Revista Insider nº 18
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Revista Insider nº 18

on

  • 1,718 views

Yahoo Insider nº 18 - Campanhas e serviços online decolam. Adriano Meirinho, da Catho Online, e Persio De Luca, da Englishtown usam poder da web para incrementar serviços.

Yahoo Insider nº 18 - Campanhas e serviços online decolam. Adriano Meirinho, da Catho Online, e Persio De Luca, da Englishtown usam poder da web para incrementar serviços.

Statistics

Views

Total Views
1,718
Views on SlideShare
1,718
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
15
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Revista Insider nº 18 Document Transcript

  • 1. Campanhas de serviços online decolam Insider Adriano Meirinho, da Catho Online, e Persio De Luca, da Englishtown, usam poder da web para incrementar serviços Páginas 6 e 7 Notícias e tendências da Internet no Brasil e no mundo Número 18 - Janeiro - Fevereiro / 2009 Adriano Meirinho e Persio De Luca: Web é o canal dos jovens que buscam emprego ou precisam se aprimorar para o mercado de trabalho NEGÓCIOS E EMPRESAS PAULO ZILIOTTO, DA ADIDAS, E DAVID GRINBERG, DA NIKE, APOSTAM NA WEB PARA ATINGIR AMANTES DO ESPORTE Páginas 8 A 11 MURAL BATE-PAPO INTERNET FOI O INVESTIMENTO EXECUTIVOS DE MARKETING PUBLICITÁRIO QUE MAIS DEBATEM AS GRANDES CRESCEU EM 2008 NO BRASIL IDEIAS PARA 2009 Página 11 Páginas 3 a 5
  • 2. Editorial Mensagens instantâneas >> Novidades e curiosidades Prezados leitores, >> Flickr é o preferido dos internautas brasileiros Reprodução O Flickr, site de compartilhamento de imagens do Yahoo!, com mais de 3 bilhões de imagens armaze- nadas e mais de 94 milhões de fotos/vídeos referencia- dos em todo o mundo, é o novo líder da categoria no Brasil, segundo pesquisa do IBOPE/NetRatings. Desde seu lançamento, em junho de 2007, a versão em português da ferramenta já conta com mais de 2 milhões de usuários, que já efetuaram 35 milhões de uploads de fotos e vídeos, sendo que cerca Homepage do Flickr: mais de 3 bilhões de 20 milhões desse montante foram realizados entre de imagens armazenadas janeiro e novembro de 2008. de usuários da ferramenta, organizando eventos 2009 será um ano de transformações em todos os setores e as empresas vão O Brasil é a maior comunidade de língua não entre si e comparecendo aos encontros promovidos buscar os melhores resultados em termos inglesa do Flickr e os internautas brasileiros se mos- pelo Yahoo! Brasil, como o “Flickr Day”, o “Flickr de custo/benefício para seus investimentos tram um dos mais engajados e participativos grupos Night” e o Campus Party Brasil. publicitários. Neste cenário, as mídias que proporcionam resultados rápidos, como a Reprodução Web, ganham ainda mais destaque. Estudo TGI Brasil, feito pelo IBOPE >> IPhone ganha página especial no Flickr entre fevereiro e julho de 2008 nos onze principais mercados, demonstrou que Com o objetivo de atender às necessidades dos internautas de de cada 2 brasileiros, 1 já é internauta e capturar uma imagem e enviá-la imediatamente, o Flickr disponibili- que a Internet já alcança 55% das clas- za, entre seus utilitários móveis, a recém-lançada página especial para ses ABC acima de 12 anos. Esses dados definitivamente justificam a inclusão do o iPhone. meio online nas grandes campanhas de A página conta com interface e navegabilidade especialmente comunicação de massa. desenvolvidas para o aparelho e com endereço de e-mail para upload Por isso mesmo, Nike e Adidas, duas gigantes do setor esportivo, já fincaram direto de fotos. Os usuários de iPhone e iPod Touch ainda desfrutam o pé na mídia online. Veja, na seção Ne- de vídeo streaming no Flickr. gócios e Empresas, como essas empre- Atualmente, cerca de 20 mil uploads diários são feitos apenas a par- sas investem em ações na Web e suas estratégias para conquistar e atingir esse tir de iPhones e o banco de dados da ferramenta acumula mais de 5,5 mi- Página do iPhone para novo público da era digital, agora mais lhões de arquivos enviados a partir desse tipo de aparelho, no mundo. upload direto de fotos exigente e participativo, por meio das ferramentas de interação que a Internet proporciona, como as redes sociais, blo- gs e plataformas de games. >> Casas Bahia e Wal-Mart ingressam no e-commerce Em matéria de capa, a Catho Online, Reprodução Prestes a iniciar a sua entrada no e-commerce empresa de recolocação profissional e a Englishtown, escola de inglês online, brasileiro, a Casas Bahia, maior varejista nacional, duas empresas 100% Web, contam sobre intensifica sua presença na Internet. Para isso suas ações e parcerias com o Yahoo! para escolheu o Yahoo! Brasil para divulgar sua campanha oferecer o melhor serviço da Internet em “Super Casas Bahia” e utilizou as ferramentas do site seus segmentos. para fazer publicidade segmentada para a cidade de E no bate-papo, confira os melho- res momentos do “Grandes ideias para São Paulo, evitando, assim, dispersão de mídia. 