A estrutura da matéria (módulo 3), Origem e evolução da vida (módulo 4), DNA e biotecnologia (módulo 5) e Recursos Naturais (módulo 6). O caráter dessa atividade foi voluntário, fazendo parte apenas do conceito a ser atribuído pelo professor na avaliação final dos estudantes (até 0,5 ponto a mais na média final). A participação dos alunos foi significativa e vinte e seis editoriais são apresentados a seguir. As discussões sobre as Ciências da Natureza abordaram os mais variados aspectos, refletindo o rico panorama da sala de aula composta por estudantes de cinco cursos de graduação diferentes: Ciências da Atividade Física (CAF), Gerontologia (GER), Lazer e Turismo (LT), Obstetrícia (OBS) e Tecnologia Têxtil e da Indumentária (TTI). Além de reafirmar a importância das disciplinas gerais na formação universitária desses alunos, a consolidação dos textos mostrou que compreender o funcionamento e o papel da Ciência é sim um tema que desperta interesse nas pessoas, independente da formação específica a ser obtida no nível superior. Deve-se, portanto, prezar pela manutenção desse espaço de questionamento mais amplo, que transcende a mera formação para o mercado de trabalho. É papel da universidade formar cidadãos críticos, reflexivos e emancipados, capazes de intervir e mudar a realidade. Nesse sentido, a proposição de disciplinas gerais deve ser entendida como uma grande oportunidade de expandir os horizontes culturais dos estudantes, permitindo que eles consigam compreender os complexos fenômenos que ocorrem cotidianamente. Termino, agradecendo todos aqueles que se esforçaram em cumprir essa tarefa, em meio a tantas atividades que são propostas no 1o de faculdade. Parabéns a vocês, que se permitiram refletir um pouco mais sobre o que é e para que serve a Ciência. Agora, esse material poderá ser compartilhado com todos aqueles que também se interessam pelo assunto. Boa leitura, boas reflexões. Paulo Rogério Miranda Correia 1
  • 3. ciências da natureza Índice 1. Para que e os porquês de se estudar Ciências da Natureza por Alberto Tufaile ............................................................................................04 2. Como se faz Ciência? por Fernando Jesús Carbayo Baz ........................................................................06 3. DNA e a era da revolução biotecnológica? por Andréa Gesseff ............................................................................................07 4. DNA e biotecnologia juntas para um mundo melhor por Carina Farias dos Santos ..............................................................................08 5. A questão ambiental por Cristiane Leite Costa .................................................................................... 09 6. Os buracos negros e a ciência por Ellen Garcia ................................................................................................10 7. A manipulação dos pequeninos por Jaqueline Aparecida Pinto ...........................................................................11 8. Odisséia da ciência por Juliana Mayumi Schweinle Pinto Coelho ....................................................... 12 9. Os mistérios do Universo por Lucilene Rodrigues da Silva ..........................................................................13 10. Recursos sobrenaturais por Marli de Faria ............................................................................................14 11. Crer na evolução ou na criação? por Milena De Loco ........................................................................................... 15 12. Engenharia genética: breve reflexão por Natalia Arone Chinelato ..............................................................................16 13. Nanotecnologia: uma revolução tecnológica por Nathalia Anceloti ........................................................................................17 14. A nuvem de Oort por Pedro Jaroszczuk ........................................................................................ 18 15. O incrível mundo grego por Talita Nogueira Costa ..................................................................................19 2
  • 4. ciências da natureza 16. Efeito estufa em crise por Thalita Sarmento Facca ...............................................................................20 17. Nanotecnologia nas escolas? por Wyldner Furtado Pina .................................................................................21 18. Humanitarismo superficial por Adriana Kurdejak .......................................................................................22 19. Novos paradigmas da ciência por Ana Paula Ribeiro de Brito ..........................................................................23 20. “Há mais espaço lá embaixo” por Fernando Iglesias Temblas Jr ........................................................................24 21. Infinito: a ignorância do ser humano por Igor Gasparini .............................................................................................25 22. Essa tal de nanotecnologia por Letícia Maria Nietto ....................................................................................26 23. Reflexões sobre nanotecnologia por Miriam Masako Kanashiro ..........................................................................27 24. A inacreditável biotecnologia e os avanços do DNA por Natália Duzzi de Freitas .............................................................................28 25. Medicina para poucos por Neusa Hetsuko Kaneko Ueno ....................................................................... 29 26. Países investem na nanotecnologia por Samira Pereira Magalotti ............................................................................30 27. Efeitos do tsunami por Simone Poppe Guglielmo ...............................................................................31 28. Nanotecnologia: reinventando limites por Thais Reis Figueiredo ...................................................................................32 3
  • 5. ciências da natureza Para que e os porquês de se estudar Ciências da Natureza Alberto Tufaile EACH, USP Leste, São Paulo - Ao que tem necessidade da Astronomia. Mas ingressar em qualquer curso de graduação isso seria abordar a questão por seu lado o aluno deve se preparar para ouvir a menos importante”. questão: Por que você faz este determinado “A Astronomia é útil porque ela nos eleva curso? Normalmente, um curso de acima de nós mesmos; é útil porque é graduação desenvolve uma maturidade grande; é útil porque ela é bela; é isso que intelectual no aluno sem precedentes, se precisa dizer. É ela que nos mostra o principalmente nos dois primeiros anos, quanto o homem é pequeno no corpo e o enquanto que nos anos seguintes temos quanto é grande no espírito, já que essa uma consolidação do conhecimento imensidão resplandecente onde seu corpo acumulado nas suas mais diversas não passa de um ponto obscuro, sua perspectivas. Finalmente surge um desejo inteligência pode abarcar inteira e dela fruir muito forte de finalizar o curso. Mas isso a silenciosa harmonia. Atingimos assim a não ocorre de forma idêntica com todas as consciência de nossa força, e isso é uma pessoas, pois além do desenvolvimento coisa pela qual jamais pagaríamos caro intelectual, temos também um demais, porque essa consciência nos torna desenvolvimento emocional que nos mais fortes”. acompanha durante toda a nossa vida. Nesses trechos, Poincaré destaca Acredito que muitos dos alunos algumas características importantes de uma passarão por desafios durante a realização ciência da natureza em particular, a desse curso e a pergunta inicial será feita Astronomia. A primeira está relacionada durante esses momentos de desafio. Como com a aplicação tecnológica da Astronomia seria muito pretensioso de minha parte dar na navegação marítima, enquanto a respostas completas e inquestionáveis do segunda relaciona-se com a compreensão porquê e para que estudar Ciências da da natureza e o nosso lugar no universo. Natureza, eu pretendo dar o depoimento de Além disso, ele chama a atenção sobre as algumas pessoas que já pensaram sobre despesas suplementares que surgem depois essas questões. de cada eclipse, pois outra característica Em seu livro o valor da ciência o importante da ciência é a de prever a físico-matemático Henry Poincaré, escreveu ocorrência dos fenômenos estudados. em 1905 algo muito interessante sobre a Assim, podemos justificar o estudo das importância de se estudar Astronomia: “Os ciências da natureza baseadas em três governos e os parlamentos devem achar aspectos principais: aplicação, previsão e que a Astronomia é uma das ciências que compreensão. Não podemos deixar de custam mais caro: o menor instrumento notar a paixão de Poincaré pela Astronomia custa centenas de milhares de francos, o quando ele diz que sua utilidade reside menor observatório custa milhões; cada também na sua beleza, chamando a eclipse acarreta depois de si despesas atenção para o efeito estético dos suplementares. E tudo isso para astros que fenômenos naturais sobre as pessoas. Um ficam tão distantes, que são fenômeno que pode dar um bom exemplo completamente estranhos às nossas lutas do poder da estética sobre nós é a aparição eleitorais, e provavelmente jamais de um arco-íris. Dificilmente a visão de um desempenharão qualquer papel nelas. É arco-íris deixa uma pessoa indiferente com impossível que nossos homens políticos não relação ao resto do mundo, fazendo muitos tenham conservado um resto de idealismo, esquecerem de seus afazeres imediatos e um vago instinto daquilo que é grande; colocando-os em um estado de realmente, creio que eles foram caluniados; contemplação. convém encorajá-los e lhes mostrar bem Um argumento comum para que esse instinto não os engana, e que não justificar o trabalho científico é baseado na são logrados por esse idealismo”. idéia de que isso ajuda o desenvolvimento “Bem poderíamos lhes falar da Marinha, da tecnologia. Isso tem um certo cuja importância ninguém pode ignorar, e fundamento, mas não deve ser considerado como único argumento para justificar a 4