2009”, uma iniciativa do Yahoo! em par- O Wal-Mart, maior varejista mundial, lançou ceria com o Programa Reclame, do Mul- no Brasil a sua primeira operação de e-commerce Campanha do Wal-Mart no Yahoo! usou links tishow, que reuniu executivos de marke- patrocinados e formatos fixos pelo portal fora dos Estados Unidos em meados de novembro ting de grandes empresas para discutir o mercado publicitário atual. de 2008. Com o objetivo de impulsionar as links patrocinados, formatos fixos pelo portal e a vendas, lançou, por meio das ferramentas do nova rede de publicidade gráfica do Yahoo! Brasil, Yahoo!, sua loja virtual. A campanha se utilizou de o Yahoo! Display Network. Boa leitura! Guilherme Ribenboim Presidente do Yahoo! América Latina YAHOO! BRASIL Jornalista Responsável Claudia Reis (MTB 15693) Presidente América Latina Guilherme Ribenboim Textos Renata Chiurciu EM TEMPO: o que mais temos hoje Gerente geral André Izay Foto da Capa Sérgio Zacchi são spams. Portanto, se não quiser rece- Y! INSIDER Diagramação e Produção Gráfica Izabel Gromik Conselho editorial Agenor Castro, Alan Pires, ber esta newsletter, basta enviar um e- Y! Insider é uma publicação do Yahoo! Brasil. Cristiana Sant´Anna, Eduardo Muniz, Fábio mail para br-insider@yahoo-inc.com. © Yahoo! do Brasil Internet Ltda. Todos os direitos reservados Boucinhas, Gisele Perasolo Alves, Katsura Eguti, Agora, se você gostou tanto que não Nenhuma informação poderá ser reproduzida sem o Marcello Alvarenga, Marcelo Miranda, Olavo Ferreira, quer dividi-la com ninguém, indique um Sandra Moraes e Viviane Portela prévio consentimento por escrito do Yahoo! Brasil amigo pelo mesmo endereço eletrônico. Produção editorial Press à Porter Gestão de Imagem Rua Fidêncio Ramos, 195, 12º andar CEP 04551-010 São Paulo SP publicidade-br@yahoo-inc.com www.yahoo.com.br 2
  • 3. Bate-Papo da Volkswagem, Elber Da esquerda para a direita: Herlander Zola, Olavo Ferreira, do Mazaro, da Intel, Bruna Calmon, do Reclame, Yahoo ! e Orlando Lopes, da Unilever Programa Reclame discute grandes ideias para 2009 Com iniciativa do Yahoo! Brasil, executivos de marketing discutem o futuro da publicidade brasileira U m time de primeira linha, presidente América Latina; Olavo Ferreira, e estratégia de marketing da Volkswagem do formado por executivos de diretor comercial; e Marcello Alvarenga, di- Brasil; Orlando Lopes, ex-vice-presidente de marketing de grandes empre- retor de desenvolvimento de mercado; Flavio canais de comunicação da Unilever América sas, participou do Programa Reclame, do ca- Saldanha, gerente de marketing da divisão de Latina; Riccardo Morici, diretor de marketing nal Multishow, em novembro, para discutir carnes in natura do Grupo JBS S/A; Pedro da Femsa Cerveja Brasil; Cássio Pagliarini, as grandes ideias para 2009. A iniciativa do Silva, presidente do IVC (Instituto Verifi- diretor de marketing da Renault do Brasil; Yahoo! Brasil, em parceria com o Reclame, cador de Circulação) e ex-executivo do de- Mariana Amazonas, gerente de marketing da abordou o mercado publicitário atual, a uti- partamento de mídia da Procter & Gamble; Kraft Foods; Marcio Orlandi, gerente de In- lização das mídias que ganharão força neste Fabio Toledo, gerente-sênior de comunicação ternet da Natura; e Eduardo Bendzius, diretor ano, inovações que as ferramentas da Internet da Nextel; Edmar Bulla, diretor de marketing de marketing para o Brasil da Diageo. proporcionam aos usuários e os grandes cases da Nokia; Izael Sinem, diretor de comunica- Os melhores momentos desse bate-papo dos últimos tempos. ção e serviços de marketing da Nestlé; Elber você confere a seguir. Participaram dos debates, representan- Mazaro, diretor de marketing da Intel para o do o Yahoo! Brasil, Guilherme Ribenboim, Brasil; Herlander Zola, gerente de propaganda 3
  • 4. Bate-Papo Reclame: Qual foi a grande ideia dos usam essa habilidade para últimos tempos no mundo ou na área em desenvolvimento de produto que atua? e para estratégias de posicio- namento de marketing. Guilherme, do Yahoo!: O que fez a grande Elber, da Intel: Para diferença nos últimos anos foram as várias ferra- falar com esse público, só mentas que permitiram ao usuário fazer o con- com conteúdo. A partir do teúdo da Internet. Como exemplos no Yahoo! momento que você conhece Brasil, cito o Flickr e o Yahoo! Respostas. esse consumidor, que é mais Marcello, do Yahoo!: Foi a última ge- crítico e tem voz ativa, é fun- ração de celular, porque ela traz não só o apa- damental agregar algum va- relho, mas a tecnologia, como a utilização da lor que seja relevante, como Internet, que possibilita ter mobilidade para entretenimento ou conteúdo passar e-mails e navegar. educativo. Herlander, da VW: Celular e Internet Guilherme, do Yahoo!: são duas das grandes novidades, mas é impor- No Facebook, a grande sa- tante destacar também a mudança de compor- cada foi quando abriram a tamento das pessoas nos últimos dez anos. A plataforma para que os usu- facilidade à informação é algo que se destaca ários pudessem desenvolver muito no comportamento do consumidor. novas funcionalidades. E essa é uma estratégia que está sendo seguida por todas “ Às vezes a gente brinca as grandes empresas de web. que é a vingança do Também tem de pensar em consumidor. Agora ele como nossa marca é vista na tem um espaço nas redes blogosfera. Hoje no Brasil os sociais para falar, para blogs representam mais de conversar sobre produto, 50% da audiência de quem preferência, gosto” visita a Internet. Então o que Marcio, da Natura te essas pessoas falam — que Izael Sinem, da Nestlé, e Edmar Bulla, da Nokia, duran ma sobre a nova era digital são formadoras de opinião progra Marcio, da Natura: Para mim o gran- — é fundamental. vai ser uma coisa só. Então quem dominar de avanço foi o estouro das redes sociais. Às Orlando, da Unilever: Eu me aventurei videogames talvez domine a plataforma de vezes a gente brinca que é a vingança do con- e abri um blog. Acho fascinante que todos comunicação no mundo. sumidor. Agora ele tem um espaço para falar, possam se expressar e criar seu canal de comu- Izael, da Nestlé: Para falar com o con- para conversar sobre produto, preferência, nicação, mas por outro lado, isso me traz certa sumidor da era digital você precisa agregar gosto. É um ambiente ainda muito difícil de preocupação. Existem determinados segmen- um valor à mensagem. Se você tem uma peça entrar como empresa. tos que pretendem ser uma alternativa à im- bem produzida e tem uma grande ideia por Cássio, da Renault: Na área em que prensa. E o grande desafio que nós anuncian- trás, pode ser de comercial para TV ou qual- atuo, você tem de vender algo que pareça tes temos é conseguir, sem censura, estabelecer quer outra mídia, ela é apreciada e há um in- grande para o cliente sem que custe muito. boas práticas de ética e responsabilidade do teresse em ver de novo. Então os veículos cross foram uma grande jornalismo junto a esse segmento. Mariana, da Kraft: Acho que a grande novidade nos últimos dez anos no mercado Herlander, da VW: O que comple- novidade nessa área é o poder que o consu- brasileiro. É um modelo que, na visão do menta isso tudo é a individualidade das pes- midor passa a ter. Ele também ganhou as cliente, possibilita proteção, tamanho e visi- soas. Cada vez mais elas procuram algo que ferramentas para ir a público. E não estamos bilidade maiores. converse com elas, específico para as suas necessidades. Temos que reaprender a nos Reclame: Como vocês enxergam essa comunicar com o público e focar a comuni- “ Hoje no Brasil os nova era, com a Internet, TV digital, comuni- cação para atingir quem precisa. blogs representam mais dades, blogs? Como lidar com esse público? Riccardo, da Femsa: Participei de um de 50% da audiência de workshop anos atrás no qual se discutiu a quem visita a Internet. Fabio, da Nextel: O grande desafio é sa- briga das plataformas de videogame. A con- O que essas pessoas ber como aproveitar essa capacidade criativa, clusão foi de que os videogames, assim como falam é fundamental” que hoje está nas mãos dos consumidores, em outros meios, estão convergindo com a Inter- Guilherme, do Yahoo! prol da marca. Já temos várias empresas que net, televisão digital etc. Daqui a pouco isso 4