  • 6. ciências da natureza ciência. O cientista brasileiro Henry mármore, fundidores e outros artesões Nussenzveig é um físico reconhecido trabalhando em conjunto com o artista que internacionalmente na comunidade concebeu a obra. Da mesma forma científica, escreveu livros didáticos que são cientistas e técnicos podem ter até o utilizados em várias instituições de ensino, mesmo conhecimento, mas a atuação de discutindo num destes livros sobre a cada um tem orientações diferentes. As relação entre a ciência e a tecnologia. Além ciências da natureza procuram disso, ele possui um carisma que atrai compreender e prever os fenômenos da desde calouros até cientistas experientes, e natureza. A tecnologia aspira aplicar nas suas apresentações ele deixa os técnicas para se atingir um objetivo muito auditórios lotados. O professor Nussenzveig bem definido, resolvendo problemas enfatiza em um de seus livros a diferença importantes nas nossas vidas. Ironicamente de papéis entre a ciência e a tecnologia. muitas das descobertas científicas são Este é um aspecto que as pessoas precisam feitas por engenheiros, médicos e pessoas ter em mente: “A ciência desempenha um que não são classificadas como cientistas, papel muito importante no mundo enquanto que novas áreas tecnológicas são contemporâneo. Não era assim há poucas criadas por cientistas trabalhando em gerações atrás: o desenvolvimento problemas extremamente abstratos. científico tem-se acelerado enormemente. As reflexões sobre as Ciências da Tornou-se lugar comum dizer que vivemos Natureza e sua importância para a numa sociedade tecnológica e medir o sociedade não param por aqui. O presente progresso pelo grau de desenvolvimento texto simplesmente levantou algumas tecnológico. A tecnologia depende questões que, certamente, já justificam seu crucialmente da ciência para renovar-se, e estudo por todos aqueles que buscam uma também contribui para ela, mas não devem formação ampla. Em tempos onde a ser confundidas”. tecnologia invade nossas vidas, entender o Uma comparação com outras áreas funcionamento da Ciência, bem como os pode ilustrar a diferença entre um cientista meios pelos quais os aparatos tecnológicos e um técnico. Nas artes encontramos o são produzidos, é fundamental para o artista e o artesão. Enquanto que o artista julgamento consciente e crítico das ações concebe a obra, o artesão conhece os da Ciência e da tecnologia no século XXI. métodos para a construção da obra. Prof. Dr. Alberto Tufaile é doutor em Física Algumas vezes o artista e o artesão são a Experimental pela Universidade de São Paulo. mesma pessoa, como no caso de um Fez estágios de pós-doutorado na USP e no pintor, que concebe uma paisagem ou um Instituto Niels Bohr na Dinamarca. Atualmente, retrato, mas também sabe misturar as realiza pesquisas experimentais com sistemas tintas corretamente para representar caóticos e não lineares. Atua como professor e pesquisador vinculado ao curso de Licenciatura corretamente sua concepção. Outras vezes em Ciências da Natureza para o Ensino o artista pode ser diferenciado do artesão, Fundamental. como no caso da construção de um e-mail: Tufaile@if.usp.br monumento, onde temos entalhadores de 5
  • 7. ciências da natureza Como se faz Ciência? Fernando Jesús Carbayo Baz EACH, USP Leste, São Paulo - Hoje em enxofre produzirão botões florais dia ninguém mais se espanta ao olhar para (estabelecimento da hipótese). Executamos o céu, alertado pelo barulho, e observar o experimento e comprovamos que, que um avião está flutuando no ar, mesmo realmente, os algodoeiros começam a florir sendo tão pesado. Tampouco ninguém se (teste da hipótese). Um dos aspectos surpreende ao receber uma mensagem na interessantes do método científico é que ele tela do monitor de um microcomputador, permite a outro pesquisador repetir o escrita poucos segundos antes por uma experimento e comprovar a veracidade do pessoa no outro lado do planeta; nem se efeito do enxofre sobre o algodoeiro nas estranha de que no pão velho surja bolor. mesmas condições experimentais. Todos sabemos que para estes fenômenos Antes do desenvolvimento da há uma explicação física ou biológica ciência, as explicações para os fenômenos compreensível. O desenvolvimento da naturais eram, às vezes muito imaginativas pesquisa científica faz possível fazer voar e até engraçadas. Além disso, chegava-se um avião, enviar uma mensagem por às conclusões sem seguir esse método, de correio eletrônico e entender como se modo que não era possível comprovar a desenvolve o mofo no pão. relação causa-efeito. A quem corresponde o mérito de Para responder certas questões é inventar um avião, ou um computador? Em muito difícil elaborar um método científico. raras ocasiões, uma única pessoa é Por exemplo, elucidar um evento ocorrido responsável pelo desenvolvimento de no passado e sem testemunhas, como a alguma descoberta científica ou artefato origem da vida ou do universo, eventos tecnológico. Na maioria das vezes, trata-se acontecidos há bilhões de anos e o quais de equipes de profissionais que começaram não presenciamos porque na época não a desenvolver um projeto partindo de existíamos. Nesses casos usam-se estudos e trabalhos anteriores realizados evidências indiretas, vestígios de pistas que por dezenas ou centenas de pessoas. ainda podem nos ajudar a elucidar muitos Fazer ciência é executar um trabalho eventos que intrigam a humanidade. de pesquisa seguindo rigorosamente um Fazer ciência é saciar a curiosidade conjunto de regras metodológicas. É o do homem, privilegiando a razão e método científico, que consta basicamente utilizando o método científico como maneira de quatro fases: (1) observação de um de produzir e validar novas descobertas e evento; (2) formulação de uma questão; conhecimentos. O produto final de tudo (3) estabelecimento de uma hipótese; e (4) isso, considerando todos aqueles que se teste dessa hipótese mediante um dedicaram a esse empreendimento desde a experimento. renascença, é uma das mais ousadas Vamos discutir o método científico a construções humanas, responsável pelo partir de um exemplo simples. Os pés de progresso científico e tecnológico de nosso algodão (algodoeiro) plantados em certo tempo. solo, muito pobre em enxofre, não Prof. Dr. Fernando Jesús Carbayo Baz é doutor florescem (observação). Será que a falta do em Biologia pela Universidade de Salamanca, enxofre no solo poderia ser o fenômeno Espanha. Fez estágio de pós-doutorado na PUC- responsável por isso? (formulação da RS e realiza pesquisas em sistemática e filogenia questão). Para verificar cientificamente se morfológica e molecular de invertebrados. Atua como professor e pesquisador vinculado ao essa é a causa, é necessário curso de Licenciatura em Ciências da Natureza desenvolvemos um experimento: uma para o Ensino Fundamental. parte do terreno permanece inalterada; em e-mail: baz@usp.br outra parte do terreno adicionamos enxofre. Tentamos prever o resultado, que imaginamos ser este: os algodoeiros plantados no terreno inalterado continuarão sem florescer; aqueles em terreno com 6
  • 8. ciências da natureza DNA e a era da revolução biotecnológica Andrea Gesseff EACH, USP Leste, São Paulo - Na década Assim, com o desenvolvimento de de 40, com o estudo de suas bases modernas técnicas laboratoriais e industriais, modernas, a biologia molecular teve um almeja–se a produção de fármacos contra importante papel na busca da estrutura e patologias genéticas, de novos medicamentos função das moléculas biológicas, que hoje contra alguns tipos de câncer e até mesmo na sabemos, são os ácidos desoxiribonucléicos e solução de casos de paternidade ribonucléicos, os famigerados DNA e RNA tão desconhecida etc. em voga hoje em dia. Outra aplicação da biotecnologia pela Somente em 1944 é que foi industria é o uso de microorganismos demonstrado por Avery, McLeod e McCarty geneticamente modificados que produzam que o ácido desoxirribonucléico (DNA) substratos de interesse econômico, como continha a informação genética há muito certos hormônios, combustíveis, tratamento trabalhada por Mendel sem que o mesmo de águas residuárias, produção de alimentos tivesse algum conhecimento da existência etc. daquele ácido. Mas, somente em 1952, a Desta forma, podemos dizer que com partir de experimentos com vírus os avanços da pesquisas biotecnológicas bacteriófagos, bem como com E. coli, Hershey novas fronteiras do conhecimento serão e Chase provaram que o DNA tinha o controle abertas, e com elas surgirão inúmeras das atividades celulares. possibilidades de aplicação desde a cura para Hoje, após 52 anos de descoberta do determinadas doenças, melhorias de DNA por James D. Watson e Francis H. C. processos industrias, até estudos geográficos Crick, é que vemos o Boom da ciência para as cronológicos e etnológicos, indo além do que novas descobertas e inovações no campo da imaginava o padre Mendel com suas biologia molecular. pesquisas no século XIX. Com essas descobertas, houve uma Andrea Gesseff é aluna do 1o ano do curso de re-interação entre as diversas áreas do Bacharelado em Gerontologia e freqüenta a conhecimento como história, química, física, disciplina geral Ciências da Natureza na turma estatística, matemática computacional, 13. biologia, como já havia sido no passado, e-mail: andrea.geronto@usp.br antes da atual segmentação do conhecimento, gerando uma grande rede de troca de informações e experiências, colocando o Brasil em uma posição de destaque, principalmente nas pesquisas médica e agropecuária, esta última com o seqüenciamento genético da bactéria Xylella fastidiosa no final do século passado. 7
  • 9. ciências da natureza DNA e biotecnologia juntas para um mundo melhor Carina Farias dos Santos EACH, USP Leste, São Paulo - Mas sabemos também que as Atualmente é muito comum vermos essas pesquisas podem nos trazer muitos duas palavras destacadas em todos os benefícios, quando for descoberta a cura da meios de comunicação, no telejornal, nas AIDS, boa parte dos africanos serão salvos revistas, nos jornais. São assuntos dessa epidemia, e muitas verão que sua presentes também na escola, pois os esperança não foi em vão, que não alunos têm que saber o que esta precisarão mais tomar tantos acontecendo no mundo para eles mesmos medicamentos diariamente. E se for darem continuidade depois as pesquisas e descoberto um tratamento que acabe de decidirem o que será melhor para sua vida. uma vez por todas com os tumores, e que Quem nunca ouviu falar em acabe com o sofrimento de quem tem que alimentos transgênico ou clonagem, essas fazer quimioterapia. palavras foram manchetes dos principais Claro que se não for usado para jornais do mundo, em entrou em discussão benefício da humanidade, é melhor que em todos os países, todos se perguntaram nem se comece as pesquisas nesse se os transgênicos não fazem mal à saúde aspecto, mas se for usado para trazer a até onde um homem poderia fazer outro, e cura dos doentes e para melhorar a são dúvidas que muitos ainda tem. Tanto qualidade de vida, a biotecnologia e as os transgênicos quanto a clonagem são descobertas do DNA, serão muito bem resultados das pesquisas realizadas com as empregadas. moléculas de DNA, que possibilitou a Ainda serão necessárias muitas manipulação de cada molécula. Mas pesquisas para a cura de várias doenças, sabemos que nada disso seria possível se mas se todos se dedicassem um pouco a não fosse a biotecnologia para auxiliar os ciência, teríamos muitos benefícios para pesquisadores do ramo. humanidade. Sem a biotecnologia não seria possível fazer os transgênicos, as clonagens, as pesquisas com células tronco, e outras descobertas na área médica, que possibilitarão futuramente na cura da AIDS, e outras doenças. Porém sabemos que não é tão simples assim divulgar certas descobertas e experiências, pois a sociedade ainda reage com preconceito, muitas vezes porque possuem uma religião, muitos dizem que não mas sabemos que a religião interfere de modo significativo nos conceitos de um indivíduo, o que pode levar muitas pessoas serem totalmente contra pesquisas que envolvam células tronco, ou algo menos polêmico como os transgênicos, uma vez que se mexe com vegetais e não humanos. 8