  • 5. Bate-Papo Fotos: Edson Amaral mais sucesso até agora foi seus vídeos feitos por aparelhos Nokia, algo que quem utilizou a ferramenta estimulasse mudar a atitude das pessoas com para fazer promoções. relação à preservação do planeta. Olavo, do Yahoo!: A Guilherme, do Yahoo!: O caso da Dia- gente caminha para uma geo, que lançou um site de churrasco para di- situação em que as pessoas vulgar a caipiroska, no qual, em vez de fazer estarão cada vez mais co- uma propaganda sobre o produto, optou por nectadas em qualquer lugar, envolver o consumidor final falando de chur- com Internet em alta veloci- rasco. Ela usou as ferramentas sociais, crian- dade sem fio. Embora haja do comunidades, com usuários criando con- mais de 150 milhões de ce- teúdo. Foi um case de absoluto sucesso com lulares, a base maior ainda é mais de 500 mil usuários acessando este site de pré-pago, de pessoas que no Yahoo! Brasil nos últimos quatro meses. ainda não navegam. Acho Fabio, da Nextel: Fizemos uma cinta também que essa mobili- na revista Exame, como se fosse um aparelho dade num futuro breve vai Nextel. A pessoa apertava um botãozinho e alterar o tradicional funil de falava com um representante da Nextel ao compra. Na medida em que vivo e era tratado de maneira personalizada. a navegação no celular ficar O case ganhou o Grand Prix da Maximídia. mais agradável e a conexão Não foi caro e teve um retorno fantástico. melhor, o cliente vai pesqui- Riccardo, da Femsa: Foi a marca Dove, sar dentro da loja se não tem o produto mais barato em da Unilever, que revolucionou padrões de be- outro lugar. leza. Acho que foi uma grande sacada que você olha depois e diz: ‘uma coisa tão simples’. Mas Reclame: Quais se- é simples agora. Alguém sacou e bancou essa rão as grandes sacadas pra 2009? “Os videogames estão Pedro, da Procter & convergindo com a Gamble: Uma delas é a Internet, TV digital etc. preocupação com o meio Então quem dominar ambiente, e isso atinge as marcas. Passou a videogames talvez falando só de entidades legais como Procon. domine a plataforma de ser global e o consumidor já percebe quais Estamos falando de simplesmente expor opi- comunicação no mundo” empresas se preocupam com esta questão. nião, falar o que acha ou a experiência que Riccardo, da Femsa Flávio, do JBS: Num futuro breve, as teve com determinado serviço ou produto. empresas serão mais reconhecidas pelas ati- tudes que tomarem do que pelos produtos e ideia. Uma campanha mundial que teve uma Reclame: E a mobile media, como serviços que oferecerem. pode ser utilizada no Brasil? brasileira por trás e que foi brilhante. Riccardo, da Femsa: A crise vai apertar Cássio, da Renault: A campanha mais um pouco mais os orçamentos, inclusive os das Edmar, da Nokia: Primeiro, é impor- maravilhosa que eu vi é a da Johnnie Walker, classes C e D emergentes no Brasil. As grandes tante dizer que nenhuma mídia tem tanta a Keep Walking. A agência conseguiu dar a inovações serão aquelas que conseguirem ao cobertura quanto um aparelho celular. A uma bebida, algo que é um prazer imediato, mesmo tempo entregar o produto para a classe segunda situação é o aspecto de infraes- um significado muito mais amplo. Relacio- C, mas a um preço que ela possa pagar e num trutura e tecnologia. Hoje no Brasil não ambiente um pouco mais restrito que o de hoje. nar o prazer de beber com um avanço da hu- podemos dizer que nós temos banda larga manidade. Uma campanha brasileira que foi quando comparamos com o Japão ou In- Reclame: O que mais surpreendeu para o mundo inteiro. glaterra. Esses fatores são muito limitantes, você neste ano? Vamos falar de cases. Eduardo, da Diageo: Tem um case da por isso é uma oportunidade de mídia. Sony no Japão em que as pessoas pegavam as Mariana, da Kraft: Ainda é muito Edmar, da Nokia: A Nokia fez uma cam- cores no filme publicitário na Web e arrasta- invasiva, pois ela chega a qualquer momen- panha global linda no começo de 2008 chama- vam para um prédio de verdade, mudando a to. Ainda não conseguiu ser personalizada a da Pangea Day, que era um dia dedicado ao pla- cor dele na vida real. Foi fantástico. As pesso- ponto de chegar na hora certa. Quem teve neta Terra, na qual as pessoas contribuiam com as paravam na rua para olhar. Para assistir aos vídeos do “Grandes ideias para 2009” no portal do Yahoo! Brasil acesse o link: http://br.video.yahoo.com/playlist/101340127 5
  • 6. Tendências e atualidades >> Assuntos que você não pode deixar de saber Serviços via Web conquistam o usuário brasileiro Empresas 100% online, Catho e Englishtown aproveitam o poder da Internet para crescer no Brasil e no mundo A Web é cada vez mais o caminho aponta que das pessoas que estão matricu- line foi criada em 1996. Hoje, perten- para os jovens que buscam em- ladas em cursos livres, 83% são usuários cente ao fundo de investimentos Tiger prego ou precisam se aprimorar conectados à Internet e dos que procuram Global, dos EUA, é o portal de classi- para o mercado de trabalho. Segundo dados estar sempre atualizados profissionalmente, ficados online de currículos e empregos do TGI Brasil, 58% das pessoas que pro- 51% são internautas. Por isso, não é difí- de maior audiência da América Latina. curam seu primeiro emprego são usuárias cil explicar o sucesso de empresas como A empresa, que nasceu e cresceu na rede, da rede. Dessas, 40% procuram uma vaga Catho Online e Englishtown, referências dá preferência clara a esta quando se trata por meio da Internet. A mesma pesquisa, em serviço online. de anunciar. E busca sempre ousar nos realizada entre fevereiro e julho de 2008 Empresa de recolocação profissional que formatos. Tanto que tem parceria com nos onze principais mercados brasileiros, surgiu com o Grupo Catho, a Catho On- o Yahoo! Brasil desde 2000, quando foi criado o canal Yahoo! Empregos. Foto: Sérgio Zacchi “Queríamos que as pessoas que entras- sem no Yahoo! buscando por informação de empregos encontrassem o conteúdo da Catho. Aí nasceu a parceria que deu origem ao Yahoo! Empregos, um portal que existe até hoje com o nosso conteúdo disponível, que tem uma identidade visual própria e adequada aos usuários do Yahoo!”, explica Adriano Meirinho, diretor de Marketing da Catho Online. “ Estamos com 26% a mais de vagas este ano na comparação com janeiro de 2008 e a audiência também está 20% maior na comparação do mesmo período.” Adriano Meirinho, da Catho Online Hoje, cerca de 25% do investimento da Catho em mídia online é direcionado ao Yahoo! . “O retorno sobre o investimento em veiculação no Yahoo! tem sido algo fan- tástico para as duas empresas, fortalecendo os nossos laços e o relacionamento entre esses dois importantes portais da Internet brasileira”, destaca Meirinho. Segundo ele, uma das vantagens imediatas de anunciar na rede é a possibilidade de medir e analisar, o tempo todo, cada ação. Em momentos como o atual, de intensa Adriano Meirinho, da Catho Online, e Persio De Luca, da Englishtown, acreditam que as transformação no mercado de trabalho, mudanças no mercado de trabalho beneficiarão os serviços online para jovens profissionais o site acaba funcionando como um ter- mômetro. “Estamos com 26% a mais de 6
  • 7. Reprodução Portal do Yahoo! Empregos, com conteúdo da Catho Online, e o site Babel Fish, tradutor online patrocinado pela Englishtown vagas este ano na comparação com janeiro “Nossa relação com o Yahoo! começou, em Tanto Adriano Meirinho, da Catho On- de 2008”, afirma Meirinho, assinalando parte, influenciada pelo sucesso das parce- line, quando Persio De Luca, acreditam que a audiência também está 20% maior rias em outros mercados, como México e que as mudanças que vêm por aí no mer- na comparação do mesmo período. Hong Kong. É um grande portal, com alto cado de trabalho beneficiarão os serviços O segredo para atrair o público jovem é tráfego e visibilidade o que nos levou a ex- online voltados para jovens profissionais. promover a interatividade, estimulando pandir a relação, que já dura mais de um Uma das apostas é no aumento expressivo sempre o acesso ao site. “Criamos diversos ano”, diz De Luca. de acessos de pessoas de baixa renda. hot sites voltados para profissionais de cada “Hoje já vemos um movimento de lan “ estado, dando uma cara pessoal ao nosso Somos a única empresa houses crescendo bastante. A popula- serviço nesses miniportais regionais. Cria- do mercado que consegue rização do serviço de acesso à Internet mos também o chamado Sistema Aviso oferecer diferenciais como vai acontecer mesmo na medida em que Gratuito, uma busca personalizada enviada flexibilidade e professores todos começarem a comprar laptops mais por e-mail diariamente para quem quiser nativos no idioma, disponíveis 24 horas por dia” econômicos, bem como com a crescente ficar antenado nas oportunidades de tra- Persio De Luca, da Englishtown popularização dos smartphones. Nesse balho. Com esse serviço, fidelizamos ex-cli- ambiente é natural que tenhamos que nos entes e captamos novos clientes também”, adaptar para dar espaço a esses novos bus- comenta o diretor da Catho Online. Com a nova era digital e a convergência de Escola de inglês online, com 26 mil pro- vários meios - -TV digital, Internet, plata- cadores de emprego nos próximos anos”, fessores disponíveis 24 horas por dia para formas de games, blogs e comunidades -- diz Meirinho. aulas ao vivo em todo o mundo, via Inter- as empresas precisam se adaptar e aprender Já Persio de Luca aponta a exigência cada net, a Englishtown também é uma empresa a explorar os diversos tipos de mídias para vez maior do mercado de trabalho como com DNA Web. Nada mais natural, por- atingir seus públicos-alvo. Segundo Persio um impulsionador crescente de empresas tanto, que dar preferência à rede na hora de De Luca, a Englishtown