  • 10. ciências da natureza A questão ambiental Cristiane Leite Costa EACH, USP Leste, São Paulo - Os A intensidade da exploração desses recursos naturais são classificados em recursos teve grande impulso após a renováveis e não renováveis. Porém, vamos Revolução Industrial. Desde então, analisar essa situação desde os antigos. formaram-se as sociedades altamente No início da existência o homem consumidoras, que fizeram a demanda por valia-se da colheita de plantas e frutos, da matérias-primas crescer, colocando em caça e da pesca de certos animais. Com o risco até alguns recursos considerados passar do tempo à população foi renováveis, como a água. aumentando e a produção de alimentos Nos dias atuais a questão ambiental também começou a crescer. tem tomado lugar de destaque junto a Devido ao avanço tecnológico os ONGs, Governos e Universidades. meios de produção foram s tornando mais Uma forma de controle dos impactos complexos. Surgiram as indústrias. Mas a ambientais são as unidades de natureza continuou a ser a grande conservação, com uso e ocupação restritos fornecedora de matérias-primas e produtos e controlados. necessários à sobrevivência humana. Preservar e conservar são assuntos A utilização racional deles bem como para reflexão. Encontrar soluções que sua conservação são fatores de extrema permitam equacionar desenvolvimento e importância. Só que nem todas as pessoas meio ambiente não é uma tarefa fácil. A pensam assim. Há uma série de cuidados questão é complexa que vai desde que devem se tomados em relação ao solo desenvolvimento de tecnologias e a à fauna e a flora. aplicação das mesmas para recuperação de A poluição de uma forma geral é um recursos degradados. dos problemas mais graves enfrentado principalmente nos grandes centros urbanos. Um outro problema é a exploração descontrolada dos recursos não-renováveis. À medida que são desenvolvidas novas técnicas que ampliem o conhecimento para utilização dos recursos naturais, os homens usam dessas novas técnicas para explorar ainda mais esses recursos. Porém, os recursos naturais não são os mesmos e não estão distribuídos homogeneamente por todo planeta, eles se organizam de forma bastante particular. 9
  • 11. ciências da natureza Os buracos negros e a ciência Ellen Garcia EACH, USP Leste, São Paulo - Os buracos negros estão a um passo de virar “Os buracos negros têm muitas realidade. Os usos de instrumentos cada propriedades interessantes que indicam que vez mais precisos e estudos mais eles podem trazer novas idéias para a aprofundados podem fazer com que os possível unificação da teoria da relatividade buracos negros tenham sua existência e da mecânica quântica”, disse Roeland van comprovada. der Marel, do Instituto de Ciência do O telescópio norte americano Telescópio espacial, dos EUA. Marel estuda Chandra (Nasa), em órbita, começou a buracos negros através do telescópio procurar por emissões de raios X referentes Hubble, e participou do encontro. aos buracos negros. Essa radiação é como Os buracos negros apareceram pela se fosse a assinatura do buraco negro e primeira vez nas equações de Einstein, e indica que parte da energia ao redor desses apesar de serem considerados “absurdos corpos foi absorvida e “desapareceu” —algo teóricos”, atualmente já são corpos bem que só pode ocorrer com buracos negros. conhecidos, pelo menos no papel, dos Em terra o observatório Cangaroo 2, na astrônomos e astrofísicos. Austrália, promete detectar outra radiação Mas mesmo assim, ninguém é capaz dos buracos negros, os raios gama. de afirmar que buracos negros, corpos Outra forma de encontrar esses pequenos e maciços, existam. corpos é através de ondas gravitacionais, O primeiro buraco negro no Universo foi previstos pela teoria da relatividade geral descoberto em 1964, e ganhou esse nome de Einstein (1915). O aparelho para três anos mais tarde, pelo físico John detectar estas ondas está no EUA, e se Wheeler. Depois disso, diversos outros chama Ligo. As ondas gravitacionais podem prováveis buracos negros foram detectados ser liberadas em colisões entre dois buracos no Universo. negros. Mais tarde, astrofísicos começaram a As possibilidades de novas detecções especular sobre buracos negros “normais” de buracos negros fizeram com que o existentes, sendo estes supermaciços, com assunto voltasse a ser tema principal nas massas de ordem de milhões de massas comunidades cientificas. Em fevereiro de solares. A Via Láctea, provavelmente, 2000 o tema foi debatido no encontro anual contém um desses corpos, com massa de 2 da AAAS (Sociedade Americana para o milhões a 3 milhões de sóis. Avanço da Ciência). Mas é difícil prever o que a astronomia pode vir a descobrir, provavelmente, em alguns anos saberemos mais sobre buracos negros. É esperar pra ver. Ellen Garcia é aluna do 1o ano do curso de Obstetrícia e freqüenta a disciplina geral Ciências da Natureza na turma 13. e-mail: ellen@usp.br 10
  • 12. ciências da natureza A manipulação dos pequeninos Jaqueline Aparecida Pinto EACH, USP Leste, São Paulo - Como se Com o surgimento da pensava antigamente os átomos eram nanotecnologia, o interessante é que os partículas indivisíveis, porém hoje sabemos cientistas não pretendem miniatuarizar as que esta teoria está meio “furada” e coisas já inventadas, porém desenvolver também, que já temos comprovações que novos mecanismos, alguns dos quais já existem partículas menores, e que estas foram criados pela natureza e podem ser podem ser manipuladas e conforme a compreendidos e copiados, evolução estão presentes no nosso dia-a- Essa manipulação dos pequenos corpos já é dia, conseqüentemente são provenientes de uma evidência clara nas nossas vidas, porém descobertas fantásticas, que estão o que precisamos é investir nesta tecnologia transformando o mundo atual. Estamos nos para podermos crescer como uma nação referindo da nanotecnologia, a qual vem desenvolvida, pois sem tecnologia de ponta sendo englobada na vida cotidiana das os países não conseguem seus lugares nos pessoas cada vez mais, pois esta conta com mercados mundiais. Tendo em vista um uma tecnologia de ponta, e promete futuro melhor para o povo brasileiro revolucionar a indústria e a economia. poderíamos investir fortemente nas coisas Hoje em dia, muitas pessoas ainda que atualmente fazem a diferença no pensam que a nanotecnologia é uma mercado mundial, pois assim quem sabe um ciência voltada para o futuro, porém esta já dia seremos olhados como um país de está nos envolvendo, tendo como exemplos primeiro mundo. à utilização de microprocessadores dos Jaqueline Aparecida Pinto aluna do 1º ano de computadores como também os lasers, Ciências da Atividade Física e freqüenta a como formas simples da utilização da disciplina geral de Ciências da Natureza na nanotecnologia em nosso país. turma 13. Podemos inferir que esta trará e-mail:jakizinha@usp.br informações necessárias para processos evolutivos importantíssimos em todas as áreas, pois como podemos manipular pequenas partículas, poderemos assim usufruir desses benefícios para desde uma promoção da qualidade de vida até uma simples manipulação para alterar a tecnologia. 11
  • 13. ciências da natureza Odisséia da ciência Juliana Mayumi Schweinle Pinto Coelho EACH, USP Leste, São Paulo - Volta e meia A observação dos astros levou a uma Hollywood lança um novo filme mirabolante revolução agrícola (através da compreensão sobre um meteoro assassino que resolve se do ciclo das estações do ano e das cheias dos chocar contra a terra e acabar com a rios), e tal revolução mudou completamente a humanidade. Não é coincidência que o corpo vida do homem. A astronomia, ainda fundida celeste sempre colidirá com o solo americano com a astrologia, foi talvez o primeiro esboço – os norte-americanos têm uma mania de de ciência da humanidade. É necessário perseguição que não se restringe ao globo eliminar o medo generalizado, mostrar às terrestre. Mas não é esse o ponto. Lá se vão pessoas que a astronomia não se resume a mais de cem anos de cinema e conceitos meteoros que perseguem a Terra, nem que básicos de ciência são violados ela fica restrita a um observatório onde vive constantemente nas superproduções, um pobre cientista maluco. especialmente os que se referem ao que Há quem não creia que o homem chegou à acontece no espaço sideral, ou seja, no vácuo lua, outras tantas não imaginam como além de nossa pequenina atmosfera. funciona o sistema solar, muito menos Os raios laser emitem um som muito concebem a existência de outras galáxias. característico, e a luz (o laser é um feixe de Isso não é raro. Mas também não é luz muito peculiar) não emite som, seja aqui impossível fazê-las se interessarem no na Terra ou no espaço. Sem mencionar assunto. aquelas explosões envolventes das grandes batalhas siderais: uma série de pows, booms, Juliana Mayumi Schweinel Pinto Coelho é aluna e outras onomatopéias impossíveis. Em do 1o ano do Curso de Obstetrícia e freqüenta a tempo – a luz pode “carregar” o som através disciplina geral Ciências da Natureza na turma 13. da fibra ótica, mas isso é assunto para outra e-mail: jmf@usp.br pauta. Justiça seja feita: Stanley Kubrick respeitou o silêncio eterno do vácuo, em seu filme “2001 – Uma odisséia no espaço” (1968). Não é necessário porém proibir as crianças de irem ao cinema, pelo contrário. Basta trazer para a sala de aula os filmes, mostrando a verdade através de algo que lhes interesse realmente – afinal, quem nunca brincou de Guerra nas Estrelas? Talvez esta seja a deixa perfeita para trazer o aluno para os braços da ciência. Mostrar-lhes o interesse que o homem sempre teve pelo céu e pelo que lá havia, todas as teorias de abóbada celeste e de deuses e de como os astros influenciavam a vida de babilônios, egípcios, gregos. 12