mantém comuni- como a Englishtown. Os jovens profis- anunciar e captar novos alunos. Segundo dades nas principais redes sociais para con- sionais, porém, terão cada vez menos tem- Persio De Luca, gerente-geral da English- tato direto com o público jovem, além da po para se dedicar à aprendizagem de uma town, a empresa faz ações de marketing on- comunidade Englishtown Friends, voltada língua nos cursos tradicionais. “Somos a line desde 2001 por meio de parcerias com para a prática do inglês, com usuários de única empresa do mercado que consegue portais e divulgação de conteúdo próprio 120 países. oferecer diferenciais como flexibilidade e gratuito. Além de investir em links, cam- “Investimos há anos em conteúdo gratuito professores nativos no idioma, disponíveis panhas de display e banners interativos que é distribuído por meio dos sites par- 24 horas por dia. Isso é possível devido com testes e quizzes em inglês, a escola é a ceiros em forma de quizzes, testes, artigos e a nossa organização global e de grande patrocinadora do Babel Fish, tradutor on- lições diárias de inglês. Esta bem sucedida porte, que traz grandes ganhos de custo e line do Yahoo!, que disponibiliza conteúdo estratégia agora está sendo aplicada nas eficiência”, assinala. livre para tradução. peças publicitárias”, comenta De Luca. 7
  • 8. Negócios e Empresas >> O making of das melhores campanhas online Foto: Sérgio Zacchi David Grinberg, da Nike: “interação com a comunicação de uma marca é o resultado amplamente buscado pelas campanhas publicitárias” O esporte se liga na Web Com a supremacia da Internet entre o público ligado ao esporte, Adidas e Nike investem forte na Web A Internet alcança uma parcela co comprador de tênis/calçados esportivos nos nauta clicava na ação, o personagem saltava importante do mercado volta- últimos 12 meses. Diante desses números, fica até o topo da tela. Em uma delas, uma garota, do ao esporte no Brasil. Essa é evidente para as empresas de produtos espor- que pulava corda na rua, ficava pendurada em a conclusão do estudo TGI Brasil feito pelo tivos a importância de investir em ações de um cordão no alto da página, enquanto suas IBOPE entre fevereiro e julho de 2008 nos marketing na rede. amigas a observavam. Na outra, a página fica- onze principais mercados brasileiros. Uma das marcas mais importantes do va borrada e o rapaz pulava na direção da tela, Segundo o levantamento, 54% do pú- setor esportivo no Brasil, a Adidas utiliza a como se fosse atingir o usuário. blico que assiste a eventos esportivos pela Internet para ações de marketing digital des- Segundo o gerente de comunicação da televisão tem acesso à Internet. Entre os que de 2002 e recentemente veiculou a campanha Adidas do Brasil, Paulo Ziliotto, o grande comparecem efetivamente aos eventos, o índi- Não subestime o poder do seu Bounce, para di- poder da campanha foi o mix de ações com ce é ainda maior: 63%. Outra informação im- vulgar o novo tênis da marca, com ações na uma landing page completa, uma campanha portante, e de grande interesse para as marcas home-page, de e-mail e banners em vários ca- impressa nos grandes veículos e uma forte de produtos esportivos, é o fato de a Internet nais do Yahoo! Brasil. presença nas lojas. “Tivemos uma média de alcançar sete de cada dez pessoas que praticam Em duas ações diferentes no portal do CTR (taxa de cliques relacionada com o total esportes no Brasil e mais da metade do públi- Yahoo! Brasil, o usuário era convidado a co- de impressões que seu anúncio teve) de 0,25% nhecer o poder do Bounce. Quando o inter- entre as duas fases da campanha – fase teaser 8
  • 9. Negócios e Empresas Fonte: IBOPE/TGI Brasil (entre fevereiro e julho de 2008) Fonte: IAB Brasil e landing page. É um bom retorno superando tencial da Web, mas o mercado parece ainda pectos ainda a serem explorados e aos poucos em mais que o dobro a média de cliques brasi- não ter confiança em seus resultados. David os anunciantes se darão conta disso revertendo leira de 0,10%”, comemora ele ao se referir às defende que o futuro da publicidade no mun- o quadro de investimentos na área”, comenta. ações online. Igor Puga, sócio-diretor da ID/ do digital está além da mídia online como Já é de 45 milhões o número de usuários TBWA, agência de publicidade da Adidas, conhecemos. “Interação e engajamento são as- conectados no terceiro trimestre de 2008 no acrescenta:“Entre os veículos utilizados duran- Foto: Sérgio Zacchi te a campanha, o Yahoo! foi a melhor relação custo-benefício e performance de cliques gera- dos ao hotsite especial”. A Nike, gigante e grande patrocinadora de esportes no Brasil e no mundo, utiliza mí- dias online em suas ações de marketing desde 2001 e trabalha com um mix de canais para divulgação, explica David Grinberg, gerente de comunicação institucional da marca. “O Yahoo! é um portal de grande abrangência e faz parte deste mix”, diz ele. Na campanha The Human Race 10k da Nike, veiculada no portal do Yahoo!, quando o usuário era convidado a clicar na ação, assis- tia a um vídeo da famosa corrida de dez quilô- metros, em várias partes do mundo. A Adidas defende o investimento em ações digitais e acredita que a maioria dos anunciantes já notou a importância dos ins- trumentos de interação na Web para um maior engajamento e identificação do consumidor. “Os investimentos devem ser incrementados para quem não quer ficar para trás. A Adidas vem aumentando gradativamente campanhas no meio digital. Em alguns casos, esses inves- timentos em online chegam a 100%. Hoje te- mos na Internet o meio que possibilita métri- cas quase perfeitas, onde você pode entender o real movimento do seu projeto”, diz Paulo. Hoje no Brasil as campanhas online re- presentam 3,4 % do total investido em publi- cidade, mas, para Igor, esse número não reflete exatamente o mercado. “O índice é ‘puxado’ para baixo pelo fato de alguns segmentos eco- nômicos e anunciantes ainda serem resistentes ao meio digital, tendo investimento nulo. Para Paulo Ziliotto, da Adidas: grandeza dos números, abrangência, métricas e a Nike, os anunciantes já perceberam esse po- possibilidades fazem da Web um meio essencial 9
  • 10. Negócios e Empresas >> O making of das melhores campanhas online nas lojas, perdemos todo o esforço e investi- mento de marketing”, comenta Paulo. As redes sociais também já são uma re- alidade dentro da publicidade digital. Para a Adidas, elas abrem os horizontes das empresas para entenderem de perto seus consumidores. Segundo Paulo, a Adidas já utiliza na campa- nha Não subestime o poder do seu Bounce uma Reprodução ferramenta de controle de citações, que é um verdadeiro radar que capta comentários e no- tícias em blogs e redes sociais. “Existe um mo- nitoramento constante das comunidades que Ação da campanha “The Human Race 10k” mostra vídeo da famosa corrida em vários lugares do mundo falam sobre Adidas para observar o movimen- to de nossos principais produtos e que servem de alerta para a evolução do Brasil, segundo estimativa do IAB Brasil (Inte- nosso trabalho”. ractive Advertising Bureau Brasil) para 2008, David, da Nike, afirma o que consolida a Internet como veículo de que o público jovem é o foco massa. A Nike considera a Internet um meio de massa e também um meio segmentado, di- recionado para um público que quer informa- ções mais específicas sobre os produtos. “Sem dúvida é uma potência para a comunicação mundial e ainda não tem muitos de seus po- tenciais explorados pelo mercado”, diz Davi. Para a Adidas, a Web é um meio essen- cial pela grandeza dos números, abrangência, Reprodução métricas e possibilidades, mas a marca acredita que o caminho é investir no mix de marketing e em ações conjuntas. “Se existe um filme pu- blicitário sendo veiculado e o produto não está Campanha da Adidas: no site de Bounce, usuário busca loja mais próxima, faz downloads e acessa a coleção Primavera-Verão 2009 Yahoo! Brasil tem novo canal de futebol Com foco na interatividade entre internautas e em estatísticas, canal do Yahoo! Esportes permite o compartilhamento de notícias, fotos e vídeos dos times O Yahoo! Brasil lançou em setembro de 2008 seu novo canal de futebol. O Yahoo! Futebol é uma espécie de arquibancada virtual, na qual os internautas, além de acessar notícias, fotos e vídeos do ução seu clube de preferência, podem compartilhar e comentar essas informações com amigos. Reprod Com visual dinâmico e navegação extremamente intuitiva, o internauta do canal pode acessar todas as informações mais importantes sobre seu clube do coração. São dados completos sobre todos os times da Série A do Campeonato Brasileiro, desde a tabela de classificação, às últimas notícias Yahoo! Futebol: além de acessar notícias, fotos e vídeos de seu clube, dos times, o usuário pode acompanhar narrações ao vivo, fotos e vídeos das partidas e estatísticas comple- usuários podem compartilhar e tas – do campeonato, das equipes e dos jogadores. Além de acessar, os internautas podem compartilhar comentar informações notícias, fotos e vídeos com amigos – e até provocar torcedores de clubes rivais. As últimas novidades do canal são os lançamentos dos campeonatos Paulista, Carioca, Gaúcho e Mineiro.