  • 14. ciências da natureza Os mistérios do Universo Lucilene Rodrigues da Silva EACH, USP Leste, São Paulo – Para a Com a teoria da relatividade geral, explicação do princípio do Universo, o proposta por Einstein, foi possível obter um homem vem propondo diversas teorias melhor entendimento para o surgimento do desde o começo dos tempos. Explicar, ou universo. Einstein imaginou o universo o mesmo entender o seu início é algo muito mais simples e simétrico possível, estático complicado. O modelo aceito atualmente e com a geometria de uma esfera, sem para a origem do Universo é o Big Bang nenhum ponto mais importante que o (grande explosão). Mas como pode-se outro. A presença de corpos deforma a saber se este modelo está certo? Que geometria do espaço, fazendo com que a provas existem? trajetória de corpos vizinhos sejam Em 1929, o astrônomo americano aceleradas. A força da gravidade pode ser Edwin Hubble descobriu que o Universo se interpretada como o resultado da curvatura encontra em expansão, ele observou que as do espaço. galáxias estão se afastando de nós. Essa foi Isso tudo é muito difícil de se imaginar a principal descoberta para a formulação da principalmente porque somos muito teoria do Big Bang. Se as galáxias estão se pequenos, “um nada”, diante do universo. É afastando, em algum momento estavam difícil percebemos que o universo é tão concentradas em um volume muito imenso, se o que vemos é tão pouco. O pequeno, dando assim o seu início. As universo possui grandes mistérios e para a galáxias se afastam em velocidades ciência é importante que eles sejam proporcionais às suas distâncias. desvendados. Nem todas as teorias propostas Para essa interpretação, são geradas durante ao longo destes anos, foram corretas muitas confusões. Para onde o universo e nem todas serão comprovadas. Em ciência está se expandindo? Se o Universo está em a imperfeição é uma necessidade, mesmo que expansão, então ele tem uma borda e um o objetivo seja atingir a perfeição. Talvez o centro? aspecto mais complicado e excitante de um modelo, não é o que ele pode explicar, e sim O Universo não está contido no o que não pode. espaço, ele contém o espaço. A expansão Lucilene Rodrigues da Silva é aluna do 1o ano do do universo significa que as galáxias estão curso Ciências da Atividade Física e freqüenta a sendo carregadas pela expansão da disciplina geral Ciências da Natureza na turma geometria do espaço. Mas se o universo 13. está em expansão, significa que ele é e-mail: lucilene.@usp.br infinito, portanto não há bordas nem centro. Essa confusão acontece porque imaginamos o universo em duas dimensões em um espaço com três. 13
  • 15. ciências da natureza Recursos sobrenaturais Marli de Faria EACH, USP Leste, São Paulo - Efeito Países subdesenvolvidos em termos estufa; buraco na camada de ozônio; econômicos, mas, desenvolvidos em crescimento descontrolado e exagerado da recursos naturais, como é o caso do Brasil, população; escassez de água; aquecimento que é campeão em biodiversidade e um dos global; perda da biodiversidade; países com maior disponibilidade de água desmatamento; desertificação; pesca doce do mundo, sofrerá muito com a predatória; poluição das águas e do ar; pressão dos países ricos, que farão de tudo chuva ácida e lixo urbano, maiores para ter direito a esses recursos. preocupações da população Hoje brigamos por petróleo e contemporânea. Será? amanhã por água. E o grande celeiro dessa Temos hoje o protocolo de Kioto, guerra será o Brasil. assinado por 84 nações em 1997, que se O fim dos recursos naturais é um comprometeram a reduzir a emissão de problema longínquo, então por que se gases do efeito estufa, mas infelizmente o preocupar agora? Porque, se não maior emissor não concordou com o resolvermos esse problema agora, eles se acordo. Há mais interesses econômicos do agravarão cada vez mais e não haverá que ambiental. condições para contê-los. Ainda não conhecemos essas Assim teremos que criar recursos preocupações plenamente, só vemos a sobrenaturais para conter as grandes ponta do iceberg. A população cresceu, mas potências econômicas. Por isso que é tão ainda podemos construir mais um importante as grandes universidades do país quartinho; o calor aumentou, mas ainda investirem em pesquisa de ponta para que a podemos nos bronzear antes das dez e qualidade de vida do nosso meio ambiente depois das dezesseis horas; o sundown melhore consideravelmente em todo o fator sessenta ainda suporta o buraco da mundo, conscientizando a população sobre a camada de ozônio; a água vai acabar? necessidade de preservar, reciclar, reduzir e Existe o Aqüífero Guarani; biodiversidades, economizar. Assim protegeremos o nosso país ainda existem muitas espécies de animais e e as futuras populações nacionais e cada vez descobrem mais, é só ir ao internacionais. Pantanal. Marli de Faria é aluna do 1o ano do curso de A partir do momento que: não Lazer e Turismo e freqüenta a disciplina geral tivermos mais lugar para construir Ciências da Natureza na turma 13. e-mail: marlifaria@usp.br quartinhos e as pessoas forem se aglomerando; o bronzeamento se tornar uma queimadura; o sundown não proteger contra o câncer de pele; e o fracionamento rígido da água realmente acontecer, haverá grandes crises mundiais. 14
  • 16. ciências da natureza Crer na evolução ou na criação? Milena De Lócco EACH, USP Leste, São Paulo - A crença Por outro lado, os fiéis seguidores da na evolução não é nova; não se originou Bíblia aceitam o simples fato de que a com Charles Darwin. Mas, depois da existência de um Deus Onipotente pode publicação de seu livro A Origem das explicar o surgimento da vida. Esse grupo Espécies em 1859, os apoiadores desta considera que condicionar o aparecimento idéia aumentaram muito em número. Nos da vida na Terra, e conseqüentemente do países onde se dá muita ênfase à “ciência”, ser humano, aos acasos, é reduzir a o ensino da evolução ocupa um lugar de importância do homem. O valor expresso destaque nos compêndios escolares. Ele é na criação, com o homem criado à imagem introduzido já nos primeiros anos e repetido e semelhança de Deus, dá outra dimensão e ampliado ano após ano. à existência e a impregna de deveres e A idéia básica da evolução é que responsabilidades que contribuem para o toda a vida vegetal, animal e humana nesta aprimoramento moral e espiritual do terra se originou de formas de vida indivíduo. unicelulares, que se desenvolveram no mar O importante é ressalvar que a pergunta há centenas de milhões de anos atrás. Os levada em conta neste editorial é mais do que evolucionistas afirmam que os uma questão diletante ou de mera antepassados do homem incluíam tanto curiosidade. A resposta que a pessoa der animais simiescos como peixes. Mas nem refletirá profundamente a sua atitude para todos crêem nisso. Nem todos os com o seu próximo, os seus valores de moral educadores crêem na evolução, nem o e o seu conceito quanto ao passado, o fazem todos os cientistas. Há muitas presente e o futuro. Afinal, não é simples pessoas que crêem que um Deus, o Todo decidir se aceitaremos a evolução da Poderoso, criou a terra e que ele fez a inteligência humana como o produto de vegetação, os animais e o homem. Crêem distúrbios aleatórios dos neurônios de na criação. possíveis ancestrais ou como criação única de Obviamente, há profundas um Ser Supremo e desconhecido. diferenças entre a teoria da evolução e o Milena De Lócco é aluna do 1o ano do curso de Lazer e Turismo e freqüenta a disciplina geral relato de Gênesis. Os que aceitam a Ciências da Natureza na turma 13. evolução argúem que a criação não é e-mail: milenadl@usp.br cientifica, portanto, não é digna de credibilidade. Acreditam que admitir a vida como produto da ação de uma inteligência superior, coloca a humanidade à mercê dos propósitos de entidades religiosas. Em tal circunstância não caberia ao homem pensar em responsabilidade pessoal e social, e tampouco na necessidade de cuidar do meio ambiente, o que seria um risco para a humanidade. 15
  • 17. ciências da natureza Engenharia genética: breve reflexão Natália Arone Chinelato EACH, USP Leste, São Paulo - A medicamentos, o transplante de órgãos, a engenharia genética vem revolucionando a multiplicação de rebanhos e de animais em história da ciência. Com suas técnicas cada extinção. vez mais desenvolvidas, eles manipulam, Paralelamente aos avanços da duplicam e transferem partes de DNA, clonagem, foi lançado em 1990 o Projeto tendo seus maiores propósitos na Genoma Humano, com conclusão prevista agricultura, na medicina e na indústria. para 2005. Esse ambicioso projeto visa Com o avanço dessa nova mapear e identificar os 100.000 genes tecnologia, muitos organismos existentes em cada célula humana. transgênicos, que são aqueles que Diante dos resultados obtidos através desses apresentam uma parte de DNA de outro estudos, pode-se concluir que a engenharia organismo dentre os seus genes, estão genética tem todas as condições para sendo produzidos com o intuito de se obter contribuir de forma benéfica ao uma produtividade maior na agricultura e desenvolvimento humano, desde que não até mesmo na medicina e nas indústrias. O seja utilizada por pessoas e instituições com único problema desse avanço é que muitas interesses financeiros ou escusos. vezes ele acaba caindo em mãos de Natália Arone Chinelato é aluna do 1o ano do pessoas de má índole que o utilizam de Curso de Obstetrícia e freqüenta a disciplina forma inadequada e prejudicial à sociedade. geral Ciências da Natureza na turma 13. e-mail: naty.fofuchinha@usp.br Outro campo bem desenvolvido da engenharia genética é o da clonagem, mas afinal, o que é um clone? Clone é uma cópia idêntica de outro indivíduo, que foi produzido assexuadamente, ou seja, envolve apenas um pai, não apresentando estruturas reprodutivas especiais, e que possui o mesmo patrimônio genético do ancestral. Essa clonagem pode ser natural, quando a manipulação dos genes é feita sem interferência humana, como é o caso da bipartição das bactérias ou até mesmo dos gêmeos idênticos na espécie humana ou artificial, quando tem como origem a manipulação dos genes. Os primeiros experimentos registrados da clonagem foram realizados em 1975, na tentativa sem sucesso de se clonar uma rã, porém em 1996 a clonagem da ovelha Bellinda, que deu origem a ovelha Dolly foi o auge da atuação da engenharia genética, já que além de ser o primeiro resultado positivo da clonagem, foram necessárias 276 tentativas até que a Dolly nascesse. Dolly morreu em 2003 depois de uma injeção letal tendo seu sofrimento abreviado, já que apresentava envelhecimento precoce apontado como umas das diversas conseqüências desconhecidas da clonagem. A clonagem de animais pode ser extremamente valiosa para o homem, e dentre elas, destaca-se a produção de 16
  • 18. ciências da natureza Nanotecnologia: uma revolução tecnológica Nathalia Anceloti EACH, USP Leste, São Paulo - A idéia de Porém tamanha revolução não utilizar estruturas atômicas construídas poderia passar ilesa. Existem muitos medos átomo a átomo foi proposta por Richard com relação ao domínio da nanotecnologia. Feynman em um discurso datado de 1.959. De acordo com alguns especialistas da área Anos mais tarde Eric Drexler retomou a pode ser mais perigoso do que a clonagem visão de Feynman em um ensaio que se humana, pois coloca em risco a própria teorizava a construção de um assemblador existência humana. molecular. Dentre as conseqüências causadas A Nanotecnologia visa a pela nanotecnologia há uma grande compreensão e o controle da matéria na preocupação com sua capacidade escala nanométrica ou, de forma mais armamentista. Atualmente vários países abrangente, desde a escala do átomo até como Estados Unidos e Japão, já estão cerca de 100 nanômetros, que aplicando milhões de dólares em coincidentemente é a escala típica de um investimentos bélicos e alguns protótipos já vírus. estão funcionando. A capacidade de manipular átomos Além disso, também pode haver abre novas perspectivas, permitindo a conseqüências sociais tendo em vista que construção de nanomáquinas capazes de com a aplicação da nanotecnologia na interagir com células humanas ou mesmo medicina a expectativa de vida irá com componentes das células como o DNA. aumentar (como já está previsto que até o Além da medicina, diversas outras áreas final deste século as pessoas cheguem até como: ecologia, alimentação e bens de os 120 anos), caso os governos não se consumo em geral; sofreram impactos com previnam o sistema social não conseguirá a nanotecnologia. suportar o fato de pessoas viverem mais, No Brasil a nanotecnologia ainda acarretando a falência do sistema está começando, mas já há resultados previdenciário. importantes, como a “língua eletrônica”, Mais uma vez o ser humano se vê que foi desenvolvida por pesquisadores da obrigado a assimilar uma nova tecnologia, Embrapa liderados pelo Dr. L. H. Mattoso e capaz de revolucionar a medicina, a é um produto nanotecnológico, pois indústria de bens de consumo e de depende para seu funcionamento da construção, mas também promete municiar capacidade dos cientistas de sintetizar infindáveis debates sobre o futuro da (criar) novos materiais e de organizá-los, humanidade. camada molecular por camada molecular, em um sensor que reage eletricamente a diferentes produtos químicos. 17
  • 19. ciências da natureza A nuvem de Oort Pedro Jaroszczuk Nos limites do Sistema Solar, existe Aristóteles previu ainda no século IV uma enorme aglomeração de cometas, A.C., que os cometas eram nuvens de influenciada tanto pelo Sol como por outras gases luminosos no alto da atmosfera estrelas. O dinamismo dessa nuvem de terrestre.Já Sêneca sugeriu no século I D.C. cometas poderá explicar questões como a que eram corpos celestes, que viajavam ao extinção em massa da Terra. longo de sua própria trajetória através do É muito comum achar que o nosso firmamento.Em 1577 Tycho Brahe, Sistema Solar acaba na órbita do mais astrônomo dinamarquês, confirmou a distante planeta, Plutão. Mas isso não hipótese observando um cometa em várias acontece, pois a influência gravitacional do localizações na Europa. Sol, estende-se 3 mil vezes mais longe, no Em 1705, o astrônomo inglês, meio do caminho das estrelas mais Edmond Halley compilou um catálogo com próximas. Esse espaço não está vazio, ele é 24 cometas, argumentou que as órbitas preenchido por um enorme reservatório de deveriam ser longas elipses ao redor do cometas, material residual da formação do Sol. De certo modo, a descrição de Halley Sistema Solar. Esse reservatório é sobre os cometas circulando em órbitas que conhecido por nuvem de Oort. se estendiam entre as estrelas, antecipou a Esta nuvem de Oort é considerada a descoberta da nuvem de Oort dois séculos Sibéria do Sistema Solar, fria, respondendo e meio depois. pouquíssimo sob a autoridade central. Em 1950, o astrônomo holandês, O Sol, embora ainda seja a estrela Jan Oort ficou interessado na questão. Ele mais brilhante nesta região é apenas tão reconheceu uma imensa nuvem esférica brilhante quanto Vênus no céu da Terra. circundando o sistema planetário e Na verdade, nós nunca a vimos estendendo-se parcialmente até as estrelas como também até hoje nunca ninguém viu mais próximas. um elétron. Simplesmente inferimos a A nuvem de Oort continua a fascinar existência da nuvem de Oort, assim como a os astrônomos, graças à mecânica celeste, a do elétron, por causa dos efeitos físicos que natureza reservou uma amostra do material podemos observar. da formação do Sistema Solar nesse distante No primeiro caso, esses efeitos estão reservatório. relacionados à constante e lenta passagem Pedro Jaroszczuk é aluno do 1o ano do curso de dos cometas de longo período pelo nosso gerontologia e freqüenta a disciplina geral sistema planetário. E dessa forma a nuvem Ciências da Natureza na turma 13. de Oort responde às perguntas feitas desde e-mail: sorrisobranco@superig.com.br a antiguidade: O que são os cometas?De onde vêm? 18
  • 20. ciências da natureza O incrível mundo grego Talita Nogueira Costa EACH, USP Leste, São Paulo - Os conceitos dos homens, afirmava que esses primórdios de nossa história científica é eram animais políticos. fortemente marcada pelo mundo grego. A Cabe ressaltar a cultura helenística noção grega de método científico com base pela sua fusão do grego com o oriental, que para se fazer ciência era inexistente nessa também trouxe grandes contribuições. Nas época, tendo como parâmetro o modelo ciências, mesclaram – se todo aquele atual.No qual o desenvolvimento da espírito especulativo dos gregos com a pesquisa científica para que seja praticidade oriental. Somando – se assim comprovada sua veracidade, devem seguir nomes importantíssimos como Euclides, na de forma rígida as normas do método geometria; Arquimedes na física (lei da científico. alavanca hidrostática); Aristarco A ciência pode se interpretada (heliocentrismo) e Ptolomeu (geocentrismo) dentro de moldes estabelecidos na astronomia. matematicamente, e resultados obtidos em Foi notável o progresso cultural dos gregos. experiências realizadas em laboratórios. Suas realizações chegaram aos nossos dias, Porém, a forma como o homem sempre servindo de base para estudos diversos da procurou entender racionalmente o ciência, fundamentando conceitos e até comportamento dos fenômenos naturais, mesmo reformulando as antigas teorias, pode ser considerada como Ciência sendo estimulando cada vez mais novos cientistas e observada a partir de conhecimentos muito pesquisadores, que se tornam adeptos dessas remotos da antiguidade. linhagens de pensamento filosófico. Desta forma, é inquestionável a Talita Nogueira Costa é aluna do 1o ano do curso contribuição da filosofia e do olhar atento de Obstetrícia e freqüenta a disciplina geral dos gregos para desvendarem repostas aos Ciências da Natureza na turma 13. dilemas da vida e os mistérios da natureza. e-mail: tnc@usp.br Com seu espírito crítico e especulativo, buscaram explicações racionais dos processos e transformações da natureza e do próprio homem, distanciando-se das justificativas mágicas e religiosas de outros povos. A mentalidade curiosa produziu teorias, linhas de pensamento, quebrando crenças e dogmas, desenvolvendo a filosofia (amor à sabedoria).Na Grécia se destacaram especialmente Sócrates, Platão e Aristóteles, que descendem da mesma escola filosófica –A Socrática.Por meio da razão e não do mito,esses pensadores criaram diversas teorias. Sócrates (469-399 ac.) pregava a reflexão e a virtude como essenciais à vida.Criou a Maiêutica, método de perguntas e respostas para alcançar a sabedoria. Platão (429-347 ac.) acreditava numa realidade autônoma por trás do “mundo dos sentidos”.A partir dessa realidade criou a teoria do mundo das idéias. Por fim, Aristóteles (384-322 ac.) Pai da lógica defendia a existência do real independentemente das idéias (ao contrário de Platão) querendo pôr ordem nos 19
  • 21. ciências da natureza Efeito estufa em crise Thalita Sarmento Facca EACH, USP Leste, São Paulo - O efeito Se o ritmo atual continuar, a estufa é responsável pela temperatura concentração de CO2 duplicará até o final do média da superfície do planeta, e das século. O resultado será um aumento condições para a existência de vida. Os médio da temperatura da Terra em cerca riscos relacionados com o efeito estufa esta de 1°C e elevação no nível dos mares em na sua intensificação, quanto maior for a quase um metro. concentração de gases deste, maior será o Nos últimos 50 anos, os Alpes na Europa aprisionamento do calor, e perderam 50% de sua cobertura de gelo. O conseqüentemente mais alta a temperatura mundo sofreu 600 inundações nos últimos média da Terra. Estamos adicionando cada dois anos e meio, que mataram cerca de 19 vez mais gases de efeito estufa que não mil pessoas e provocaram prejuízos de 25 estão presentes naturalmente na bilhões de dólares isso sem contar o tsunami atmosfera, como os clorofluorcarbonos de dezembro na Ásia, que matou mais de 180 (CFCs) e continuamos a destruir os agentes mil pessoas. reguladores, cortando milhares e milhares Thalita Sarmento Facca é aluna do 1º ano do de árvores por dia, deixando-as incapazes curso de Lazer e Turismo e freqüenta a disciplina de substituir o dióxido de carbono pelo geral de Ciências da Natureza na turma 13. oxigênio. e-mail: thalitafacca@usp.br Os principais efeitos previstos para o aquecimento global da Terra são desequilíbrio na fauna e flora, grandes variações na temperatura e no ritmo de chuvas, aumento no nível do mar e a seca. Nesta quinta-feira (26/05/2005), a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), alertou que o aquecimento global deve diminuir significativamente a oferta de alimentos em muitos países e aumentar o número de famintos no mundo. A única solução para se evitar tais acontecimentos seria estabilizar o efeito estufa, e como primeira ação, para minimizar estes resultados catastróficos, seria necessário reduzir em 60% a emissão global de CO2. Para resolver este problema em 1997, foi estabelecido o Protocolo de Kyoto, no Japão, que teve assinatura de 84 países. Cerca de 30 já o transformaram em lei, controlando os gases de efeito estufa. O pacto entrará em vigor depois que o protocolo for adotado em pelo menos mais 25 países. O documento prevê que, entre 2008 e 2012, os países desenvolvidos reduzam suas emissões em 5,2% em relação aos níveis medidos em 1990. 20