  • 11. Mural >> Olavo Ferreira da marca e que é fundamental estar presente no mundo digital. “As comunidades se carac- Rumo aos 10% terizam como ótimo meio pra interação direta e contínua com o mesmo”, ressalta. Para ele, Consumo de mídia migra o consumidor que é “agente de divulgação” para plataformas online e nasce de um consumidor mais próximo com Internet se aproxima dos a marca, que tem interação mais direta e cons- dois dígitos tante, construindo assim maior conhecimento sobre os produtos. “Por meio dos inúmeros canais abertos de comunicação, o consumidor passa a ditar quais são os atributos mais impor- Em 2008 a Internet foi o meio que tantes de um produto, além de disseminar a mais cresceu em faturamento publici- mensagem atestando sua qualidade”, finaliza. tário no Brasil. O Projeto Inter-Meios Mas, para Paulo, a ferramenta que a relata que a receita, entre janeiro e outu- Adidas considera essencial e que irá revolu- bro, foi de R$ 596 milhões – 47% acima cionar sua comunicação em 2009 são os blo- do igual período de 2007 –, ou 3,4% do gs. A marca possui dois blogs (www.adiblog. bolo. Um índice modesto, pois, segundo com.br e www.blogoriginals.com.br) “que o Ibope TGI, a Web fala com 76% da oferecem conteúdo ímpar para seus consu- classe AB e 39% da C. Só rádio e TV midores e fãs e proporcionam uma relação de aberta falam com mais pessoas. mão dupla, já que disponibilizam enquetes e Temos, portanto, um dado positivo permitem comentários em todos os posts e – os 47% – contra outro que não agrada Olavo Ferreira pautas”, ressalta Igor. Diretor Comercial a ninguém: os magros 3,4% frente à im- O público jovem, que tem grande pre- pressionante cobertura do meio. Yahoo! Brasil sença na Web, é ágil e muito atento às infor- Contraditório? Nem tanto. Os mações, além de ser capaz de realizar diversas números reforçam o que se confirma Claro que o mercado anunciante atividades ao mesmo tempo. Para manter esse pelo mundo: a Internet logo vai alcan- demora a assimilar novos comporta- público sintonizado, a Nike defende que as çar a faixa percentual dos dois dígitos. mentos. Sempre foi assim, do rádio à campanhas online dependem de qualidade e Dados da ZenithOptimedia reportam Internet, passando pelo cinema e pela relevância de conteúdo. “Capacidade de inte- que a internet já fica com 10,3% das televisão. E, como no passado, também ratividade é um dos atributos que caracterizam receitas mundiais de publicidade. agora o mercado publicitário se move uma campanha digital e essa interação com a Mas não me baseio apenas nos na direção das pessoas. comunicação de uma marca proporciona inte- números, pois eles - isoladamente - Um número cada vez maior de ração com o universo da mesma”, diz David, e não seriam suficientes para sustentar a empresas investe na Internet. Setores acrescenta que esse é o resultado amplamente tese. O que me leva à aposta são fatos como os de produtos de consumo, au- buscado pelas campanhas publicitárias. do cotidiano que já vêm sendo detecta- tomóveis e finanças já sabem que o mix Para atrair a atenção desse público, a dos por pesquisas. O comportamento de mídia tradicional não cobre plena- Adidas acredita que a mensagem é o elemento das pessoas não é mais como em 1999. mente ou não fala a linguagem de boa principal desse desafio. “Ser relevante, per- Não me refiro apenas aos jovens, mas a parte dos seus consumidores. Mais do tinente e trazer uma mensagem que agregue todos os grupos. O consumo de mídia que isso, por não ser interativo, não fa- valor para o consumidor é essencial. Ele não é migra dos veículos tradicionais para as vorece o envolvimento das pessoas com refém ou passivo às mensagens, como se esti- plataformas online (a Web em suas vá- as marcas. vesse na frente da TV. Ele só lê e recebe aquilo rias versões – residencial, corporativa, Não é por acaso, portanto, que o que lhe interessa”, diz Paulo. pública, móvel e o que mais vier). Al- share mundial da Web já é tão alto. E Paulo dá algumas dicas para conquistar guém ainda se imagina passando uma não será por acaso também que, muito o usuário jovem: adaptar-se à velocidade das tarde de domingo em frente à TV? Ou em breve, a marca dos 10% de partici- informações; estar presente nos momentos folheando um jornal de dois quilos à pação da Internet no total da publicida- e mídias onde o jovem transita; ser ágil, re- procura de imóveis? de será alcançada no Brasil. levante, criativo, diferente, útil e divertido; deixar o usuário brincar, participar e opinar; ouvir e responder com responsabilidade e agilidade; e valorizar o usuário como um re- presentante da marca. 11