  • 22. ciências da natureza Nanotecnologia nas escolas? Wyldner Furtado Pina EACH, USP Leste, São Paulo - Em uma Conversa vai conversa vem, acabei parte da entrevista dada por Cylon descobrindo que essa aluna não sabia como Gonçalves da silva sobre a nanotecnologia achar porcentagens de qualquer número o repórter pergunta a ele sobre como a que fosse, com todos esses relatos fiquei nanotecnologia afetará a educação, que curioso em saber quais eram suas notas na responde que vamos ter que educar nossas escola, pedi para ver-las, e para minha crianças a pensarem em termos de átomo surpresa ela mantinha uma média oito,o desde a primeira série do primário, porém que mostra que ela é uma ótima aluna, em será isso possível? sua escola.Espantado com o estado daquela Hoje sabemos que a maioria dos aluna perguntei o que ela esperava para jovens que estão no ensino superior são seu futuro, em relação ao ensino “filhinhos de papai”, e sempre (ou quase superior,ela me disse que não tinha sempre) estudaram em escolas dinheiro para pagar uma faculdade, então particulares. Por quê? Porque a escola perguntei se ela já havia pensado em pública não consegue dar conta do ensino entrar em alguma faculdade pública, para básico que temos hoje, agora imagine se minha alegria e desespero (por ela) ela me precisarmos ensinar sobre átomo na disse que sim e que provavelmente faria o primeira série do primário... As escolas já vestibular nesse ano, perguntei então quais não dão conta do ensino que temos, se ele eram suas expectativas para esse for maior ai que provavelmente nossos vestibular que ela prestará,ela me jovens não irão aprender mais nada.Uma respondeu que esperava o provável que aluna do terceiro ano do colegial me relatou não passaria. que na escola ela estava aprendendo a A pergunta que tanto me incomoda é como colocar pontos no plano cartesiano, terceiro inserir mais matéria se as escolas não colegial, eu indignado com tal fato conseguem nem dar conta das que já temos, perguntei se ela já havia aprendido sobre e a única certeza que temos é que não iremos ondas (na matéria de física), até porque é passar no vestibular e termos um futuro um assunto pequeno e de fácil decente. entendimento, ela respondeu que não, Wyldner Furtado Pina é aluno do 1o ano do curso como eu já esperava, e completou dizendo de Ciências da Atividade Física e freqüenta a que só havia aprendido em física velocidade disciplina geral Ciências da Natureza na turma média e aceleração média no ano passado 13. porque nesse ano não tinha professor de e-mail: wyldner@usp.br física na escola. 21
  • 23. ciências da natureza Humanitarismo superficial Adriana Kurdejak EACH, USP Leste, São Paulo - Somente A consciência da ajuda deve ser ao ocorrer uma tragédia natural o mundo usada diariamente, não apenas quando os vira seus olhos para lugares abastados da noticiários da televisão mostram a cada Ásia? segundo cenas mais alarmantes de pessoas Após o tsunami, milhões de pessoas sofrendo em meio ao terror causado por ao redor do mundo sentiram-se comovidas ondas nunca vistas antes por muitos. com as mortes e estragos causados. Não notamos somente no caso do Voluntários se deslocaram até os locais que tsunami o exagero da mídia para se foram mais atingidos, milhares de doações conseguir o maior número de pontos no de remédios, alimentos e roupas foram Ibope, com uma falsa feitas, além de shows e eventos comoção.(Exemplos:Atentado de 11 de beneficentes. Tais atos demonstram setembro, Atentado na Espanha)... os solidariedade perante a dor de um outro ser dados aumentam a tragédia, distorcem a humano. realidade e acabam perdendo a intenção de Não nego que foi algo avassalador, alerta e alarde, e a tragédia vira um mero mas acho que não é só em momentos de lazer, já que em todas as pessoas está tragédias que as pessoas devem notar que enraizado o conceito de alta curiosidade há algo de errado em algum país carente pelas desgraças e a comoção momentânea. do mundo. Esses atos podem até ser Por um mês, ninguém tirava os considerados egoístas, feitos apenas na olhos das reprises das imagens das ondas finalidade de achar que assim o mundo será gigantescas, das explicações científicas algo melhor.Mas, pergunto: o que adianta sobre abalos sísmicos e choques de placas ajudarmos uma pessoa apenas em um tectônicas, houve a repetição de imagens dia?O que acontece nos outros dias? A chocantes e tudo mais, mas agora, o que fome, a miséria não sumirão em apenas um sabemos sobre as pessoas que ainda dia. sofrem devido a perda de seus bens, de Algo assim ,tão inesperado, serve de seus entes queridos?O que se sabe sobre alerta para mostrar ao mundo que a os choques causados no meio ambiente natureza pode ser vingativa, cruel e tirar local e na economia que em muitos desses vidas em uma fração de segundos.Mas não países? Muita pouca coisa. E enquanto não é só a natureza que causa isso... a ocorrer nada de mais grave por ali, violência, a fome, também a causam. deixaremos de conhecer a miséria que O que fazer? Prevenir catástrofes muitos presenciam todos os dias, bem naturais pode ser um pouco difícil, mas antes do tsunami os atingir... podemos ameniza-las, ou pelo menos É triste saber que a tragédia é como retirar o maior número de pessoas dos se fosse um instrumento para selecionar ao locais, através de alertas de abalos acaso o país miserável do mês. sísmicos, que mostram com antecedência Adriana Kurdejak é aluna do 1o ano do curso de se há algum risco de tsunamis ou não, Obstetrícia e freqüenta a disciplina geral porém é algo que não tem eficácia 100% Ciências da Natureza na turma 23. comprovada, mas é uma forma de evitar e-mail: drika@usp.br mais mortes. Temos de aprender a ajudar o próximo por vontade de vê-lo melhor, de dar-lhe condições de viver melhor e não apenas como um ato feito sem pensar e que não envolve sentimentos na verdade. Pode até ser que muitas das pessoas que prestaram ajuda às vítimas do tsunami tinham intenções humanitárias, mas será que outras a tinham? 22
  • 24. ciências da natureza Novos paradigmas da ciência Ana Paula Ribeiro de Brito EACH, USP Leste, São Paulo - O mundo A Nanotecnologia tem sido divulgada hoje consiste em trabalhar as idéias para pelos industriais e pelos governos como a orientar a produção de conhecimento no próxima “Revolução Industrial”, a maior e a campo científico, não é tarefa fácil, pois mais rápida do mundo. Muitas empresas já existem muitos paradigmas dentro da estão no mercado produzindo uma gama de mesma comunidade científica. produtos, como partículas usadas em A Nanotecnologia é um desses novos cosméticos e atomizadores, chips, sensores paradigmas. Consiste em fabricar, controlar e novas formas de carbono. Uma das e manipular a matéria (átomos e preocupações do setor industrial está moléculas) em escala nanométrica, ou seja, relacionada com a saúde e o meio ambiente num bilionésimo de metro. para que ambas não se desviem do A manipulação da matéria em escala progresso da Nanotecnologia. nanométrica, tem produzido efeitos A Nanotecnologia sendo um novo positivos na área ambiental. As paradigma no qual a capacidade humana nanopartículas são capazes de remover pode se estender a manipulação, controle e contaminantes onde não há eficácia de fabricação da matéria em precisões outros processos químicos. atômicas, sub-atômica e supra- Na área da saúde a expectativa em moleculares, requer da comunidade torno da Nanotecnologia também é muito científica cautela e ética, pois a vida grande. Cientistas estão tentando fazer um humana e o equilíbrio do meio ambiente dispositivo que substitua parte lesada do estão em primeiro lugar, uma vez que sem cérebro de pessoas que ficaram com esses pilares não pode existir problemas de memória decorrentes de experimentos, ciência ou qualquer tipo de Acidente Vascular Cerebral (derrame conhecimento. cerebral) e mal de Alzheimer. Ana Paula Ribeiro de Brito é aluna do 1o ano do Também conseguiram desenvolver curso de Gerontologia e freqüenta a disciplina nano-aparelhos capazes de detectar um geral Ciências da Natureza na turma 23. câncer em fase muito inicial. Acreditam que e-mail: aprb@usp.br a Nanotecnologia vá revolucionar o diagnóstico, tratamento e prevenção do Câncer. Como tudo é novo e atravessa grandes transformações científicas e tecnológicas existe o sentimento de medo e esperança. A pergunta é: __ Quais os riscos à vida e ao meio ambiente a Nanotecnologia pode causar? Ainda não se sabe. Ao mesmo tempo que as vantagens são nítidas, há muita discussão sobre os aspectos negativos, pois muitas experiências, como por exemplo, as novas formas de carbono, como nanotubos, estão sendo produzidos pela primeira vez. 23
  • 25. ciências da natureza “Há mais espaço lá embaixo” Fernando Iglesias Temblas Jr EACH, USP Leste, São Paulo - Já é visto no Pensando em uma perspectiva mundo mais uma nova corrida (que não são positiva, a nanociência e a nanotecnologia poucas) entre as grandes potências mundiais. vão revolucionar vários ramos de estudos, Porém essa nova disputa busca desenvolver industrialização, produção, etc., ajudando a resultados cada vez menores, os menores desenvolver soluções que em muitos casos possíveis, literalmente falando. Estamos são possíveis apenas através da modificação falando da nanotecnologia. da matéria, assim como os japoneses fizeram A nanotecnologia é um dos novos para purificar a grafite do lápis, que agora é investimentos dos médios e grandes países, um dos mais exportados no mundo. que enxergam-na como uma revolução nas Mas como sabemos, o homem não é experiências cientificas. As nanotecnologias muito “bonzinho”, e que ele é capaz de são os aparelhos tecnológicos na escala de transformar uma nova ciência ou uma um bilionésimo de metro, o nanômetro, que descoberta em uma desgraça para toda a auxiliam a ciência do nanômetro, a humanidade. Fica difícil acreditar que tal nanociência, a desenvolver formas de se estudo seja algo totalmente benéfico, Albert compactar ou usar certas matérias em Einstein sabe muito bem o que é isso (ou pelo ínfimas quantidades em uma grande menos soube). produção. Basta agora torcer para que os novos Richard Feynman, o físico que em estudos sobre nanotecnologia e nanociência 1959 apresentou a nanociência para o tragam novos conhecimentos, mas um mundo, já dizia que “há mais espaço lá conhecimento que não seja usado de forma embaixo”, que é possível condensar na ponta equivocada, não se tornando negro e da cabeça de um alfinete os 24 volumes da desastroso, mas sim trazendo melhorias para Enciclopédia Britânica. o mundo, fazendo com que o homem ainda Após quase 46 anos da sua divulgação tenha fé em si mesmo e em suas ao público, a nanociência tem sido um dos descobertas/invenções. maiores investimentos científicos de vários Fernando Iglesias Temblas Jr. é aluno do 1o ano paises. Somando alguns paises da Europa do curso de Ciências da Atividade Física e Ocidental, os EUA, o Japão, a Alemanha entre freqüenta a disciplina geral Ciências da Natureza outros, já passa de 2,6 bilhões de dólares os na turma 23. investidos em nanociência e nanotecnologia, e-mail: fernando@usp.br sendo que em 1997, só os EUA investiram a “bagatela” de 500 milhões de dólares. No Brasil, o maior país da América Latina em investimentos na nanociência e na nanotecnologia, já investiu cerca de 50 milhões de dólares. Ele desenvolve suas pesquisas no Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS). 24
  • 26. ciências da natureza Infinito: a ignorância do ser humano Igor Gasparini EACH, USP Leste, São Paulo - Ao discutir Dessa forma, dizer que o universo é Cosmologia, um primeiro debate vem à infinito é assegurar que o ser pensante, tona: o universo é infinito? aqui presente, ainda não conseguiu Desde sempre, dos gregos aos mais desenvolver tecnologia suficiente para contemporâneos, a discussão existiu, chegar ao fim desse sistema. porém uma resposta empiricamente Segundo a “Teoria Geral de comprovada ainda não há. As especulações Sistemas” (TGS), baseada na escola russa são diversas; as opiniões de curiosos liderada por Avenir Uyemov, tudo pode ser também. Entretanto, acredito que a visto, do ponto de vista ontológico, como infinidade das coisas é construída pelo sistema, como parte de um todo homem ignorante. (atomismo). Isso significa que cada sistema Na minha opinião, dizer que algo é está inserido em um ambiente, o qual é infinito é assumir a incapacidade de se considerado um outro sistema; que, por chegar lá. E falo isso com muita sua vez está igualmente inserido num propriedade, tendo em vista, ao que ambiente e assim por diante. Esses concerne à Cosmologia, que descobertas sistemas são considerados “sistemas são feitas a cada dia e que muito do que se abertos”, pois há troca de energia, matéria conhece, outrora poderia parecer irracional. e informação com o “sistema ambiente”. No mundo “pré-Copérnico”, o “universo” se O universo, segundo estudiosos da resumia à Terra e o pensamento TGS, seria o único “sistema fechado”, uma geocêntrico imperava. Apenas depois de vez que este seria o “último ambiente das muita discussão e resistência que o mundo coisas”. E, se há algo a mais, eu passou a ser visto de outra forma. desconheço, ninguém conhece e, dessa Acredito ser importante destacar que forma, se ninguém sabe, por que a conceituação do termo infinito advém da considera-lo como infinito? matemática - ciência criada pelo ser Igor Gasparini é aluno do 1o ano do curso de humano. O homem, aproveitando-se dos Ciências da Atividade Física e freqüenta a princípios dessa significação, passa a disciplina geral Ciências da Natureza na turma 23. aplicá-lo nos fenômenos naturais – ciência e-mail: igorgasp@usp.br observável pelo ser humano - e, portanto, cometendo um erro que, segundo os estudos da Lógica Sofística, caracteriza-se como generalização apressada. 25
  • 27. ciências da natureza Essa tal de nanotecnologia... Letícia Maria Nietto EACH, USP Leste, São Paulo - Está Vários elementos que estão surgindo surgindo uma idéia que para alguns é “pura no mercado já estão adotando a maluquice” e para outros é uma idéia nanotecnologia. Alguns podem ser revolucionária muito esperançosa. considerados verdadeiros “engenhocas Esta nova idéia é conhecida como modernas”, como as janelas auto limpantes nanotecnologia. Mas o que seria essa tal de que se adaptam ao meio em que estão nanotecnologia??? Esta nova idéia consiste expostas. Elementos da informática, na manipulação dos átomos e na sua estudos na biologia, até mesmo o grafite de visualização, ou seja, partículas de sua lapiseira pode ter sido feito a partir da tamanhos muito pequenos poderiam ser nanotecnologia... manipuladas pelo homem com grande Mas, será que o Brasil é capaz de facilidade. seguir esta tendência? As expectativas são As expectativas para essa novidade enormes e várias universidades do país já são grandes, já que, praticamente coisas estão iniciando projetos de pesquisas para que antes consideradas impossíveis, agora implantar a nanotecnologia em poucos estão chegando ao alcance do homem. Por anos. No governo anterior, já até se estava exemplo, grupos de pesquisadores estão estudando a possibilidade de liberação de tentando reproduzir os fios expelidos pela verbas para estes estudos. aranha ao fazer a sua teia (aliás, as teias Agora, apenas nos resta saber se de aranha são invejadas pelas suas conseguiremos agarrar esta nova perfeições). Mas, atenção!!!!! Não é só possibilidade para que nosso país consiga porque os homens tentam imitar feitos da ser reconhecido por nós mesmos e no natureza, que os mesmos irão sair iguais. O exterior e que haja interesse de todos, não máximo que se pode conseguir, é algo que apenas dos estudantes universitários, seja se assemelhe à natureza. Nada sairá como de interesse das indústrias, do governo e um “clone” perfeito dessas experiências. da população em geral. A indústria farmacêutica também Nos dias atuais, trabalhar em equipe e pode se beneficiar com tamanha novidade. obter apoio de uma grande massa são Hoje remédios como os antibióticos, elementos essenciais para que um sonho de causam muitas vezes danos ao estômago progresso torne-se realidade. devido à concentração muito forte de seus Letícia Maria Nietto é aluna do 1o ano do componentes. Com a nanotecnologia, o Bacharelado em Lazer e Turismo e freqüenta a número de partículas presentes em disciplina geral Ciências da Natureza na turma antibióticos poderá ser diminuído e causará 23. os mesmos efeitos dos antibióticos e-mail: laetitia@usp.br convencionais. 26
  • 28. ciências da natureza Reflexões sobre nanotecnologia Miriam Masako Kanashiro EACH, USP Leste, São Paulo - Segundo Carmen I. Moraru, Nanociência e Nanotecnologia – áreas de Universidade de Cornell (EUA), poderia pesquisa e desenvolvimento que permitem erradicar a fome por meio de ao homem ampliar seu conhecimento e sua nanomáquinas que fabricariam alimentos capacidade de ver e manipular a matéria a molecularmente, sem a necessidade do nível atômico, vem crescendo campo, sementes, e trabalhador rural. significativamente em diversos campos: Produzi-ria alimentos em grande escala e saúde, agricultura, indústria, educação, com qualidade. Possibilitando a segurança nacional, etc. oportunidade de refeições diárias e O impacto do elevado potencial do nutritivas. O Presidente Lula ficaria feliz se mundo das dimensões nanométricas sobre o projeto “Fome Zero” fosse realizado a vida das pessoas, sobre o mercado através dessa inovação, no entanto, será mundial é imenso e contínuo. Há vários que o MST também iria gostar dessa desenvolvimentos ao alcance social tais nanomáquina? como: na qualidade dos alimentos, no Diante de tantas possibilidades, até controle da ação dos princípios ativos de que ponto pode-se gerenciar e controlar fertilizantes e pes-ticidas agrícolas pela esse progresso criador? É necessário que a nanoencapsulação, tornando as plantações questão da ética prevaleça, como forma de saudáveis. A nanobiotecnologia conduz a segurança e proteção da humanidade e do eficácia na fabricação de vacinas e universo. Observar a nova tecnologia que medicamentos, atua na área genômica, cria drogas eficientes contra as doenças, robótica, com a criação de sensores que porém que resultam em graves efeitos poderão detec-tar precocemente células colaterais (nanopatologias), assim como, cancerígenas, novas infecções bacterianas atenção para aplicação militar (risco de ou virais, contribuindo em diagnósticos bioterrorismo) onde os investimentos nos mais precisos e tratamentos imediatos e últimos anos vem aumentando. O homem eficazes, o que é excelente, por exem-plo, sempre quer estar no poder e controle. Por para a prevenção do câncer de mama, que que será? Freud saberia explicar. deveria ser mais divulgado e com exames gratuitos a todas as mulheres. Os recursos nanotecnológicos permitem respeitar e conservar o meio ambiente, pois utiliza-se menos matéria-prima, menos gastos em energia nos processos industriais, obtendo produtos de alta tecnologia e competitividade. É fundamental investir nas necessida-des sociais, neste país tropical, rico em criatividade, de amplo espaço e abundância de recursos naturais. Crescerá o país que financiar e promover a educação tecnológica, incentivando a pesquisa. As conquistas serão profícuas e comercialmente lucrativas no presente e num futuro próximo. 27
  • 29. ciências da natureza A inacreditável biotecnologia e os avanços do DNA Natália Duzzi de Freitas EACH, USP Leste, São Paulo - Se há 50 Tirando o fator ético e voltando para anos falassem que haveria pequenos biomedicina, o maior avanço esperado é o telefones capazes de tirar fotos e ao uso de células tronco. Essas seriam capazes mesmo tempo enviá-las para outro, você de se transformar em qualquer outra célula acreditaria? Você acredita que daqui a substituindo as células disfuncionais, assim alguns anos uma pessoa com um problema como neurônios motores de uma pessoa na formação de neurônios motores poderá paraplégica de nascença. ficar de pé e andar? A Biotecnologia hoje é A Biotecnologia e seus avanços no mundo da a medicina do futuro, e com a descoberta ciência médica trazem para o homem uma do DNA, a decodificação do genoma gama de recursos antes inimagináveis e humano e principalmente a “invenção” das inalcançáveis. O DNA e a descoberta de células tronco, podemos acreditar na células tronco podem trazer ao homem, realização deste sonho. futuramente, a vida plena com a qual ele Quando Francis Crick e James sempre sonhou. Watson descobriram a estrutura do DNA em Natalia Duzzi de Freitas é aluna do 1o ano de 1953, não imaginavam quão longe sua Bacharelado em Tecnologia Têxtil e da descoberta iria. Essa simples molécula de Indumentária e freqüenta a disciplina geral Ciências da Natureza na turma 23. dupla hélice guarda todas as informações genéticas dos organismos dentro das e-mail: nahduzzi@usp.br células. Graças a esses estudos fala-se em transgênicos, clonagem e Projeto Genoma. São várias as aplicações do DNA, e o futuro da molécula é ao mesmo tempo fascinante, promissor, polêmico, e, muitas vezes, aterrorizante. Graças ao DNA, hoje, mães solteiras podem ter seus filhos reconhecidos pelos pais, e a solução de crimes e identificação de mortos foi facilitada. Outro exemplo seria a questão dos transgênicos, que apesar da polêmica sobre quão saudáveis seriam para nós e qual o seu impacto ambiental, podem graças à modificação e combinação genética criar plantas mais resistentes e, teoricamente, mais nutritivas. A partir do DNA, também criou-se o Projeto Genoma Humano que visa a identificação total dos genes que compõem o DNA humano. Se esses genes forem desvendados poderemos ter futuramente a cura para doenças que hoje são consideradas letais, e até mesmo sonhar com a descoberta e cura de doenças de bebês ainda no útero materno, ponto esse que afeta muito a ética. Pois assim como seria possível mexer em genes defeituosos, também conseguiriam mexer em genes de caracteres humanos, tornando possível a escolha desde a cor dos olhos aos aspectos físicos do bebê. 28
  • 30. ciências da natureza Medicina para poucos Neusa Hetsuko Kaneko Ueno EACH, USP Leste, São Paulo - Faltam Caso você tenha pensado tratar-se apenas cinco anos aproximadamente, para de ficção científica, pode reconsiderar, que os “ricos” monetariamente, possam porque já estão em fase de testes, os usufruir de mais um recurso tecnológico “nanoshells”, estruturas esféricas para diagnosticar, prevenir e combater o microscópicas que, quando injetadas na câncer. corrente sanguínea, carregam Tomei conhecimento dessa medicamentos diretamente para células possibilidade através da revista GALILEU, cancerígenas, sem afetar as sadias. edição de Dezembro/2004, que trazia uma Se essas pesquisas obtiverem o reportagem sobre Médicos microscópicos. êxito esperado, provocarão uma revolução Trata-se das pesquisas na área de na área da medicina. nanomedicina, onde estão sendo estudados Entretanto, em oposição ao e desenvolvidos dois tipos de nanorrobôs. desenvolvimento tecnológico nessa área, Os orgânicos, fabricados a partir de temos a diminuição da acessibilidade das estruturas de DNA e materiais orgânicos classes sociais menos privilegiadas ao que, quando injetados na corrente serviço de saúde “digno”. sanguínea, terão a propriedade de Já ouvi alguns especialistas dizerem identificar bactérias e vírus com ação que “o alto custo dos tratamentos e negativa dentro do corpo e destruí-los. Os equipamentos de última geração obriga as inorgânicos, com previsão de empresas da área de saúde a repassarem disponibilidade para 2015, terão aplicações esses custos nas mensalidades dos mais amplas e complexas, tais como associados”. realizar cirurgias não invasivas e enviar Verdade ou não, esse aumento medicamentos a células e órgãos inviabiliza a participação de muitas pessoas específicos. nos serviços de saúde privatizados. 29
  • 31. ciências da natureza Países investem na nanotecnologia Samira Pereira Magalotti EACH, USP Leste, São Paulo - Ciente de Essa tecnologia também traz que o momento é adequado para que o vantagens, na área ambiental. A manipulação Brasil estabeleça um esforço coordenado de da matéria na escala nanometrica, num investimentos para apoiar uma iniciativa de bilionésimo de metro, tem produzido efeitos longo prazo em nanociência e positivos nesta área. As resinas magnéticas nanotecnologia, permitindo uma tem a capacidade de remover metais de um competição em igual nível com paises de meio aquoso, o que pode ser utilizado no todo o mundo, o CNPq – Conselho Nacional tratamento de efluentes. As nanopartículas de Desenvolvimento Cientifico e são capazes de remover contaminantes onde tecnológico, está convocando interessados processos químicos não surgem efeito. Já na para apresentarem propostas onde obterão medicina, testes com nanocapsulas vêm financiamento em atividades de pesquisa e sendo feitas pois poderiam agir diretamente desenvolvimento em nanociência e em células especificas, evitando que as outras nanotecnologia. O projeto prevê a células ‘saudaveis’ não fossem afetadas. Com implantação de redes de pesquisa básica e todo esse avanço tecnológico, há quem diga aplicada em três áreas: Materiais que a nanotecnologia é a garantia de nanoestruturados, nanobiotecnologia/ desenvolvimento sustentável no mundo. nanoquimica e nanodispositivos. O CNPq Samira Pereira Magalotti é aluna do 1o ano do dispõe de R$ 3 milhões para financiar curso de Obstetrícia e freqüenta a disciplina projetos selecionados que tenham sido geral Ciências da Natureza na turma 23. apresentados por pesquisadores. e-mail: samira@usp.br A nanotecnologia, incluindo a nanobiotecnologia, tem sido divulgada pelas industrias e pelos governos como a próxima revolução industrial, a maior e a mas rápida do mundo. Mais de 450 empresas dedicadas a nanotecnologia já estão no mercado produzindo uma gama de produtos, como partículas usadas em cosméticos e atomizadores, produtos como chips e sensores. Ao mesmo tempo que suas vantagens são nítidas, alguns especialistas começam a atentar para o impacto dos nanomateriais na saúde do ser humano e na natureza. É preciso também que o setor industrial se empenhe para que as preocupações relacionadas á saúde e ao meio ambiente não se desviem do progresso dessa nova tecnologia pois a US National Science Foundation estima que, dentro de dez anos, todo o setor de semicondutores e a metade do setor farmacêutico, dependerão da nanotecnologia. Numa reunião realizada na Environmental Protection Agency (EPA), órgão do governo dos Estados Unidos para proteção do meio ambiente, pesquisadores relataram que foram encontradas nanoparticulas no fígado de animais em pesquisas. Segundo a EPA, elas podem vazar em células vivas e até entrar na cadeia alimentar. 30
  • 32. ciências da natureza Efeitos do tsunami Simone Poppe Guglielmo EACH, USP Leste, São Paulo - A recente Além disso, nas áreas de risco, a tragédia causada por ondas gigantes no população deveria ser muito bem instruída Oceano Índico mostra que o homem é para perceberem os indícios da ocorrência incapaz de prever o ataque do mais dos tsunamis: tremores imprevisível dos desastres naturais. A formação dessas ondas não pode da terra por um período prolongado ou ser impedida, já que elas se originam a recuo de quilômetros da água da praia em partir do choque de placas tectônicas que pouco tempo. Nestas situações dever-se-ia flutuam sobre o manto terrestre na fugir o mais rápido possível para uma área profundidade do oceano. alta ou para longe da costa. O tsunami, que atingiu uma grande Se por um lado essa catástrofe extensão geográfica, matou mais de provocou um grande número de mortes, 100.000 pessoas em poucos minutos. e devastação de territórios e desestabilização outras tiveram seus bens e pertences da economia, por outro, tem demonstrado levados pela fúria dessas ondas. Hóteis de a colaboração de vários povos do mundo luxo foram destruídos, assim como para a reconstrução dessas áreas. vilarejos, aldeias e suas belezas naturais. Muitos países doaram produtos de Os efeitos foram tão intensos, que primeira necessidade, e enviaram equipes chegaram a ser sentidos até em terras de voluntários. Em Nova Zelândia, uma brasileitas, com alterações do nível do mar. operadora turística propôs ajudar na Este desastre afetou diferentes reconstrução de Sri Lanka, que foi culturas, tanto a dos turistas ricos, quanto duramente atingida por esse maremoto, a dos moradores locais, que estão entre os através de viagens com fins turísticos e de mais pobres da Terra. Neste momento não participação nas operações de ajuda. houve diferenças, foram atingidos da Isto mostra que a solidariedade, mesma maneira e tiveram que lutar juntos apesar de escassa, ainda está presente em com o mesmo objetivo: a salvação de suas nosso planeta. vidas. Simone Poppe Gugliemo é aluna do 1o ano do A maioria das vítimas vivia em curso de Lazer e Tursismo e freqüenta a países pobres, onde a tecnologia de disciplina geral Ciências da Natureza na turma previsão de catástrofes não é tão avançada, 23. havendo dificuldades no alerta à população, e-mail: simonegugli@usp.br o que explica a extensão da tragédia. Se nessa região houvesse, como no Oceano Pacífico, um sistema de rastreamento com sensores instalados no fundo do mar e uma rede de alerta acionada via satélite, muitas vidas teriam sido salvas. 31
  • 33. ciências da natureza Nanotecnologia: reinventando limites Thais Reis Figueiredo EACH, USP Leste, São Paulo - A atualidade, suas perspectivas abrangem as nanotecnologia, do prefixo grego nano que mais diversas áreas, e suas implicações são se refere à escala de um bilionésimo de sentidas diretamente por nós, através de metro (10-9 m), consiste na ciência dos computadores cada vez mais rápidos, materiais, processos e produtos cujas carros que apresentam maior eficiência na dimensões físicas encontram-se na faixa de conversão de energia, e menor produção de 0,1 a 100 nanômetros. Representa uma das resíduos e poluentes, drogas mais potentes mais atuais e versáteis práticas científicas, e específicas, maior rapidez da Internet, cujo campo de conhecimento a configura filtros para proteção (“screening”) contra como uma supradisciplina, a qual permeia a raios ultravioletas, produtos cosméticos, química, a física, a biologia, e a medicina. etc. Mas o nanomundo não é tão cor-de- O desenvolvimento e rosa assim, junto a essas “infinitas” aperfeiçoamento da nanociência vêm possibilidades, constroem-se dificuldades, permitindo a exploração de possibilidades, tais como a democratização do acesso aos até então improváveis, o que esta sendo avanços tecnológicos, o controle e refletido no avanço de importantes áreas, fiscalização de práticas relacionadas à como por exemplo, a área médica. Nessa, clonagem, ao desenvolvimento de os principais avanços são observados na armamentos (químicos e biológicos), e a produção e no desenvolvimento de produção de transgênicos. Portanto, como fármacos, os quais tornam-se cada vez tudo na vida, e a nanotecnologia não foge à mais específicos e potentes, evitando o regra, é de extrema importância avaliar os desgaste do organismo com tratamentos “prós” e “contras”, pesar os benefícios e os muito longos. Outra importante área de riscos, e afastar as ideologias étnicas- atuação da nanotecnologia é a de religiosas no momento de se tomar engenharia de materiais, na qual a decisões que irão afetar a todos, de reestruturação em nível atômico de certas mulçumanos a americanos, de palestinos a características dos materiais promove a israelenses, de grandes autoridades no obtenção de propriedades específicas, assunto a nós, reles mortais. possibilitando o desenvolvimento de Thais Reis Figueiredo é aluna do 1o ano do curso produtos que atendam de maneira exata as de Ciências da Atividade Física e freqüenta a necessidades dos consumidores, bem disciplina geral Ciências da Natureza na turma 23. como, o barateamento dos custos operacionais de produção. e-mail: thais@usp.br Ou seja, a nanotecnologia configura- se como uma das maiores promessas da 32